Lendas 2x3 (Nova Aliança)


Um conto erótico de Fox
Categoria: Homossexual
Data: 14/05/2019 01:10:51
Última revisão: 15/05/2019 04:08:45
Nota 10.00

(Narrado por Raven)

Em meio ao desespero, corro para quem estava mais perto de mim.

Eu: segura firme Neo - começo a curar com toda magia que meu corpo possui.

Enquanto o curo peço perdões ao Fox, pois não sabia oque fazer, meu peito doia por ver o sangue saindo dele e tingindo a grama de vermelho.

Eu: por favor alguém, por favor alguém salve o fox - essas palavras não paravam de sair da minha boca.

Do nada uma fissura se abre perto do Fox e dela sai uma mulher linda, ela possuia a mesma cor do cabelo do fox assim como os mesmo olhos. Sentia que ela era uma Aether raposa assim como ele.

Ela se aproxima dele e o pega no colo com delicadeza, sinto uma aura selvagem e ao mesmo tempo gentil vindo dela.

Eu: quem é você ? - falo sem parar de curar o Neo.

Sem dizer uma única palavra, ela entra com ele no portal e logo depois a fissura se fecha.

Eu:Que merda é essa ? - fico sem saber oque fazer.

Neo: fox, onde, onde, fox - ele começa a murmurar desmaiado.

Fiquei curando o Neo por duas horas sem parar, o ferimento dele era profundo demais e minha magia não era das melhores para curar, nesse meio tempo Sieg e Sirius apareceram e ficaram perplexos com a cabeça decepada do Rei. Eles me perguntaram diversas coisas, mais não podia virar minha atenção pra eles pois estava ocupado demais. eles entraram na cabana e foram ver se as crianças, e os demais estavam bem.

Após curar Neo totalmente com a ajuda do Astro, colocamos na cama e esperamos acordar,nesse meio tempo conto a eles oque aconteceu.

Sieg: como você deixou o Fox ser levado ? - ele me olha com raiva.

Eu: queria que eu fizesse oque ? Eu ja estou me culpando por ter que escolher entre eles - me levanto e olho com raiva pra ele.

Sieg: Mas é lógico que você escolheria o Neo, afinal demônios e humanos andam de mãos dadas - ele me olha com Raiva.

Íris: quem é você Sieg ? Raven perdeu um braço e todos nós vimos, Neo foi perfurado de maneira fatal e Astro quase foi decapitado, tudo para proteger seu povo e você duvida deles - ela fala brava e descontente.

Sieg: cala boca, que isso não tem nada a ver com você Iris - ele olha pra ela com raiva e a ignora.

Sírius: ela tem razão Sieg, se acalma - ele fala de maneira calma.

Sieg: Luke, a vó do Fox e até mesmo o Fox, foram embora por causa de demônios e humanos, me diz quem são os vilões aqui.

Eu: e oque você fez Sieg, você ajudou em que ? Até agora você não teve poder pra proteger uma pessoa se quer e vem me julgar - viro de costas ando devagar para a porta.

Sieg: espera seu merda ! - ele grita com raiva.

Eu: você deveria parar de usar magia proibida Sieg, ou seu coração vai se corromper e cair na escuridão pra sempre - saio da sala e deixo um silêncio enorme para trás.

Sieg: isso não tem nada a ver com você - ele se acalma e coloca a mão no peito.

Me sento do lado de fora da casa respiro fundo e penso em como Fox e Neo se tornaram aquele menino estranho.

Sabia que já havia ouvido sobre uma magia parecida em um livro antigo.

(Narrado por Fox)

Três dias depois do ocorrido.

Acordo em uma cama macia e quente, meu corpo estava com uma cicatriz no peito, e havia uma tatuagem estranha em meu ombro esquerdo. Me sento na cama e vejo ao redor e sem saber onde estou me levando, saio do quarto e quando vou para a sala vejo a mulher do meu sonho e o homem também do meu sonho lendo um livro.

Eu: quem são vocês ? Acho que devo estar sonhando novamente ! - falo colocando a mão na cabeça.

Moon: você acordou ! Estava tão preocupada com você Nero, quando senti sua magia caindo um vez e depois caindo novamente me desesperei - ela diz me olhando preocupada e com os olhos cheios d'água.

Kay: meu nobre Silver, fico feliz por ter despertado - ele fecha o livro e me olha sorrindo.

Moon: esta vendo Kay como ele cresceu, meu irmão esta adulto hoje - ela quase chora.

Eu: eu não sou seu irmão, e meu nome é Fox - me aproximo deles.

Moon: não te culpo por não se lembrar de mim, quando dei você pra Raposa vermelha você ainda era um bebê - ela se aproxima de mim.

Eu: do que você esta falando ?

Kay: Moon é sua Irmã pequeno Silver, vou contar a história pra você - eles pegam minha mão e me colocam sentado.

Eu: do que estão falando ?

Kay: antes da primeira guerra a centenas de anos atrás, uma raposa Eterios despertou e isso deixou todo o clã das raposas em caos, pois raposas brancas pra eles eram amaldiçoadas.

Moon: o clã achava que raposas brancas, era o prelúdio da morte e não só as raposas mais os demais aethers me odiavam.

Kay: A jovem raposa que não sabia o porque ser diferente foi julgada e quase morta por sua família, isso fez a selvageria despertar em seu interior e ela sem saber matou todo seu clã, deixando apenas seu irmão vivo e duas raposas.

Moon: as únicas que ficaram vivas foram, a mulher que você chamava de vó e aquela jovem raposa que te assumiu como filho.

Kay: Quando a jovem Silver voltou a si, ela chorava por ter o sangue do seu clã mas mãos, foi quando um demônio que havia despertado como dragão do Caos apareceu após sentir sua energia pura e ajudou a mulher a não se lamentar.

Eu: como que os sobreviventes, podem ser minha vó e minha mãe ? - pergunto curioso.

Moon: ousa a história - ela segura minha mão com carinho.

Kay: o dragão que sabia sobre a existência dos Eterios disse tudo a sofrida silver, que ela era uma descendente de uma raça poderosa e tinha uma missão. Após o dragão e a raposa branca conversarem por um longo tempo, ambos decidiram ficar juntos.

Eu: serio, assim do nada ? - falo meio confuso

Moon: você mal conhecia o seu Alfa, quando o escolheu - ela rebate

Eu: voce tem razão, contínua a historia senhor - olho pra ele.

Kay: A silver não queria deixar o jovem irmão que ainda era um bebê para trás e pediu conselho para o dragão, e o dragão do Caos que foi abençoado com o dom da visão, disse para mandar ele para o futuro onde ele pudesse ser quem quissese. A raposa após conversar com as sobreviventes deu o irmão para a garota jovem.

Moon: ela por medo,me prometeu que cuidaria de você - ela sorri

Eu: creio que por medo de vocês - faço um piada boba.

Moon: talvez seja por medo, ou talvez por você ser apenas um bebê puro.

Kay: a jovem raposa vermelha o pegou no colo o bebê e disso que ia cuidar dele como filho por ela ter poupado sua vida.

Eu: elas cuidaram de mim por medo - olho pra moon e ela me olha com um olhar de desculpas.

Kay: O dragão percebeu que a jovem menina estava grávida e lançou uma magia em sua barriga para que o bebê em sua barriga não fosse influenciando pela magia do tempo.

Eu: isso explica eu e o Luke não termos o mesmo elemento regente.

Kay: A velha e a jovem menina com o bebê no colo, foram para o futuro após eu fazer a magia.

Eu: sabe que isso é muito pra mim lidar, mas o porque de eu ser mais velho que o Luke ja que temos quase a mesma idade ?

Moon: a magia jogada na mulher que cuidou de você, fez o filho dela nascer anos depois, para que ele não fosse influenciando pelo tempo.

Eu:quer dizer que a magia do tempo poderia ter matado o Luke ?

Moon: sim Nero

Eu: por que continua me chamando de Nero ?

Kay: ela te chama assim, pois é seu nome dado por sua mãe biológica, e Nero significa portador do Sol em linguagem aether - ele fala sorrindo.

Moon: Fox nada mais é que raposa em língua arcana, ou seja você nunca teve um nome - ela me olha triste.

Eu: isso tudo pode ser verdade, mas não muda o fato de que vocês mataram varias pessoas - me levanto bravo.

Kay: e você não Nero ? Você matou diversos demônios inocentes e não pode nós julgar - ele fala de maneira firme.

Eu: mas eles mataram o Luke - olho pra eles.

Kay: oque um faz, não lhe da o direito de achar que todos fazem o mesmo.

Moon: Magia Eterios, QUEBRA DE FEITIÇOS - ela fala a magia e coloca as mãos em minha cabeça me fazendo lembrar de tudo de uma vez, Era como se eu estivesse vendo meia metade de tudo.

Eu: não, eu não fiz isso - caio no chão e fico chorando.

Moon: tenta se lembrar de mim agora Nero, você mesmo sendo um bebê era muito inteligente - no momento que ela termina de falar, me vejo no seu colo e ela cantando uma canção de ninar pra mim.

Eu: eu matei milhares, eu matei crianças - digo chorando.

Moon: não se culpe Nero, é isso que acontece quando nos Silvers perdemos o controle.

Eu: me diz, vocês estavam selados não estavam ? - olho pra ele com as lagrimas caindo

Kay: seu despertar livrou nós dois do selo que fizeram, não sabia que você também era um herdeiro do sangue Eterios - ele sorri.

Eu: como meu despertar, fez vocês sairem do selo ?

Kay: por possuir o mesmo sangue que a moon, seu despertar enfraqueceu o selo e o quebrou, a energia de ambos entrou em ressonância por serem irmãos.

Moon: não somos os vilões Nero, somos apenas amaldiçoados, pois a sede de vingança de nossos antepassados caem sobre nos - ela diz de maneira gentil isso.

Eu: sede de vingança ?

Kay: as quatro raças exterminou nosso clã, e nosso dever é vingar eles - ele se levanta.

Moon: quando nos tornamos selvagens e matamos diversas pessoas, é por que a sede de vingança de nossos antepassados é acessada.

Kay: então Nero tem alguma duvida ?

Eu: parem de me chamar de Nero meu nome é Fox.

Moon: você é meu irmão Nero e eu te amo, sei que tudo que ouviu é difícil de se assimilar, mas acredita em mim - ela me abraça.

Kay: você chora não por ter matado outra raça jovem Silver, mas sim por outra raça ter matado quem você ama - ele passa a mãos em minha cabeça.

O pior é que era verdade, estava chorando pelo oque os demônios fizeram com o Luke.

Moon: você esta bem ? Quer alguma coisa ? - ela diz de maneira gentil.

Eu: quero meus dois Filhos, deixa eu ver meus filhos - olho para eles.

Kay: se trazermos seus filhos, você se juntará a nós ?

Eu: os demônios e humanos mataram minha vó e irmão, os aethers e anjos não fizeram nada para impedir, eu me junto a vocês pois quero fazer um mundo onde meus filhos podem viver em paz - nesse momento a tatuagem estranha em meu ombro cresce tomando todo meu braço esquerdo e meu olho esquerdo fica permanentemente amarelo como de um demônio.

Kay: você é mais poderoso, do que eu imaginava - ele sorri ao ver a tatuagem e meu olho

Eu: oque é essa marca que cresceu ?

Kay: energia demoníaca, seu corpo se fundiu com energia negra - ele me olha de maneira estranha.

Moon: isso é impressionante, o escolhido é você.

Eu: do que estão falando?

Kay: vamos buscar os filhos dele, e depois conversamos - ele pega seu livro.

Moon: eu mesma vou trazer meus sobrinhos pra você, e parabens pelos lindos filhos Nero - ela sorri de maneira gentil em meu ombro.

Kay: você escolheu o certo Jovem Silver, você não se arrependerá por ter se juntado a nós, sua verdadeira família - diz o Dragão sorridente.

Moon: oque ? Quer que eu fassa com o pai das crianças?

Eu: traga ele aqui, eu e ele precisamos conversar - olho sério pra ele.

Kay: eu vou atrás do Pai das crianças meu Amor e você traga com cuidado as crianças - ele fala olhando pra moon.

Moon: vou buscar seus filhos meu lindo irmão - ela me beija e se levanta

Kay: coma oque quiser, essa casa é sua - ele diz antes dos dois desaparecer.

(Narrado por Iris)

Três dias se passaram e nem sinal do que aconteceu com o Fox, ele e seu corpo simplismente desapareceram. Nem magias de localização o encontravam e não sabiamos oque fazer, Neo após acordar resolveu sair em busca de seu amado e até agora não voltou. Raven saiu em busca de respostas, segundo ele oque ele viu é algo que deveria não existir e precisava de respostas.

Eu, Sieg e Gobta ficamos para proteger os filhos deles, ja que Neo havia saido sem pensar duas vezes atrás do Fox. Após colocar as crianças para dormir, eu vou até a sala e me jogo no sofa para dormir um pouco pois não é facil cuidar de duas crianças.

Quando estou quase pegando no sono sinto uma enorme magia vir de dentro da casa e corro para ver as crianças.

Íris: Orion, Lin - grito ao entrar no quarto.

Assim que entro vejo uma linda mulher, bem parecida com o Fox com as duas crianças nas mãos.

Íris: quem é você ? E se quer viver coloque as crianças de volta no berço - digo preocupada.

Moon: meu nome é Moon, Apenas vim buscar os filhos do meu irmão - ela sorri de maneira gentil.

Íris: só por cima do meu cadaver - me aproximo dela para socar sua cara, mas antes que eu levantasse meu punho sou jogada para fora da casa com um unico chute.

Ao ouvir o estrondo Sieg e Gobta acordam e ao verem a mulher com as crianças, partem pra cima dela. E sem ela se esforçar acaba com os dois, ela tinha movimentos tão sutis que as crianças dormiam tranquilo em seu colo.

Íris: de eles devolta agora - corro em direção a ela.

Moon: vou levar eles para aquele que os trouxe a terra, meu lindo irmão - ela abre um portal.

Íris: ele esta vivo ? - paro de correr ao ouvir ela dizer.

Sieg: eu não vou deixar você ir com eles, MAGIA PROIBIDA DOS LOBOS, RUGIDO NEGRO - ele ao gritar cria uma rajada negra que vai em direção a ela.

Antes do ataque acertar ela, eu entro na frente do ataque dele e levo todo impacto. Logo após eu levar o ataque do Sieg ela entra no portal e antes dele se fechar vejo o Fox sentado em um sofa, com uma aparência diferente.

Sieg: oque você fez ? - ele me olha com raiva, enquanto estou caida no chão.

Eu: se a magia atingisse ela, as crianças também seriam atingidas - falo antes de desmaiar.

(Narrado por Kay)

Eu: Pobre demônio, parece que se esforçou demais - vejo o Alfa desmaiado na beira de um riacho, o braço direito dele possuia uma pequena marca branca querendo se expandir.

Contínua...

Desculpa se ficou confuso, perdão

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
17/05/2019 14:26:33
Eu gostei, não achei confuso
15/05/2019 02:35:49
CAPÍTULO HJ FOI UM POUCO CONFUSO. A HISTÓRIA DE AMOR ENTRE FOX E NEO ESTÁ SE PERDENDO UM POUCO.

Online porn video at mobile phone


xvideo pinto gigante mais finissimoirma dormondo com o.pau do irmao na bova pornodoidoestupro esposa contos eroticosmulher mostrando a bunda com Arturzinho Só de shortesposa sendo enrrabada por dois garçons no banheiro da churrascariamadastra x padastro fodendo enteados ninfetosbemdotadoobesaincesto com meu vô contosxvideo mulher passa por baixo da corda e arrebenta maiorporteirogosandocontoerotico eu namorada mae e tiocontos eroticos alimentando os caes da vizinhaxvideosdificil pra vc lukacontos eróticos viadinho chupou meu pauamenina do cu arrobado pelo negrao e gritandoMeu sogro me comeu a forcacontos eroticos minha amiga travestris abuso de mim bebadairma bucerudasSodomizando mãe e filha contosmundo p********* e grosso comendo o c* de uma besta bem devagarzinho peidando e gemendoxvideo tranzando no centro de macumba com pomba giraConto dando sonifero enteadavai novinhas so grelao shortinho enterrado na bucetatia dando pro subrinho xx vedeoscoesa a loura rabudaconto erotico gay com padrasto velho coroa grisalhocontos/vendi meu cu virgemconto irmao cuidava melevava pro amigo me fudercontos eróticos de sinhozinho comendo escravabuchexinha da bunda novinhabaixar XVídeos novinha não aguenta com rola grossa escreve desmaiando chorando implorandopulheta cueca apertadaxvidores arega jogowww. xvidius casal na vara de um amigo meu que eu mandei fude minha esposa na minha casametendo com enteada nova E que gosto de uma quentinhafotos de buceta de mulutaConto aproveitando da fimoseContos pornos-fudi a mendigacontos de sexo depilando a sograwww.contoseroticos fui viola por um mega caralhudoconto erotico gay vaquejada capcasada traindo conto eroticoconto eróticos voyeur vizinha dos fundospornodoido uma esapadinha da festa brasileirasexo conhadas cozinha nua pau bizarro tesaofudeno uma ninfeta muito gostosa porbodoidosobrinha contocontos eróticos as amiguinhasContos eroticos iniciei dois garotos quando fui a praia e meticabine erótica pornordoidoconto erotico macho dominador convida amigos pra foder viadinho submissoconto erotico gay vovo deu leite pro netinhoFotos d cdzinhas enrrabadasXVídeosgarota lindas de olhos verdespornodoido fodindo uma policia femininawww xidios comtos d casadas bebendo porraminha tia mandou eu esfrega no banheiro tomando banho ela e eu comi ela a forsa ja que nao tinha ninguem e casa contos herotbotando soacabeça dotico nocu damagrinha dormindojaponesa de Cubatão novinha porno com endereço telefoneadolecentes sendo fudidas por penis gigante e cabessudos pornoincesto/imaginaçoes com a maetiozinho acariciando clitores de novihawww.novia gritando na picagrade.com.brcontos erotico meu marido me flagrou de baixo de outro machoconto gay guilherme e felipefotos os penes mais maneru do mundo pornxvideos 2 min. transando coladinhos gozando muito escorrendo gozoA Rezadeira a virgindade da filha novinhacolica o pinto na buceta com saiacontosexo com mulher sindrome de down dando o cupeladas passando margarina uma na outroexvidio comi á mińha pastora da igrejacontos eu e meu irmao fudemos a mamãefamilia surubavidios posta do nainternete mule de xortiu kurtocontos gays de meninos passivinhos com machos maduros/dando meu cuzinho aos homens desde meninoCorno humilhado na lua de meldepiladora brasileira nao aguentou ver a pica duramarido vendo amolecer comida no Motel com dois homens bem-dotadosxvideos peguei a gorda na finaleira