PAPAI NA CAMA E ENTRE MEUS TIOS – PARTE 1


Meses atrás, relatei minha primeira relação sexual com dois dos meus tios, (NA CAMA E ENTRE DOIS TIOS) e exatamente um ano depois foi a vez de papai, ficar na mesma cama e entre eles.

Como na época eu estava iniciando minha vida sexual e ainda não tinha me envolvido sexualmente com papai, meus tios acharam melhor não me contar nada. E só me contaram tal safadeza com riqueza de detalhes há alguns dias, porque além de estarem louquinhos para repetir a dose, querem minha ajuda para conseguir ter papai entre eles novamente.

Como achei a putaria do trio muito excitante, resolvi relatá-la pra vocês, com todas os pontos e virgulas. Espero que gostem, tanto quanto eu. Boa leitura a todos!

Exatamente um ano depois que meus tios me curraram, mais uma vez, eu mamãe e papai fomos passar o final de ano na fazenda de vovô e pra variar, chegamos a noite e encontramos a casa lotada de parentes, mas como sempre era vovô que definia previamente em qual quarto ficaríamos, nem bem acabamos de chegar e vovó, não só nos colocou a par da decisão do coroa, como também questão de nos acompanhar até a porta dos quartos escolhidos pra nós.

Eu, tio Geraldão, tio Ademar, tio Orlando e tio Gilson ficamos no mesmo quarto, mamãe e mais quatro tias minhas, ficaram em outro e papai muito sortudo, ficou só com tio Edilson e tio Jorge no quarto deles, melhor dizendo “ENTRE ELES”.

Como o método que eles usaram comigo (apagar a lamparina e contar casos de assombração), deu mais do que certo, eles resolveram usá-lo com papai também.

Como no quarto deles haviam duas camas, exatamente como eu, papai ficou com a cama de solteiro e eles com a de casal e logo depois que papai tomou banhou e deitou, os danadinhos apagaram a lamparina e no maior breu, começaram a assustar papai com suas horripilantes histórias de terror e como papai era ainda mais impressionável do que eu, rapidinho o pavor tomou conta de todo seu corpo.

- Precisámos rezar bastante, viu Edilson? Estou com muito medo do espírito amaldiçoado da Diolinda, que só aparece no escuro, fazer conosco a mesma coisa que ela fez com os irmãos Rodrigues.

- Nem me fale, viu Jorge? Estou com um forte pressentimento que já, já o espirito demoníaco e canibal dela vai se materializar bem na nossa frente, viu mano?

- Se ela só se materializar está muito bom, Edilson. O pior é se ela resolver fazer conosco a mesma coisa que faz com todo mundo. Nos retalhar com suas unhas até ficarmos em pedaços e depois devorar nossas cabeças.

- ESPERE, MANO! Está ouvindo um barulho na janela?

Nesse momento papai que já estava com a boca sequíssima e tremendo sem parar, não aguentou, pulou pra cama dos dois sacanas e pediu arrêgo:

- Pelo amor de Deus cunhados, me deixa dormir com vocês, porque do jeito que sou azarado, serei o único a ser mutilado e devorado por essa entidade maligna.

- Claro que deixamos, cunhado. Se tem o pé tão frio como está dizendo, acho melhor você não se desgrudar da gente e ficar torcendo pra ela não entrar, porque estou desconfiado que quem está fazendo esse barulho na janela, é a própria. Chega mais e deita de ladinho no meio de nós dois, para protegermos você melhor, Rodolfo.

Nem reposta papai deu, num só movimento ele se enfiou debaixo do cobertor, grudou nos meus tios e cobriu a cabeça para se proteger ainda mais da “famigerada” Diolinda.

Claro que na maior rapidez e agilidade, meus tios tarados não só começaram a atacar papai, como pouco tempo depois foram atacados por ele. A putaria do trio começou efetivamente depois da pergunta que papai fez à Tio Edilson, com a franqueza que lhe é peculiar:

- Me responda uma coisa, Edilson, estou enganado, ou seu pau está duro?

- Não cunhado. Não está enganado, não. De fato o bicho está bem duro mesmo, viu?

- E porquê você não para de esfregá-lo na minha bunda, Edilson?

- Que cabeça mais esquecida essa minha, viu cunhado? Esqueci de te contar o drama que estou vivendo, rapaz. Ontem fui ao curral alimentar o gado, acabei dando uma bela cochilada por lá e quando acordei estava todo picado de carrapatos e depois disso não consigo parar de me coçar de jeito nenhum. Sentiu? Pois é, devido a essas malditas picadas, ao me coçar involuntariamente, meu pau acaba se esfregando na sua bunda. Mas fique a vontade pra voltar pra cama de solteiro, a hora que desejar, para meu caralho não incomodá-lo mais, viu cunhado?

- Quê isso, Edilson? Quem deve e precisa ficar a vontade é você. Pode se coçar e esfregar seu pau, acidentalmente na minha bunda sem receio nenhum, cunhado. Pra ser sincero estou gostando pra caralho de ser esfregado na bunda pelo seu pau, sabia rapaz?

- Sério, cara? Está gostando tanto assim, Rodolfo?

- Seríssimo cunhado! Pra ser mais preciso, não estou gostando, estou adorando, Edilson.

- Não só lhe agradeço, como vou retribuir-lhe a gentileza viu cunhado? Se fizer exatamente o que lhe disser pra fazer, garanto que ao invés de adorar, você vai é amar ter seu cu esfregado pelo meu pau.

- Boa, cunhado! Com certeza, vou cumprir suas orientações risca. Manda bala, Edilson.

- Muito bem! o que vai fazer é mais fácil que respirar, cunhadão! Tire seu pijama, empine sua bunda e relaxe. O resto é comigo, certo?

- Pronto, cara! Solicitação atendida. Pelado, relaxado e de bunda empinada pra você, Edilson. E você Jorge? Vai só bater punheta, cara?

- Claro que não! Estou contando contigo, pra repetir comigo, tudo que meu mano fizer contigo, Rodolfo!

- Beleza, cara! Basta tirar a roupa, empinar e encostar sua bunda no meu caralho, relaxar e deixar o resto comigo, como me disse seu irmão.

- Repetindo suas palavras, solicitação atendida. Pelado, relaxado e de bunda empinada pra você, Rodolfo. Manda brasa, “véi”.

- Excelente, Jorge! Agora só precisamos aguardar seu irmão ... HUUUMMM.. !!! ISSSCHSSS... !!! AAAIIII... !!!

E conforme combinado, tudo que Edilson fazia com Rodolfo, ele repetia com Jorge, que sentindo tanto ou mais prazer que Rodolfo, também urrava e gemia sem parar.

- Aaaaiii... !!! Aaaiiii...!!! Ai..., ai..., aaaiiii, meu cuuuu... !!! Delícia cunhado... !!! Huummm... !!!

- “Tá” gostoso, Rodolfinho? “Tá Dolfinho”? Responde pro seu cunhadinho, delícia. Está gostando, adorando ou amando a esfregada que está tomando no seu rabinho?

- Issschsss...!!! Estou amando! Mas se você beijar minha boca, vou amar mais ainda, Edilson.

- Só se for agora, Rodolfo! Vira o rosto pra cá e dá essa delicia de boca pro cunhado beijar, tesão.

- Que delícia de beijo! Também vou querer, machos?

Depois que eles muito se beijaram, tio Jorge pediu pro papai se virar.

- Cunhadinho, que tal virar seu traseiro pra cá agora? Edilson já usou, abusou e se lambuzou com ele.

- Não precisa reclamar assim, Jorginho! Está vendo? Virei a bunda pra você! Fique a vontade para esfregar seu caralhão nela, tanto quanto seu irmão, que agora vai virar o rabinho dele pra mim. Não vai, “Dilsinho”?

- Com o maior prazer, cunhado! Assim está bom pra você, “Dolfinh..? Aaaiiiii, guloso... !!! Não perdeu tempo, né benzinho? Issschhssss... !!!

E a putaria do trio foi só esquentando. Do esfrega-esfrega eles passaram pros cunetes.

- Como você prometeu atender todos os nosso desejos na cama, a primeira coisa que queremos, é chupar seu cuzinho.

- Aaaaiiii... !!! Huuummm.. !!! Que delícia, cunhados! Não vejo a hora de ganhar linguada no cu, machos! Issscchhhssss... !!! Querem chupá-lo ao mesmo tempo? Ou um de cada vez, cunhadinhos?

- Com certeza, um de cada vez. Vamos nos revezar de acordo com seus movimentos, quando você virar a bunda pra mim, cairei de boca nela, quando virá-la pro Jorge ele meterá a língua nela. Combinado, cunhadinho? Pra quem vai virar seu traseiro primeiro, Dolfinho? Pra mim, ou pro Jorge?

- Tirem par ou ímpar, machos. Jorge, par e Edilson, impar. Um, dois, três..., já... !!! Oito! Vem Jorge... !!! Vem chupar meu cu, macho.

CONTINUA ...

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
11/02/2019 00:13:15
UAUUUU. MUITO BOM. MESMO. TRIO PARADA DURA.

Online porn video at mobile phone


contos eroticos enxendo a crentinha de porravi meu genro transando contocontos de machos dominando cornos submissosmenina fudedo de xortiu de dormicontos eroticos chantagiei minha professora para ela me dar o cualgemou a mulher inventou o Negão comerContos eroticos feitiço virando mulherbrotheragem com primas x videoscontos meu vo massageava minha bucetinhaconto erptocp gay paicontos eróticos comi o cu da minha irmã novinha brincando de pique escondeconto erotico titia camisinha engravidarxnxvidio minha mae chupo meu pau com camisinha .comcasada traindo conto eroticocontos eroticos nao sei como eu aguentei o pauzao do cifoa negronao sou gay dei o cu o caseiro minhs mulher contovideos d sexo tia provocando sobrinho até ele ñ aguentar e meter firme nela até gozar dentro da buceta delaxvideos fudenu ir critanto fode meu porra com amigo to meu maridotravesti come cu da funkeirazoofilia baixo saiaNega de causinha mostrando a berada da bucetahomen bota ametade de seu pau na buceta da bezerraporno demeno esfregano abuseta decasinha na rolaconheci uma novinha inocente ensinei ela chupa tudo contos eroticostia delícia delícia delícia gostosa demais muito gostosa pegou o sobrinho na chácara e meteu gostoso e gozou gozou gostosoPutinha de rrrrrrcontos lactofiliaBELiNha..igro.negao.pornomagrinha damdo pra quimze negão com pauzao de mei metro de coprimentovelho trado tezudo a foder na conas pelufas e tezudas cheio de esporradoce nanda parte cinco contos eroticoscontos eroticos RobertaVocê sabe o número de química assim Vitor você sobe no macetim fazendo vídeo pornográfico pornôela pirando navara com gozada dentro empecontos espiano o decote da minha maeo namorado da minha filha contosporno gey peando priminho pre. adolesente e jovem tanbem xvidiosContos da tulacontos eroticos com dean winchesterfoto transano quon anovinha encima da mesacontos eroticos meninas de doze anos transando com cachorro com calcinha rosa com lacinhos brancometo cazeiro pra ajeitar pau tortoporno negue pintao comend buctnovinho fodemdo a madrasta a forsax video . comContos eróticos procurando aventura no clube de campoconto coneu o cachorro a força NecsEexanãzinha f****** com a b***** na pica grande quase do tamanho de um braçoporno com uma policial de chortinho no meio dos homen do batalhãovoltou .pra pegar crlular e pegou pai tocando punhetaConto erotico de casada q nao se satisfaz com o pau d marido e fica com tesao d ver velho pintudoxvidios outros puraiconto gay estuprado pelos noiadosconto erotico fui comida pelo mendigo de fio dentalenteada jemeno na pica do padrastonovinha chupando oadrsto x viconto erótico meu netoconhada acorda o conhado a noite para fazee sexo porno brasileirocontos eróticos o branquinho quitandeiroContos sempre fui o viadinho de todos os homens da familiaentrequei minha vigidade pri maridi da minha tia contoespoza traindo marido c primo delacomendo o cu da mulher do corno curras contos eroroticospodolatria xvídioleitinho do padrinho contos gayEu durmo no quarto com ela e comi a coroa durante a noitex video novinha levano rola grossa na buceta e no cuninfeta cismou comigodando de ladinho na.uzinha sem tira a calconha pretinhaconto erotico dei para um estranho na casa de swingmeu genro deixa minhas calcinhas encharcadas de porravidioporno de meninas que noa guento pau no cu e nerroOkara comedo viadovideos porno irmao estrupando amiga da seu irma chupando peito dekaxisvido mai dormir no cologranfina xvidiiscontos eiroticos leilapornatendeu aporta cueca comeu a vizinhaxxvideospauzaocadelas gozando no pau contovelho chupa abuseta da neta comdo amai saio amigo do meu marido me estrupou contos