Abusos - inesperado> no ônibus


Categoria: Heterossexual
Data: 11/01/2019 01:22:48
Última revisão: 11/01/2019 11:02:01
Nota 8.75

À medida que envelhecemos vamos ficando mais safados e correndo mais riscos rs...

Trabalhando em São Paulo, passei a viajar de ônibus pro Rio regularmente nos fins-de-semana.

Pegava o primeiro ônibus disponível no terminal rodoviário do Tietê pra ida e o último disponível pra volta no [deprimente; até hoje] "terminal" Novo Rio... inicialmente pegava o barato - e horrível - ônibus convencional, depois frequentemente o "executivo" - ou "semi-leito" - e eventualmente o leito... e seguia viagem...

Em ambas viagens que seguiam noite adentro, torcia que tivesse uma companhia feminina (bonita ou, ao menos, gostosa, do meu lado) pra dar seguimento ao meu plano de "abusos" sobre/para ela.

Algumas vinham de cara amarrada (por ser um homem de companheiro ao seu lado - atitude ridícula; já deviam pensar "mais um que vai tentar se encostar em mim" rs) também porque eu passei a ocupar a cadeira no corredor pra deixar livre a da janela pra minha candidata a ser abusada rs...

Se eu gostasse dela (fosse bonita, gostosa, tivesse cara de safada, ou tudo isto junto rs) eu, após cumprimentá-la - e talvez ajudá-la ou mesmo lhe trazer água ou ceder uma manta - tentava perceber se poderia ter alguma condição (não gostava da idéia de simplesmente abusar; preferia sentir se poderia rolar) rapidamente me despedia pra descansar, lhe dizia "boa noite" e "dormia" (de fato, fingia dormir rs)...

Às vezes acontecia de, por estar mesmo exausto, adormecer mesmo por todo o caminho; só acordando nas paradas da estrada (ou nem isto)...

Em outras vezes eu despertava com a minha 'presa' já dormindo, em algumas a encontrava sobre mim (com uma foi curioso que ela se claramente se encostava em mim e se eu me manifestasse de alguma forma - me mexendo, me ajeitando na cadeira ou algo assim - ela se afastava; ou seja, ela queria tirar uma "casquinha" de mim sem me permitir, ou pouco permitir, o mesmo)...

E em outras começava a minha investida tímida (talvez até 'covarde' mas não me prenderei a adjetivos bons ou ruins)... meus hormônios falavam alto e eu precisava experimentar...

Eu, fingindo dormir, "me fazia de besta"... ia me recostando mais pro lado da minha gostosa (rosto, ombro, um braço ou perna ao lado dela) e ia deliciando com a sensação... o pau super duro, "estourando" a calça, e eu testando a situação...

A melhor delas foi num ônibus da 1001 do Rio pra Sampa... o carro era daqueles "double", de dois andares (gostava bastante dele e de ir em cima na primeira fila de cadeiras, o que me permitia uma visão melhor que a do próprio motorista).

Pouco depois que me sentei e já quase partindo entrou uma mulher, bonita, charmosa, cheirosa (um perfume gostoso) e com bem pouca roupa pro frio que faz nestes ônibus.

Uma morena bem clara de pele e cabelos bem pretos e brilhosos, longos e lisos, bem perfumados; e um tanto "metida"... ela usava uma calça dessas coladas no corpo, de lycra ou material similar, e uma camiseta fina de manga curta... e nenhum casaco!

Me cumprimentou rapidamente, se sentou, abaixou o braço de separação das cadeiras, e não me deu muito papo pro pouco que tentei algum contato com ela.

E então "dormi" para logo tentar meu plano sórdido pra ela rs...

Com o ônibus já na estrada, ia me "relaxando" e chegando pro lado dela, sobre o braço de separação das cadeiras o meu braço encostava no dela, abri minhas pernas (fingindo "soltar" por estar "dormindo") encostando cada vez mais minhas coxas na dela e, a princípio, ela se afastava; mas pouco (acho que ela também descansava, ou cochilava) e acabava também se "espalhando" na cadeira e se encostando em mim.

A pouca "retribuição" dela me parecia ser uma possibilidade de ela deixar eu seguir um pouco mais adiante; e aquilo foi me dando tesão, e continuei... e encostava nela, sentia seu braço gelado pelo frio do ônibus e ela vinha se encostar em mim também... ela, morrendo de frio, vinha se aquecer minimamente comigo; ou até aproveitava também uma "casquinha" de mim rs... isto ficava cada vez mais claro!

Então "acordei"... comentei sobre a ar-condicionado muito frio, o que ela confirmou (nem precisava pois notava ela um tanto arrepiada pelo gelado) e ofereci meu casaco pra ela...

Falei que "pra aquecer melhor" talvez fosse usá-lo como um cobertor sobre a frente do seu corpo e levantei o braço de separação dos nosso assentos pra ajudá-la a se aquecer...

Abracei ela e a trouxe pra mais perto de mim e, não sei bem como, mas em determinado momento eu já estava com minha mão direita atrás dela já entrando em suas calças...

Meu pau estava super duro na calça e eu ia passando minha mão por dentro das suas roupas atrás dela... na sua bunda (tentava buscar e dedilhar seu cuzinho mas não consegui) nas suas costas (de não aberta espalmada sentindo o sutiã preso, passando a volta e tocando a lateral dos seus seios) e a juntando o tanto quanto podia...

Não havia mais dúvidas... ambos estávamos com frio e com tesão e usávamos dele pra nos mantermos aquecidos enquanto a excitação nos dominava...

CONTINUA... Neste mesmo conto...

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
18/02/2019 22:46:11
Nota 10. Quando puder, leia meu novo conto. Bjs
18/02/2019 22:45:59
sensacional
14/02/2019 22:26:12
Muito bom.
31/01/2019 18:02:23
Dizem que longas viagens noturnas mexem com a libido. Isso é verdade. Primeiro porque estamos no meio de desconhecidos. E indo para longe do nosso ¨habitat¨. Gostei do conto, bem narrado até aqui. Tenho um relato aqui de uma excursão de ônibus ao Paraguai, onde acabei me entregando para dois. Me visite e dê sua opinião nele. Bjs.
22/01/2019 23:03:51
@Casal Atrevido, recebi seu email (e, como prometi, apaguei o comentário com ele) e vou te chamar por lá!
22/01/2019 11:34:22
otimo conto dez
11/01/2019 20:42:59
Ótimo,estarei esperando a continuação

Online porn video at mobile phone


Marido faz minete na Esposa até se virfotos de bucetas beiçudas pono doidovídeo pornô que a gostosafala ai para,seu pau e muito grandeporno tia se destraiu e sobrinha ninfeta chupou o seu maridoaceitei carona e tive q dar o cu contosXVídeos pornô mobile peitões colchones com doisnovinha de quinze anos fodida a forca pelos trez vizinhos bem dotados contosnegão metendo a pica no alô Ninhanovınha fudeno a prımeıra vezcovarde mundobichapornodoido ninfetas pornodoido entrada c SR DE BGODEkomem tocab puetaConto porno de incesto de pastochule chuteira conto eroticoconto erótico não mexa nas calcinhas da mamãe part5mulher daperreca piquininihaxvidiomarido namorando atrais da esposaos melhores vídeos de pornô a mulher metendo com menino que entregavaconto erotico caseiroContos eróticos de mulheres se consolando com um stran - on virando gay no pique escondecontos.fragas cheirando causinhamulheres da bunda grande dando cu de bruço pro kid bengalaPorno sexo gemido de prazer de esfomeadas com pauzao gostosocontos eroticos gay choreixividio. vai maxuca meu cucontod eroticos um negao velho encheu.minha xaninha de.porracontoerotico eu,namorada, minha mae e tio jorgequero ver cestinha nua trepando gemendo e chorandovídeo pornô da mulher com carro enguiçado o cachorro dela para casa para transarsessentona com corpo de quarenta fodendo em dia de vhubavideocurtomagrinha e roludofeminizaçao esposa cu grosso contovídeo de sexo de Osasco heloisa dando o cu para doisgrelao entrando contosO filme corno manso de verdade existir pornofiume porno minha cunhada e crenti eqe traza comigowww.porno zoofilia.com/dando buceta virgem engatada dois cachorros?zoofilia contos 2 são Bernardocontos eroticos mamãe ajudou papai a tirar minhs virgindade novinhacontos irmas em onibus de viagem transa com passageiro para outro vefoda incesta mae dormindo bem profundo tipo estupro putaria brasileira cenas fortes de estrupo mae sexotadinha chorou pra na da o cu xvidiox cabaconovinha cumessando a nacer peito vasendo boqueti xvideoxvideos pausaoentrandocasadoscontos tio gilson seminarista novinhas dancani funk peladao mostrano a bucetavidio porno prima dando escorada na mesa de shortinho e de calsinha socadaContos porno com motoristafodendoirmazinha novinha gostozinha depois mãe saivideo porno amador novinha menstruada usando absorvente externo com lubrificanteazscontos de estupro sadomasoquismomae sentou no colo do filho acidentalmente e sentiu sua pica endurecer embaixo da xoxotatendo prazer filhinha youngcomendo a mileninha gostosinhaXevedeos cumendo a filha do delegado vedeos casero x video para celular porqueti para baomulheres que fuma charuto e souta fumassa na rola do cara ate goza asseste videomeu cunhado quer me chupar todinha e eu aceiteicontos eronticos buraco na paredewww.xvideos- gaysinho gosta de chupar seu peniz comprido e mole chupa para passar o tempo chupando seu penis igual um bambu gigante.comchulé conto gayporque as vezes ela ta enchutinha e as vezes toda meladabebezinha de 18 anos nua e areganhadapono gay ply boi adolenti dando cu ategosaWeslleywest internatocontos eiroticos leilapornseduzindo novinha escondidopornodoidocontos peidoxvideos mulher acoda e pega marido caindo na intiadacasa dos contos eróticos "virando uma mulher com hipnose"sogragosadacontos etoticos patroa loira empregado negao com fotoseu casei virgem da minha buceta com meu marido ele nunca fez minha buceta sangra eu não sabia que minha buceta tinha hímen seu amigo fez minha buceta sangra conto eróticoxvideos filha sevigado da sua maeContos eroticos socaram a rola na buceta da minha esposa e a engravidaraoCavalo pauzudo coloca tudo na jumentinhamorenas prudentinas goza.ndoenteada dorme bêbada chapada e padrasto quando a solidão na marraMulher auto e gosano gostosocontos gays de incestos.com- pai machão dominad come filhomenino passivinho gayjorjao roludo porno video