Redescobrindo minha esposa. Mudança para Cidade.


Click to Download this video!
Um conto erótico de Marette
Categoria: Heterossexual
Data: 11/01/2019 00:16:15
Nota 10.00

Continuando nossa saga de marido e mulher, agora semanas de boas trepadas e esperanças sem fim de uma felicidade de casamento que me mostrava só boas coisas o dia de despedida chegou. A família lamentou muito, agradeceram profundamente ter permitido que o último dia ela passasse ao lado deles, inclusive pernoitando, o que fiz de bom grado, mesmo sabendo que eu não ficaria para essa ultima reunião familiar.

Foi um chororô danado de tudo quanto é lado, mas já na rodovia minha branquelinha se mostrava mais animada para conhecer uma cidade nova, um jeito diferente de viver e se vestir, queria fazer cursos de culinária, artesanato, ir ao shopping e claro e muito bem lembrado da parte dela, fazer o maridinho sempre feliz.

Muitas horas depois chegamos na minha casa, nada extravagante, modesta, mas bonita, com o jardim bem cuidado, mandei arrumar tudo até com flores para que minha lindeza se apaixonasse por tudo que ela visse.

Em meio a seus gritinhos de surpresa e alegria, pelo muro de trás pouco mais baixo que o da frente coisa de interior querer confraternizar com vizinhança, encontrei Genésio, colega bom, honesto, prestativo e pau para toda obra, além de saber fazer de quase de um tudo nessa vida, nosso quebra galho da rua. Ele apontou o cabeção grisalho no muro e nos deu boas vindas, se apresentou a Alexana e elogiou seu nome o que fez minha gostosa corar, ela é meio acanhada com estranhos, coisa de moça de cidade pequena acho.

Vi logo de cara que Genésio apreciou minha gostosa, mirou ela da cabeça aos pés e não tirou os olhos da blusinha frente única que comprei para ela que devia ser pequena por que os peitos ficaram mesmo muito amostra, mas ela amou tanto, aí resolvi num trocar por maior, gosto num se discute, ela gosta, tá gostado.

Enquanto, fui tirar tudo do carro, deixei os dois se conhecendo, enquanto pegava mala por mala para trazer para dentro de casa, logo vi que ele pulou o muro e estava apresentando para ela o restante das vizinhanças que dava para ver pelo muro.

Conforme ia passando no vai e vem, ouvi ele falar que a esposa estava dando um tempo na casa da mãe, haviam brigado, que já tinha quase vinte dias sem ela, acabei ficando com dó do coitado e minha branquelinha, muito sensível ficou com pena dele também, passou o braço no dele e ficou acariciando seus cabelos, dando força dizendo bem carinhosamente que se fosse ela a esposa, nunca o abandonaria tantos dias, que teria pena deixar tanto tempo sem mulher, sem carinho. Ela é assim mesmo, sempre coloca o bem estar da gente na frente do dela, uma riqueza sem igual.

Toda vez que ia ao carro e voltava via que ela e ele se achegavam mais. Quem sabe as palavras dela levantassem o moral dele? Quem sabe? Genésio me perguntou se teria problemas dele apresentar a ela a casa dele. Evidentemente que disse que não, seriamos vizinhos e além do mais tínhamos amizade, eu ficaria a maior parte do dia fora, não queria ela se sentindo abandonada sem ninguém, vai que acontecesse algo com ela e precisasse de ajuda?

Alexana já quis se sentir de casa, insistiu que pularia o muro, como o vizinho havia feito, a danada parecia uma molequinha, ele a ajudou a subir no muro segurando suas coxas, reparei ele olhando a bundona dela quando a sainha levantou, mostrando o fio dental preto naquela carne branca e na hora vi o volume que se formou na bermuda dele. Ela ria que se desmanchava ao ver que os peitões estavam para fora da blusinha, na hora disse para ela o obvio né? Eu avisei que era pequena... Quem disse que ela deu ouvidos, continuou a rir e esperar Genésio pular também para entrarem para dentro da casa dele. Quando estava indo para o carro satisfeito por ela estar se adaptando a nova casa, acabei rindo também ao lembrar que na farra deles, ela não tinha abaixado nem a saia e nem arrumado as tetas na blusinha, mas ela deve ter se tocado e feito isso, então resolvi pegar mais uma leva caixas das tantas que ainda faltavam.

Já tinha se passado uns vinte minutos e nenhum dos dois deu sinal de vida, ela devia estar distraída com o papo, mais uns minutos e nada deles, então resolvi colocar as caixas com vasos na sala e dar uma olhada pelo corredor que dava para ver a janela da cozinha de Genésio.

Cheguei ali, estiquei os pés e vi que os dois estavam na cozinha, mas não conversando, Genésio estava com a cabeça jogada para traz, olhos fechados, arfando, meu coração acelerou, mais curioso ainda, peguei rapidamente uns blocos que tinha ali do lado, improvisei uma pilha e subi para ficar mais fácil de ver. Minha conclusão: Nem tinha feito duas horas que chegamos e Alexana já havia arrumado amizade, quer dizer mais que isso, pois vi direitinho Genésio metendo vara nela na cozinha dele e ela estava gostando muito pelo jeito. Ela estava entre o fogão e a pia, apoiando as mãos neles e uma das pernas levantada e esticada sobre a pia, o corpo estava para frente, ela tava pelada, ele só com a pica para fora, mas totalmente enfiada em sua bucetona, levando estocada atrás de estocada e pedindo para meter mais forte, ouvi isso muito claro e muitas vezes também. Competente Genésio atendia, se dedicando a comer minha putinha o melhor que podia e ela gemendo gostando muito, chegando a gozar gemendo de olhos fechados fazendo um escândalo danado.

Genésio não parou a foda não depois que ela gozou, pegou os cabelos de minha branquelinha, segurou forte com uma mão, com a outra um peito e passou a revezar entre buceta e cu sem se importar por onde metia o pauzão até que gozou na buceta bem gostoso, elogiando que só pela trepada boa e dedicada dela.

Para não dar na cara que estive espiando eles, desci rapidamente e voltei para os fundos de casa com uma caixa qualquer nas mãos, os encontrando descendo o muro com a maior cara de pau. Ela veio correndo me ajudar, me deu um beijo gostoso demais, falando como eu era um marido precioso, quase estourei de satisfação ao ouvir aquilo.

Genésio ofereceu ajuda, mas não quis queria ajeitar as coisas do nosso jeitinho, ele foi embora e antes de ir ainda deu uma alisada na bunda de minha branquelinha, quando pensou que não estava vendo. Danados não perderam uma chance mesmo. Depois que ela tomou um banho, estava cansada e suada da viagem, veio até a sala pelada e quis trepar... E que trepada boa, ela sentada no meu colo de costas para mim, com meu pau atolado em sua buceta e com as pernas abertas, subia e descia, falando tanta putaria que tive que me segurar várias vezes para não gozar e numa dessas subidas e descidas dela vi que Genésio espiava, devia estar vendo meu pau entrando na bucetona dela, fingi não ver ele e continuei me exibindo. Gozei que fiz porra escorrer de dentro dela que saiu para o banheiro rebolando e elogiando a boa trepada que tivemos em voz alta e bem satisfeita. Desde aquele dia nunca mais fechei nenhuma das janelas de casa.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
14/01/2019 16:19:58
Se suas histórias são reias mesmo vcs são um casal que sabem aproveitar, parabéns um tesao
12/01/2019 21:54:50
Uau! Ótimo marido você !!
12/01/2019 12:37:44
Delicia!! Muito bom!!!
12/01/2019 08:54:45
Maravilhoso gatas vamos tc chama no whats....ONZE.NOVE, SEIS, NOVE, NOVE, SETE, TRÊS, SEIS, NOVE,NOVE MARCOS BJS NAS PEPECAS.. podem mandar msgs gatinhas..
11/01/2019 22:05:46
Muito bom
11/01/2019 13:59:30
Que delicia
11/01/2019 08:12:40
Como queria ter uma vizinhanca assim prestativa. Nota dez
11/01/2019 08:03:00
Muito bem conduzido. Gera tesão mesmo.




Online porn video at mobile phone


macumba gigante entrando no xiri da novinhaViado de calsinhaxvideos.comtransando por fresta da barracabucetaaa grande na xiriricaTenho fetiche de beijar os pés da minha namorada quando ela está usando rasteirinhasVidios porno loirinha magra consegui colocar.um pau de 60m no cu xvidios.comFiz minha sobrinha trair seu noivo no motel. Comigo comi seu cu conto eroticomarido narrando edposa batendo uma p dotadocontos eroticos dois machos chupando minhas tetas como bebes golusosporno de coroucom novinhasfilme de sexo com homens brancos super dotados e mulheres negras escravasquamdo a filha nao quer da a buceta pro pai o que fazerxvidio aviuva novinha ja tava presisando da uma fodarelato lambuzei o corno e a putacontos eroticos estava frio di o cu pra esquenta mas nao sou gaycontos eroticos me obrigaram a fazer nojerascontos meu patrao invocou com minha mulher contos eroticoscontos eroticos com fotos madrinhas coroas com novinhos roludosdando com dorbuceta pro pai irmaocontos eroticos eu minha #sposa eo negao roludonovinha perdendo a virgindade com negão da trufa muito grandepornodoidográtis coroasgemendocrente safada contosconto erotico gay um transexual ranco meu cabaçoconto gay bostaxvideos desfraçada de irmãsMeu cão ralf me comeu contoestrupicio .pornocontos chupei o grelinho da enteadinha a forçacastrar o submisso quimicamenteWwwx vidio .contirano cabaso preta giuirmazinha asustou com o tamanho d cacetao d irmaominha mulher tatuou a dama de espadas na bunda contos eroticosContos erroticos pai brinca de casinha com filha e acaba fodedofudi ela e o namorado delavideo porno amor virei corno que deliciacontos eroticos.sou crente e putinha da buceta inchada.priminha seduz com brinadeiras ate dar o cuporne com malheivanessa traindo com irmao do corno douglas spvideos de porno com mulheres se vingando do marido transando com outro em wwwxvideo.comvideos de velhos picudo fudendo bonzinho gays amadoresxvideo ninazinha piquena olhando o paucam esc no banheiro da idosa flagra ela na siririca benovia comesando a nasce pelo na buceta etocando siririca pela primeira vezporno criasia com negau pauzudoconto erotico com gravidez de reprodutor de aluguelmeu corno troxe um negão para me foder e tirou fotosfalo putaria mesmoe trepo video caseiroxxvideosgarotinhas na praiacontos eroticos feminizaçao do garotinho maevideo porno transando mexendo se esfregando fazendo coceira dentrocontos casada da o cu pro cão e o marido participa comendo tambemmegao gpsano n poetameninos irmaos gay gostosos sarados pelados batendo punheta na cam e na escolagosando dentro da buceta d egua d raçaprica cavalacontos sogra e genros sem aman na cama da casa delaxvideo.com esfregando o pau na buceta lizinha e com um gemidinho sexo massagem na buceta com carinhoconto gay o nerd e o bad boy 7historia erotica pronhomem gozarxvideos incesto filha abracando maliciacontos viagra matou o veio em cima da putaXVídeo pornô das Panteras trepando só com os irmãos ocupar esse corpinhocache:16t390C-nPAJ:zdorovsreda.ru/texto/201603559 comendo amiguinha da entiada de 15anospornobaiano novinhas transando e se masturbando com a b***** bem gordadando pro pratao parte2minha esposa cely e nosso caseiro negrao nosso machoxvideoscontospornoscontos erocos comi minha cunhada adrianaele só quer comer a bunda da nequi.ha safadinhavideos porno amador fiz minha prima dos labios carnudos mim mamarContos pornos-estuprei a velhaPordoda aminha vida eu esperareiconto erotico de gravida