Bullying na escola parte 2


Click to Download this video!
Um conto erótico de Danielsub
Categoria: Homossexual
Data: 09/01/2019 12:37:20
Nota 10.00

"Nunca mais me morda! Seu merdinha do caralho, se me morder de novo eu mato você! Pedaço de merda!" Por sorte eu não tive força pra machucá-la. Ela me chutou algumas vezes enquanto passava a mão em seu peito dolorido. Me chutou de novo enquanto eu ficava no chão, colocou a mão na cintura e disse "Caramba você é difícil. Eu acho que você tem mais força do que o Carlos teve ano passado. Vou realmente adorar te destruir. Garotas, faz tempo que não tenho tanta ação, acho que é hora de eu e este rapazinho ficarmos mais próximos." As três amigas me pegaram pelos braços enquanto eu via uma protuberância na virilha dela. "Mas não aqui no corredor, vamos até o banheiro das mulheres."

Elas me carregaram até o banheiro mais próximo, que parecia meio abandonado, com pouca luz. "Tirem a roupa dele." Laura mandou, tentei evitar mas não adiantou. As três tirando a minha roupa com certeza eram garotas normais mas ainda assim eram 3 e me batiam, logo estava nu. "Pegue as roupas dele e vigie a porta." Uma ruiva disse "Ah Laura, eu quero assistir!" "Outra hora, agora preciso que você vigie, se quiser pode deixar a porta um pouco aberta pra ouvir." As três riram e foram até a porta, me deixando pelado com Laura, que me encarava com ar de superioridade. Sem querer desviei meu olhar pra virilha dela que estava realmente grande. Ela estava empolgada e excitada para o que ia acontecer. Ela comecou a tirar a calcinha e um pau meio mole mas ainda assim grande apareceu. Começou a acariciar, e rapidamente ficou grande como o de um ator pornô.

Eu não conseguia parar de olhar para aquele monstro que só crescia, e ela fazia ele pular com os movimentos dos músculos, até que ficou totalmente duro. "Eu vou te foder." Disse sem mais delongas e foi chegando mais perto. "Vou enfiar meu pau no seu cuzinho, forçar tudo lá dentro até você ficar tremendo na base do meu pau. Daí vou te segurar e completar minha total dominação sobre você. Afinal de contas, o ato de comer alguém é tão dominante, e é exatamente isso que eu quero. Vou adorar seu corpo recebendo meu pau duro até não conseguir mais ficar parada, e aí vou começar a foder. Vou começar devagar, meu pau grosso saindo até a cabeça do seu cu e aí vou enfiar tudo de novo em você. Pode chorar e me implorar pra parar, mas não vou. Vou continuar metendo e metendo no seu corpo desprotegido enquanto eu conseguir ficar sem gozar. Quando não aguentar mais, vou gozar muito lá no fundo do seu cuzinho e você será minha mais nova putinha pra foder a qualquer hora, em qualquer lugar. Vou te foder, de novo e de novo. Só achei que você gostaria de saber dos meus planos. Ah, e o fato de que não vai poder fazer absolutamente nada pra evitar."

Comecei a chorar, eu tinha que escapar! Tentei correr até a porta, mas ela foi mais rápida e entrou na minha frente, caiu em cima de mim. Rolamos no chão, na tentativa de escapar dela, mas ela era maior, mais forte e mais experiente. Eu não tinha chance de escapar, mas tentei mesmo assim. "Isso! Se debata o máximo que puder! Nada me dá mais tesão do que pegar um cara à força. Quero que odeie isso! Quero te domar como um cavalo selvagem, te fazer se submeter a mim!" Pude sentir seu pau duro contra o meu corpo, que crescia com a excitacão. Estava cansando e ela percebia. Me soltou e me colocou contra a parede, me deixando de quatro.

"Viu, eu disse que ia te foder e agora vai acontecer, mas antes quero que sinta." Sem me deixar escapar, ela colocou minha mão em seu membro. "Sinta como é grande, como é duro. Quero tanto ele dentro de você que está até doendo. Está tão grosso e grande que vai realmente te machucar quando eu terminar com o seu cuzinho." Tentei tirar a mão mas ela rapidamente me alertou "Cuidado, assim que você tirar a mão dele, ele vai mergulhar dentro de você. Vai entrar fundo em você e uma hora vou gozar lá dentro. Talvez se você segurar ele bem forte, pode não acontecer, mas não conte com isso!"

Tentei sair de novo, ela me pressionando cada vez mais contra a parede. Cuspiu em sua mão e disse que era hora. Então senti meu cuzinho começar a abrir pra aquela cabeçona que tentava entrar, travei o cu mas com o cuspe começou a entrar, até que a cabeça entrou e eu gritei, tentei escapar mas ela me segurou forte e aí do nada ela empurrou tudo pra dentro com toda a força, fui empalado por aquele pau enorme. Gritei demais e chorei enquanto o corpo dela batia na minha bunda, o pau todo dentro de mim. Eu não consegui me mover, pressionado contra a parede e o corpo dela, e o pau pulsava dentro de mim, começou a mexer em círculos, entrando cada vez mais.

"Ahh que gostoso que você é! Deve ser o cu mais apertado que ja tive o prazer de enfiar meu pau. Estou todinha dentro de você, e tentou com toda sua força evitar isso, não pode fazer nada!" Ela gemeu e começou a bombar devagarinho. Comecei a gemer inevitavelmente com as bombadas. Meu cu doía demais e a cada movimento dela doía mais. Poderia estar uma delícia pra ela, mas pra mim parecia que um caminhão tinha me invadido. Eu podia sentir minhas lágrimas no azulejo do banheiro e pensei na Bárbara, aquela garota linda que eu tinha conhecido antes, como ela tinha sido gentil e agora estava sendo usada por uma travesti estupradora. Queria estar com Bárbara, não com essa louca invadindo meu cu.

"Você é uma biscate do caralho e não vou ceder!" Gritei, tentando intimidar ela. "Ah, ele consegue falar agora... Você tá certo na primeira parte, sou uma biscate do caralho. Sou a biscate que tá te fodendo agorinha, mas está errado quanto à segunda parte. Agora que estabeleci minha dominancia sobre você, te fodendo contra sua vontade, é só uma questão de tempo até você ceder totalmente. Pode demorar um mes, mas uma hora você vai estar chupando meus peitos por vontade própria enquanto eu arrombo esse seu cuzinho delicioso. Só de olhar pra mim seu cu vai piscar, querendo meu pau. Você vai viciar em mim e me seguir pela escola, pronto pra fazer qualquer coisa pra ter seu cu arrombado pelo meu pau."

"Nunca! Nunca farei essas coisas!" Então ela começou a massagear minha próstata com o pau e comecei a sentir um pouco de prazer. "Eu ia demorar um pouco pra fazer isso porque gosto e pegar o cara várias vezes, destruir ele aos poucos, mas você realmente conseguiu. Quero você viciado em mim agora mesmo!" Ela colocou a mão no meu pau. "Que isso? Tá ficando duro. Isso significa que você tá gostando do que tá rolando. Pena que é tão pequeno, minhas garotas poderiam querer brincar com você quando eu não estivesse te usando, mas com isso aqui é pouco provável."

Então ela me tirou da parede e me colocou de frente para a pia. "Segura na pia e olha pro espelho." Olhei e podia ver o rostinho bonito dela e um pouco dos peitos balançando. Ela começou a bombar e massagear minha próstata, me deixando excitado. Na verdade fiquei fascinado de ver aquela garota me comendo, dava pra notar que ela estava quase gozando, e como um virgem eu nunca tinha visto uma mulher gozar, gostei de ser parte desse momento. Ela começou a socar muito forte que eu não aguentei e gozei no chão, gemendo de prazer.

Ao me ver gozar ela começou a meter mais forte ainda até que gozou também. "Meu! Você é meu! MInha nova putinha.. aiii.. vou te foder.. assim.. sempre que eu quiser! Ai meu deussss adoro gozar dentro de novos caras!" E assim ela terminou, com seu corpo junto ao meu enquanto recuperava o fôlego. Ela lentamente tirou o pau de dentro de mim e rapidamente se vestiu, enquanto eu me encolhia no canto, chorando pelo acontecido.

"Não se preocupe gato, você se acostuma. Você vai transar mais esse ano que qualquer outro cara da escola, caramba, mais do que 10 caras! Também vai acostumar com o tamanho e aí não vai machucar tanto. Na verdade acho que amanhã vamos ter outra sessão de manhã antes da aula e de novo depois da aula. Duas vezes por dia deve ser suficiente pra você se acostumar. Na próxima semana podemos dar rapidinhas no almoço e talvez até entre as aulas."

"Seria mais fácil pra mim se você apenas me batesse e pegasse o dinheiro do meu almoço." Laura pareceu surpresa e riu. "Não quero ser dinheiro, bobinho, quero sua bundinha gostosa. Sou uma garota com muito tesão que precisa foder muito e é você que eu vou foder este ano. A menos que eu encontre outro, daí vou foder os dois, porque eu nunca estou satisfeita. Se eu não tivesse que ir embora, te comeria de novo agorinha, mas deve ser melhor deixar seu cu descansar um pouco. A propósito, qual seu nome?" Ela perguntou enquanto saia.

"Daniel" respondi. "Te vejo amanhã, Daniel. Meu novo... namorado." Com um sorrisão ela me deu um beijo e foi embora. Logo em seguida a porta se abriu e minhas roupas foram jogadas, acompanhadas de risos femininos. Silêncio, a não ser pelos meus soluços, e fiquei pensando se não dava pra voltar pra escola antiga e somente apanhar ao invés de ser fodido.

Estava sem pressa pra ir embora e encarar a famosa pergunta de como foi seu dia. Acho que só de olhar pra mim daria pra saber que não foi muito bom. Minha bunda doía muito, como eu ia sobreviver a amanhã? Só pensava em voltar pra antiga escola, a única maneira de escapar da Laura. a cada passo que eu dava, minha bunda dolorida me fazia tomar essa decisão.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
28/01/2019 02:07:18
Muito Bom! !!
09/01/2019 23:59:28
Eita que babado! Continua!

Online porn video at mobile phone


contos mae filho lambe cona esporradaxvideo prima soltinho cultocontos eroticos com tapas e palavroes e sexo agressivoXvideo com a mulhe grita esperneia pra nao emtra na picaagora eu quero ver o vídeo do veado Carlinhacumendo a naosinhaeu quero ver a coxadinha acaba com a pica para fazer encostando nas mulher de calça compridaxvideo nigro xxxvvnsexo com a ima e u comlhadocasa dos contos esposas pagando a divida dos cornos enroladosMeu+tio+ficou+brabo+com+migo+e+arrombou+meu+cu+conto+eroticoValdenice transando novinhas transando com vovó d********* dela tá bomconto porno apaixonado pelo meu primo brutamontesmulheres tocando sirica no trabalho e gosando com seu casulo"cheiro de cu de macho"esposa linda apanhando de2machosBrasileiras lesbicas trazando gostozo com lesbi r-x asporno videos na praia casadas nao resistiu ver dotadao de pau duro na sunga branca e foi fuderSatanás me chamando a filhinha para transar com a xoxota toda g*****contos de sexo depilando a sograpornodoido olhando de binoculospornodoido travesti do brasil dano leite fartofudeno. a amiga. encunto amulher. lembi. elecache:wNACedYikXQJ:gtavicity.ru/texto/20170544 a mulher tava a fazer um 69 e meteu um dedo no cu e adorei muito e ela tbm gostou contosmeninas tirando a Virgindade aeh doivídeo gay novinho e camiseta doendo para pentearconto erotico proibido pra mim hector e sophiexxx homem gozanndo na vajinada mulherlargura saia curtinha de pornô pornô neguinha pornô mulhermelhores meninas de porno prima com avô de 50 citimetroxvidiossexodormindoouvir contos eroticos narrados de gueis tranzando loucosnovinha do canil conto eroticovideos de sexo omém desmaia mulhe"caralho entalado" contocontos eroticos feminizaçao do garotinho maecontos eroticos dona mirtescoto erotico os amigos da espoza roludosconto erotico com fotos haremvideo mendingas sentando na cabeceiradescuidando xvídiomae pastorando o filho incestofilme de pornô mulher se masturbando e metendo a mão quero ver o filme agora filme quero ver agora filme de pornô metendo a mão aguardando né tá na mão transando ela se masturbandoNeide gozandoxvideotia masturba sobrinho qe esta doentemultidão contos eroticosfoto transano quon anovinha encima da mesao negrao enrabador ta taradacheirava qs calcinhas de casaxxxvidios so pau porreta de grandecontos eroticos meninas de seis anos transando com cachorro com calcinha preta com lacinhos vermelhozoofiliacontos erótico um gorilamae enssinando de quinse anos a fode dando a buceta pra elisou puta e cadela do meu cachorro e corno adoraneta sentindo opau du avo duroputa safada grita alto vadia geme piranha mais alto caralho vai vai grita ai vou gozar.conto erotico incesto"Pq minha xota arde depois que eu fodo até o talo?"contos eroticos sobrinho xheirando calcinha da tia e batendo umaPiruzao de cavalo jumporno entre irmao gay o maiorcome o cu do outrodescabaçada pelo primo relatavideos onde maridos batem no grelo pelado com chineladas fortesesposa fudida por sobrinhos e sogros contos eróticoscontoerotico eu namorada mae e tiopasei amao nela eila goistou nuonibuNovinha fica facinha e chupa o pau de todo mundo e da a buceta pra vários eo vídeo vazou na internetvideo mendingas sentando na cabeceirachupei a rola do pirralho novinho contos eróticospornota doendo gosa logocontos erótico com marido tampa os olhos da esposaminha prima deixou cheiro do cu mo meu pau contosconto minha tia tesuda peladahistorias eroticas d virgem sangrando ao ser descabacadaconto erotico iniciando viadoporno zoo contos em quadradinhos dupla penetracao insestoestupro esposa contos eroticostarada xividiosgay fudendo todo ensaboado porno doidoapertatinhas lidaseu e amigas fudemos juntas com um pauzudoxvideos.com marido sai para trabalhar e mulher a empregado dozelosexobrasileirocavaloMora fodir o sogro coroaquero ver video da a mulher memesia a buceta o cucssadoscontos sarrando a bunda da maecontos de incesto sograporno doido duas mulhres com uma rolona de borracha estrasalha a outra