Isabella – A policial mais gata e gostosa =D - Capítulo 78


Click to Download this video!
Um conto erótico de Pekenina
Categoria: Homossexual
Data: 08/11/2018 21:24:22
Nota 10.00

Olá galerinha! Manu aqui na área =D

Vamos lá!

Bom mais uma semana se iniciava, segunda levantei e fui tomar meu banhinho matinal, quando sinto uma mão na minha cintura, me virei Isa me deu um beijo, fui tirando sua roupa, inverti nossas posições empurrando ela na parede, chupava seus seios com vontade, minhas mãos passeavam suavemente pelo seu corpo, sentia ela arrepiada nos meus braços, Isa gemia mansinho, desci coloquei uma das suas pernas no meu ombro, fui com a minha boca na parte interna das suas coxas, beijando, chupando, mordendo, comecei a dar vários beijinhos em seu sexo, se avisa chupei ela com força, minha mão apertava seu bumbum, Isa gemia alto e arranhava minhas costas, a cada chupada minha ela se contorcia, em alguns segundos Isa gozou na minha boca, limpei ela todinha não deixando nenhuma gotinha.

Eu: Vamos terminar de tomar banho se não vamos chegar atrasada no trabalho meu amor.

Isa: Vamos minha preta.

Terminamos de tomar banho, nos arrumamos e seguimos cada uma rumo ao seu trabalho. Cheguei ao trabalho encontrei minha loira.

Dani: Bom dia minha pretinha! – Disse ela me agarrando.

Eu: Bom dia minha loira! Tudo certinho? – Falei dando um beijo em seu rosto.

Dani: Tudo ótimo! E você como está?

Eu: Estou bem minha loira! Só estou com sono.

Dani: Andou aprontando né senhorita Manoella.

Eu: Eu loira?? Jamais. – Falei dando risada.

Dani: Uhum sei viu. Te conheço muito bem mocinha.

Iniciamos nosso plantão de segunda que é sempre puxado correria total, sem tempo nem para respirar direito. Plantão finalizado me despedi da minha loira e partir para academia.

Cheguei, subi para me trocar. Desci direto fazer meus 30 minutos de aeróbico no simulador de escada. Estava lá assistindo série (vicio nato kkk) enquanto subia degraus e mais degraus, quando recebe uma mensagem da Isa avisando que iria para academia hoje, pois teria que ficar até mais tarde no trabalho, respondi que sem problemas e informando que depois eu ia para o jiu.

Finalizei meu aeróbico e parti para a sala de musculação. Hoje ela dia de treinar costas e ombro. Estava fazendo barra fixa, quando uma chega uma mulata, do meu lado cheirosa e fala:

Guria: Olá! Será que eu posso revezar com você? – Disse ela me olhando fixamente.

Eu: Claro que pode! Já estou quase terminando.

Guria: Muito obrigada.

Confesso que a guria era muito linda, uma mulata da minha altura, olhos cor de mel, corpo saradíssimo, cabelo ondulado e super educada. Terminei de fazer minha série naquele aparelho.

Eu: Já terminei de fazer o exercício. Pode utilizar sossegada.

Guria: Mais uma vez obrigada.

Fui terminar de fazer meus exercícios do treino de hoje. Mas um treino finalizado com sucesso. Subi me trocar e parti para o treino de jiu. Cheguei ao treino guardei minhas coisas e desci. Cumprimentei a galerinha e fui me alongar.

Pouco antes de começar o treino Isabella chegou toda trocada, eu achei estranho. Ela cumprimentou o pessoal, e o Sensei. O Sensei apresentou Isa como nova aluna. Pude notar que alguns meninos secando ela e as novinhas também.

Eu: Oxe que você está fazendo aqui Isabella? – Perguntei sem entender.

Isa: Oxe vou começar a treinar também.

Quando ia falar o Sensei começou o treino. O treino como sempre puxado. Como Isabella era nova, ele pois ela para treinar com as novinhas. Percebi que uma das novinhas ficou secando Isabella, só fiquei observando. Na hora de fazer os golpes, ela queria meio que se aproveitar dela, mas como Isa já está acostumada a treinar comigo em casa, ela já sabia como sair dos golpes. Minha vontade era de rir na cara delas, mas não podia, mas eu ria pode dentro.

Sensei me colocou para ensinar alguns golpes para Isabella. Começamos treinar os golpes, Isa é muito ligeira ela pega as coisas muito fáceis, tudo mundo olhava impressionado com sua habilidade.

Finalizamos o treino, despedimos da galerinha e fomos pegar nossas coisas. Quando a novinha veio atrás da Isabella.

Guria: Oi Isa! Será que posso te chamar assim? Prazer Débora!

Isa: Oi! Pode sem problemas, esse é meu apelido mesmo. Prazer!

Débora: Ah sim. Seja muito bem-vinda aos treinos. Vi que você já manja bastante. Será que qualquer dia podemos treinar juntas para você me ensinar?

Isa: Muito obrigada! Podemos treinar aqui mesmo nas aulas sem problemas.

Débora: Ok! É que estava me referindo em aulas particulares. Será que você aceitaria sair comigo hoje?

Isa: Desculpa não sou professora para dar aula particular. E também não vai rolar da gente sair, porque eu sou noiva e por sinal ela está me esperando bem ali. – Disse ela apontando pra mim.

Nisso eu me aproximei delas. Pude notar Débora arregalar os dois olhos olhando na minha direção.

Débora: Desculpa Manoella! Não sabia que Isabella era sua noiva. – Disse ela dando um passo pra trás.

Eu: Que isso! Agora que você está sabendo, quero você fique longe dela se não quiser treinar comigo e sentir minhas habilidades extras. – Falei puxando Isabella pela cintura pra perto de mim.

Débora: Pode ficar tranquila que não vou mexer com ela.

Eu: Acho bom, pois o recado está dado.

Peguei na mão da Isabella e fomos embora para casa. No carro Isa me olhava preocupada.

Isa: Mô você está brava comigo? – Perguntou ela com uma carinha de dozinha.

Eu: Não estou brava Isabella, apenas chateada porque você não me contou que ia começar a treinar comigo. – Falei séria.

Isa: Está sim, me chamou de Isabella. Desculpa mesmo meu amor, eu queria te fazer uma surpresa. – Disse ela fazendo biquinho.

Eu: Eu sei, mas se você tivesse me contado também seria surpresa Isabella.

Isa: Ok. Desculpa mesmo. – Disse ela deitando no banco e ficando quieta.

Fomos o resto do caminho em silêncio. Chegamos em casa, guardei o carro na garagem e subimos. Isabella foi direto tomar banho, eu fiquei na sala jogando video game. Quando ela saiu eu fui tomar banho. Terminei de tomar banho, quando cheguei ao quarto, Isabella estava deitada na cama toda encolhidinha chorando. Me aproximei dela, sentei na beirada da cama, comecei fazer carinho em seu cabelo.

Eu: Ei meu amor! Porque você está chorando? – Perguntei ainda fazendo carinho em seu rosto.

Isa: Porque eu chateei você. – Disse ela ainda chorando.

Eu: Amor foi só de momento. Já passou. Para de chorar minha morena. – Falei me deitando atrás dela abraçando ela e enchendo seu pescoço de beijinhos.

Isa: Mô me desculpa tá bom. Te Amo muito minha preta.

Eu: Esqueci isso minha vida. Também Te Amo.

Ficamos abraçadinhas conversando, eu falando safadeza no ouvido da minha morena ela toda envergonhada. Acabamos pegando no sono.

Continuaa...

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
15/11/2018 17:12:45
Obrigada AnjoDaCaraSuja =D
15/11/2018 17:12:29
Obrigada claudia 31 =D
15/11/2018 17:12:11
Obrigada pela parte que me toca Angeline kkkkk Eu sei que ela me AMA e eu também muito minha morena.
11/11/2018 22:24:42
Lindas D mais essas meninas. Mais uma vez show.
10/11/2018 00:27:32
Maravilhoso meninas como sempre
09/11/2018 23:37:10
Manoella parece ter 15 anos quanto essa mulher já te provou amor. Larga de ser besta.




Online porn video at mobile phone


Votos -Casa dos Contos zdorovsreda.rucontos eroticos sou safada mostrei meu cu para amiga como estava largopau extraordinariamente grande e grosso gozando dentro e arrombando a bucetinha apertadinha da menina novinhasexobrasileirocavalocontos eroticos minha cunhada nao era nada do que eu imaginava.conto erótico dominicao vol.7"caralho entalado" contoIrmas casadas taradas carentes cendo enrabadasContos Meu mano se cagoubucetas gordas a deramarem espermasnao aguento essa pica grande e grossa no meu cu sexo gayxvidio mulhe magra sentano o cu no paozaochilli xvídioquero ver moças de 18 anos de baby doll bem curtinho dentro de casa em movimentoComtos lesbica flagante Viagemcontos de nora da vizinharevesando no cu da gravida pornomulher marido chamaum cara dotadao para fudeelamulher daperreca piquininihacontos eróticos encoxando a crentecomocomia a minha tiasem ela saber- Casa dosContoscomendo a mamae por engano em contos kxcontos.blogspot.com.br fotosjornalista77 contos eroticoeu com 19 anos de idade eu era virgem da minha buceta e virgem do meu cu eu moro sozinha com meu pai viuvo meu pai ele achava que eu não era mais virgem da minha buceta a noite eu tava no sofa com meu pai ele conversando comigo ele disse pra mim filha você tomar anticopcional pra você não engravidar eu disse pra ele pai eu sou virgem da minha buceta meu pai disse pra mim filha você com 19 anos de idade você e virgem da sua buceta eu disse pra ele eu sou virgem da minha buceta pai ele disse pra mim filha eu tou feliz com você porque você é virgem da sua buceta ainda eu disse pra ele pai eu quero perder minha virgindade da minha buceta com você meu pai ele me deu um beijo na minha boca ele me levou pro seu quarto eu dei um abraço nele eu dei um beijo na boca dele eu tirei minha roupa eu deitei na sua cama ele chupou meu peito ele disse pra mim filha sua buceta virgem raspadinha e linda ele começou a chupar minha buceta virgem eu gozei na boca dele eu chupei seu pau ele foi metendo seu pau na minha buceta virgem que sangro ele começou a fuder minha buceta eu gozei conto eróticocontos eróticos o tio com minha namoradaconto gay comecei a vestir calcinha da minha irmaconto gay ele se revoltou e tomou todashistoria dos k fizeram zoofila pela primeira vezCasa dos contos minha mulher falou que todos a comeram que eu sou cornomeu sogro queria dupla penetracao com minha sogro veridiconó parquinho perdi o cabacinho contosmulheres casada sendo encoxada egozacontos eroticos comi a filha da minha inquilinanegro pisudo comendo transex lisinho de calcinhaMulher cagando na calsinhavideo pornoDedando.a.casada.dormindo xvideopornoa cordei com meu irmão inchendo minha buceta de porraXvideos grandes pauzudos enrrolaados na toalhas pernas abertascache:krAWjri_qYMJ:zdorovsreda.ru/texto/20170885 me tornei amante do meu paiRelato erótico feijoada da titia raimundacaete na porca pornocamadre simone que fuder caseirocavala prica contos eróticovídeo pornô meu marido chegou em casa ficou surpreso porque eu estava limpa cheirosacontos eroticos pedindo pra ser cadelanora safadas descobri que sogro tem a pica enormeincesto mae negra aparece na frente do filho de vestidinho pornoboa fodavidio de pesouas transandogaranhão paquerou a minha mulher e levou para o motel vídeo pornô cornoseu quero ver a coxadinha acaba com a pica para fazer encostando nas mulher de calça compridaFilme de porno garoto batendo puhentaprovoquei meu filho vestindo um fil dental video pornovidioporno casa sensacaoConto erotico bebendo a porra da rapaziadamenino novinho q gozar grita Aroldocontos heroticos cao doidao para chupar a donaencostadinha na cunhadacontos eroticos de nois dois enrrabadoslek que gosta de chupar paufilme de sexo pura selvageria de chupar e chupar agressivo mesmobuceta dq mulher esgacada ganhanfo brbeMeu co ralf me comeu contoCapítulo 2 segunda temporada contos erótico sempre te quiscache:cB0rtZ1uQCMJ:https://zdorovsreda.ru/texto/2015051133 contos eróticos minha esposa benzido pelo pai de santoergueno.a.sainha.da.fernandinha.e.meteno.a.picarelatos eroticos Elen Reginairmau bejano racou cabaco da irmamulher dentro da cabine dentro de uma boate tomando picada no homem fazendo fila comendo elascomendo a elaine no cantteito de obras xvdeosmulher da bunda grande d xorti curtoVideo do zapmulher escovando dois denteponto não. quebrau. cabaso da vigefrede e barnei pega vilmacontos/armei pra minha eposa certinha com um dotadominha esposa saiu comigo sem calcinha so pra me provocar meus amigosgey dando pro cavalo enchendo o cu do gey de porrapesquisar, na ora do sexo porque tem qui assobra dentro ds bucetacoletania de negao socando ate o saco nas esposas gringas com vestidos pornoconto erotico corno na lua de mellais minha enteada da xoxota apertadinha contosporno mae Chaegando em casacontos com fotos a safadinha da minha entiada queria rola metir nela sem docontos eroticos meninas de seis anos transando com cachorro com calcinha preta com lacinhos vermelhocasal sendo masageado pornoContos sempre fui o viadinho de todos os homens da familiamulher transando com convidado do marido por baixo da mesaazulão transando as baixinhasvidio de mulher da buxeta froxonaContos eróticos procurando aventura no clube de campo