Casa dos Contos Eróticos


Click to Download this video!

COMI O CU DA MINHA NAMORADINHA

Um conto erótico de Junynho
Categoria: Heterossexual
Data: 08/10/2018 06:34:49
Última revisão: 11/10/2018 02:26:24
Nota 10.00

Bom pessoal, hj vou contar como comi o cu da minha namoradinha do primeiro conto, eu andava insistindo muito e ela nada de aceitar, ficava dando a desculpa q doia, cada relação q tínhamos, eu tentava colocar o dedinho e nada, era bem complicado comer ela de 4, abrir a bunda dela e ver aquele cuzinho piscando, até q ela aceitou tentar, desde q fosse com muito cuidado e eu tinha q exitar muito ela, todos os dias ao meio dia quando eu ia almoçar eu comia ela, a verdadeira rapidinha, fiquei 2 dias sem nem tentar, nem meio dia e nem a noite, era normal eu dar banho nela, dei uma boa chupada no dia anterior no banho, fiquei passando muito o dedo no cuzinho só q não a fiz gozar, aproveitei q a noite não haveria ninguém em casa p tentar, a noite ela já estava bem necessitada, já estava topando tudo, quando fomos p a cama, eu comecei a bjar o seu pescoço, chupei seus peitos deliciosos, enquanto minha mão já acariciava sua bucetinha e brincava com os seus 3 piercings q tinha, devagarinho, quase sem querer eu passava o dedo no cuzinho, aos poucos eu melava o cuzinho com seu melzinho de buceta, decidi q era hora quando eu estava com o dedo somente no seu cu e ela rebolando, p não ter problemas, pedi q ela viesse por cima e q no seu tempo ela ia assentando, ficou de frente p mim, rebolava devagar e nada do cuzinho ceder, fiquei mexendo na sua bucetinha enfiando o dedo e masturbando seus piercings, ela acabou metendo na buceta p exitar mais e melar mais tbm, ela voltou a tentar e foi sentando devagar, quando a cabeça entrou, ela começou a choramingar, pedi p ela ir devagar, sempre brincando com o corpo dela, sua buceta estava toda molhada, era só questão de tempo p o cu ceder e aceitar a rola, tentou fazer movimentos de sobe e desce e não deu,

mandei ela rebolar, p se acostumar, meu dedo entrava e saia da buceta conforme o movimento q ela fazia, aproveitei e meti 2 dedos, enquanto seu cu engolia meu pau, sua buceta engolia meus dedos, ela foi se soltando quando eu falei q uma boa vagabunda dava o cu p o seu marido, fiquei elogiando seu cuzinho apertado, meu pau tava vibrando la dentro, ajudei ela a fazer movimentos de subida e ela de descida, demorou um pouco, mas os movimentos iam se intensificando, cada vez mais, sua buceta ja melava a minha barriga de tão exitada, quando começou a gemer, ai foi a minha vez, coloquei ela de lado, com a perna p cima e comecei a fazer movimentos mais rápidos, metendo e tirando, cada vez mais gostoso, falei q p ser uma puta completa, tinha q me dar o cu, sempre mexendo nos seus piercings q ajudaram muito a manter a excitação, comecei a meter com força, e ela a gemer alto, q delicia de cu, muito apertado, decidi q tava na hora de ficar hard, coloquei ela de 4 e comecei a bombar cada vez mais rápido, peguei ela pela cintura e fui metendo de cima p baixo, agarrei no seu pescoço, deixando quase sem ar e metendo, coloquei ela de cara no travesseiro e coloquei meu pé na sua cara, exercendo uma leve pressão, ela só gemia, estava gostando de ser fudida no cu, bem forte, ela tentava rebolar e não conseguia de tão forte q eu metia, sentia seu cu piscando, apertando meu pau e as gemidas aumentando, ela ia gozar, ela disse "ai meu cu, me fode, me come, vou gozar", eu subi p cima como um touro bravo e socava sem dó, arrombando aquele cu apertado, abracei ela e forcei a deitar de cu p cima, agarrado nas suas costas e mordendo sua nuca e seu pescoço, ela quase sem poder se mover e eu socando, ela pedindo "não para, não para", ela começou a gozar e gozar, eu maluco, mexendo no seus piercings e seu clitóris, ela desfaleceu, eu diminui o ritmo das bombadas, bem baixinho ela falou "goza no meu cuzinho amor", foi o q precisou e eu gozei, inundando de porra seu cu, ela rebolava devagar, brincando com meu pau enfiado nela, ela com o cabelo na cara, toda suada sorriu, disse q gozou muito e q amou, apesar de ficar com o cu todo arrebentado, uma semana depois ainda reclamava de dor.

Como vc já sabem, meus textos aconteceram de vdd, são REAIS, lembranças de algumas pessoas q passaram na minha vida, não esqueçam de deixar seus cometarios.

Forte abraço

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
17/10/2018 12:35:45
Q tesão
08/10/2018 06:48:48
muito bom, delícia




Online porn video at mobile phone


chego do serviço encontrar cunhado só de camisola e mete o pauConto enteada apaixonada pelo padrastocontos segurança comeu meu cuporno criasia com negau pauzudocontos dei sonifero para novinhaconto de padrasto socando a punhetacontos eroticos corno bebado esposa com fogo no rabo amigo roludoyoutube tarado comeu sobrinhas sexaul tirado a roupa nuascontos fui fer apartamento o porteiro me comeupornodoidomamaegostosa e filho virgemQuero assistir filme pornô brasileiro das Panteras pai vendo a filha tomando banho no banheiro e fica olhando ela nua de espinhasfoto de novinba de bucsta arreanha amostrando o cabaçomeninas que amolece as pernas quando o pau entra na bucetinha delashomens bobinho pinto fino viadopediu carona irma evagelica pornocomtos eroticos minha mae drogada foi fodida e eu tambemhistorias eroticas com saúnas masculinasxoxota da filhinha pretinhanovınha dancando de short xvıdeosHomens goja duas vez no xvideioConto erotico sou madura e consolo lesbicafui dançar e fui fudida por um pauzudomédico explicado chupar bucetas doença transmitiloira da bundona deitada e homem porcima noxvideocontoeróticocoroa engravidei minha sograxvideo Dois Idiotas na nega nega já solta espermatozóideconto minha esposa no onibuscontosmae e noracorno chamou negao pra fuder mais nao gostou de ver a mulher adorandobuceta efudeln resistir e dei o cu pra quele homem di pausao, contoXVídeos cara empurrando a rola na b***** da nega e saindo pus"caralho entalado" contoContos eróticos minha mãe e os cubanos - parte IVconto comi a tia coroa peidorreiraconheci uma novinha inocente ensinei ela chupa tudo contos eroticosgorda bbw chifrandovirgemcasadoscontoscontos eroticos estuprada pelo garixvıdıo ruıvaprica cavalaX video comendo ninazinha menor 18tio tem um pirocao e agsra sobrinha e bota tudo na buceya delacontos gays- dei o cu pro meu irmao video novinha peitinho muito durinho penugem na xanagaieras nuonibuspiafazendo.sexofilhasconto gostoso no pique esconde com dezcontos eroticos d cornopra comer a espozacasada coroa video fotocorno secretoconto erotico sexo bruto com 2homemtraficante pausudo estourou o cuzinho da minha namorada na favela contosnegão machucando o c****** da japa pornô XVídeos tadinhawww.xxvideo calvolga na anacondaAlfaiate fica impressionada com tamanho do pau do negãocontos eroticos campingminha irma me pegou batendo punheta e contou pra minha mae acabou que teve que transar comigocontos eroticos vai empurrandojogando video game pelado conto eroticover faveladas perdeno a vigidadeswww.mae nao aquento filho pausudo bocetaominha cunhada casada muito linda e gostosa com uma bucetinha cabelinho baixinho conto relatando como nao resisti ao pausud e fez sexoexperimentei rola grossa e viciei..nem me preocupa mais ser chifrudo contosporno bofou e ficou agaradoo croch me cumenoconto no cinepornoeu no meu quarto eu chupei o peito da minha irmã eu comecei a chupar sua buceta virgem raspadinha ela gozo na minha boca ela chupou meu pau eu fui metendo meu pau na sua buceta virgem que sangro eu comecei a fuder sua buceta ela gozo conto eróticochupando minha bucetinha lisinha contos eroticosporno com novinha goszando na buceta na boca da outrabuceta nua com pintei moicanogozando na entrada da bucetinha minúsculas de frango assado bem devagarmeu qosanoxnxxMinha esposa se deu mal com o negaobaxinha cochuda casada vingando xvideoscontos eróticos irmãsconto porno queimando a roscame punhetarameu, minha namorada, minha namorada e meu tioela aregacou meu pau e depois chupou pornodoidovideo a "crente bundeira"deu para nao ser caguetada para o marido xvideosporno++o++encanadorFotos d padrasto comendo imtiadosCazada cao tezao pornegao