Casa dos Contos Eróticos


Click to this video!

Conto Real - Minha Vida de Chifradeira - Parte 9

Um conto erótico de Noivinha Chifradeira
Categoria: Heterossexual
Data: 17/05/2018 09:44:13
Nota 10.00

Depois daquele dia em que coçou o saco do Renato, meu namorado Bruno perdeu completamente a moral com todos os amigos da nossa turma e principalmente comigo. Eu não o via mais como homem, mas sim como meu capacho. Ele fazia todas as minhas vontades (e as do Renato, sem saber), e se reclamasse eu virava uma fera.

Nessa época ele sempre me pedia pra bater uma punhetinha pra ele de novo como fiz no Relato 3, mas eu não tinha vontade nenhuma de encostar naquele pintinho mínimo e demorou 4 meses pra eu fazer de novo.

Achei uma forma ótima pra fazer com que todo mundo saísse ganhando. Se ele me paparicasse muito (com presentes e dinheiro) eu batia uma punhetinha pra ele. Era muito tranquilo porque ele demorava no máximo 2 minutos pra gozar, kkkk. Mas precisava me paparicar muito mesmo, normalmente acontecia 2 vezes por mês no máximo, quando tínhamos 15 anos.

Enquanto negava ao Bruno qualquer prazer além dessas punhetinhas sem graça, eu era a putinha particular do Renato. Estava sempre na casa dele quando seus pais não estavam, ou na construção abandonada no caminho de volta da escola ou no parque da rua de cima. Foi nessa época que viciei em chupar pau grande. Viciei em ser dominada por homens fortes e dominadores e a dar prazer pra eles em troca de nada. O Renato não estava nem aí pro meu prazer. Nesses primeiros meses de meu contato com macho alfa eu não sabia ainda o que era ter um orgasmo.

Mas eu não estava nem aí… Ser a putinha dele me dava um tesão enorme, eu ficava completamente encharcada de tesão e nem sabia como lidar com aquilo. Era tudo muito novo pra mim, só sabia que eu tinha um tesão enorme por ele. Acho que estava apaixonada.

Mas ao mesmo tempo ele usava as minhas duas amigas, Su e Lu, do mesmo jeito. Nós nos revezávamos como putinhas dele, e falávamos abertamente do assunto. Eu me sentia a mais safada porque tinha namorado e as duas não tinham.

Até que chegou a época do aniversário de 17 anos do Renato (não sei se vocês lembram mas ele era dois anos mais velho do que o resto do grupinho por ter repetido de ano duas veze), estávamos de férias e ele me ligou falando que queria comemorar comigo, na casa dele, porque os pais não estariam. Ele falou que eu seria o presente de aniversário dele. Eu queria muito ir, mas estava relutante porque sabia que ele iria querer comer minha bocetinha virgem como presente. Mas acabei indo mesmo assim.

Claro que pedi grana pro Bruno pra comprar um presente pro Renato (sem o Bruno saber, claro)... Era um belo par de All-Stars, bem estiloso. Presente do corno, kkkkk. Mas chegando lá, tenho uma surpresa!!! A Lu também estava lá!!! Ela também parecia surpresa, não sabia que eu tinha sido convidada… Quase em uníssono, as duas questionamos:

Que isso Renato???

Calma lindas!!! Hoje é meu aniversário e pensei numa festinha… Falou confiante

Como assim? É o que eu to pensando?? - perguntou a Lu

Não vou forçar nada, linda, mas que mal tem? As duas fazerem um agrado no negão ao mesmo tempo?

Ai Renato, você é um ridículo, não vou fazer isso - disse eu

Tudo bem, não precisa… Não vou forçar… Mas vou pensar duas vezes antes de te dar o pau do negão aqui pra você chupar de novo… Pode ficar lá com o “Ninho”, hahaha

Juuu, nada a ver ow, que mal tem? Tá com vergonha de mim? - A Lu estava começando a gostar da idéia, mas ela era bem mais pra frente do que eu

Ai Lu, sei lá… não acho certo, isso é não é coisa de menina decente

Chupar o pau dele sozinha é decente e chupar com a amiga não? Que diferença faz? - Retrucou a Lu.

Pior que ele tinha razão, que diferença fazia? E ainda por cima podia ser divertido… Acho que eu tinha que me soltar mais. Nisso o Renato bem esperto repetiu que não ia forçar nada e botou um funk bem safado e começou a servir cerveja pra gente. - Tá não precisa fazer, mas podemos dançar pelo menos?. Ele disse puxando as duas pra perto dele.

Ficamos ali por uns 20 minutos ouvindo música safada, bebendo e dançando juntos. Era engraçada a cena, aquele negão alto e forte com duas baixinhas dançando e falando besteira. Até que ele começou a beijar a Lu com mais intensidade e ela já foi se agarrando nele. Mas ao mesmo tempo ele não me soltava. Eu já estava mais soltinha por causa do álcool e ele nos sentou, uma de cada lado dele, em um sofá e senti que ele nos forçou em direções opostas pra que nos beijássemos também. Foi a primeira vez que beijei uma menina, não porque tivesse atração por mulheres, mas pra agradar o Renato e curtindo o momento.

Nos beijamos um pouquinho e ele colocou a mão da Lu em cima do pau dele. Ele era muito esperto, sempre atiçava ela primeiro, porque sabia que ela daria continuidade. E não deu outra. Ela tirou o pau dele pra fora e começou a punhetar e aquele cenário que Renato tanto queria se concretizou: As duas sentadas ao lado dele no sofá, uma de cada lado, e ele com o pau pra fora prestes a ser mamado pelas duas. Macho alfa!!! Eles conseguem tudo!

Não sabia como faria… A Lu não parava de chupar mas o Renato passou a controlar… Tirou a cabeça da Lu puxando o cabelo dela e empurrou a minha em direção ao seu pau… Eu estava descontrolada de tesão e acabei mamando também. Ele segurava a minha cabeça pra eu só chupar a enorme cabeça do pau dele, e depois empurrava praquele mastro bater no fundo da minha garganta e eu me engasgar.

Ficamos naquela brincadeira por uma meia hora. Ele fez de tudo. Mandou a gente beijar o pinto ao mesmo tempo. Mandou uma chupar as bolas enquanto a outra chupava a cabeça. Mandou uma bater com o pau na cara da outra. Mandou uma punhetar enquanto a outra chupava. Beijava uma na boca enquanto a outra estava no pau.

Finalmente ele mandou as duas se ajoelharem em frente dele, como boas servas de macho alfa e bateu punheta até gozar. Soltou dois jatos na minha cara e depois mirou na cara da Lu, enquanto urrava de prazer. Mandou as duas nos beijarmos de novo, esfregou o pau sujo de porra nas nossas caras e caiu no sofá, enquanto as duas dávamos risada:

Aaaaai Renato, caiu no meu olho seu filho da puta - a Lu reclamava, enquanto corria pro banheiro

Você é foda né, conseguiu o que queria - disse eu

Até parece que você não queria né…

E ficamos lá mais umas duas horas, bebendo, dando risada e dançando...Infelizmente não dava pra ficar mais porque não podíamos voltar muito tarde pra casa. No que eu olho o celular de novo tinha 20 ligações do Bruno. Sempre nos despedíamos na hora de dormir (umas 11h em dias de semana) e já era meia noite e meia e ele estava desesperado tadinho… kkkkk

Desculpa amor, estava com a Lu. Preparamos um drink ENORME e delicioso e perdemos a noção do tempo, amanhã nos falamos! - Mandei um SMS pro corno, kkkk

Foi a primeira de muitas festinhas que teria com o Renato e futuramente com outros machos alfa.

Continua…

Não se esqueçam de entrar no meu tumblr: achifradeira ponto tumblr ponto com

E também no meu site: achifradeira ponto com

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
18/05/2018 09:43:03
Apesar da demora em continuar, tá perdoada pelo prazer de ler suas histórias de corneteira
17/05/2018 16:31:47
Delícia! Pena que demorou tanto
17/05/2018 13:48:25
Gostei muito Noivinha Chifradeira. Levou nota máxima. Gostaria que entrasse em contato conosco por email, para publicar seus contos conosco na Secret Island e receber os nossos vídeo contos também. Já visitei teu site e é ótimo. Parabéns. Beijo do MOD (Moderador da Secret Island) Email:
17/05/2018 13:14:48
muito bom
17/05/2018 10:39:18
Teste




Online porn video at mobile phone


escreve palavra enrabardoconto erotico gay branco dominador gosta de maltratar viado pretoxviseos velhos flagados estrupandocontos anal bate estacacontos minha esposa me falou amor eu quero o pauzao grossodo seu amigoviagei a trabalho e meu noivo virou corno o homem me dominou porno contosminha mulher deu na massagemxvideos safada dirigindo e batendo punheta p pistoludosexoirmá vai dormir con seu irmaoContos d rapando a bucetapauzudo fode bucetamenorvídeo biscatinha gostosa nora pagando a dívida do marido para o sogroconto gay virei a puta de varios machos na saunacontos eroticos escravasjapinha com carinha de anjo perdendo o cabacocontos eroticos negao tirando virgindade de novinha evangelica em oficina mecanicao garotinho do semáforo contos eróticos reaisvideo de colegial sedo encoxada por baixo da saia com penis pra fora entremeio as pernas e varginaContos eróticos: Rabetao da minha sobrinha sarrando na minha picavidio disexe porno yotubesequestradaxvideoworttped.diegocampos.8519conto no cinepornoContos eroticos irmã gêmeavidio porno de mulheris piquenas de 120 sentano ni rolas de 44 centimetroprima Pede para dormir de conchinha com prima e a subidachupalano o cu da mulhernovinha sendo agarrado com outra garrafa com cachorro na xícara XVídeosbelo sexo dormindo de conchinha com a tia so de calsinhanovinha alemã da xana lisina abrindo a portaporno-fodas no quarto e o vinnho malbonezinho da bucetinha bem pequenininhacontos eroticos.meu sogro me enrabou na barraca de campingSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhacontos eroticos menininha malcriada levando pica como castigoa mulher dando furingo a mulher dando o cu para o homembonitinha de 18anos quadril grande e largo bunda durinha comeu.xxxpodólatra xvídiocontos sadomazoquismo estupromeu marido batendo punheta wando eu transo xvideosporque.menina.uza.shortinho.agarado.na.bumdaeu quero ver f********* no corpo todo estourado bem reganhada gemidonegao pirocudo empina latinhacontos pai sangue do cabacoContos eróticos com fotos de incesto rasguei as pregas do cuzinho da minha irmáconto erótico de estuprada a cafetinacontos eróticos de mulheres se vingando de rivalconto coroa bunda gigante sodomizadaConto erotico o tarado do viagra tracou o valentãomacubeiro comendo a foça novinhaminha irma me pegou batendo punheta e contou pra minha mae acabou que teve que transar comigoContos Lucinha virgem pai a fazenda molhadavidi o porno hone trezeno com eguhacontos eroticos o nascimento dos peitinhos da maninhacontos eroticos uma doce de cunhadaLibério XVídeos das irmãs transando no conventosofri muito naquela pica gigante contoscontos eróticos mamãe deixa novinha com padrastoconto marido adora ver esposa danso para outroNoviha cemtano no carahaocontos de cú de solteironacontoserotecos minha mulher com bunda cheia de porracombinei com amigo comer minha esposa dp contosfeminizaçao esposa cu grosso contozoofilia os mais pegadorescontos picantes de amor gaysXsvideos patroa levando surra de cinta nuacontos eroticos tentei fugir mas fui estupradaeuconfessosograContos eroticos de casada puta dos vizinho roludo corno duplaContos Gays Sobre Valentoes : Casa Dos Contosencoixo empregada safada e goza na piaContos eroticos estupraram minha mulher na minha frentemulheres maduras gordinhas greludas derramando gozo na cara da amiganovinha pediu que tirase da frente e enfiar atras rapidoXVídeo caseiro irmão comendo a tabaca da irmãtexto de prima louca querendo pau na bucetinhaxvideos comeu irma da conhadcontos eróticos fingi que estava bêbada e liberei o cuzinhopintudo lasca a priminhaconto erotico gay amou minha bundabucetas inchcadas na calcinhascarolzinha santos trepano no churrascovideo porno papai leu a filha que estava de férias pro sitio e fudeo novinhapornodoido sou menininhas inocentes virgem mas faco analver buceta de corouas de 39ou40 anosconto erotico de gravidaposicao frango assado putaria brasileira pra salvar no celularContos incesto dei pro meu pai eu era novinha convencia vagina mais.goloza di mundo por pau estranhamente grosso i grandeadolecente fima dado cusinho mais não aguenta apicasó bucetinha novinha na ommmmmXvideo difutibol1tesao na cueca