Casa dos Contos Eróticos


Click to Download this video!

A vizinha, parte 2

Um conto erótico de Theron
Categoria: Heterossexual
Data: 17/05/2018 02:56:02
Nota 10.00

O despertador tocou, levantei e fui direto para o banheiro, tomei um banho rápido, fui para o quarto me trocar, enquanto me vestia, reparei que a janela da visinha continuava fechada, pensei o quanto estava ferrado por causa daquela olhada, se pelo menos ela tivesse tirado tudo, teria valido a pena, rapidamente comi alguma coisa e fui para a porta pois já estava atrasado, neste momento minha mãe chega e diz:

- O que está fazendo aqui? Já está atrasado.

- Eu sei, estou saindo, como foi o trabalho hoje?

- Foi bem, não vejo a hora de mudar meu horário e poder ficar mais com você.

- Também, mas até lá, tchau que já estou atrasado.

Dei um beijo na sua bochecha e sai, peguei minha bicicleta, e no momento que subi nela e fui até a vizinha, toquei a campainha esperei, a ruiva Agatha abriu a porta e diz:

- Oi, desculpa,minha irmã está se arrumando, você pode esperar um pouco, pode entrar se você quiser.

- Está... bem, acho que vou esperar aqui fora.

- Não, faço questão, entre, já está nos ajudando.

Acabei aceitando e entrei, deixei a bicicleta encostada na porta, a casa estava cheia de caixas e meio bagunçada. A ruiva disse:

- Descul... eu realmente tenho que parar de me desculpar, mas está uma bagunça mesmo, você aceita alguma coisa?

- Não precisa, obrigado.

Respondi sorrindo do comentário, pedia muita desculpas, fiquei no meio da sala em um silêncio enquanto olhava para as coisas, a ruiva quebra o silêncio gritando:

- Vamos logo, maninha, a gente vai se atrasar!

- Não me chame assim, mala, estou indo.

Mais dois minutos depois de silêncio, Sophia aparece com a mesma roupa de ontem.

- Finalmente em maninha, vamos agora.

Fui o primeiro a chegar na porta, peguei a bicicleta e Agatha abriu a porta, sai logo em seguida as duas, Sophia disse:

- Agatha, vai pegar as bicicletas, já deveria ter ido.

Agatha foi sem questionar, mas olhou brava para a irmã. Depois que Agatha foi para os fundos pegar a bicicleta, Sophia olhou para mim e disse:

- Então, sonhou comigo, sonhou em me comer?

-Não... eu... devo te pedir... desculpa, não deveria ter visto você se trocar... foiPara com isso, você gostou não é, aposto que se tivesse outra oportunidade você veria até mais.

Fiquei sem palavras, fiquei apenas olhando ela, enquanto sorria e depois ela disse:

- Sabe, agora vejo que é só um bestinha, então só fique longe de mim, e se eu ver você olhar para minha bunda outra vez, acabo com você.

- Claro, não farei nada disso.

Agatha chegou com as duas bicicletas, com certa dificuldade, Sophia pegou uma delas é disse:

- Demorou em.

- Para de reclamar, todo dia é amesma coisa, vamos antes que você irrite mais o nosso vizinho.

Fomos para o colégio, mostrei o caminho para as duas, chegamos em cima da hora, e quando chegamos descobri que as duas estavam na mesma sala que eu, entramos na sala e a professora logo tratou de apresentar as duas para a sala, Bianca, uma garota que senta no fundo gritou:

- Oba, carne nova.

A sala riu, menos eu e as duas, a professora mandou todos ficarem em silêncio, as duas ficaram desconfortáveis, meu amigo Miguel que senta do meu lado disse:

- Quer dizer que as duas gostosinhas são suas vizinhas, vamos fazer uma festa.

Respondi

- Talvez, uma delas é bastante rebelde, odeia ser contrariada.

- E a outra?

- Essa vai ser mais fácil.

A professora deu a aula apesar de ter que pedir para todos pararem a todo momento, após a aula, fomos para a educação física, os meninos ficam de um lado jogando futebol e as meninas do outra jogando queimada, enquanto jogava reparei que as duas foram as primeiras a serem atingidas, parece que Bianca fez questão de combinar com as outras e acertar elas em cheio, enquanto Agatha tenta fazer novas amizades, Sophia fica em um canto olhando para Bianca com uma cara de brava.

Após o jogo, fomos para o vestiário se arrumar para a próxima aula, estava tudo calmo, fazíamos algumas brincadeiras e conversávamos sobre as garotas até que ouvimos uns gritos do vestiário feminino, fomos para fora e vi Bianca e outras garotas segurando as roupas das duas e dizendo:

- Vamos, terão que vir aqui fora se quiserem se vestir.

As outras riam da situação, os garotaos apenas olhavam e não tinha nenhum funcionário do colégio ali. Vi Agatha saindo com a tolha em volta do corpo e estendendo a mão, dizendo:

- Tá bom, acabo a brincadeira, me da logo minhas roupas e da minha maninha.

Uma das garotas foi por trás e puxou a toalha, mas não conseguiu tirá-la, Agatha segurou forte, mas abriu atras e todos viram sua bunda e costas nuas, Agatha correu para dentro chorando, logo em seguida apareceu o professor de educação física mandando todo terminar de se arrumar e chamou Bianca e as outras garotas na sua sala. Depois que terminei de me arrumar fui até o vestiário feminino para saber de Agatha e na porta do vestiário vejo Sophia de braços cruzados, ao me ver ela me chama para o canto e diz:

- Que merda de colégio em, falei para minha irmã não sair que elas iriam aprontar alguma, mas deixar ela pelada no meio do colégio é demais.

- O que vai fazer?

- Eu vou me vingar, e você faz parte do meu plano.

- Eu, por que?

- Porque você é meu vizinho, é tarado, e é o único cara que conheço nesta cidade.

- Não sou tarado, foi um acidente, você é que deixou a janela aberta.

- Agora quer se justificar, bestinha, que tal fazer isso me ajudando em?

- Admito que Bianca até merece, te ajudo, dependendo do que você estiver planejando.

- Nada de mais, é só você ir lá dentro do vestiário sem ser visto, pegar a calcinha da Bianca e me trazer.

- O que? Como vou te ajudar assim? Se for pego, posso ser expulso.

- Minha irmã está chorando lá dentro, vai me ajudar ou não.

- Está bem, vou te ajudar, mas ainda não entendi o seu plano.

- Não precisa entender nada agora, só vai lá e pegue a calcinha, aproveita que Bianca está na sala do professor.

Fui rápido para o vestiário, ouvi o chuveiro ligado, devia ter mais umas duas garotas ali, o resto que devia ter saído, fui para os armários e me dei de cara com a Agatha chorando em um canto, com a toalha em volta do corpo, ela se assusta e diz:

- Você é menino, não devia estar aqui.

- Escute...

- Veio também rir da minha cara, ou quer me ver nua, aposto que os meninos já devem estar fazendo fila lá fora para me comerem e quem está me vendendo é a vaca da Bianca.

- Não, nada disto, estou do seu lado, sua Irma tem um plano para se vingar de Bianca e eu vou ajudá-la.

- Acho que você não conhece minha irmã, ela nunca faz nada pelos outros, nem por mim, se ela está planejando algo é por ela mesma.

- E eu só quero ajudar, ela vai fazer algo contra Bianca, e me pediu ajuda.

- O que ela te pediu?

- A calcinha de Bianca.

Agatha olhou para os lados e disse:

- O armário é aquele, mas antes.

Ela se aproximou de mim e me deu um beijo, fiquei parado e ela disse:

- Obrigada, sei que está se arriscado por mim, só para me vingar.

Ela se afastou e disse:

- Anda,antes que alguém te veja.

Fui rapidamente para o armário e peguei a calcinha e sai o mais rápido que pude, fui para o canto onde estava Sophia que disse enquanto eu respirava:

- Pegou? Foi visto?

- Está aqui e não fui visto por ninguém, mas espere, você poderia ter pego a calcinha, porque me pediu.

- Para evitar minha irmã, ela não pode saber do plano, ela faria qualquer coisa para me impedir.

Olhei para os lados e perguntei:

- Por que?

- Porque ela é do tipo chata, nunca quer fazer mal aos outros.

- Entendi.

- Vou hoje à noite no seu quarto te explicar o plano, deixa a janela aberta.

Ela saiu com a calcinha no bolso e eu fiquei sem entender nada, de novo.

Voltei para a sala de aula, e nem prestei atenção na aula só pensava no plano de Sophia, reparei que Agatha não voltou, deve ter ido para casa depois daquilo, olhei para Sophia que apenas escrevia no caderno, mas duvido que fosse a matéria, depois que terminou a aula fui para casa aguardar Sophia com seu plano.

Fim da parte 2

Espero que tenham gostado.

Comentem e avaliem se querem continuação.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
17/05/2018 16:24:20
muito bom
17/05/2018 09:03:45
Bons diálogos. Continue, afinal, há um plano a ser concretizado




Online porn video at mobile phone


mae.da.buceta.inxada.chorandu.e.gemendo.na.pica.do.filhotia peidorrera peida e deixá sobrinho com a rola duraConto porno rola finaxvidioxx fudeu a mae mulher enraba seu marido bi com dildo ggxviseos velhos flagados estrupandoMe arrumei para meter com.outro e o corno sabendovelho safado come o ccu da mulher ela chora xe dorxxvideos às Panteras de 18 anos pidinos pra botar no cuquero ver metendo na mulher essas porcarias transandoContos Afilhada batendo punheta para o padrinhoPornor levei minha etiada para casa de Sting para fuder com estranhos vidio porno tarado enfiando pinto por baixo do xorte da mulherhttp://img2.virgula.uol.com.br/x495.jpgBaixar em xvideo dopei minha irma gostosa de mini sainha na cosinhadesenho de um homem transando cm uma mulher debruçada no capo do carroloirinha pesou que ia so fazer chupeta mas tomou muita porravideos porno marido viciado em comer a fezes da esposacontos fiz tesoura bem gostoso com maninha caçulaPaladino bem dotado comendo o cafuçu brasileiroajudante de predeiro trasa com uma mulher casadamulheres mascarinhosa. ao chupar picaxvideos mae tramca a mao na pia e filho c aproveitabicho preguiça fudendo zoofiliaver vidio d padrasto dotado fz sexo com entiado dormindocuzinho+delicioso contosvídeo de pornô senta na minha pica rebola DodôMeu padrasto bella&alexxxx carariu grandicontos eroticos pastor faz irmãzinha chorar com pau grande no praboxvideo bricando park mao boba a quaticoestupro esposa contos eroticosAliviando os funcionarios contos eróticosContos eroticos eu tava internado no hospital e o enfermeiro fodeu minha mulhermithlee pron vidoContos etoticos filha rabudaDona de casa e o garoto pirocudo ,contoswww.xvideos.negrao de 40 ctm de pau comendo uma viagemnorinha ve o pau do sogro duro e faz sexo com elecontos eróticos sou gostosa e acabei seduzindo meu irmao gostoso e acabamos no sexovideo porno mae ve filho pelado e toma susto com tamanho do paufedeu minha cunhada gordinha ate engravidarcontos apalpando sogra perto do sogroValdenice transando novinhas transando com vovó d********* dela tá bomO maior pau que JÁ ezistiu rasgando a bucetaxvideo da tia com medo a som brinha gozado na boca delameu qosanobensiçãoXvidiocomendo.a novinha bebada sem ela ao menos perceber animopron.com lara umcavaloem casa todo sujo fedorento pegou a novinha a forçaBELiNha..igro.negao.pornomulher levanta profunda fazendo corda no pirocaoxxvidio em quadrinho mulher de primo caderante muito safadaconto erotico huntergirls71contos eroticos aventuras no baile funkprimo gozou dentro dela e acabou mao gostandogretchen mua chopano 2007bundinha ditruida com a rola do negaotaradona nivinha loca pra dar oacuzin mas o pausudo nao esta dando conta de te comer num enta o cacetecamera no quarto bundudo experimentando picamulher chora no cacete para cicatrizesvidios de sexiso mmulher com tocudocontos de incesto sogradando um chupao na sua amiga a forsa lisbico pornocasadas sirrricasxvideos homens casados amam ser emrabadosporn caioserquero ver mulher caindo empinando na chupando o pau do homem tortoencoxada bem arroxadaO que é enfezamento na vaginaSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhaduvida o cavalo tem que gosa bem no fundo da buceeta da egua pra enprenha elavideos de sexo lesbicas brasileiras gemendo alto " ela passou a lingua no meu cu "casada com homem do pinto pequeno arruma um amante na faculdade transando gostosoZefa doida você tá aqui de novo olhando na casa dela pornômenina novinha dormindo sem calcinha toda arreganhada com seu pinguelo lá de foracontos eróticos minha filhinha corrompidamenina cai em cima do negro jumento.gemer disvairadamarido convida barbeiro para depilar a esposa contostopou na buceta qi ela bufoucapeta rasgando e toturando cu de puta