Casa dos Contos Eróticos


Click to Download this video!

Perdi a virgindade com minha tia (parte 3)

Um conto erótico de Leandro
Categoria: Heterossexual
Data: 05/05/2018 22:57:48
Nota 10.00

Olá pessoal que vem acompanhado essa história.

Bom depois de ter indo tomar meu banho fui dormir, na manhã seguinte de sexta-feira acordei e fui fazer meu café como sempre, sem nada para fazer durante a manhã inteira fui para a casa de Gabriel, ao meio-dia fui para casa almoçar, tia estava na cozinha quando cheguei ela estava de calça bem apertadinho com uma blusa também aperta, estava diferente então lhe fui questionar.

Eu- tá toda apertadinha hoje em!

Rita- agora, tem o que?

Eu- nada tá gostosa assim.

Rita- hum! Sei.

Então fui até ela e lhe dei um tapa na bunda.

Eu-gostosa!

Rita- tá doido é? Quem te deu permissão?

Eu- eu.

Rita- fique comportadinho viu!

Eu- kkk blz!

Então almoçamos, ela como sempre foi trabalhar e eu como sempre fiquei em casa, mais resolvi mexer nas coisas dela "calcinhas" fui até seu quarto abri as gavetas até que achei a que eu queria, cheirei várias, mais estavam todas lavadas então resolvi bater uma ponheta e goza nelas. "Eu estava muito tarado" assim foi feito bati uma ponheta e gozei nas calcinhas dela fechei a gaveta e sair, depois fui até a frente a casa, pois estava escutando um converseiro, era as vizinhas sentadas na calçada conversando. Daí uma das vizinhas, a Helena vizinha de lado, me faz uma pergunta.

Helena- ei, rapazinho, Rita está em casa?

Eu- não, tá trabalhando.

Helena- aah! Esqueci, e você e oque dela?

Eu- sobrinho.

Helena- ooh! Sim.

Então eu entrei, essa Helena que falou comigo era uma coroa de 62 anos viúva, eu já tinha ouvido falar dela, algumas conversas meia sérias, pelo que eu sabia a dona Helena era viúva a 10 anos e saiu uma história de que ela gostava de meninos novos tipo de 14 anos a 18 e com pouca experiência, Gabriel uma vez me falou que quase toda a molecada da rua tinha perdido a virgindade com ela, isso por que Guilherme que era o vizinho de frente dela disse que tinha tido relações sexuais com ela, aí vários garotos foi até ela pra ter a mesma relação, bom mais essa é outra história que entra no conto. Então já dentro de casa resolvi dormir um pouco, depois de um tempo acordo já de noitinha, tia já tinha chegado, jantamos e conversamos, quando faço a pergunta a ela.

Eu- tia!

Rita- Oi!

Eu- como é o nome da vizinha aqui do lado?

Rita- qual?

Eu- a coroa de olhos verdes.

Rita- aah! E Helena por que?

Eu- e que hoje eu tive na frente da casa e ela perguntou quem eu era, ela né sua amiga pessei que ela lembrava de Mim?

Rita- eita! E mesmo acho que ela não lembra de você, do ano passado pra cá você mudou bastante, amanhã vou chamar ela aqui pra gente almoçar.

Eu- kkk tá bom.

Então fui tomar meu banho e assistir, já tia Rita estava lavando a louça e depois foi para o banho, mais ela estava demorando bastante, depois de muito tempo ela sai somente de toalha direto para o quarto, logo depois vem para a sala, fiquemos assistindo, até que uma cena da novela onde aparece a atriz Cláudia Raia em uma cena de sexo, então logo começo falar conversas afiadas.

Eu- essa Cláudia e safadona, pegar ela boto pra bagaça.

Rita- aí é muita areia pro seu caminhãozinho.

Eu- você viu o caminhãozinho.

Rita- vi mesmo, só aguenta areia muita não.

Eu- você fala isso mais fica só gemendo quando eu boto.

Rita- foi mesmo, acho que você ta escutando coisas viu.

Eu- você vai ver, eu botar você pra gritar.

Rita- kkkk só rindo mesmo.

Então eu fui pra cima dela, tirei meu calção, já estava de pau duro, pulei em cima dela comecei a tirar a roupa dela, ao passar a mão em sua buceta, sinto que está lisinha toda raspadinha, então falo.

Eu- aah! Então era por isso que você estava demorando no banheiro, tava raspando a buceta eim.

Rita- claro,tava precisando.

Eu- deixa eu ver essa raspadinha?

"Ops. Eu nunca tinha visto a buceta dela, na claridade, as duas vezes que transamos foi no escuro.

Rita- pra que você quer ver?

Eu- eu nunca vi.

Então fui acender a luz e ela pôs a almofada em cima da buceta, então a pedi para tirar, como ela não tirou fui e tirei e pôs a mão em cima, tirei as mãos dela é puder ver, abri as pernas dela e vi aquele linda buceta muito carnuda, de lábios grandes ela doido pra meter nela, então puxei ela um pouco deixei ela quase deitada no sofá, quando quando sou perguntado.

Rita- vai ficar aqui mesmo?

Eu- aqui tá bom.

Então abri aquelas pernas eu tinha a linda visão da buceta dela, peguei meu pau e já lhe fui metendo, ela sempre gemendo caladinha, enquanto meu metia meu pau todo em sua buceta, isso durou alguns minutos quando peço para que ela ficasse de 4, sou atendido, eu não tiro o olho da daquela buceta mais quando ela fica de quatro tenho a imagem do cuzinho dela, que por vista era um cuzinho apertadinho, então meto meu pau e sua buceta, desta vez com pego em sua quadril, e lhe dou pica como bastante força, quando escuto pela primeira vez um gemido de verdade ela gemia soltando alguns gemidos como aii as humm. Neste momento com o embalo de seu gemido mais vontade de meter eu tive, então resolvi gasta tudo que tinha naquele momento, eu enfiava meu naquela buceta como que fosse uma última vez, eu parecia não cansa, a sensação era maravilhosa ver mia tia gemendo no meu pau ela bom demais, em meio aquela transa maravilhosa mia tia me faz um alerta.

Rita- goza fora, goza fora, goza fora.

Eu- viu, viu.

Depois de quase 10 minutos eu já estava exausto, mais vontade de gozar ainda não tinha então parei aquele ritmo, pedi que tia ficasse de frente pra mim, meia que deitada, então lhe meto a pica novamente, com um ritmo mais lento e assim tia continua com seu gemido mais tímido um pouco, quando obrigado a gasta o resto de minha energia, novamente com muita força começo a socar meu pai em sua buceta, e assim vem mais gemidos de incentivos, então novamente sou alertado,

Rita- goza fora, goza fora certo.

Eu- já sei.

E sem parar aquele intensidade nos corpos suados, eu com muita vontade de meter depois de longos minutos sou obrigado a dizer que vou gozar.

Eu- aaaah! Eu vou gozar, to gozando.

Rita- tira, tirar.

Então ela pega em meu pau, puxa ele pra fora de sua buceta apertadinha e lubrificada, e bate uma ponheta rapidinha pra mim, até que eu gozo em cima de sua barriguinha e buceta, dessa vez gozei bastante porra, deixei ela toda meladinha.

Eu- aaah! Uuuh! Gozanda goatosa, você ta cheia e porra.

Rita- oque foi que teve em, que você estava assim, com essa agressividade toda?

Eu- só queria lhe mostrar como se faz.

Ainda em cima dela pergunta se ela quer mais e coloco meu pau novamente em sua buceta, e começo a botar devagarinho e perguntado se ela quer mais.

Eu- quer mais em. Quer mais?

Rita- não você não aguenta mais nada hoje.

Eu- quer testa em, quer?

Rita- não, já deu o que tinha que dá hoje, agora me deixe tomar um banho pra tira esse gozo de mim.

Eu- vai, vai, mais se quiser mais eu tô aqui.

Ela foi para o banheiro, eu fiquei lá no sofá só pensando como tinha sido bom essa transa, era só minha terceira transa e eu parecia um profissional no assunto, acho que a liberdade com ela me deixou assim, mais enquanto está no sofá meu pai ainda estava duro então fui para o banheiro para tentar tomar banho com ela, empurrei a porta "estava aberta" entrei e ela disse.

Rita- tá fazendo oque aqui?

Eu- vim tomar banho.

Rita- não, sai espere sua vez.

Então sair e fique do lado de fora, quando ela sai e eu ainda estou de pau duro, e ela fala.

Rita- esse negócio não fica mole não é.

Eu- não, ainda quero mais.

Então ela entra em seu quarto e se tranca, fui para o banho e fiquei pensando " amanhã será sábado, vou comer ela o dia todo" então tomei meu banho e fui dormir.

E isso aí pessoal, oque vai acontecer no dia seguinte, contarei no próximo conto.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
08/05/2018 03:02:21
Excelente mas e as preliminares
06/05/2018 00:35:54
Excelente




Online porn video at mobile phone


conto erotico dei pro meu genroazscontos peido e fudeumulher traindo namorado com a redinhaxxvideos vídeos porno doido entre cunhadapornô mãe usina puheta mãodesde pequena prático zoofiliaporno. jafaleii nãoXvideo irma uza massage para seduzirmınha mulher meteno com um vibradorconto tatuei minha bucetinha molhadinha irma da pra irmao de causinha de lado e de bermuba e pretimhacontos de mulheres sendo fudida com o marido do.lado em transporteseguas taradinha no cio pigandoConto erotico gay mão bobapastora das coxas grossas é de onde, seu emailtexto sogra gero fodeu sua bucera bricandoaPUNHETAS COM CARALHOS GROSSOS E LARGOS X VIDEOContos eroticos heterosexual picantes com cenasvídeo de sexo de Osasco heloisa dando o cu para doisContos pornos-botei o bebe pra tomar leite do meu paumulherres nua guiquando na pika do paipunheta da zefacontos com fotos a safadinha da minha entiada queria rola metir nela sem doconto de mulheres negras que fizeram dupla penetracaoCotoerotico de pulisiao trasa com presa tranza.de.maljeito.x.vidiovilma levando rola do barneiconto nehrinha safada mamda empurrar tudo ate o taloxvideos novinha dormindo com irmao comessa provocalo ate ser fodidapunhetamdo no cinema boafodaforsas penis duros domina cu de homemMansinho shortinho atolado bunda corno contosogra linda aprova genro pauzudoDesabafo de uma mae cap Vconto erotico gay viado submisso vira femea do negaoxxxxxxxvideos com professoras de educacao fisicabaixar vídeo das negras de 1413 anos de 12 perdendo a virgindadeconto gay o marrento do bairromulher cagando enquanto dava a bucetaporno mae e filha oubrigada pagar agiotaflagrei as jogadoras de volei transando ate gosarsogro aproveita saidinha de filho e come a noracontos foto peituda amamentadocontos eróticos o branquinho quitandeiromulher infindo.o veitilado na bucetamorenas gordinha peladasei ver o rostofotos de homens negros de pau grande e grosso erteroscontos franco e belinha zoofiliacontos eróticos de lésbicas de coleira e plug analnovinha bududinha querendo um pintaowww vovo adora minha rola preta e chora guodo boto no cu dela porno .comMeu cão ralf me comeu contocontos eroticos de maridos vendo a esposa fuder com outromuleke come buceta na cachoeira sem camisinha na matapassivo inocente e baixinho levando rola enormeminha esposa cavalona e meu tio cacetudo 8linda loirinha chorando no pau do cara e gemendo muito querendo mudar fundo maluquinhacontos sex fui enrrabado na adolescencia e gameimundobicha policial me revistando na estradaPika gotoso na picrita rebatendo babãoxividio cuida e primocontos eroticos nudismochupeicontoscache:FXezWFwrF6IJ:zdorovsreda.ru/texto/2014021511 tomei viagra e istrupei minha amigacontos eróticos envolvendo policial federealarrmbei o cuda mamãe/videos pornoxvideos irmao fragando sua irma deitada pelafa de cochinha e come cu delaContos porno,gostosa transou muito com moto taxixxxxvideos mae bate punlheta pro filhoConto erotico eu e minha mulher no alojamento dos machosHistória de sexoem que filho foi passar protetor na mãe,acabou comendo ela ,contos erótico crente safada contosvídeo porno mulher faz sumi dentro dela penes de quarenta centímetro dentro delaver vídeo com loirinha baixinha sendo destruída por dois néquero ver todos os filme que As Mulheres Ricas pegando a xoxota na cara dos homens com a imagem bem grande e g****** na boca descendo embaixo na boca deletransei com a sobrinha no baile funk contocontos tenho 23cm comi avizinha amiga da minha maexvideo negao arrombando o'cuzinho da novinha caseiro barra da tueno porno 10conto de sexo porno com meu cachorro pastor alrmao fui por racaoconto erotico pica grande e a buceta ficou um vazio e vacuovoleiexcitadoporno negra sitorinha rabu enpinadomorenas prudentinas goza.ndobucetas gosmadascontos de mulheres cochadagostosas com traseiro largo de biquinesbotando o joelhinho em cima da mesa xvideostransa de Roberto gabirobaacabei liberando cu pro primo masnaogayfodendo com maxima velocidade e sem piedade pornorapaz pula fora quando senti que o negao ia empurrar tudovideo porno de homens de sunga e cueca tirando a virgindade da mulher depois gozam em sua vagina filme porno classico brasileiro