Casa dos Contos Eróticos


Click to Download this video!

TIO ORLANDO ME ENRABOU NO MATO – 1

Conforme já registrado nas publicações anteriores, tios era o que não me faltava. Ao todo eram dezenove. Treze, por parte de mãe e seis, por parte de pai .

O relato de hoje será com mais um dos irmãos de papai. Meu amado Tio Orlando, que só não era mais incisivo, direto, desbocado, puteiro e sem vergonha por falta de espaço.

Confesso que, antes de nos tornarmos amantes, amigos e confidentes, tinha MUUUIIITAAAAA preguiça dele. Sentimento, que não só dificultava minha aproximação, como também era minha maior desculpa, para desdenhá-lo, ignorando por completo, seus atributos físicos e intelectuais, que desde meados de 2017, mais do que respeitados, são imensamente admirados por mim.

Tio Orlando, além de me provar, ser um grande parceiro sexual, naturalmente demonstrava-me sua inteligência, que insistia em se esconder atrás de seu peculiar e ácido humor, que muito incompreendido, desagradava a grande maioria das pessoas, na grande maioria das vezes

Definir sua personalidade é bem fácil. Ele é um sujeito, “simplesmente simples”. E seu físico, tanto quanto sua personalidade, pode ser descrito com poucas palavras. Ele é um gigante! Além de ser altão é bem corpulento, o que faz dele um sujeito bem desengonçado e largado. E claro, tanto quanto seu corpo todos os seus membros são igualmente “ENORMES”. Tem um belo rosto barbado e seu corpão é todo peludo, como todos meus outros tios. Pra minha sorte pelos em minha família é o que não falta. Ohhhh genética que me agrada!!!

Nossa estreia, foi bem interessante e sofrida (apenas para mim). Como eu fazia de tudo pra ficar afastado dele, primeiro o destino encaminhou-se de me fazer encontra-lo bem no meio do mato e segundo, sua foi sua astucia e safadeza.

Pouco tempo despois de nos encontrarmos a sós no matagal e percebendo meu medo de répteis, aracnídeos, enfim de animais em geral, o sacana fez a festa com minha situação. Divertiu-se a valer e antes de me torar o rabo, fez-me sofrer por um bom tempo.

Depois de muito se divertir com a cena que eu estava fazendo, devido ao meu pavor e despreparo de sobrinho de cidade grande, começou a me cantar descaradamente, o que em questão de segundos, me deixou subindo pelas paredes, digo pelas árvores de tanto tesão. O sacana me cantou contou com tanta masculinidade, abuso e virilidade, que me entreguei todinho a ele, que percebendo a tempestade de emoções que me provocara, me fez implorar para ser enrabado.

Tudo aconteceu, numa manhã de sábado, na fazenda de vovô. Assim que acordei, dei de cara com Tio Orlando tomando café sozinho na cozinha e na maior má vontade, o cumprimentei?

_ Sua benção, Tio Orlando!!

- Deus lhe abençoes, Rubinho, mas não há nenhuma necessidade de você me pedir a benção todas as vezes que nos encontrarmos no fim de semana. Assim que chegou eu lhe abençoei, antes de ir dormir novamente, agora mais uma vez. Será que é por isso que nunca fala comigo? Meto-lhe tanto medo, que acha que tal cumprimento o protegerá desse BICHO PAPÃO, que acha que sou?? Cuidado, heim sobrinho !!!!. Sabe que bicho papão adora “COMER” as criancinhas não sabe, Rubinho???

_ Tio Orlando era tão insignificante pra mim, nessa época que nem me dei ao trabalho de responder, suas gracinhas, fiz-lhe foi outra pergunta:

- Sabe onde todos se meteram?? Não tem ninguém em casa???

- Foram todos as compras na cidade e eu já estou saindo, seu mal- humoradozinho!!!

- Ok. Me responda apenas mais uma pergunta se puder, tio. Já que estou praticamente sozinho, gostaria aproveitar a manhã para, dar umas voltas à cavalo. Viu o Alazão, por aí?

- É mesmo um filhinho da mamãe de cidade grande né Sr. Rubens. Depois de todos esses anos, visitando seu avó, ainda não sabe que seu cavalo fica lá embaixo, perto das moitas de bambu??? Mas imagina se o principezinho da fazenda vai conseguir descer sozinho até lá sem se perder, não é mesmo??? Se quiser ou melhor se tiver Coragem para tal, é só ir até lá e buscar seu cavalo, De minha parte tenho mais o que fazer. Seu avô me pediu para dar uma desbastada num matagal que cresceu desenfreado bem abaixo do pomar. FUIII !!!! E se resolver ir buscar o Alazão, tome muito cuidado, com as borboletas, formigas e grilos pelo caminho, viu, garotinho da mamãe!!!! Esses monstros são um perigo e podem colocar sua vida em perigo, viu sobrinho??? CUIDADO !!!! Há, há, há...há...há...

Desta vez, ele me tirou do sério. ÔÔÔHHHH SE TIROU!!! Sem responder, mas puto da vida, resolvi que buscaria Alazão, de qualquer forma. E assim o fiz. Acabei de tomar café e fui procurar o cavalo, todo corajoso, crente que seria uma missão bem fácil. Me enganei redondamente, a começar pelo local.

Como tudo que saia da boca de meu tio, eu procurava ignorar, assim que sai da cozinha fiquei em dúvida com o que ele havia me dito;

“ O cavalo está perto do bambuzal, ou no fundo do pomar?” E agora, o que faço??? Bom para chegar no bambuzal, é preciso encara uma enorme descida. Será que cavalos conseguem descer essas ribanceiras??? Não acho impossível, cavalos descerem estes morros inclinados assim!!! Claro que Alazão, só pode estar no fim do pomar. Isso é muito mais lógico. E como os dois lugares, ficam em caminhos opostos, não terei o desprazer de encontrar Tio Orlando, que hoje está pior do que os demais dias. Seu humor não está acido, está azedíssimo. Credo!!!!. Bom deixe-me apressar o passo.

Apostando no local errado, caminhei em direção ao pomar e quando lá cheguei, claro nada do Alazão. Continuei procurando e com minha atenção toda voltada para o cavalo, não me dei conta que estava me embrenhando no meio do mato, que a cada passo dado, só aumentava e quando dei por mim, estava bem no meio do maior matagal do mundo. Confuso e amedrontado, sem saber que animais, selvagens poderiam estar por ali, quanto mais eu queria sair dali, mais eu me enfiava mato adentro. Quando percebi, que estava perdido no meio dos infinitos arbustos e árvores, que pareciam ser todas iguais, apavorado, comecei a rezar e a gritar por socorro.

Pouco tempo depois, pensei que Deus tinha ouvido minhas preces e enviara um anjo para me resgatar, mas quem, em instantes estava bem na minha frente, não era nenhum enviado do “Senhor”, mas o capetinha de meu Tio Orlando, em carne osso e enxofre.

- Olha só, quem é que eu encontrei por essas bandas. Meu Deus!!! Estava com muitas saudades do titio, Rubinho, ou está procurando um Shopping???

- Por favor, tio!!! Me tire daqui, logo??? Este lugar deve estar repleto de cobras, aranhas, escorpiões... Por favor, tio!!! Me ajude a sair desse lugar!!!

- Está com medo, Rubinho??? Dizem que esse pomar é a casa de uma serpente super venenosa de quatro cabeças e que cada uma delas, também tem quatro metros. Dizem ainda, que ela só ataca quando sente cheiro de medo. E parece que meu sobrinho, está se borrando todo, não é mesmo??? Acho que sem “cobra”, você não fica hoje, Rubinho!!!

- Não brinque assim Tio, estamos nos arriscando muito aqui. Imagine se eu for picado por um animal peçonhento, até chegarmos na cidade, atrás do antídoto, correrei risco de morte, sabia. E a responsabilidade será toda sua!!!! Me ajude, pelo amor de Deus, tio!!!

- Pelo que posso perceber, realmente você corre um grande risco de ser “picado” hoje!!! Bicho com “FERRÃO GRANDE” é o que não vai te faltar por aqui, sobrinho. Isso lhe garanto!!! Nunca foi “FERROADO”, Rubinho???

Fiquei tão nervoso e neurótico, que minha respiração se acelerou violentamente, e minhas pernas foram bambeando, bambeando ...

- Por favor tio Orlando!!! Está me deixando tão nervoso, que não estou sentindo minhas pernas, acho que vou desmai....

Sem deixar meu corpo cair, meu tio tomou-me em seus braços e cuidadosamente retirou-me do meio daquele imenso e denso matagal, levando-me para uma pequena clareira, próxima de onde estávamos.

Assim que lá chegamos, Tio Orlando, sentou-se no chão sem me tirar de seu enorme colo, ficou me olhando e alisando meu rosto, até que despertei e percebi, que não mais me encontrava dentro daquela assustadora moita de mato nativo, que tanto me estressara. Olhando bem dentro de seus olhos que fitavam os meus sem parar, um sentimento diferente e delicioso preencheu-me por completo, fazendo meu corpo se aconchegar mis ainda para junto de seu enorme e peludo tórax, que exalava um odor de macho com uma fúria inebriante, que amoleceu meu coração e acordou meu cu imediatamente. Tonto e hipnotizado pela cena, comecei a agradecer-lhe:

-- Muito obrigado, tio!!! Se não fosse pelo senhor, nem sei o que seria de mim!!!

Apertando-me contra seu peito e penetrando minha boca sedenta com sua experiente e extensa língua, fui do céu ao inferno, diversas vezes. Quanto mais ele balançava sua língua dentro de minha boca, mais entregue eu ficava e percebia sua fervura interior. Depois de nosso longo beijo, voltou a me encarar e de acordo com sua natureza deliciosamente depravada, começou a me tesar verbalmente, pra ter certeza que poderia fazer o que quisesse comigo:

- E aí safado??? Como é que seu cuzinho está??? Fale pro tio ???? Aposto que está piscando sem parar, só esperando a rolona do tio. Acertei, Rubinho???? Ele é cabeludinho??? É Rubinho? Fale dele pro titio!!! Fale, sobrinho!!!!

- AAAAIIIIII TTTTIIOOOO!!! DESSE JEITO VAI ACABAR COMIGO, GOSTOSSSÃAAAOOOOO!!! A portinha de meu buraquinho, é toda circulada por cabelinhos bem lisinho e pretinhos, pretinhos!!! Ele também é muito gulosinho e está morrendo de fome. Doidinho para mastigar seu melão, que deve estra cheinho, cheinho de caldo para saciá-lo. Já quer experimentá-lo, titio??? Se quiser, te dou ele agorinha mesmo, QUER TITIO ??? QUER FODER ELE, BEM GOSTOZINHO !!!! QUER ????

A partir desse momento, virei um joguete em suas mãos. Tio Orlando, não querendo apenas me enrabar, mas sim que eu virasse sócio de carteirinha de seu caralho, me seduziu de tal maneira que rapidamente já estava lhe oferecendo meu cu, que foi por ele recusado de propósito, até me ver completamente desesperado de desejo, implorando para ter meu “toba” torado, pelo seu grande, gordo e cabeludo tronc .....

CONTINUA ....

Comentários

17/04/2018 18:53:21
Eu tenho poucos meses lendo contos nesse site, vejo tantas histórias incestuosas que as vezes acho que não é real. Seu conto é verídico? De uma forma ou outra está bem digitado e muito picante. DEZ
17/04/2018 12:50:23
Quem me dera um tio assim! #delícia! Fiquei morrendo de tesão.
16/04/2018 23:21:42
HUMMMMMMMMMMMMMMMM TIO ORLANDO SAFADO. HUMMMMMMMMMMMM RUBINHO SAFADO. QUEM DESDENHA QUER MUITO COMPRAR.

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


vir minha sogra toda sex e acabei pequerando e fiz sexo com sograXIV filme pornô transando com toalhaasxxxxxcomcontos gay viadinho aproveitando do molequeamulher .que cachorro arrebento. abuceta dela com....um . nomama no caralho quando conduzo video pornoO q uza na odor na vajina da mulherDuda senta na cabeça do pau do filho e dá uma reboladinhaxvideo praguinha com pau grandemtk contos eroticos coisas do destino capitulo 1cracuda sapecacontos eroticos entre jovens irmaos gemeosbrechei a vizinhança tranzanopornodoido com gay selvajem fazendo malvadezaxxvibeo com a calsa apertada fudeno com novinhopornodoido fodindo uma policia femininaSou bi e sou louco pra d o c pro meu primoxnxx Gleice novinha de Ipatingacontos corno grupal"padre não é homem"conto bi fiz meu marido chupar a rola do meu ambntevideo porno amador novinha menstruada usando absorvente externo com lubrificantexvideo comendo a escrava fujona no troncocontos apalpando sogra perto do sogropenis estrondoso de grande comendo cu xvideoconhada batendo ponheta escodidaContos eróticos Trasei com amigas da minha namoradadei meu cu e tava bom pornomeu esposoqueria ver outro me comendi xpirn.xvideo tadinha papai socou até a mão na buceta delamolestando a filhinha inocente....passando a mao na bucetinha de calcibha..esfregando a rola ate gozarmadrasta fagar estado batedor punhetacunhada e esposa admiradas com o tamanho da piroca do cunhado pauzudo,contos e relatos eroticospeladacamisinhacontoerotico eu,namorada, minha mae e tio jorgeconto fui estuprada por pauzudoQuero trsnsar com o Adinlson meu padrastocontos roludo arregaçando recem casadinhadescabaço a baixinhaFoto do cara cumendo a mae do melhor amigo na picina do motelcontos eroticos minha amiga travestris abuso de mim bebadapai mae filho filha pelados contos eroticos com fotosler conto erotico meu delegadocasada.comcrente dando pro.comvelho.contoporno-fodas no quarto e o vinnho malrevezamento minhabunda casadacastigando a irma conto eroticotransou q suou xxvideosvideos porno pai e filha novinha viperinavelhos pintudos andando na praia nudistas videoscontoerotico meu tio e minha namorada fudendovidio corno mulher pedio aregofudeno com a esposa do do meo melhor amigo em pornobrasileromulher dentro da cabine dentro de uma boate tomando picada no homem fazendo fila comendo elasnovilhas rebelados no pauxvideo mulher passa por baixo da corda e arrebenta maiorcimendo ni motel conto erotico zdqual bumbum mais Bate Cabelo morena branquinha loirinha novinha com a bunda bate a bunda pulacontos erotikos menina novinha troca os cabacos por docesmulequespauzudohttp://googleweblight.com/?lite_url=http://zdorovsreda.ru/texto/201704806&ei=_0aBEb6K&lc=pt-BR&s=1&m=634&host=www.google.com.br&f=1&gl=br&q=Pau++duro+na+faculdade+contos&ts=1529504784&sig=APs-2GzCmlxT5NOyYHf8rjml4wEkkGVKRgxvideo gay transa estrupocu peludonegras lesbicas fazendo tribadismo cabeca vs cabeca c clitorisFilha dormindo debruço o pai montou em cima e comer uma bundinha vendo pai comendo contos pornôs mulheres lindas e muito gostosas que seus maridos liberaram para seus amigos que tem um pau bem grandeensopando o cuzinho com gelPorno contos familia incestuosas ninfetinhas comecando cedocontoseroticos maninho nao faz vai doexvideo novinha foi nacass do tio emeu filho me faz de puta capitulo 8 e 9 relato eroticodotado esculachou o cu da sogra velhinhaconheci uma bichinha com bundinha arrebitada e comihomens de porrete duro Xvideosvideo porno transando mexendo se esfregando fazendo coceira dentrocontos de zoofilia com porcoconto erotico de urso motoqueiro aregaçando o novinho saradinhoconto erotico huntergirls71conto brincando proibido pras meninasIncesto- Irmão brutamontes se apaixona loucamente pelo irmãozinho gay casadoscontosconto eroticos esposa era certinhaMeu cão ralf me comeu contoxvideo frestinhoma pascoa que a novinha nao vai esquecer  costos eroticos madrasta come cu de enteado com pintomulheres brincando com penis so na portinhapega transando tekinhaContos com fotos velhos fudedores chupadorescara batendo punheta com sabonetes lambuzando a rola com sabonete e batendo punhetaporno pai violenta filha de shortinho curto nosofareu confesso minha esposa voltou toda arrombada e gozadacontos reais casada com leite nos seiossamara tirando a virgindade da bucetacontos eroticos mamae subjugada