Casa dos Contos Eróticos


Click to this video!

Minha segunda vez e usando salto alto

Um conto erótico de Gabí
Categoria: Homossexual
Data: 15/04/2018 22:57:20
Nota 9.50

Olá pessoal, hoje vou contar como que eu tive a minha segunda relação com um cara.rnUns meses depois que eu havia dado pela primeira vez e única eu fiquei muito pensativo se eu estava virando gay, mas eu ainda gostava de mulher. Eram apenas momentos onde eu me tornava uma fêmea mas apás a masturbação aquilo passava e eu voltava a ser o homem que eu era.rnMinha ex havia terminado comigo a uns 4 anos e namorava um cara (vou chamar de Vinicius) a 2 anos e meio, 3 anos. Ele era tamanho médio, fazia educação física e malhava sempre. Mas pelo fato de ele ser o atual da minha ex não nos dávamos muito bem por este motivo. Nunca haviamos nos falado, porém pelo acontecido não haviamos motivos para nos falarmos. Era uma sexta-feira e meus pais haviam ido viajar para a Argentina e fiquei uma semana sozinho na minha casa, e com o carro na garagem com tanque cheio. Saí como de praxe de casa com o carro e parei tomar umas cervejas num posto de gasolina aqui da cidade. Encontrei uns 3 ou quatro amigos, ficamos bebendo, falando de mulher, até que decidi deixa-los e sair dar uma volta porque percebi que se eu ficasse ali não iria pegar ninguém, pois eles são meio mal vistos pela mulherada. Subi no carro e saí dar uma volta e estava pela pista da direita, devagarinho. Quando me aproximei de uma lombada, fui passar mais de lado, virando o volante (o carro dos pais não é rebaixado, mas as vezes eu faço isso sá de brincadeira). QUando eu entrei na outra pista com o carro passando na lombada, veio um celta vermelho insulfilmado rapidamente pela outra faixa, freou mas nao conseguiu evitar a batida (ele estava rápido porque a faixa da esquerda passa mais carros e a lombada é menor, dá pra passar rápido mesmo). Quando eu bati percebi que era o meu erro e fiquei tremendo achando que poderia aparecer um policial ou mesmo o cara sair me descendo a porrada. Quando sai do carro, vi que o meu tinha amassado a porta um pouco, quebrado lanterna e riscado um pouco do capô. Do outro cara tinha quebrado a lanterna tambem, porta amassou bastante. Quando vi percebi que era o atual da minha ex. Ele me viu, abaixou a cabeça e fez sinal de negativo balançando a cabeça e disse: você sabe que a culpa é tua né? Eu disse que sabia e que iria pagar tudo. Como ele não tinha bebido queria chamar a polícia, mas eu disse que eu iria pagar e convidei para irmos para a minha casa para que a gente conversasse mais. Ele foi muito camarada em aceitar e darmos o fora dali logo, pois poderia me ferrar e não o fez. Falei para me seguir e fomos por caminhos meio desertos até que colocamos os carros na garagem. Acendi a luz para que possamos ver o estrago e concluimos que iria dar de 2 a 4 mil reais os dois, acordo nosso que eu tive que pagar. Convidei gentilmente a entrar. Ele estava com uma bermuda curtinha preta, camiseta branca, luva de academia e um tenis. Ficamos conversando um pouco e ofereci uma cerjeva, ele disse que não bebia cerveja sá whisky ou vodka. Tinha um Red Label aberto em minha casa do meu pai e duas latas de Red Bull, onde servi com umas pedras de gelo para mim e para ele. Nesta hora ficou um clima estranho, eu servindo o namorado da minha ex, na minha casa, mas pelo embalo das cervejas do posto eu havia me soltado e perdido a vergonha. Sentamos na sala num sofá de 3 lugares, ele numa ponta e eu na outra e estava passando UFC, ou seja, assunto a gente até que tinha. Depois do segundo copo, perdi a timidez e acabei perguntando sobre a namorada dele, se ela estava bem, o que estava fazendo da vida, como estava o namoro. Ele achou um pouco estranho mas comentou que estava bem, mas a vida sexual deles não ia muito bem, pois ela era da igreja e dava muito raramente, por ser pecado e essas viadagens que a igreja impõe (eu não tinha chego a comer ela, namoramos por 8 meses e nada, sá uma chupeta). Eu falei pra ele que nunca tinha feito nada com ela porque a respeitava muito então queria fazer quando ela quisesse, mas ele disse que acabou forçando a barra com ela, conseguiu comer algumas vezes mas agora ela estava meio indecisa e suspendeu as fodas com ele. Disse: mas nem uma chupetinha? Ele: Raramente, estou subindo as paredes para que chupem meu cacete. Eu ri e como ele tem um sorriso lindo e é o meu tipo joguei no ar dizendo que já havia feito uma vez e a pessoa tinha gostado. Ele ficou espantado mas logo fez uma carinha de safado e falou que eu estava sendo desafiado a chupar ele melhor que a namorada dele. Eu falei que topava, mas que isso sá ficasse entre a gente. Ele disse que tudo bem. Falei pra esperar que já voltava. Fui até o quarto, peguei uma calcinha de tigresa fio dental da minha irmã e o sutiã tambem de tigresa (ficou apertado), vesti uma calça leg de academia da minha irmã, que ficou bem coladinha do meu corpo, um top branco transparente que fazia aparecer meu sutiã, coloquei uma sandália salto alto transparente que impinou minha bundinha, passei rimel, delineador e um batonzinho. Entao quando eu apareci ele ficou louco e disse que eu tava LINDA, que não estava acreditando. Então eu me ajoelhei no meio das suas pernas fiquei passando as mãos no peitoral dele e ele não acreditava, fazia força para olhar a marca da calcinha na leg e ficava louco. Seu pau já estav durasso e comecei a alisar as coxas dele. Nesse momento o meu começou a ficar duro, mas naquela leg não deu pra esconder. Ele disse: olha sá, o ex da minha namorada está ficando de pau duro por passar a mão nele. Eu disse que ele era gostoso e que ela tem muita sorte em ter trocado eu por ele. Ele sorriu. Então decidi encarar o pau dele e abaixei a bermuda, mas logo ele tirou com a mao e jogou num canto. Cueca linda branca, fiz questão de beijar com meu batom e deixei a marca de batom no cacete dele. Ele adorou! Então abaixei lentamente a cueca dele e saltou um pau lindo pra fora, com uma gotinha de pré-gozo. Encostei a língua nessa gotinha e tirei a língua, formando um fio. Era um pouco maior que o meu, cabeça vermelha, grande, macia, quente, com muitas veias. Tirei o resto da cueca com a boca e joguei longe. Fiquei tocando uma bem devagarinho pra ele e ele me incentivava, falava que eu estava gostosa, que eu era uma delícia. Abocanhei aquela beleza e começei bem devagarinho. Ele logo pois as mãos em volta da minha cabeça e começou a forçar. Ia até a metade mas ele queria mais. Disse para parar mas ele não parava, queria me foder a boca e falava que eu chupava melhor que a namorada dele. Eu parei e falei que era sério, pra deixar eu fazer o meu trabalho. Ele disse que ia comer a minha boca então eu fui até meu quarto e peguei uma algema de brinquedo (mas muito resistente) e falei que iria prender ele com as mãos pra trás. Ele disse que tinha adorado se sentir preso. Coloquei os braços dele pra tras e prendi. Assim pude fazer o meu trabalho do jeito que eu gosto. Chupei o seu saco, ele gritava de tesão, chupava com vontade, fazendo verter sangue quase do seu cacete, chupava e babava muito! Queria era sentar naquele pau, mas eu tinha que me controlar. Fiquei uns 20 minutos chupando e ele disse que não aguentava mais e que minha boca era deliciosa e que iria gozar. Aumentei o ritmo, fiz mais sucção, apertei mais a minha boca e preparei a garganta para receber aquele néctar. E assim aconteceu. Ele começou a berrar, com as mãos presas pra trás e eu comandando tudo. Gozou uns 8 jatos direto na minha garganta onde fiz questão de engolir tudo e deixar tudo limpinho. Ele me olhou e disse que nunca a sua namorada havia deixado ele fazer isso e que era o sonho dele, disse que então eu havia realizado o seu sonho. Liberei ele, ele gostou demais da minha chupada e falou que realmente é muito boa, mas com toda aquela roupa ele achava que eu não queria parar por ali sá. Eu disse: com certeza não. Então ele deu uma risadinha, ficamos em pé e eu me apoiei no sofá e ele ficou esfregando a pica dele dura ainda (não abaixou devido a gozada) na minha calça. Deu um tapa na minha bunda que eu adorei e disse que delicia você é, tua bunda é melhor que a da nossa namorada! Fiquei feliz e dei um sorrisinho. Ele ficou esfregando em mim e pegou no meu peito e começou a passar a barbicha na minha nuca e a fungar. Vendo que eu fechei os olhos ele disse: a minha putinha tá gostando é? eu: muito! Meu pau tá durasso! Incrivelmente ele pegou com tudo no meu cacete e começou a bater uma pra mim, por cima da calça! Eu delirei! Ele tirou meu top e fiquei de calça, sandália, e sutiã de oncinha. Me virei e disse pra ele tirar minha calça. Ele teve que se ajoelhar pra tirar e ficou com a sua cara bem na minha pica. Quando abaixou a calça, meu pau pulou pra fora e ele ficou olhando ipnotizado. Perguntei se tinha gostado ele disse que era bonito mas estava ali pra outra coisa. Tirou minha calça e fiquei sá de conjunto de tigresa e salto e ele sem nada. Peguei KY e dei pra ele e entendeu o recado. Fiquei de 4 no sofá e ele puxou pro lado a calcinha e enfiou um dedo com KY. Falei pra ele ir com cuidado que eu era quase virgem. Ele disse: ah então minha putinha não é mais virgem do cuzinho é? Falei que tinha dado pela primeira vez a alguns meses. De repente ele coloca dois dedos com muito ky e começa a deslizar para dentro de mim, enquanto com a outra mao ele bate uma pra ele e eu com a minha direita bato uma pra mim. Eu gemia de olhos fechados e gemi mais quando ele colocou o terceiro dedo e falou que meu cu era muito delicioso e quente e que ele iria adorar. Ele tirou os dedos, pegou uma camisinha que ele tinha e disse: Essa eu guardo a tempo, mas sabe como é ela né (se referindo a que ela não dava). Sorri e mandei ele por logo que queria que ele me comesse de quatro. Ele foi a loucura e tirou meu fio dental e top, ficando sá de sandália. Assim que terminou de vestir a camisinha veio na minha direção e disse: já que a minha namorada não me dá, eu como o ex dela. Eu ri e disse: espero que goste! Ele encostou a cabeça quente no meu rabinho e eu afundei a cara no travesseiro. Ele pressionou com firmeza, mas devagarinho foi entrando. Uma hora pedi pra parar e ele parou, alisou a minha bunda, me elogiou e continuou. Foi entrando entrando tudo até que senti seu saco na minha bunda e ele disse: aguentou tudinho hein! Eu senti que meu cu estava no máximo e o pau dele estava justinho em mim, parecia ter sido feito pra mim aquele pau. Ele ficou parado um pouco esperando que eu me acostumasse e dei o OK pra ele ir, mas devagar. Ele começou tirar bem pouco e colocava bem pouco e bem devagar. Meu pau não amoleceu com a entrada dele, por sinal ficou ainda mais duro. Ele começou a tirar e me puxava pelas ancas fazendo com que escorregasse tudo pra dentro de mim. Ele começou a me dar tapas na bunda e falar que meu cu era uma delícia, que eu era sua putinha já que a namorada dele não era. Começou a bombar forte e eu sentia muito tesao, olhei pra meu pau e ele babava uma gosma que ia do meu pau até o sofá! Fiquei com uns 40 graus, estava uma delícia tudo aquilo quando sugeri pra ele sentar sem me tirar de dentro. Então ele me pegou pela cintura, me girou e ficou sentado no sofá. Eu usei o encosto dele pra me impulsionar com os braços e os pés no salto no sofá me ajudaram no entra e sai. Fiz questão de fazer bonito, já que a namorada dele e ex minha sá queria saber de ficar nos beijinhos. O meu cu é curvo pra trás então adaptava certinho no pau dele. Ele segurava as minhas ancar e puxava e sá parava quando estava tudo dentro. Eu gemia como uma cadela no cio e ele como um boi reprodutor. Eu falava: Veja seu pau sendo engolido pela minha bundinha, no salto alto! Coisa que nunca teremos com a nossa namorada! Ele concordou e achava tudo lindo! Uma hora sentei nele o máximo que pude e ainda puxei para os lados a minha bunda pra sentir ele beem dentro de mim! Eu falei que era uma delícia sentir ele bem fundo em mim e falei que ele deveria sentir o mesmo (porque percebi que ele tinha olhado fixamente pro meu pau) ele ficou quieto e percebi que daquele jeito eu não iria gozar. Enterrei o pau dele no meu cu e girei, ficando com o pau dele curvado para a minha prástata, massageando ela. Ele viu que meu pau babava muito e escorria até o início da cabeça. Fiquei abraçado nele subindo e descendo com a ajuda do encosto e dos saltos e perguntei se ele já havia visto um pau gozar com outro enterrado no cu. Ele disse que não, então perguntei: quer ver? Ele disse que sim. Então fiquei um pouco mais pra trás numa posição que sentia que a cabeça dele massageava a minha prástata e mandei ver. Eu gemia muito e pedi pra ele gemer pra me incentivar. Ele abria a minha bunda no meio e puxava ela pra si e eu cada vez mais rápido roçando aquela cabeça linda e quente dentro de mim quando eu solto um urro e gozo muuito mesmo, muito mais que ele! Um dos jatos atingiu o queixo dele mas ele estava tão impressionado que nem percebeu. Minha barriga se encheu de porra, meu umbigo transbordou. Ele vendo o meu estado de excitação ficou impressionado e disse: caralho, como você fez isso sá com um pau enterrado no cu? Como percebi que ele não havia gozado sugeri tentar. Ele demorou pra pensar e disse que queria tentar com a sandália no pé dele, porque ele via a namorada dele e achava um tesão! Pronto, tinhamos dois viadinhos! Saí do pau dele, duro como pedra e senti um vazio dentro de mim. Me limpei, tirei a minha sandália e calcei nele. Pedi pra ele andar um pouco, bem sem jeito ele andou e ficou se masturbando sem camisinha o tempo todo. Eu consegui me reestabelecer do gozo e deixar meu pau duro de novo e falei pra ele deitar no sofá com os pés pra cima, o que fez de imediato. Comecei com o KY com um dedo, depois dois (foi difícil mas agradando o pau dele foi tranquilo) e três. Cuzinho era mais folgado que o meu, desconfio que tenha dado mais que eu, mas não quis perguntar. Peguei uma camisinha, puis no meu pau e algemei ele com as mãos pra trás e disse que ele iria ver o que era gozar sem tocar no pau. Encostei na portinha dele, coloquei os pés no meu ombro e quando comecei a forçar meu pau deu um pulo pra dentro! Aquele carinha não era virgem do cu nem aqui nem na China! Ele deu um gemido delicioso de ouvir e eu esperei um pouco ele se acostumar, elogiei ele, bati uma rápida pra ele e comecei a tirar e por. Tirava tudo e socava tudo já no início e ele adorava! Fiquei numa posição que a minha cabeça roçava a prástata dele e quando ele sentiu que era isso que faltava ele soltou um gemido como quem diz: "achou meu ponto G! Manda ver!" Insisti ali porque sabia que havia achado a sua prástata e continuei, rapidamente a socar naquele rabinho quente. Ele estava em transe, algemado, com os pés pra cima e com o pau durasso. Ambos gemendo muito, eu entrava e saía muito! De repente ouço ele gemer mais alto e mais longo, se contorceu um pouco e ficou tremendo, enquanto do seu pau jorrava jatos e jatos de porra. Ele virava os olhos e a cada jato meu pau era comprimido por seu lindo cuzinho e sua prástata ficava mais rígida.FUi diminuindo as estocadas e ele abriu os olhos, sorrindo e disse que aquela havia sido a melhor gozada da vida dele. Saí de dentro dele e havia um pouco de sangue no cuzinho dele, mas nem falei nada. Ele se vestiu, falou que eu era bem diferente do que havia conhecido e combinamos de nos ver mais algumas vezes. Acabei pagando o conserto do carro dele de outra forma, e por eu ter mostrado aquilo pra ele, ele acabou pagando o dele e eu o meu. Meu e-mail [email protected]

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
16/04/2018 21:10:51
Bom




Online porn video at mobile phone


enfiou o nariz no cu da pưta com a buceta gozadaxvideos palácio branquinho enfiando na buceta gostosa carnuda sair saigui depois de dar abicetaXVídeos padrasto batendo p****** sendo assim sendo trocados pela bocaconto erotico ela passou a lingua na.minha buceta do grelo ate o.buraco da.vagina e enfiou a linguaGoroto ele é virgem e pai agara o pau do garoto conto eroticonaninha xvidiosconto erotico despedida solteiraMeu cão ralf me comeu contovídeo porno gay sensualismo mundobicha.comsexo com a ima e u comlhadoboquinha lizinha vidioo tarado do negao quis enfiar no meu olho enrugado MemAma mamei gota gostei mais agora eu to em outraminha esposa ela me disse pra eu fuder ela e minha amante elas duas juntas eu levei minha amante pra minha casa eu apresentei minha amante pra minha esposa eu e minha esposa e minha amante fomos pro quarto eu fudi elas duas juntas conto eróticotirando o cebinho da cetinha com a linguacache:FXezWFwrF6IJ:zdorovsreda.ru/texto/2014021511 contos eróticos pular pulaporno sogru peganu tu nora a forsamacho cheira pica homem ensebadaeu cuido da buceta e ele quer meu cux video .com subrinha pai deguaxvídeos haveria sobrinho pega tia dormindo com o c* dela da salsichaporno mulher chamando o marido de corno chifrudo pinto mole falado palavrao nuacontos eroticos suruba no exercitocontos gays de incestos.com- pai machão dominad come filhomenino passivinho gayporno pai violenta filha de shortinho curto nosofardopei ela e fodi gostoso x video Vanessa contos eroticos gay chule gostoso do irmao do meu pai epai gostosoconto o corno manda faze uma tatuage na buceta da minhermorena de shortinho esfregando a Rosa do povo'conto eróticopai colocar velho pra chupá buceta da filhaContos picantes ainda virgem fui abusada por um entregador velhohttp://esposas perdendo a virgindade com seus maridos: contos eróticosvídeo pornô caseiro sabor chupança buchorapaz passa oleo no cu grande da loira empura a bica ate gozareptar casa dos contoscontos fudendo a Vera, a Janara e chupando a buceta da sophiaestrupei minha irma na cama do nossos paisLiloca Fodendo muito Duro Emposicoesmulhre pelada rezei ponocontos neta da minha vizinhaHomem com pau grosso descabaça a filha dormindo contos eróticoseu chorei pedi pra parar mas ele metia contoXvideos shortinhos desfiadinhossafada nao aguentou cu beromeu tio roludo arregaçou minha jovem esposa rabudacomendo espósa .e entiada contos com fotosmacho comendo cu de outromachoxvidioPorno contos pais e maes iniciando suas meninas no incesto com carinho e muito gozoconto erotico gay amou minha bundaconto gay comecei a vestir calcinha da minha irmaxvideos so12aninhosTravestis gemendo com guaizinho xvideospega transando tekinhaconto dupla penetracaoe possível ter.orgasmo quando estiver engatado com cachorronovinhas.abrir.buzentapai cheira a cueca do filho com gozoir:ma virge fudendo com irmao do piru gigamtecontos de mulheres de legging so bucetaoporno aaii taduedo seu pau e groso ei fia tudo gosa ladentro eu quero caga sua porracontos de boquete bom de primos e primas novinhosmulheres de 28 anos com muito tesão só puxa calcinha de lado pró kidbengala metexvideoa baxinhas de camisolarcomo encostar o penis no clitorisporno levou finha poamigoos melhores minetes com o caralhinho no cu pornowww.xvideos festas esposa branguinha mini saia preta corno manda amigo da drnks e sexohttp://contos eroticos rasgaram minha buceta e meu cu branqueloContos eroticos eu e minha amiga viramos putinhas desde pequeninhaxvideos careca comendo cuzinho da magrinha sem pena a fujonaXvideos dp com safada pedindo pra emporrar com forçadois menino se arretando gemendomuinto na sua primera veza mao que balança a bengacontos eroticos A Dama e o Bruto ruıva se mastu e goża muitoxxvideo convite discreto amadorx vudeos amador ficou asustado cuando sentiu aporra quente dentro da bucetaxvideos sheila bordel novelavideo do palaso quemoziGAROTOS CHANTAGEADOS DAM A BUNDA AOS PRIMOS XVIDEOconto eu so tinha dez aninhos e meu tio ja chupava minha xoxota que era carnudinha eu ia a loucurairma ver a outra de calcinha e quer chupar elaContosporno natieli gozando na pica grossa do negao pauzudocache:LX1yfsMaqggJ:zdorovsreda.ru/texto/201504548 contoerotico eu,namorada, minha mae e tio jorgeEroticoscontos.com /casadas 25cm duplxvideos coroa falano pro moso gue gue metepadastro poen pau na boca da menininhosexo pozicao mamaeve papi pornodoidocomeinha buceta to com tesãopornodoido com gay selvajem fazendo malvadezaolhando a vizinha gostosa de shortinho depois pula o muro e mete a piroca na vizinhaContos erotico meu primo fodeu minha esposa de calsa legg branca