Submisso à minha prima 3


Click to Download this video!
Um conto erótico de Submisso
Categoria: Heterossexual
Data: 20/01/2018 01:22:31
Nota 8.67

Depois de ter fodido pela primeira vez a minha dona, dormimos juntos de conchinha, ela dormiu muito rápido, acho que ela estava meio bebada e cansada do baile funk, eu demorei mais pra dormir, como nois estávamos de colchicina a bunda dela tava roçando no meu pau, eu fiquei de pau duro e encaixei ele entre as nádegas dela é comecei a fazer o movimento de vai-e-vem, ela de mexeu, mas na hora nem liguei só queria gozar, "vem goza na minha boca", nossa fiquei com um tesão, levantei e levei na. Boca dela pra ela chupar, ela deu 3 sugadas e jorrei muita porra na boquinha dela ela engoliu tudinho, ainda beijei ela, cansado fui dormir, com o meu pau melado ainda botei no cuzinho dela, mas ela falou que iriamos fazer isso amanhã, obedeci e dormimos.

Acordei e ela tava na minha frente pelada passando batom olhando pra mim, "vem cá cachorro, vem fazer a dona feliz", sai da cama fiquei de joelhos e comecei a chupar a xota dela, ela tinha depilado tava lisinha, chupei como sempre fazia, ela gozou na minha boca, ela olhou pra mim "você tá sendo um cachorro melhor de que qualquer homem ai fora" ela virou e botou a bunda na minha deixando eu cheirar o cuzinho dela, fiquei com tesão muito grande, era como se eu recebesse um presente de Deus quando ela tinha falado aquilo, eu levantei a "pata" como sempre fazia quando queria falar, "fala", como eu tava de pau muito duro, decidi ser um pouco ousado e pedir " a dona pode me fazer gozar, eu tô com muito tesão", "tás querendo ser castigado né, mas como eu tô de bom humor foi fazer isso por você, levanta", ela começou a esfregar a bunda no meu pau, rebolava parecia que tava no show de funk, ela mandou pra avisar quando eu tava pouco antes de gozar, avisei e ela parou cuspiu no meuSubmisso a prima 3

Depois de ter fodido pela primeira vez a minha dona, dormimos juntos de conchinha, ela dormiu muito rápido, acho que ela estava meio bebada e cansada do baile funk, eu demorei mais pra dormir, como nois estávamos de colchicina a bunda dela tava roçando no meu pau, eu fiquei de pau duro e encaixei ele entre as nádegas dela é comecei a fazer o movimento de vai-e-vem, ela de mexeu, mas na hora nem liguei só queria gozar, "vem goza na minha boca", nossa fiquei com um tesão, levantei e levei na. Boca dela pra ela chupar, ela deu 3 sugadas e jorrei muita porra na boquinha dela ela engoliu tudinho, ainda beijei ela, cansado fui dormir, com o meu pau melado ainda botei no cuzinho dela, mas ela falou que iriamos fazer isso amanhã, obedeci e dormimos.

Acordei ela tava na minha frente passando batom olhando pra mim, "vem fazer sua dona feliz", fiquei de joelhos e comecei a chupar a xota dela, chupei até ela gozar na minha boca,"você está sendo um cachorro melhor que qualquer homem por aí" ela se virou e botou o cuzinho na minha cara, fiquei cheirando e pensando no que ela tinha falado, a cada vez que eu pensava com mais tesão eu ficava, eu levantei a "pata" como sempre fazia quando queria falar, "que foi", "a dona pode me fazer gozar?", Arrisquei, "tás muito ousado cachorro, mas como tô de bom humor vou fazer, levanta", levantei e ela começou a esfregar a bunda dela contra meu pau, ela mandou avisar quando fosse gozar, fiz como ela mandou, quando avisei ela parou, e cuspiu no meu pau, e esfregou no cuzinho dela, mandou eu gozar dentro dela, forcei, dei 2 bombada e gozei, eu adorava meter no cuzinho dela, e ela amava fazer anal, tirei o pau, e ela mandou eu me ajoelhar e abrir a boca, quando fiz isso ela botou o cuzinho na minha boca, e todo leitinho que eu tinha jorrado nela, voltou pra mim, "se o cachorrinho, quer algo vai ter que arcar com as consequências", depois disso fomos tomar banho.

Deu meio dia, e a campainha toca, "quem tá aí é a tua outra prima, vou te apresentar pra ela, então se comporta", concordei e ela mandou eu fica na varanda, passou uns 20 minutos, começo a ouvir as duas conversarem no quarto, "meu namorado é um merda, ele odeia fazer oral, fala que dói a língua e que não dá prazer pra ele", "mana ainda bem que tu falou isso, já imaginou tu ter alguém pra fazer tudo que tu manda, tipo um escravo sexual?", "Não, nunca pensei na verdade, mas seria legal, porque isso do nada?","Eu tenho exatamente isso, um escravo sexual, ou como eu chamo meu cachorrinho",eu tava muito nervoso, não sabia qual reação ia ser a dela, "vem cá cachorro", eu saí e fui pra frente das duas de joelhos e de olho fechado não queria ver o que ia acontecer, "Primo????, Que merda é essa mana, o primo é teu escravo??", "Sim kk, mas ele não é meu primo, agora ele é meu cachorro, e ele me chama de dona não é?", "Sim minha dona", "que merda mana, vou pro meu quarto", olhei pra minha dona e ela parecia que já estava esperando essa reação "parece que eu estava certa, ela vai te querer", eu sem entender e ela tinha visto minha duvida, "se ela não quisesse ela teria falado que essa idéia não seria legal, seu idiota", não tinha pensado nisso mas era verdade, ela queria alguém pra chupar ela, e eu estava a disposição.

Era 4hrs da tarde, minha dona pediu pra chupar ela, comecei a chupar, mas percebi que os gemidos dela que eram relativamente altos, ficaram mais, mas logo me toquei o porquê disso, ela queria fazer minha outra prima ouvir e se interessar, ela gozou na minha boca como sempre, quando terminamos era final de tarde e ela, falou que ia sair com os amigos e ia voltar antes da meia noite, e que era pra eu ficar preparado que com certeza a outra iria vir me procurar, ela saiu e eu fiquei no quarto esperando por 1hr mais ou menos, e ouvi os passos no corredor, a porta abriu e era ela, "então decidi te usar, ela me disse três coisas, 1 tua era muito bom e chupar, 2 adora cheirar o cuzinho e 3 adora anal, vamos ver se você é bom mesmo" fui na direção dela, ela estava de vestido longo, fui pra debaixo do vestido, ela já estava preparada, sem calcinha, fui de boca na buceta dela, era xota de sanduíche, ela gozou muito rápido, continuei chupando, ela mandou eu sair, sair debaixo do vestido meio sem entender, "você é bom mesmo vamo transar, ela também disse que você tem um bom brinquedo aí", ela tirou o vestido, e fiquei hipnotizado porque, o corpo dela era muito bonito, não era o que aparentemente era, mas não deu pra olhar muito, ela se jogou em mim, começamos a se beijar que louco, tirei a cueca, e meu pau tava estralando, (minha dona tinha mandado eu botar cueca pra me apresentar pra ela, e não tirei desde então), ela chupou, se lambuzando toda, achei que ela ia querer meter na xota, mas ela pediu pra eu bota no cuzinho dela, ante de meter, fiz questão de cheira d chupar todinho, era muito gostoso, era rosinha, ela nunca tinha feito isso antes, comecei devagarinho, botei um dedo depois dois até três, era o limite dela, não tinha lubrificante na hora então fizemos tudo no cuspi, botei do a cabecinha e foi indo, vi que ela já estava a vontade e aumentei a velocidade da bombada, até começou a gemer de prazer, gozei dentro do cuzinho dela, tirei devagar pra não ocorrer acidente kk, e fui chupar ela de novo, gozou na minha boca, e ela voltou pro quarto, falou queria fazer isso mais vezes.

Era 11hrs da noite, minha dona tinha chego, ela estava bêbada, entrou no quarto me chamando, "cachorro, vem me chupar", fui quando tirei a calcinha dela ela tava toda gozada, como se alguém tivesse feito aquilo, "que que tás esperando cachorro chupa logo", nao era como se eu não quisesse chupar, mas vendo ela na quela situação, me fez ficar com pena, decidi não chupar "vamos pro banho lá eu faço isso", " que? Tás ficando maluco, eu mando em ti, chupa logo ou eu falo pra tua mãe sobre o que aconteceu", como ela tava mole, decidi carregar ela até o banheiro, liguei o chuveiro e dei banho nela, ela pelada na minha frente e eu não tava de pau duro, eu não tava ali por algo erótico mas porque eu me importava com ela, dando banho nela, nós ficamos de frente ela com os braços abraçando meu pescoço, eu com as mãos na cintura dela, nos olhamos, nos beijamos, eu tava beijando a guria dos meus sonhos, e não era um beijo de sexo, era como se nois tivessemos apaixonados, mas não durou muito, "me come", botei a mão no pescoço dela joguei contra parede ela adorava, soquei na buceta dela até gozar, depois botei no cuzinho dela e gozei também, fomos pra cama, eu sabia que ela não ia lembrar de nada disso no outro dia, mas aquele beijo me deixou mais excitado do que tudo o que aconteceu com ela.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
27/06/2018 10:25:28
Ficando cada vez melhor
30/01/2018 16:33:29
Deliçia de conto
20/01/2018 01:53:36
Adorei! Continue




Online porn video at mobile phone


adorei a enconxada que ele medeu erotico aldiempurando ate o talo na bucta peludinha xvvideoxvideo cunhado com o pau Grosso pra um bouquet comeinha buceta to com tesãocontos na piscina,, mulher de corno chegando com biquíni transparente e corno viadocontos eróticos mãe rabuda que não usa calcinha dirigindo e alisando a buceta lisinhavídeos tratantes no ônibus ler varios contos de lesbicas e eterosvídeo caseiro de sexo com a namoradinha pedindo para namorado com meu com filho dela devagarzinho ela muito escandalosaporno sogru peganu tu nora a forsacontos de sexo depilando a sograpitbull enfuandi forte na buceta da vadiapirocudo para casal esclhercontos meu genro tesudocontos erotico chantagiei e depilei minha sograchulezinho femininopau.em.bumda.nulher.anatadaxvideo transada com comisola lilaispegou fogo no travesseiro da atrisver pelinhos lourinho bem de pertinho de pernas e bunda de mulatasxvideo viuvo rustico punheteiromulher bonbando sua buceta ate seu grilo ficar grande e homem fica louco x videofodas na sacristiaContos eroticos minha mulher me algemoucontos eroticos gay choreiContos erodicos homem velho mamando e mordendo e puxando o peitofodendocom sobrinhosgostosaspornô sexo garota transando com apitando o quarto deitadaconto erotico ela passou a lingua na.minha buceta do grelo ate o.buraco da.vagina e enfiou a linguaqueru ver filmi u pai tentano come afilha di dozi anu em cuantu a maedormiconto erótico gêmeas lésbicascomendo a entiadia e a mae vetudo atransacarolas daigreja crente com peitos e bunda bem grande peladasContos eróticos procurando aventura no clube de campoContos eróticos- bem novinha é desvirginada e grita de dorcontos eróticos flanelinha filme os seios e coxasensopando o cuzinho com gelContos eroticos comeram o bundao das gordas crentessurpreendi mamae a ser comida pela vizinha boazuda conhtowwwxxvideo pegou irmao desacordadoContos eroticos em presidiosboxeeroticovedeos de sexo foi morar mais a madrasta nao resistiu e cumeu elaXisvidio fez mamae grita pedindo nao faz issoxvideomae eminhatiaContos eroticos elacareca peladaassistir vídeo A Escrava tem a bunda toda cortada com chicotevidios pono sohentecontos eroticos levei piça gg no cu ( madura ) sou casada e fui bolinada gosteiXVídeos duas mulher chupando mentissenabuceta vcaguentar amorquero ve comto erotico de Homem Que come a bucetinha pequena da bebe bem novinha do beusoporno ela senta rapido e com forla grita pornodoidoConto picante com vizinho velhotraveste afiminado de meias pornocontos tia puta tio corno mansojoguei a semana todinha botei ela diminui diminui Me lasqueiimagens mexedinho fazendo sexo e de biquinivideo porno denovinha enfrento pau grandeponou pau inome grosso socando putia e putia gritana dedó.hetero esperimentamdo pau do amigo xvideoContos de crentes peludasclarinhasafadinhacontoerotico eu,namorada, minha mae e tio jorgeirmaos doemimdo gay contosContos eróticos- bem novinha é desvirginada e grita de dorsedou esperou dormir pra come o cu dela porno doidoxvideos jairinhoo bahianoContos eroticos de viados maduros que foram deflorados na marraxvideo.com.entrocadinhaPapai vio eu de sainha sem calsinha fes eu senta en seu colo pal fora da bermuda semtei gostei dei ate meu cu po meu pai contosFotos d cazada sendo fodida p roludonovinha você não afrouxe do cabelo que se não for a música completoconto erotico gay negao dominador gosta de maltratar viado brancowww.seduçao e satisfaçao porno incesto italianodormindo de bruço acordando pro anal pornoninfetinha de saia comprida provoca dog zoofiliabeceta melecada fazeno barulinho fudenoWxvidios velha trepando com seu trazeiraodescobrindo o amor 74 dr romântico ginecologista sedou e violentou pornopornocaseirogosandodentroporn diario de leticiacontoerotico eu namorada mae e tiocasada viciada porra relatosmetessao pai e filhavidiodisexopornovídeo porno da tia gostosa dando pra sobrinha saida agua do olhocontos eróticos primeiras experiências com siririca com mulheres mais velhamassageando o picao gigantescovideo de corno chupado o pau do negam juto com a esposa