Casa dos Contos Eróticos


Verdade ou Desafio - Meu Amigo Comeu Minha Esposa e eu Minha Prima

Um conto erótico de CornodaLi
Categoria: Heterossexual
Data: 18/09/2017 14:40:33
Última revisão: 19/09/2017 11:21:56
Nota 9.82
Assuntos: Corno, Heterossexual

Reeditado:

Ola! Meu nome é Mauro minha esposa se chama Lilian, é baixinha tem 1,60 mt, pesa cerca de 68 kilos loira de olhos verdes, é a mulher mais gostosa que já comi.

Somos casados há 13 anos e temos dois filhos.

Certa vez nossos filhos dormiram na casa da avó materna deles, o que deixou nossa noite livre para aproveitar bem, compramos uma garrafa de vodka e fizemos algumas caipirinhas, gostavamos de tomar uma as vezes, por volta das 20:00 minha prima Lidiane que morava perto nos fez uma visita, já á convidamos para nos fazer companhia o que ela fez com muito gosto. Durante as doses de bebida conversa vai conversa vem tocamos no nome de um amigo nosso, prontamente liguei para ele que estava trabalhando -Eai Ney, passa aqui em casa tô com as meninas aqui tomando umas caipirinhas. Ele logo quis saber quem eram as meninas. Eu disse –Minha esposa e minha prima! -Que Prima? Perguntou. -A Lidiane, eu respondi. Ele logo se aninou sentindo a maldade no ar. Tanto ele quanto eu já haviamos comido minha prima, lógico que minha esposa não sabia. Minha prima era um delicia, corpinho de bonequinha bem magrinha cabelos pretos com a pele morena, olhos grandes e uma boca deliciosa, os peitos dela eram bem durinhos, pareciam peitinhos de adolescente.

Lá pela meia noite meu amigo chegou, ainda estava com a roupa do serviço, porém demonstrava estar todo animado, nem esperou fazer um copo para ele já pegou meu copo e foi tomando, secou meu copo e muitos outros que fizemos.

A conversa estava bem animada, eu percebia os olhares maliciosos que ele dava pra minha prima, ele tava louco pra comer ela, era visível, enquanto isso eu já estava fazendo meus planos, eu também queria comer minha prima e queria ver minha esposa dando para outro uma coisa que sempre quis mas que apenas uma vez minha esposa me deu esse prazer e foi logo no início do casamento, mas de hoje ela não escaparia.

Quando a garrafa de vodka secou já era altas horas, então começamos a tomar uma cachaça que tínhamos em casa que por sinal era bem forte, foi o que faltava para o efeito da bebida subir, todos davam gargalhadas e falavam alto, a garrafa de vazia vodka me deu uma idéia, logo pensei numa brincadeira para nos divertimos ainda mais, então sugeri pra galera –Que tal a gente brincar de “verdade ou desafio”? Todos aceitaram sem problemas, no início foi mais verdade sem muita emoção, porém toda vez que caia em mim eu apimentava e escolhia desafio, como as possibilidades eram poucas, me desafiaram a tirar a blusa, estava frio no dia, porém tirei, em certo pontos com o calor da bebida e a descontração do momento, todos já haviam tirado as blusas, tudo estava correndo bem, caiu pra minha esposa e eu ia fazer a pergunta -Verdade ou desafio Lilian?, ela escolheu verdade, Perguntei com malicia – você já beijou outra mulher?. Eu sabia que ela já tinha beijado, mas eu queria que todos escutassem, ela respondeu que sim, todos começaram a zoar, uma zoeira saudável, eu havia mudado o foco da brincadeira rsrs.

Quando caiu pro meu amigo, minha prima desafiou ele a tirar a camisa, a brincadeira começou a ir pra esse rumo, peça por peça fomos tirando a roupa, quando não era roupa, a gente era desafiados a tomar uma dose de cachaça pra aumentar a adrenalina.

Quando já estavamos todos de roupa de baixo vi que minha esposa estava com um sutien bordado de cor rosa e uma calcinha lisa de cor azul, minha prima estava de calcinha vermelha e um sutien preto liso, meu amigo e eu estávamos de cueca boxe branca, todos haviam percebido que o próximo desafio prometia. Fui desafiado por minha esposa, acho que ela ficou bravo com minha pergunta do beijo e queria descontar –Desafio você a beijar o Ney, eu olhei pro meu amigo e ele pra mim, o desafio não era nada bom, eu beijaria de boa mas acho q ele não iria gostar, ai eu falei - no rosto né?, -Ah tá bom pode ser, ela respondeu, fui lá e dei um beijo na orelha dele; mas ela me pagaria.

Nem precisou muito, caiu pro meu amigo e ele desafiou minha esposa a beijar minha prima, ela aceitou de boa e tascou um beijo de língua na minha prima, a brincadeira finalmente estava quente, olhei pro meu amigo e percebi que ele já estava de pau duro, sussurrei pra ele –Agora vou pegar pesado.

Quando caiu pra min novamente eu desafiei minha prima a tirar o resto de roupa da minha esposa, ela tirou e minha esposa ficou peladinha, a pau do meu amigo parece q deu um pulo. Logo minha prima me fez provar do mesmo veneno e fui desafiado a tirar a cueca do meu amigo, estava meu amigo e minha esposa completamente pelados, então minha prima falou -Eu também vou tirar a minha, e ficou peladinha também, eu que não ia ficar de fora, tirei também

Minha prima foi desafiada pela minha esposa a tomar banho, ela se dirigiu ao banheiro e nos deixou, ficamos ali, um admirando o órgão do outro, vi que meu amigo comia minha esposa com os olhos então inventei uma desculpa, -Deixa eu ir la ver se ela tá tomando banho mesmo! E deixei os dois na sala, antes de chegar no banheiro olhei pra trás e meu amigo já estava do lado da minha esposa alisando seus seios.

Cheguei no banheiro, minha prima já estava todo molhada, entrei embaixo do chuveiro comecei a beijar ela enquanto acariciava sua bucetinha, nisso demoramos bastante tempo no banheiro, quando de repente minha esposa e o Ney abrem a porta do banheiro e nos pegam no flagra, ai o Ney disse: -Ahh seus safadinhos vc estão ai né? Minha esposa que já estava cheia de tesão também já falou –Vocês já ficaram muito tempo aí, agora é nossa vez. Foi um delicia ouvir isso.

O banheiro era apertado então saímos e deixamos os dois lá, minha esposa já estava pagando um boquete para meu amigo, a rola dele que era um pouco maior q a minha, ela enfiava a rola dele toda na boca, lambia a cabeça, voltava lambia as bolas, ele segurava por trás da cabeça dela e enfiava a rola dele até na garganta dela, ela deixou o pau dele todo lambuzado, foi uma delícia de ver, voltamos pra sala, eu fui no quarto e peguei dois colchões de solteiro, caímos no colchão e a Lidiane se abaixou e começou a chupar minha rola.

Meu amigo e minha esposa finalmente apareceram, estavam abraçados, ele com a rola dura apontando a direção da sala, ele deitou minha esposa e começou a chupar a bucetinha dela, eu fiz o mesmo com minha prima, os dois colchões lado a lado, enquanto chupavamos a bucetinha delas, elas se beijavam e se acariciavam. Meu amigo pediu para apagar as luzes, eu apaguei porem deixei a luz do banheiro acesa pra não ficar totalmente no escuro.

Era possível ver um pouco e escutar os estalos dos beijos e sussurros ofegantes de todos, meu amigo subiu na minha esposa e encostou a cabecinha do pau na buceta dela, ela pegou o pau dele e direcionou a pica dele até entrar na bucetinha dela, ela começou a gemer gostoso sentindo a pica dele, não podíamos fazer muito barulho porque os vizinhos poderiam escutar.

Meu pau estava duro como rocha, acredito que do meu amigo também, eu podia escutar o barulho do seu pau entrando na buceta da minha esposa, era possível ver a bunda dele baixando e subindo enquanto enfiava nela, era um som e uma visão maravilhosa, enquanto isso eu coloquei minha prima de quatro e comecei a enfiar nela.

Meu amigo se deitou no colchão e pediu pra minha esposa subir nele, ela subiu e começou a cavalgar, ela estava do meu lado, eu enfiava na minha prima que estava de quatro e comecei a beijar minha esposa que estava com um cheiro delicioso de sexo delicioso na boca, acho q de tanto chupar a rola no Ney, os seios delas estavam bem molhados, não sei se por causa do suor deles ou da agua do chuveiro ainda; depois de comer elas assim nós invertemos, minha prima me cavalga e o Ney pegava minha esposa de quatro, ele enfiava nela enquanto acariciava minha prima.

Enquanto o Ney continuava comendo minha esposa de quatro, eu coloquei minha prima com barriga prá cima e comecei a fuder ela de papai e mamãe, a buceta dela sugava minha rola toda, quanto eu chupava seu pescoço minha prima começou a gemer no meu no meu ouvido –Goza dentro de mim, goza dentro de mim; minha esposa que que gemia com a rola do meu amigo em sua buceta escutou e me deu uma arranhada nas costas, ela não queria eu gozasse dentro da minha prima, eu entendi o recado e continuei comendo ela.

Meu amigo então começou um vai e vem frenético ele gemia gostoso quase urrando e enfiava cada vez mais forte na minha esposa, de repente ele parou de vez, ele havia gozado enchendo a bucetinha da minha esposa de porra, ele ficou algum tempo assim com o pau dentro da minha esposa, ela aproveitava e dava uma rebolada no pau dele para que ele deixasse tudinho dentro dela, quando meu amigo tirou o pau da buceta da minha esposa minha prima disse que caiu um pouco de gozo no pé dela, sinal que ele havia enchido ela, ele se levantou e foi tomar uma ducha. Minha esposa não deixou eu transar mais, fingi que havia gozado e fiquei com as duas na sala batendo um papo, meu pau ainda estava bem duro.

Meu amigo voltou e acendeu as luzes, minha prima também foi para o banheiro para tomar banho, meu amigo se sentou ao nosso lado e ficou acariciando minha esposa enquanto conversavamos, minha prima voltou achou suas roupas no meio da bagunça se arrumou e disse que estava com sono que iria embora, meu amigo foi um pouco depois, antes ele pegou suas roupas, vestiu e deu mais um beijo de língua na minha esposa que aproveitou e deu uma deliciosa alisada no pau dele, assim como eu minha esposa continuava pelada, ao sair na despedida falei para ele –Quando você quiser comer ela, pode vir qualquer hora, ela é toda sua. Ele agradeceu e foi embora.

Após ele ir eu voltei fui conferir o estrago na buceta na minha esposa, estava encharcada passei a mão e fiquei alisando aquela buceta deliciosa, ainda tinha bastante gozo dele, até escorria pelas coxas grossas dela, eu já não estava mais aguentando de tanto tesão, minha pica latejava, coloquei ela de quatro e fui enfiando meu pau nela, meu pau deslizava fácinho devido ao gozo do meu amigo, a buceta dela já estava lubrificada para mim com melhor lubrificante que um corno pode ter, o tesão era tanto que não consegui segurar por muito tempo e gozei rapidinho, enquanto eu gozava eu ficava com a imagem da minha esposa transando com meu amigo. Até agora enquanto escrevo só de lembrar fico com o pau duro.

É muito bom ser corno e gosto que algumas pessoas saibam, tem até uma amiga nossa que mora em outro estado que eu já enviei fotos da minha esposa transando, essa transa foi um com um negão que a gente descolou pela internet algum tempo depois, talvez depois eu conte essa história, nossa amiga fala q minha esposa é corajosa, na verdade eu queria que ela me chamasse de corno..

Só quem é corno de verdade sabe o prazer quando outras pessoas sabem

Reeditei o conto com mais alguns detalhes que fui lembrando, espero que gostem.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
Lx
30/03/2018 05:26:19
Excitante!
22/09/2017 13:18:47
Ah, meu querido, estou em estado de graça, que conto delicioso e lindo! Amei e espero que venham outros contos. Adorei você e a Li, um casal que já conquistou minha afeição. Quando postar a próxima aventura não se esqueça de me avisar, pode deixar um recado no meu conto (assim você aproveita e lê os meus também, e se fizer isso vai me deixar muito feliz). Nota Dez (com letra maiúscula sim) e dez beijos da Carla.
21/09/2017 11:38:31
Agora ta bem mais completo!
19/09/2017 12:51:32
Muito bom manda umas fotos da sua putinha pra mim nota 10
19/09/2017 09:47:25
Delícia!!!
19/09/2017 09:15:45
Verdade Astrogildo, também achei, porém essa situação ocorreu a tanto tempo que deixei escapar vários fatos por esquecimento, por outro lado também esse é meu primeiro conto fui muito direto, mas to aprendendo rsrs
19/09/2017 08:43:23
Faltou dramatização no relato dos fatos. Vc contou como se fosse a coisa mais natural do mundo realizar uma brincadeira dessas como se estivessem jogando dominó. Assim vc banaliza o que poderia ser um relato mais consistente
19/09/2017 02:10:31
Adoraria ver as fotos da sua esposa corninho tem possibilidade de enviar ?
18/09/2017 23:03:33
Corno quase gozei
18/09/2017 22:17:22
Boa putaria, nota dez.
18/09/2017 18:22:35
E aí corno, blz? Gostei do conto, aposto que foi uma putaria Boa. O que acha de mostrar umas fotos da sua esposa vadia?




Online porn video at mobile phone


vidioporno/fodanaconstrucaoAliviando os funcionarios contos eróticospedemo avijidade da mauviacontos primeiro boquete de uma cretemeu tio comeu minha bucetinha virgem parte 2 contos eroticosfotos de profesor japonesa tamno abucetagay jogando video game pelado sozinhoporno contosminha mulher deu na massagemporno sacana mao na bucetta no cu nojento ao vivoincesto mamãe cuidado do filho que ta debilitado com buceta molhadacontos eroticos meu padastro tirou meu cabacinho e alem de fuder minha bucetinha novinha agora ele tambem fode o cuzinho do meu irmaozinho bem novonhodoce nanda parte cinco contos eroticosx video para celular porqueti para baoCONTODE INCESTONU CUsexooralcuiabaloiras da bunda gigante areganham o cuconto erotico puteiroconto porno amor em londres guilherme e felipelutinha ecitante com maexxvidio comendo uma pmRapaz bem pauzudu metendo toda d4 na escolahistoria erotica conquistei a minha filha pra dar cu pelo amigo roludowww.contos eróticos eu curiava minha mae.comvidio porno di homen abuzando di mulhe disaia nu onibusfotos padrasto come cu da emteada pau giganteneguinha nao se controla de tesao quando foi almocairma esta lendo livro começei a lisar ela ate comer o rabo dela pornovadiacalcaconto gostoso no pique esconde com dezordenhar teta porno contoguloza pede pra goza nabucertavirei mulher conto eroticominha esposa cely e nosso caseiro negrao nosso machocontos eróticos brincando cavalinho com a irmãdescadeirada peli roludoporno filho Engravidar mae dormidoDescabacei a buceta da minha prima no hotel conto erotico de primo e prima cabaço no hotelensinei a minha enteada a chupar de finalzinho hoje come elapornôcom professora selvagem regaça o pau do alunoCasa dos conto .de volta a fazenda agora com um cavalo video de porno imagensContos ai meu cu na infanciawww.encanador negao mundobicha.comContos de podolatria 2017irmaos fodendo enquanto a irma dormi seu irmao n resizte e como a busetinha da irma e a sua irma amando a rola do irmaopornô sogra puxa calcinha de lágrimasporteirogosandominha irma e casada mais e putacrossdresser saindo montadaAs novinha que adora chupar i tamar a porra minutosnissei rabudas vidiorapido doisdei o cu fiquei arrombada contoscrente safada contosbussetas cuspindo porracontos eroticos de virei subimissa do meu cunhado"jussara"capitulo18gosando dentro da buceta d egua d raçaajudante de predeiro trasa com uma mulher casadacontos erotico meu sogro mi arobou cm seu pau d elefanteela grita mas picudo atoxaorgasmo chupando seios contosContos eroticos freira casa dos contoscontos sadomazoquismo estupromeu entiado tem um picao fudemoscontos eroticos fode FrouxoContos eróticos de mãe e filha peidaconto erótico brincando pequenaextremo judiado de socar a mao na bucetaconvencendo a amiga atranza com o maridoconto no cinepornoxvideo pausada nu cu da chifeirafilho fodendo a buceta a pertadecontos eroticos com nerd tristonhoNeguinhis safados do pau enormi xvideocomo descabaça minha sobrinhaporno filme grande que demore😉😉