Casa dos Contos Eróticos


Comi Minha Irmã na Casa Dela Quando o Namorado Viajou

Um conto erótico de Leonardo H.
Categoria: Heterossexual
Data: 26/08/2017 22:25:31
Nota 10.00

Sou o Leonardo. Como vocês sabem tenho um relacionamento sexual com minha irmã mais velha há algum tempo e recentemente ela arrumou um namorado chamado Alexandre e foram morar juntos, o que diminuiu muito nosso tempo para transar, por sorte eu estou focado em outras coisas, então deixar de transar não é uma coisa “dolorosa”.

Bom, alguns meses depois da nossa ultima foda, ela vem aqui em casa, ainda moro com nossos pais e em uma visita sua, ela informou que iria passar uma semana lá, por conta de uma viagem que o namorado faria, porem, minha mãe receberia visitas da família dela e a casa ficaria cheia demais e teve uma ótima ideia, eu ir ficar com ela essa semana. Nem acreditei, apesar de pensar em outras coisas, foder minha irmã, ainda é a melhor coisa do mundo. Nós dois concordamos e eu vou arrumar minha mochila pra ir. Saímos e fomos pra o cinema e ficamos ate tarde conversando numa churrascaria sobre a sua vida de “quase casada” e eu estar fazendo o TCC.

Quando chegamos em sua casa já eram 00h e estávamos com sono, tomei um banho rápido e fomos dormir. No outro dia, acordei com um barulho de batedeira e fui ver o que era. Minha irmã estava fazendo um bolo e estava deliciosa. Ela usada um shortinho colado na bunda (e que bunda) com uma regata do flamengo que era do namorado, que estava amarrada na cintura, deixando a barriga de fora. E um avental.

Ela estava de costas pra mim, nem sabia que eu estava lá. Aproveitei a situação e a agarrei por trás. Ela toma um susto e da um gritinho, falando “Tá doido Leonardo, quer me matar do coração, é?” e eu “Que nada. É que eu não consigo ver você assim e ficar só olhando.” Ela ri, se vira pra mim e põe uma colher de massa de bolo na boca e me beija. A sensação foi diferente, mas com aqueles lábios, era impossível eu não delirar. Agarrei sua bunda e apertei com força, quando ela solta um “ai” eu paro e dou um tapa. Escuto um gemido e em seguida, arranco seu avental e me abaixo, tirando seu microshort enfiado na bunda e vendo sua buceta, agora totalmente raspada. Levanto uma perna dela e vou de boca em seu grelhinho rosado. Começo lambendo, depois beijo e mordo, minha língua vai percorrendo caminhos e saboreando cada pedaço daquela xoxota linda. Sinto que começa a gemer e contrair o corpo. Olho pra ela e a vejo apertando os seios nus. Nem tinha notado que ela arrancara a blusa do namorado. Ela dá um gemido alto e fala “Puta que pariu, só você consegue me fazer gozar quando me chupa.”

Meu pau já latejava de desejo, eu queria possuir aquela deusa. Me levantei e enfiei a mão na vasilha da massa do bolo e derramei o que veio em minha mão em seus peitões macios e comecei a chupa-los. Sugava-os como se não houvesse o amanhã. Pude vê-la revirar os olhos. Eu a mando chupar minha rola e ela obedece. Faz o mesmo que eu e unta meu pau com massa. Ela começa o boquete delicioso. Engolindo a cabeça e indo pro corpo, até sugar as gotas de massa que caíram no meu saco raspado. Eu suspirava com sua boca. Se tem alguém que sabe fazer um boquete delicioso e bem feito essa pessoa é minha irmã. Eu falo “Eu adoro sentir sua boca no meu pau, que delicia.” Ela para e com meu pau todo babado, o coloca entre seus seios e começa uma espanhola. Eu tentava me segurar na bancada, mas era muito tezão. Minha irmã sabe me dar prazer como nenhuma outra mulher. Eu enfim, gozo nos seus seios. A quantidade de porra escorrendo até seus mamilos e pingando no chão era enorme e ela passava o dedo por cada parte para levar até a boca. Ela se levanta e olha o resto de massa do bolo e fala “Merda Leo, vou ter que fazer de novo, mas foi uma delícia, irmãozinho.” E eu concordando, saio para tomar um banho.

O resto do dia passando dando umas carícias, conversando, ela conversando com o namorado por celular, vídeo chamado do wpp. Assistimos a um filme na Netflix e dormimos.

No outro dia, eu que acordei cedo e fui fazer o café para lhe fazer uma surpresa na cama. Faço a comida, ovos com bacon e um pedação de bolo, junto com cappuccino. Tomo um susto quando vejo duas mãos femininas passeando pelo meu corpo e sinto um par de seios enormes e suculentos pressionando contra minhas costas. “Ah, eu ia levar o café na cama pra você” eu falo enquanto ela me vira de frente a ela, mostrando sua blusa regata justa e sua calcinha fio dental e me beija na boca. Sua língua entrelaçada com a minha. Sua mão alisando meu cacete por cima do short, a escuto falar “Agora é minha vez de te encoxar por traz, Leo.” Eu levo minha mão por dentro de sua calcinha e começo a alisar sua buceta raspada.

Continuamos nos beijando até que ela se abaixa e tira meu short, mas não me chupa. Ela se levanta e tira o fio dental, ficando só de regata. Em seguida, tira os seios pra fora da blusa e se vira de costas pra mim, falando “Vem me comer, vem Leo. Vem comer sua irmã mais velha.” E sem pestanejar eu coloco minha rola na xoxota dela, começo a bombar bem devagar, dando tapas com uma mão na bunda dela e segurando o quadril com força com a outra. Ela gemia baixinho, pois ainda era cedo. Os gemidinhos me fizeram ficar com mais tezão ainda e eu aumentei a velocidade. Agora seus gemidos aumentaram de volume. Eu paro e a mando se sentar com as pernas abertas na bancada. Ela o faz e assim que se acomoda eu já coloco novamente em sua buceta, agora encharcada. Seguro uma de suas pernas e a levanto e vou metendo nela com força e vendo seus seios fartos pularem e rodarem em círculos. Sinto que vou gozar. Ela também e fala pra eu ir bem fundo. Eu gozo, enchendo sua buceta raspada de porra. Dou um beijo de língua enquanto ainda estou com a rola em sua xoxota e falo “Eu te amo muito, maninha, você é a mulher mais gostosa do mundo.” e ela apenas continua me beijando e responde com “Eu também te amo, Leonardo.” Vou tomar banho enquanto ela descansa e quando saio ela está arrumada e comeu o café da manhã. Agradeceu por estar com ela ali, mas que o Alexandre teve um imprevisto e voltaria naquele dia mesmo e ela iria me levar pra casa. só concordei e fomos embora. Depois disso fiquei mais um tempo sem falar com ela. Fim.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
13/09/2017 09:27:09
Muito bom!!!
28/08/2017 10:41:35
oiiiii entrem em contato comigo adoro gozaaaar




Online porn video at mobile phone


xxxvideos novinha culpado ate goza na bocahistoria dos k fizeram zoofila pela primeira vezpornopaumostrocontos eroticos EroJonnypornodoido mae vagabunda balansando a bunda no pau do filhotira ochorte pica nela pornoxvideo policial comendo a novinha fujonafilme ponor di intiadas fudendo a foça vom ceu patrastocontos eroticos gay choreihttp://porno contos eroticos meteu e gozou dentropornô as n****** gordona da vagina gosmentahttp://fui encoxada no metro contosContos picantes de safadas peguei minha vô dando pra pisudo Face de Luciano com a b***** arreganhada com consolopornô mulher começando a ficar mexendo falando Bom dia Ana movimentando movimentandocontos eroticos de nois dois enrrabadosbroderagem conto heroticos de peludos na mao amigacontos eróticos família vavela minha mãe comigo no banheiroconto erotico mae e filho bunda parte 3Contos eroticos em presidioscontoerotico eu,namorada, minha mae e tio jorgebotando soacabeça dotico nocu damagrinha dormindocontos eroticos com novinhas bucetudas e treinas pra fuderver mulhe chutando bocetareginaconto erotico gay viado submisso vira femea do negaoninfeta blinando vovômenina dorme e irmao chupalhe a conacontos erotico de puta querendo rolaconto erotocos minha mulher nao uza causinha nen sutianContos eróticos procurando aventura no clube de campomae ensinando sacanadas ao filho e e a namoradacontos eróticos família vavela minha mãe comigo no banheirocom minha prima no apagao xvideosxvideos posição na rede de embalomulher com aberada da buceta toda esticada pra filha vervideo porno botei meu pau ate as bolas na boca da tiagaroto sapeca .pornoconto erotico proibidotraisao na cozinha muile de camizoloralado rola cu vertido x vidiocontos deu o cu para o cachorraquero ver sexo com Gleicy com dois negão com a b***** molhadinhaàs gostosanó sexoquenteincesto com meu vô contosconto zoofilia novinha e os cachorros Minas Geraisconto bi fiz meu marido chupar a rola do meu ambntegarotinhos sendo asediados por mulheresmulher com grelo grande encara um big pau vejaporno xxvideos meninas sentodo o cu em cima do pau mostando a bucetaconto gay apaixonado por um traficantexvideos shantageou a irmã,gostosavideos provocado meu cunhado do pau grande setei em cimawww. pornodoido lesbicas pretas beijos c salivacontos o negao jumento aposentadoconsiquiu engoli uma pica enormeConto erotico provoquei amigo do filho demenoradolecens safadas trazandobucetao de sotinho q capui de fucagordo careca e sua esposa chupando um pinto juntoscachorro gozando na novinhagpai chupa a buceta da filha e éla bufa de tezâoxvideoscontospornoscontos de esposa piranha corno manso esculachaDogradona abusa do magrelox videosvideos porno meu vizinho é louco por minha bundacontos eroticos levei piça gg no cu ( madura ) XVídeos dando o c****** apertadinho evitando a raivacontos eroticos fui para o motel com meu patrao esqueci ate que eu tinha maridoLekes ficam cim vergonha ao se beija com amigo contos viagra matou o veio em cima da putaCazada cao tezao pornegao esó os conjuntos regassado metendo gozando na bunda mais bonitasexo esposa trail marido na mesa do quiosquevídeo porno da tia gostosa dando pra sobrinha saida agua do olhocontos eroricos mendingo gay e gario votarde corme um cu um bucetacoroa baiana lavano a bucetonadominadora scat merda bostatravesti tomou banho com amoga e comeu bucetinha delaconto erotico patrão e empregada e esposacontos eiroticos leilapornvideo porno elas adora fude beijado beijoss de ligua quim deliciaconto gay bostamartinha safadinhaprovequei o papai e ele fodeumevideos novinha di saia porbaxo naruarelatoeroticoloiracontos eroticos casada deu para o vigiadei o cu e estourou minha hemorroida contosconto erótico vigilante do banco