TESÃO E SEXO NUMA TARDE DE CHUVA


Um conto erótico de ClaudioNegromonte
Categoria: Grupal
Data: 05/06/2017 20:10:25
Nota 10.00
Assuntos: Grupal

Bodas de ouro dos pais de minha namorada, um almoço dominical em sua residência, numa grande cidade do interior paulista.

Fomos, eu e Leika, na véspera, mesmo sabendo que meus sogros não estariam lá, pois passavam a semana na fazenda de um dos filhos, e só no domingo voltariam para casa.

Chegamos no sábado, à tarde, sob forte temporal, e fomos recebidos pelo Leandro, um rapaz que fora adotado bebê, e que andava pelos seus 18 anos. Transformara-se num belo rapaz, tomava conta da casa, quando o casal saía para suas viagens.

Inicialmente um tanto formal, aos poucos foi se soltando, ficando e nos deixando à vontade, revelando-se uma companhia agradável e excitante. Metido a garanhão, adorava contar vantagem, que comia todo mundo, que era o fodão e coisa e tal... Linguagem depravada, não escolhia palavras – pelo menos quando os donos da casa não estavam presentes.

Apesar de meio cacete aquela tagarelice toda, não se podia negar que era um belo exemplar de macho. Tanto minha namorada, que não o vira desde que ele era criança, quanto eu, que nunca o vira, ficamos impressionados, e nossos hormônios remexeram-se em nossas carnes...

Banhos tomados, estávamos Leika e eu, no quarto que nos fora destinado, na parte mais alta da casa. Um cômodo clean, claro, com uma enorme janela de vidro ao lado da cama, que nos permitia admirar a paisagem.

A chuva caía impiedosa e bela, sobre a vidraça. Deitados na cama, eu apenas de sunga e ela de short e uma camiseta por cima. Richard Clayderman, no celular, enchia o ambiente com o som do seu piano, fazendo dueto com os pingos na janela.

Depois de bater na porta, Leandro adentrou no quarto, trazendo um litro de whisky, copos e gelo – vinha sem camisa e com uma calça leg cinza, estampada, que marcava nitidamente a rola em descanso:

– E aí, tudo bem?! Curtindo a chuva?! Cunhado, que bunda bonita tu tem, cara! Maaaana, que coxas são essas?! Uau!

Poderíamos julgar inconveniente essa tentativa de nos deixar à vontade. De fato, era inconveniente. Mas o estranho é que nem eu nem ela nos incomodamos com isso. Até gostamos do clima que se criou – como comentamos depois, na volta pra casa.

Mas, para não dar muita bandeira sobre nossos desejos, ela fez uma pouco convincente cara de desaprovação. Servimo-nos de whisky e ficamos os três, curtindo a chuva, a música – o clima delicioso...

Não sei se empolgado pela bebida, envolvido pela música ou instigado pela beleza da chuva na janela, eu, que estava de bruços, o rosto apoiado nas palmas das mãos, falei, como para mim mesmo:

– Que clima perfeito! Dá até vontade de dar o cu...

Não sei qual foi a expressão da minha namorada e de seu irmão adotivo, mas ouvi a voz dele, esganiçada e voluptuosa:

– Uai! Só se for agora!

E jogou-se na cama, entre eu e minha namorada, rindo seu riso bobo e alisando minhas nádegas... Resolvi continuar o joguinho, que, a essa altura, eu já estava a fim de sentir Leandro em mim, e tenho certeza de que Leika também queria isso.

– Vem pra cá, meu querido, fica aqui, em pé, na minha frente, para eu examinar o material...

Ele se pôs de pé, na minha frente, a pica já formava um pacote sob a calça, que, num gesto, baixei até o joelho, liberando o caralho – ficou balançando na minha frente. Tomei-o na boca e passei a chupá-lo, carinhosamente, enquanto ele gemia, e minha namorada observava, passando a mão nas minhas costas, entrando sob a sunga e descendo-a.

Enquanto eu sugava a gostosa rola de Leandro, minha namorada pegou um creme, besuntou meu cu, aproveitando para enfiar um dedo, depois dois... Eu estremecia e me arrepiava...

Ele, então, livou-se da calça, subiu na cama, de pica em riste, e deitou-se sobre mim. Senti sua rola tocando meu cu e penetrando suavemente. Com as estocadas, eu gemia de prazer, Leandro dizia obscenidades ainda mais cabeludas, Leika tirava toda a roupa dela, e se esfregava ora em mim, ora em Leandro.

Minha rola estava muito dura. Então, nos movimentamos sobre a cama, Leika ficou sob mim e enterrei minha rola na sua buceta, ela gemeu de tesão; Leandro veio por cima e me enrabou novamente, e ficamos algum tempo cadenciando as estocadas.

Em seguida, mudamos a posição do sanduiche e Leandro afundou sua pica na irmã postiça; era tudo que ela queria. Ela urrava feito uma leoa no cio. Gemia putarias que eu nem imaginava que ela soubesse (e olhe que nosso repertório de sacanagem é vastíssimo!). Lambuzei o cu de Leandro e empurrei-lhe o pau, e nova cadência se formou. Gemidos e calores inundavam o ambiente.

Então nos pusemos para a sessão de múltiplo oral: Leandro chupava a buceta de minha namorada, eu chupava a rola de Leandro e Leika me chupava. O gozo foi praticamente simultâneo: gritos, pressão, líquidos, respiração ofegante e cansaço.

Os três corpos, nus e arfantes, sobre a cama, um por cima do outro, admirando a chuva forte que caía e o piano que tocava agora “the winner takes it all”...

No dia seguinte, casa cheia de parentes, almoço delicioso, festas e parabéns, e nós três com a cara mais cínica, a cada vez que nossos olhares se cruzavam, sentíamos o corpo pedindo para continuar a putaria do dia anterior. Mas sabíamos que precisávamos esperar um pouco, pela próxima visita ou pela próxima tempestade.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
14/08/2017 01:41:31
Né?!
06/06/2017 07:56:22
Muito excitante! Parabéns!

Online porn video at mobile phone


contos eiroticos leilaporncontos eroticos cheirando a calcinha da minha maetio da achupeta sobrinho rolarirman tomando baio e lavando opriquito e o irmao vendoincesto com meu vô contosxvideo corno filma esposa bebendo caldinho na cabeçamãe mãe cedinho comemorando Natal português XVídeosvelho chupa abuseta da neta comdo amai saicontoerotico com mulher casada e negrogrita puta selvageria braba xvideosvideo de porno de lespica fodento com pilu de buraxaXVídeos mulheres pratinho bem curtinho socado na bunda mostrando a bundaxx videos lesbicas en fando amao no do amigoXVídeos marido com enxaqueca mulher transa com outrodeixei ele encoxar minha mulher videosporno familia jurássicacontos de cornos com tio velho pauzudo e comedor super canalha rconto fudendo o cu da Marilene mãe do Danielxvideo gosando nasfamosas das novelaswww.videos de lactofilia com animais.comandrew arlindo dellavoglio casa dos contoscontos erótico pau torto do meu sobrinho nao entro na minha buceta XVídeos pornô novinha bem gostosa comendo sobrinha Galeguinho pequena de cor bonita grandinhaContos vendo os cavalos treparem sexo mamãe quis ir na praia de nudismo contos de incestomulheres da bunda grande dando cu de bruço pro kid bengalagraciliana mulher do belo fudendo xvideosxvhideo mijando toda hora 32 segundovídeo de sexo pornô garganta hipertrofiada engolindo monstro hiper dotadovidios pono sohenteenteada acanhada masturba o padrastomorena de fiu dentau vermelhocontoerotico eu,namorada, minha mae e tio jorgecontos eróticos ai meu cuzinho tá rasgando seu pau é muito grossocontos de transa com mylheres da orla da lagoa da pampulhatravesti de bunda grande mas gostosa do recife ponodoidocontos erotico gay corno participandoporno. meu. filio. viu. minha. bucetaXVídeos vídeo nacional e caseiro mulher dormindo sendo acariciada por saismulher gosandose soltano na cama mulequinhos pica cabecuda pornovvgg sexoconto mamae dormia de calcinha atolada no cucontos mulheres casadas camareiro de hotelxxvideos tetano fuder a coroar brasireracontos eroticos no dia que dei minha buceta pra dois senhores no onibus,dupla penetracaomae de filho gozando muito com brutamonte e corno filmando xnxxagora é assim mesmo boyzinha perdendo a virgindadenovinha contenção de chorte atoladovideo omem fragado botando arola pra levantando as saia das muulhres dentro do onibunsprovoquei levei no cu contosMostrar video de rapazes fazendo uma surubs gostosa com a novinha linda rapazes gosando muito e gostoso eles sentindo prazer um com o outro comendo a boyzinha e depois pegando no pau um do outro em xvideocontos eroticos filha e pai caminhoneiroeu com 28 anos de idade minha noiva linda e gostosa com 20 anos de idade ela casou comigo virgem da sua buceta e virgem do seu cu eu e ela na nossa noite de núpcias eu dei um abraço nela eu dei um beijo na boca dela eu tirei seu vestido de noiva ela deitou na cama eu comecei a chupar seu peito eu disse pra ela sua buceta virgem raspadinha e linda eu comecei a chupar sua buceta virgem ela gemia ela gozo eu disse pra ela chupar meu pau ela pegou no meu pau ela disse pra mim você tem um pauzao ela chupou meu pau ela disse pra mim pra eu mete meu pau bem devagar na sua buceta virgem eu disse pra ela eu vou tirar sua virgindade da sua buceta com carinho eu fui metendo meu pau na sua buceta virgem que sangro eu comecei a fuder sua buceta ela gozo ela disse pra mim eu quero dar meu cu virgem pra você conto eróticocrente curiosa pede para casado fuder seu cu primeira ves quis pica xxxvnwww.xnxxesposa trail marido no carnaval.comcontos tia puta tio corno mansovovo costosa ta xipio neto sexovideos caseiro de mulher transando com homem magro no colchãomaes rabuda deu pro filhos e amigos de fio contosconto erotico com homem velho de sunga coroa grisalhoMeus amigos me foderam bebada contospornodoido travesti do brasil dano leite fartomulher do peito e gigantão do bumbum gigante rebolando até o chãocumi aminha tia muinto cavalafilme de terro. vampiros. seducao. no. yotubXVídeos cara tapeando o coroa de motoConto erotico desvirginando o rabo da amantedi vagar gero sinao doi meucu .xvideofilha adotiva safada com mae e pai contoscache:16t390C-nPAJ:zdorovsreda.ru/texto/201603559 Chico não posta foto dela desce em pornô com As Panteras filme pornô com As Panteras 10contos eroticos minha mae com aminesiaDo caralho-basquete-contocontos eroticos mamãe ajudou papai a tirar minhs virgindade novinhavideos provocado meu cunhado do pau grande setei em cimaacho que minha namorada gozou pq agente tava fazebdo sexo e a perna dela tava tremendo