Casa dos Contos Eróticos


Click to Download this video!

Minha psicóloga III

Um conto erótico de Gonçalves
Categoria: Heterossexual
Data: 08/05/2017 02:55:01
Nota 5.00

Segunda-Feira, apresentei-me para nova sessão com a psicologa Deitei no sofá, ela aproximou-se com sua cadeira giratória para perto, com sua cadernetinha e caneta em mãos.

Contei para ela como encontrei minha irmã na sexta-feira e também contei a relação que tive com minha mãe na madrugada de sábado; que foi relatada assim, para a doutora:

-" Acordei de madrugada, com uma sede terrível; desci as escadas e fui até a geladeira, onde tomei uns dois ou três copos d'água. Nisto escuto um barulho e percebo que alguém está descendo a escada e diviso minha mãe. Perguntei se ela estava com sede e me respondeu que não. Não conseguia dormir direito, escutou alguém descendo a escada e veio ver quem era, torcendo para que fosse eu".

- "Por que ela gostaria que fosse você?" Perguntou a psicologa.

- "Porque ela estava com tesão. Já tinha dado uma com meu pai; mas ela ficou com tesão no rabo. Queria ser metida com minha rola no cu dela..."

- "Não tem uma expressão melhor para falar, Alfredo? Você está sendo muito grosso"! Falou, meio-brava a doutora.

-"Desculpe-me! Mas, continuando... minha mãe, sem sono, com tesão, abriu a barguilha de minha bermuda, tirou a rola prá fora, começou a acariciá-la, punhetando bem vagarosamente. Levou-me para o sofá da sala, não largando a pica e sentou na beira do sofá; abocanhou a jereba e fez um boquete carinhoso, lambendo o saco, as bolas e babando na cabeça do pinguelo. Tirou minha bermuda, minha cueca e deitou-me no sofá, indo pegar a latinha de vaselina. Untou todo o meu pepino. Subiu sobre meus quadris e de costas agachou-se sobre meu pau. Ela abriu as nádegas e eu segurei o cacete, mirando bem no buraquinho. Ela foi descendo e aquilo melado foi penetrando... enterrando e ela gemia, ela balbuciava, ela gaguejava: - "Ai querido... tá gostoso... teu cogumelo com essa cabeça... gostoso descer e subir no teu cacete..."

-" Ela teve orgasmo, doutora! Ficou doida... sentava e levantava de meu pênis com uma velocidade incrível... gozei dentro dela... aprofundei meu badalo para jorrar lá no fundão dela".

-" Muito bem, disse a doutra, agora temos de falar de sua irmã. De sua mãe já falamos o bastante"!

-" Bem, doutora... já contei como foi o nosso começo, com aquelas chupetinhas e eu chupando a bucetinha dela.

-" Estava um dia chuvoso, a mana voltou do colégio toda molhada, estava sem guarda-chuva. Ela correu para o banheiro e tirou toda a roupa e ia entrar no box para um banho. Subi rápido a escada e entrei no banheiro. Ela levou um susto pela minha chegada repentina. Pedi desculpa e falei que estava apertado para fazer xixi. Tirei a rola para fora e consegui fazer xixi. Tirei minha roupa e me aproximei dela com a piroca dura. Coloquei minha mão na xana e com os dedos comecei a bulinar aquela coisinha singela. Ela se contorcendo toda, apertando minha mão entre suas coxas, gemia gostoso e naqueles seios juvenis debrucei todo o meu carinho. Levei-a para meu quarto e dei-lhe um banho de língua, passeei a língua pelos seus seios, pelo abdômen, mordisquei seus rasos pentelhos e invadi a sua caverna, esfregando a língua em seu grelinho. Virei-a de bruço e taquei-lhe a língua por toda a sua costa e indo parar no reguinho, onde lambucei seu fio-o-fó de saliva. Tirei do criado-mudo a minha vaselina, abri as pernas dela e pedi a ela que separasse as nádegas. Melei minha alavanca e o cuzinho da mana. Comecei a pincelar aquela anus virgem. Ela perguntou se ida doer, respondi que sim... sendo a primeira vez; mas, que depois ela ia adorar. Com as minhas roçadas, fui estimulando o desejo da mana e assim que percebi que ela relaxou eu enterrei toda a cabeça. Ela deu um grito apavorante e quis sair de baixo...

>- Aí... tira... tira... tá horrível... Alfredo, tira Alfredo...<! Ela gaguejava, ela chorava, ela totalmente inquieta embaixo de meu corpo. E só tinha entrado a cabeça. Tirei a rola e ela correu para o banheiro, banhar-se e fui também, para bater uma punheta e gozar na pia".

-"Sexta-feira passada, quando sai daqui, encontrei-a em casa, toda chorosa... estava ainda com o cu ardendo e passei gelo em seu fio-o-fó".

- "Muito bem, seu Alfredo... ficamos marcado para a próxima quinta-feira e deve ser a nossa última sessão... o que o senhor está fazendo seu Alfredo? Está abrindo as barguilhas por que?"

-" Porque estou a fim de te comer... és muito gostosa... e aposto que chegou ao orgasmo escutando toda esta história."

-"Vou chamar os seguranças deste condomínio... o senhor pare com isso..."

-"Tranque a porta e não dê um pio... senão meto-lhe bala (tirei um 38 que estava em minha mochila)"!

Ela fez o que pedi e ficou de costas para mim, com as mãos na mesa de trabalho;levantei a saia de seu terninho, abaixei a calcinha, separei suas pernas e meti-lhe o membro na xoxota, aprofundando-me naquela selva num entrar e sair, num fuque-fuque nervoso, mas gostoso. Gozei, me arrumei, me aprumei e me despedi.

-"Tchau doutora! Ficamos marcado para quinta-feira, é a última, não é?"

Esfreguei o revolver na cara dela e fui embora batendo a porta - ela ficou na mesma posição; de costas, com as mãos na mesa e toda choramingona.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
16/05/2017 11:10:30
cara que idiotavocê já estava deixando a doutora com tesão era somente você a seduzi-la que ia come-la....agora colocar arma de fogoé demais sua nota e zero....
09/05/2017 23:21:43
tava indo bem....essa besteira de arma no final estragou tudo....mentira tem limite




Online porn video at mobile phone


mulheres de minisaia dano o cuzinho domino velinho bolinano novinha vidio pirno .com.brcunhadinha novinha chupa meu pau escondido da irma xvideos assisti agoraxvideos velho pegando novinha sem nigeui saberbundas enormes aberdaacontos de cú de solteironaver videos pornoo com coroas punheteiras e gozadas fartasfei a buceta pro meu primo mais novo contos eroticosporrno ate nijar de tanto emtesãomae com tesao se masturba aoamamentar filho contos xvideo malhada da bunda torneada da uma piza no homem de sexohospedagem anonima site:.ruprimeiro negão a gente nunca esqueceporno.bunda.na.cara.xeroza.perfumadacontos casal pau inchandohistoria erotica conquistei a minha filha pra dar cu pelo amigo roludocontos eroticos anal ensinando a pilotar motopornodoido tecnico esfola novinhatiara do cu ta doendo pornoFilinha gostosinha fretando o pai xvideoso bucetudas chorando quando a pica entrouprofessora para niguei botar defeito tao gostoza pelada linda buceta greludacontos a janara leva rola no cumulher com bermudacurtinha paceando na ruaquero pesquisar filmes pornor com negros super dotados arregassando cu e bucetas de mulheres loiras tirando sangue do cursinho delascontos eróticos menina de 25 anos 25 anos transando com cachorro com calcinha preta com as unhas vermelhascontos corno grupalContos eroticos fui fazer intercabio Xsvideos patroa levando surra de cinta nuamulher pelada com a b***** cheia de goza cobrindo a telaporno inserto.tia nao guenta vem.sobrio.di.pau durotransando com o principe e o lobo mauesposa do meu amigo me deu bola e eu comi ate seu cuzinhopornodoidogarrafasgarotinha safada sacaniou seu ti pirocudo e teve que mamar ate..contos eroticos eu meu marido acampandoporno garota extuprada dotados cuXisvideoscomemdo o cu d novinhoquitedo gemedo pelada camisinhabuceta depilada na cera floripaporno namorada nao gue da cu mai eu votetaaliviava me tesao com o filho novinho da vizinhaContos ertcos me mastubei na sala de aula flagada pelo garoto novinhofamilias nua praia de nusdemosxvideo comondo gordinha e gozandovideos de sexo gay imperador sendo puta dos guardas do palaciotouro estrupado uma. gostosa e ela fica muito esitadatia pasa de camisola perto do sobrinho e ele fica com tesaosexx não adianta corre cunhada.contos erotico,meu genro me enrrabou dormindoXxvideo pausao negaovideo traza afosa e debochada no zapVr vidios porno no xvidios do teste de fudelidadeVideo ao vivo de putaria profissional de velhas gostosas saboreando fundo na vagina o pau pretoestupro esposa contos eroticosnao sou gay e consegui enfiar 25 ctm no cufilha fodendo com pai na excursaocontos erotico meu filho me bateu e botou moralpornodoido jumentao esfolou cufalo putaria mesmoe trepo video caseiroas coroas gemendo e gozando desvairadamente xvideofudendo a cilene estupradocomo daesem doer a bucetaler contos erodicos fui abuzada antes da sirugiaContos eroticos cozinheirosconto erotico huntergirls71porno filho Engravidar mae dormidovídeo porno da tia gostosa dando pra sobrinha saida agua do olhofilho chupa mae dormindo vifeo gratiscontoContos porno com motorista12 mulheres se gozando muito asseste videosaudades faze sexo com a minhia esposa