Casa dos Contos Eróticos


Click to this video!

Uma fantasia do marido do casal bi tímido...

Um conto erótico de Casal Bi Timido
Categoria: Heterossexual
Data: 07/01/2017 23:58:17
Nota 9.88

Olá, amigos, estou aqui para contar mais uma fantasia, mas desta vez é minha, apesar de saber que é algo que a excita muito. Novamente, somos um casal maduro, 45 anos, pessoas normais, não somos super em nada. Para saber um pouco mais sobre nós e nossas fantasias, sugiro ler nossos contos anteriores.

Quem escreve novamente é o Filipe, desta vez com a fantasia de ver minha loirinha transando com 2 negros dotados.

Desde que comecei a imaginar outras pessoas em nossa cama, sempre imaginei ela sendo muito bem comida por 2 negros bem dotados, ver o contraste da pele branquinha dela com as rolas negra penetrando sua bucetinha e seu cuzinho juntos.

Imagino que a idéia também a excite muito, mas sua timidez e vergonha novamente a impedem de assumir. Continuo achando que ela pensa que estou testando ela, ou que pensaria que ela estaria me traindo. Mas como sempre dissemos, realizaremos nossas fantasias sempre juntos, nunca sozinhos.

Para realizar essa fantasia, teríamos que escolher 2 negros sarados, bonitos, que a deixem bem molhada e tarada, mas principalmente, que sejam muito bem dotados. Imagino minha loirinha se divertindo muito com duas 2 rolas enormes para ela.

Como sempre, iria preparar minha loirinha para o encontro, dando um bom banho nela, depilando sua bucetinha e cuzinho, deixando eles lisinhos para os machos. Iria passar um bom hidrante bem perfumado por todo seu corpo, deixando sua pele suave e cheirosa para os machos. Também como sempre, vestiria ela com espartilho, ligas, meias 7/8 e calcinha fio dental (como já perceberam, essas lingeries nela me deixam maluco!!!) brancas, para ajudar a aumentar o contraste com os machos negros.

Chegaríamos ao motel, e ficamos esperando os machos chegarem, ela só de lingeries, eu como sempre dizendo que estou adorando ver ela nessa situação, a deixando bem à vontade para se divertir muito com os 2 machos.

Eles chegam, e vejo seus olhos brilharem ao perceber 2 machos grandes e sarados. Novamente olha para mim como que pedindo autorização para iniciar sua diversão. Digo para ela como sempre, se divirta!!! Estamos aqui para que você tenha muito prazer!!!

Os 2 machos chegariam perto dela, e começariam a acariciar minha loirinha, que seria ensanduichada pelos 2 machos, tendo seu corpo todo acariciado por suas mãos, e beijos em seu pescoço, orelhas e rosto, que a deixam louca. Percebo que ela começa a se soltar, tentando apalpar as rolas por sobre as roupas dos 2 caras.

Quando sente o tamanho das rolas que começam a endurecer vendo minha loirinha em suas lingeries sexy, ela me olha com uma cara que é um misto de preocupação e tesão, e me fala suavemente que as rolas são enormes.

Digo a ela para relaxar e aproveitar, que ela terá muito prazer assim. Ela então se abaixa, e começa a retirar as rolas para fora das calças e cuecas. Eu sentado com a visão privilegiada olhando minha loira abrir o zíper e o botão de cada calça, abaixando e deixando as rolas ainda dentro das cuecas. Pelos volumes, percebemos que os 2 são realmente muito bem dotados. Ela passa a acariciar as rolas por cima das cuecas, vendo elas crescerem mais ainda. Percebo que ela começa a ficar realmente muito excitada.

Começa então a abaixar as cuecas, deixando aquelas rolas enormes e duras apontadas para ela. Ela pega uma em cada mão, e fica me olhando com cara de safada. É maravilhoso olhar minha loirinha, numa lingerie toda branca e sexy, abaixada e segurando aquelas rolas negras enormes em suas mãozinhas. Ela começa a aproximar as rolas de seu rosto, puxando as 2, e passa a cheirá-las e dar pequenos beijos em cada uma. Me diz que os 2 são muito cheirosos, e que está louca para chupá-los. Digo a ela: vá em frente, aproveite sua noite!!

Ela então passa a lamber e beijar a cabeça de cada uma daquelas rolas enormes, que mal cabem em sua boquinha. Ela passa a sua língua por cada cabeça, tentando engolir um pouco pelo menos em sua boquinha, enquanto punheta a outra rola. Olhar sua cara branquinha, sua pele clara, seu batom vermelho puta em sua boca tentando engolir aquelas rolas enormes me deixa de pau duro, e também tiro minha roupa, e passo a me punhetar lentamente para não gozar rápido com a grande excitação de vê-la assim.

Ela começa a se acostumar com as rolas grandes, e enquanto coloca a cabeça de uma em sua boca e chupa gostoso, passa a punhetar a outra com suas 2 mãos, que não são suficientes para segurar a rola toda. Passa a alternar entre as rolas, e punhetando o outro. Começa então a tentar lamber e beijar as rolas todas, levantando uma delas, e começando a chupar o saco e as bolas, que ela faz magistralmente. Percebo pelas caras dos machos que estão loucos com a boca e língua de minha loirinha. Ela vai subindo pelo cilindro enorme e comprido até chegar novamente à cabeça da rola, que passa a foder lentamente abrindo o máximo que consegue sua boquinha. Faz o mesmo com o outro cara, e os dois passam a dizer que ela é uma delícia, que mama como ninguém. Mesmo não conseguindo engolir nem metade das rolas, pede para eles foderem sua boquinha e percebo que o tamanho das rolas a faz engasgar muito fácil, o que só aumenta a quantidade de saliva em sua boca, deixando as rolas mais meladas. O contraste da sua pele clarinha, e das rolas negras brilhando com sua saliva espalhada por elas por suas mãozinhas hábeis me deixam maluco.

Os 2 então a pegam e levam para a cama, onde um tira sua calcinha, e o outro coloca seus peitões deliciosos para fora do espartilho. Enquanto um chupa seus peitos maravilhosos, o outro passa a chupar sua bucetinha deixando ela ainda mais melada do que já estava. Ela faz os machos mudarem de posição enquanto a chupam, para que ela possa segurar as rolas enormes com suas mãozinhas. Os 2 caras são realmente muito dotados, um deles muito comprido mas não tão grosso, e o outro tão comprido quanto o primeiro, mas com uma rola realmente muito grossa.

O primeiro passa então a pincelar sua rola na bucetinha e grelinho dela, que a deixa muito louca. Ela vira de 4, arrebitando sua bunda, e pede para ele foder sua bucetinha forte e fundo. O cara passa a enfiar sua rola nela, e ela olha para mim e me diz que pela primeira vez está sentindo a cabeça da rola bater em seu útero, preenchendo sua bucetinha inteirinha. Digo para ela que ainda tem alguns centímetros para fora dela, e o macho começa a foder ela aumentando o ritmo, e tentando enfiar a rola toda nela. Ela começa a rebolar e gemer muito gostoso, dizendo que está adorando a bucetinha toda preenchida. O macho aumenta o ritmo, o que a deixa muito louca, e ela puxa o outro macho para perto do seu rosto, e passa a chupar a rola mais grossa enquanto é fodida bem forte.

Antes dos machos gozarem, ela pede para eles inverterem, pois quer sentir a rola mais grossa nela. O cara aproxima aquela rola enorme da sua bucetinha bem melada, e agora já aberta pelo outro cara, e começa a enfiar lentamente. Ela fecha os olhos, curtindo cada centímetro da rola que vai preenchendo sua bucetinha, alargando ela até o limite. Quando ele começa a foder ela, ela novamente puxa a outra rola para sua boca, ainda melada pela sua buceta, e passa a sugar com muita força, sentindo a rola enorme cada vez mais rápido e forte em sua bucetinha. Ela geme e chupa a rola com os olhos fechados, e começa a ter espasmos em gozos múltiplos, até desabar sobre a cama praticamente desacordada. Olha para mim e somente diz obrigada!

Os 2 machos continuam de rola dura, pois ainda não gozaram. Passam a chupar seu cuzinho, já que sua bundinha está voltada para cima. Alternar linguadas no seu cuzinho e dedadas em sua bucetinha escancarada, deixando ela novamente louca e pronta para mais sexo. O de rola menor pede para comer a bundinha dela, e ela diz que pode até tentar. Quando o outro diz que também quer, ela diz que de jeito nenhum, pois ele é enorme. Tento incentivá-la, dizendo que ela vai adorar.

Ela me diz então: só fala isso porque não é o seu cuzinho, queria ver se fosse você. Respondo dizendo: isso é um desafio? Se eu aguentar a rola maior você também dá sua bundinha para ele?

Ela ri, e diz sim, confiante que eu nem tentaria. Olho para os 2 machos e digo: querem mesmo foder o cuzinho dela? Topam foder o meu antes para poder comer o dela? Eles imediatamente dizem sim, ainda de pau duro os 2. Me aproximo da cama, e digo que para aguentar o maior, o menor tem que entrar primeiro para me acostumar. Passo a chupar sua rola, enquanto o outro passa a lubrificar meu cuzinho com seus dedos, preparando ele para aquelas rolas enormes. Minha mulher não acredita que vou tentar mesmo, e fica somente olhando. Digo a ela para chupar o outro, deixando ele pronto para me foder também, e ela passa a chupar a rola mais grossa enquanto ele enfia primeiro um, depois 2 e finalmente 3 dedos em mim.

Enquanto isso eu já mamei bastante a primeira rola (e passo a pensar se realmente deveria ter aceitado o desafio!!), e coloco uma camisinha para ele vir me foder. Fico de 4, e ele encosta aquele pau enorme em mim. Meu cuzinho vai abrindo devagarinho, já que está bem lubrificado. Ele vai enfiando um pouquinho de cada vez, deixando o cuzinho se acostumar, sentindo as contrações dele. Quando a cabeça entra, sinto aquela dorzinha de prazer da cabeça entrando, e ele para até eu me acostumar com aquela rola enorme dentro de mim. Quando sente meu cuzinho mais relaxado, começa a enfiar a rola toda, até eu sentir seu corpo encostar em minha bunda. Começa a foder, e a dor começa a se transformar em prazer. Minha esposa começa a me punhetar enquanto continua chupando o outro macho, e coloca uma camisinha nele para ele me foder também. Depois de alguns minutos sendo fodido pela rola menor, sinto somente prazer. Ele então tira de mim, e vai lubrificar o cuzinho da minha mulher, dizendo que como eu aguentei o dele, ela também tem que aguentar agora.

Lubrifica seu cuzinho com seus dedos, e passa a penetrar ela bem devagarinho, como fez comigo. Ela agora está de 4 também, ao meu lado, sendo fodida pelo negro, enquanto o outro da rola maior lubrifica mais meu cuzinho já aberto. Ele encosta aquela rola enorme, e mesmo com o cuzinho já aberto pelo outro, sinto a mesma dor da penetração enquanto ele abre ainda mais meu cuzinho com aquela rola enorme. Eu peço para ele ir devagar, pois a rola é realmente enorme. Sinto cada milímetro me invadir, e abrir meu cuzinho ao máximo. Minha esposa enquanto isso está sendo fodida pelo outro macho, e fica me olhando nos olhos, vendo (e não acreditando) que estou conseguindo aguentar a rola enorme. Progredindo devagarinho, ele consegue enfiar aquela cabeça enorme em mim, e minha cara de dor e satisfação por ter aguentado somente deixa minha esposa preocupada, pois ela sabe que o cuzinho dela será o próximo.

O negro mais dotado começa a me foder devagarinho, enfiando cada vez mais aquela rola enorme, até enfiar ela todinha em mim. Olho minha esposa, e digo: desafio cumprido, agora você terá que aguentar ele também. Enquanto isso o outro macho continua fodendo seu cuzinho, e percebo o quanto ela está gostando, usando seus dedos em seu grelo, se masturbando e gemendo cada vez mais alto.

Peço para o macho que está me fodendo parar, para que possa foder ela. O outro macho diz que tudo bem, mas quer continuar fodendo um cuzinho, então volta a me foder, o que é um refresco para o meu, já que sua rola não é tão grossa, apesar do mesmo comprimento. Já começa me fodendo forte, enquanto assistimos o outro negro lubrificar mais o cuzinho da minha esposa. Ele também encosta a cabeça devagarinho, e começa a forçar para dentro. Ela pede para parar, pois não vai aguentar, e eu digo a ela que como eu tinha aguentado, ela teria que aguentar também. O desafio agora tinha virado de lado. Ela diz ok, mas pede para ele ir devagar e com carinho.

Ele passa então a enfiar cada milímetro em seu cuzinho, enquanto ela continua brincando com seus dedos no grelinho, como que para aliviar a dorzinha que sente na penetração. Ela começa a gemer por brincar com seu grelo, e o negro aproveitando foi enfiando sua rola enorme nela, até a cabeça entrar. Ele avisa ela que agora já entrou a cabeça, e pede para começar a foder ela gostoso. Ela só geme mais alto e diz para ele enfiar. Ele começa a enfiar a rola toda nela, e ela gemendo cada vez mais alto, pois agora está quase gozando por sua bucetinha, e com aquela rola enorme no seu cuzinho. Eles aumentam o ritmo, e ela novamente goza e cai sobre a cama. Vira para mim sorrindo, olhos fechados, e somente murmura que cumpriu o desafio.

Depois de descansar uns minutos, enquanto o outro negro continuava me fodendo, ela me diz que já que fiz ela aguentar aquela rola enorme, agora ela queria fazer uma DP, para realmente ficar toda arrombada por eles, já que minha fantasia sempre foi ela dando para 2 machos juntos. Os negros ainda não gozaram, e ficam doidos com a possibilidade de poder fazer uma DP na minha loirinha. O que está me fodendo para na hora, tira sua rola de mim. Ela deita o macho mais dotado na cama, sobe em sua rola e senta de uma vez nela, sentindo ela abrir sua bucetinha toda, e arrebita sua bunda pedindo para o outro colocar, mas devagar. O outro macho não tem dificuldade em entrar em seu cuzinho agora alargado pela rola maior, e em pouco tempo os 2 estão inteiros dentro dela. Ela começa a rebolar nas rolas, gemendo muito alto, e dizendo que nunca sentiu tanto prazer assim. Pede para eu me aproximar com minha rola perto da sua boca, e passa a me chupar enquanto os 2 fodem ela todinha.

Começa a ficar tão louca, que somente suga minha rola enquanto rebola gostoso nas outras 2. Não me chupa mais, parece somente tentar engolir minha rola enquanto as outras 2 preenchem ela totalmente. Novamente os espasmos vem, e ela goza várias vezes em nossas rolas. Apesar de acabada, deita na cama e pede para nós 3 gozarmos em seus peitões deliciosos. Sou o primeiro a gozar, e deixo um pouco de leite em um dos seus peitões. A seguir o macho com a rola menos grossa se aproxima, e começa a gozar uma quantidade grande de leite sobre seus peitões, com alguns jatos atingindo até seu queixo. Mas quando o negro da rola mais grossa começa a gozar, uma quantidade monumental de leite é derramada sobre seus peitões, deixando eles realmente todos melados. Ela segura as 2 rolas negras, punhetando até tirar a última gota de cada uma sobre seus peitões, e depois leva uma mão até sua bucetinha e começa a se masturbar muito rápido, enquanto com a outra espalha todo aquele leite por seus peitões, os biquinhos durinhos, até gozar novamente. Me olha com uma cara de safada e me diz que cumpriu o desafio e foi além!

Os machos se trocam e vão embora. Olhos aqueles peitões todos melados de muito leite, e fico novamente de pau duro lembrando dela sendo fodida na DP. Peço para meter em sua bucetinha enquanto ela ainda está deitada, e sinto o quanto ficou arrombada mesmo, toda melada e aberta pela rola enorme. Ela puxa minha cabeça em direção aos seus peitões, e me pede para mamá-los e chupá-los. Começo a passar minha língua sobre toda a porra espalhada neles, limpando enquanto meu pau vai ficando cada vez mais duro e começo a foder ela cada vez mais rápido. Sentir minha língua limpando seus peitões todos gozados a excita de novo, e ela começa a contrair sua bucetinha para prender meu pau. Pelo estrago feito anteriormente pelos machos não surte muito efeito, mas mesmo assim gozamos gostoso juntos, e depois eu vou dividir toda a porra que recolhi em um beijo de língua muito gostoso. Dormimos abraçados, nos recuperando da foda maravilhosa que tivemos.

Essa é mais uma fantasia que quero convencê-la a realizar. Apesar de sua resistência nessa, sei que ela gostaria de poder experimentar um dia uma outra rola, para saber como é.

Vou continuar aqui escrevendo nossas fantasias e claro, se realizarmos, contar em detalhes para vocês.

Deixem seus comentários aqui. Ela vai ler junto comigo, e quem sabe vcs não deixam ela mais excitada ainda a ponto de realmente assumir que quer realizar essas fantasias.

Beijão do casal a todos!

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
10/01/2017 08:21:57
Que delicia, como é gostoso e excitante fantasiar nossas putas se divertindo com vários kcts!
09/01/2017 16:00:37
sonho com um ou mais caras que deixem a minha esposa assim, bem putona, bem safada e viciada em outros cacetes! Pq puta ela já é, mas tem algumas ressalvas ainda....
08/01/2017 14:17:31
Maravilhoso. Um sonho que ainda espero realizar.
08/01/2017 12:01:39
Fantasia perfeita!!!
08/01/2017 06:26:02
Delicia de conto




Online porn video at mobile phone


porn invasão curra na favelanao acreditei que fudi o cu da minha filhapornoxvideos levo a gostosa anda de moto e comeu ela no matodando apora desse cabaçoContos gays passeando de carro vestida de crossdresstravesti estuprado por dois pornodoidvideo porno butei no cu dela e rla gritpu dizedno que ia cagarcâmeras escondidas que estragaram Anitta dando a bucetaconto bundonacontos contos meu marido me arrumou um novinhogostosa safada senta toda arreganhada destraida na fente do padrastroxvidios travestis na punhetas novingascomendo a urma novunha no banhoGol contos eróticos Prima com primo gordinha gostosacunhado gozando dentro da buceta cabiluda da cunhada deitadade bruso clara de 52 anoO verdadeiro marido Corno . . . Simplemente adora lamber o clitoris da esposa . . . Enquanto o amante dela enche sua buceta de Porracontos lactofilia com fotos ou videomeu patrão desejou comer a minha namorada vídeo pornô cornos Aracajuchapeleta grossa e neguinhas swxconto erotico gay branco dominador gosta de maltratar viado pretoWww.vedio.porno.casais revisão de Santa CatarinamIpor favor senhor eu nunca fiz sexo anal pornonovinha do cu arrmbdoquero baixar pornô novinha chamando o pai de mensagem massagemporno casa xeio de passarinhosaproveitando que o seu irmao nao ta em casa e dando assistencia pra cunhada video pornovelho tarsdaogostosa chifrando corno com seguranças na festa contos eroticoschegando da balada bêbada e fazemos insetocontos eroticos carcereiro tarado/estuprado no presídioXVIII minha mulher com negaoContos eroticos gravida evangelicaComo se escreve “ manda video porno ” em inglesXvideobibafotos pes tezudos femininosconto chupei meu avô cadeirantevideo mendingo pau gigante come coxuda de minisaiavideo pono colocono shotinho diladinhoContos recentes eroticos de irmão comendo irmansimhabucetascontoconto incesto sempre que vejp minha irmã fico de pau duro e ela cheia de tezaobucetinha super apertada sendo destruída por negao super roludo até arregalou o olhomarido pintinho e cu gulosovideo porno amor virei corno que deliciameu enteado me estrupoumarido realiza sonho da esposa ser fudida por uma fila de homems pauzudos e grososSou mulher casada meu compadre me fodeudei a xoxota para irmaovirgem mulher (casas dos contos de transformaçãowww.casadoscontoseroticos/tema/por que eu te amo amarreiContos eroticos com donas de casa que foi arrombada pelo cunhado pirocudovidio porno prima dando escorada na mesa de shortinho e de calsinha socadaporno doido trannza durode saiatiozinho acariciando clitores de novihanovinha aser estuprada com padrasto aser desvirginada enquanto dormeconto dei o cu pro meu tio emganto ele dormia gay 2017momento de carinho dando mordidinhas na nuca e desce lambendo as costas até chegar no cuzinhoe já te mandei tu também vai vídeo pornô adoro sexo de lavadoracontos chantagiei a enteada e tirei seu cabasojaponesa novinha no ginecologista fica excitada no examepornô doido de cetona de mini saia sem calcinha sentando na rolaQuadrinhos eróticos meu padrinho pauzudo me comeusogro pega intiada dorminosexoMamae sentando no meu colo. Contos eroticos cnn.Sogra impatando foda xvideoXvideo a pica do irmao era tao grande que ela nao guetou verdeu certo descabaça ela xvideoContos , enquanto eu estava bêbado o malandro tava comendo minha mulherarreda o shortinho e mete o caralho no cu da cunhadamomento de carinho dando mordidinhas na nuca e desce lambendo as costas até chegar no cuzinhocontos eroticos papai e mamae me fez mulherwww.sex.porno.pauzudopadre.