#1 Fodida Pelo Inimigo do Meu Marido


Um conto erótico de Gabriela
Categoria: Heterossexual
Data: 24/12/2016 03:48:20
Última revisão: 27/12/2016 03:09:32
Nota 10.00

Olá gente, boa noite!

Meu nome é Gabriela ( Brincadeira, não é. Fiquei com medo de botar o meu nome verdadeiro embora meu marido não goste muito de mexer nessas coisas de internet ). Eu já sou mais antenada, e encontrei este site, onde eu posso publicar coisas que aconteceram em minha vida que ninguém sabe, exceto algumas amigas que confio. Digo isto por que tenho 28 anos sendo 11 anos de casada com meu marido Edgard e tenho muita coisa para desabafar mas não posso ( óbvio ) e então achei este modo para eu desabafar em anônimo, espero que me alivie um pouco, pois até hoje não sei se as atitudes que tomei foram certas e isto me deixa com um pouco de dor na consciência. Enfim, neste conto vou relatar uma das coisas que aconteceu há muito tempo, quando eu tinha apenas 1 ano e alguns meses de casada com Edgard.

Enfim, vou me descrever: Tenho 1,64 de altura, 61 kg na minha ultima avaliação física, 62 cm de cintura se eu me lembro bem e 99 cm de quadril. Sei de cor por que sou muito viciada em academia e eu malho a um bom tempo, mas não sou das mais saradas, meu quadril já era desproporcional á minha parte superior do corpo antes mesmo de eu entrar na academia ( coisa que eu não curto muito ). Enfim, cabelos bem pretos que puxei do meu pai, pele branca como leite, e também nunca tive espinhas ( graças a Deus ). Meus seios são médio para grande. Edgard tem 1,69 mas fala para todos que tem 1,70 rs Cabelo castanho escuro e aparência de bem mais velho do que realmente é, devido ao excesso de trabalho. Ele tem 37 anos.

Todos os contos que eu relatar eu serei breve pois não gosto de escrever muito. No caso que eu irei relatar hoje: ... Meu marido iria dar uma festa em nossa casa, que é bem grande devido ao bom salário ele sempre me deu uma boa vida. A festa era especialmente para seu chefe imediato anunciar o novo ocupante do cargo de Gestor de Relacionamentos da Empresa em que trabalha ( nada melhor para puxar um saco e talvez conseguir a vaga que a anos ele almejava ). Ele queria que a festa fosse incrível, e foi. Tinha de tudo, bebidas musica boa e todos os funcionários da empresa foram convidados. Mas no momento do anúncio veio a surpresa, quem conseguiu o cargo foi João. Um funcionário bem mais novo na empresa que era arrogante mas vivia puxando o saco do chefe e provavelmente por isso conseguiu o cargo e agora seria superior de Edgard.

João era moreno, tinha 1,91 e praticava powerlifting. Não sei quanto ele pesava, mas era um homem enorme e com cara de mau. Eu não ia com a cara dele. Muito menos meu marido Edgard, que me contava que vivia sendo prejudicado pelo mesmo, me contou inclusive que João já havia roubado uma de suas idéias e por isso recebeu um aumento salarial e que hoje ganhava mais que ele. Era um crápula. Voltando... Depois do anúncio João foi abraçar o chefe e meu marido indignado se afundou na vodka e pediu que eu começasse a arrumar a bagunça da casa e foi pro quarto enterrar a cabeça no travesseiro pois já estava terminando a festa. Neste momento é que eu passo uma das maiores humilhações da minha vida.

Eu estava na cozinha lavando os copos quando entra João e fecha a porta atrás dele. Eu me lembro como se fosse ontem as palavras que ele disse "- Oi Gabriela, você ta linda hoje, uma pena seu marido não ter conseguido a vaga hahahah, eu nunca gostei dele. Sabe o que essa promoção significa? Que eu sou agora, superior do seu maridinho. E ele está comendo nas minhas mãos. " Eu com muito ódio fui na direção dele gritando e disse " -João, você está na minha casa e exijo que respeite a mim e ao Edgard! Ao contrário de você ele é esforçado e trabalhador, você não merece essa promoção! " ele nervoso disse " Está louca sua puta? Ouviu o que eu acabei de dizer? Seu marido está nas minhas mãos e você fala desse jeito comigo??? Eu vou amanhã mesmo dar um jeito para que seu marido seja rebaixado á faxineiro e me certificar que nunca mais volte ao cargo que ocupa!

Eu desesperada e cheia de ódio, sabia que João poderia acabar com a carreira de Edgard, pois como Edgard havia me contado, João já havia forjado provas para incriminar uma meia dúzia de funcionários lá dentro da empresa para que fossem demitidos e isto tudo antes de ser promovido a Gestor de Relacionamento onde com certeza teria muita facilidade de prejudicar meu marido. Então decidi que a melhor coisa a se fazer era pedir desculpas. E foi o que fiz, mas não satisfeito João disse " Depois do seu showzinho eu só aceito se for de joelhos, caso contrário fale a seu marido esta noite que diga adeus a seu cargo ". Eu recusei no ato sem pensar, mas João virou as costas para sair e eu com medo e no impulso gritei " ta bom merda!! "... ele olhou por cima dos ombros e viu eu me ajoelhando e dizendo " Desculpas seu cretino ... ".

João veio na minha direção e disse: "- Gabriela... você não trabalha, quem sustenta essa casa e vocês é o Edgard que agora está abaixo de mim. Você sabe muito bem que o sonho da vida dele é se tornar Presidente deste empresa de bosta que trabalhamos... Você não seria burra de fazer nada que impediria ele de realizar seu sonho né? Pelo amor de Deus não seja egoísta. " Eu quase chorando respondi "- Desculpa, você tem razão, mas não acho justo o que está fazendo. " -Eu a partir de agora mando no seu marido o que significa que eu faço o que quiser com você. Ou tudo acaba para ele." Eu sabia que era verdade, embora fosse triste, mas não concordava com o que ele estava falando até que ele abriu o ziper de sua calça em pé na minha frente e botou sua piroca para fora. ( MEU DEUS ) eu sabia que o pênis de Edgard era tamanho normal mas não sabia que existiam pênis tão grandes assim. Na verdade o que me chocou foi a grossura daquilo, não parecia de verdade! Ele percebeu que eu me choquei e falou " Eu sabia que você ia se chocar... Se casou muito cedo! Fiquei sabendo que nunca tinha saído com outro homem ... Por isso estou fazendo isto." Eu não acreditava que ele tinha botado o pênis pra fora na minha frente mas não acreditava mais ainda na grossura daquela COISA, devia ser mais grossa que o tronco de uma criança! E isto me tirou o ar de tal forma que eu não conseguia falar. Foi quando me dei conta que aquele monstro ainda estava mole!! Imaginei " Puta que pariu não é possível que isso seja sério " -Foi quando ele falou " Fique calma, a única coisa que eu quero é que você acaricie ele um pouco e eu vou embora "Eu estava falando que não meio que gaguejando quando ele pegou minhas mãos e colocou em sua piroca. Quando me dei conta estava fazendo o que me pediu.. Acariciando aquele pênis carnudo que ia ganhando volume ... Era incrivelmente pesado, e as bolas também eram grandes... Notei que ele estava crescendo mais e eu perplexa quado a piroca chegou no seu ponto máximo de ereção. Eu não tenho muita noção quanto ao comprimento mas nem minhas duas mãozinhas davam a volta naquele cacete.

Foi quando eu com a boca meio aberta de pura admiração não esperava e João segurou atrás de minha cabeça e atolou minha boca na cabeça da piroca dele. Como eu tava meio que babando, facilitou que entrasse a cabeça tão rápido que agora já era, minha boca estava numa parte tão grossa da piroca dele que ela estava no máximo parecia que ia rasgar e era impossível fazer qualquer força naquela posição. João era muito forte e nem sentia meus braços empurrando ele. Eu respirava pelo nariz enquanto sentia a força que João estava fazendo para atolar mais ainda seu pau na minha boca, sentia meu maxilar expandindo quando ele teve a ideia de fazer um vai e vem e a cada "vem" ele ia mais fundo até que eu senti a cabeça da piroca dele socar na minha garganta. Eu aproveitava quando ele puxava pra respirar antes que tapasse minha garganta de novo. Lá pela Décima estocada não sei como mas ele conseguiu socar a piroca toda na minha boca! ( Na verdade a maior parte estava na minha gargante que devia estar totalmente dilatada a esta altura ). Nesse momento ele falou, " Era isto que eu queria Gabi, foder sua boca e gozar direto no seu estômago ". Quando ele disse isto que eu me dei conta de seus planos! Mas já era tarde, sem tirar o pau da minha boca ele me virou de ponta cabeça aproveitando que eu sou pequena e leve e ele apoiou minha cabeça na geladeira e começou a arrombar a minha boca com tanta força que meu maxilar já estava dormente e eu estava praticamente levando uma surra das bolas dele na minha cara, que bolas! Ele ficou nesse ritmo uns 15 minutos bufando, minha cara já estava dormente quando eu senti uma ultima bolada violenta no olho e com o pau todo atolado no fundo da minha garganta ele começou a gozar ... Sério eu senti meu estômago enchendo da porra daquele escroto! Por fim ele terminou de esguichar dentro de mim e me desvirou para que a porra não voltasse.

Eu sentada no chão olhando pra cima aquele gigante com cara de mau não se parecia nada com meu marido ... Que era praticamente da minha altura, magrinho como eu gostava. Mas o que mais contrastava era aquela piroca, que olhando dali não tinha como acreditar que passou toda pela minha boca! Mas eu paguei um preço, a parte de baixo toda da minha cabeça estava dormente quando eu notei que o cacete dele ainda estava duro e agora lubrificado, e eu imaginei " Nãaao... Não é possível, eu pensei que todos os homens só conseguissem gozar uma vez por noite! Eu estou ferrada se ele quiser botar isso em mim!! " Neste momento ele veio na minha direção e eu tentei gritar para alguém ouvir mas não conseguia devido a dormência da minha boca e garganta. E mesmo que conseguisse, o som ainda estava ligado, cenário perfeito para ser destruída pelo pior inimigo do meu marido, e da pior e mais humilhante maneira possível.

João me colocou por cima dos ombros e me levou até a pia, onde me debruçou. Meus movimentos para me defender eram inúteis contra ele. Eu me chocava com o quão fraca eu me sentia. Malhava por anos, e sempre que discutia com Edgard ele sempre teve dificuldades em me segurar e acabava levando uns tabefes. Com João nada disso parecia real, parecia que eu era um boneca ridiculamente fácil de estuprar. Foi quando muito cansada me entreguei e cansei de lutar, caí mole sobre a pia e ele disse " -Ah resolveu liberar né? Finalmente... To vendo aqui que ta tudo fechadinho ainda... " Falou isso enquanto abaixava minha calcinha. " - Sempre que te via com Edgard não aceitava ele ter isso tudo só pra ele... Essa bunda enorme ... Mas pelo visto me parece tudo intocado. Ótimo. Pra terminar de foder com o seu marido eu só quero arrombar o seu cu.

Quando ele falou isto me desesperei e comecei a falar com a boca toda torta e tenho certeza que por estar até com a LÍNGUA dormente da surra, ele não entendeu nada, mas eu disse " João não! Pelo amor de Deus! Me desculpe!! Não faça isso! Eu estava guardando este momento para o Edgard que sempre me pediu isto! E ainda se você meter essa piroca ai vai me arrombar pro resto da minha vida! Isso de jeito nenhum vai cab..... " Nesse momento senti a cabeça daquela piroca incrivelmente grossa tocar meu cu e fiquei muda. Arregalei o olho segurei com as duas mãos na janela da cozinha e ... João me segurou pelo cabelo e forçou com toda sua força o cacete contra meu cu virgem. E nada... Não entrava por nada, e eu já sentindo dor apontei para a manteiga em cima do armário. João riu e falou " -Quer que eu lubrifique? " e eu respondi "- Por Favor! " Ai o sacana falou "- Ok, mas você vai ter que ir buscar a manteiga e passar na minha piroca. Depois vai voltar pra mesma posição que eu te botei. " Eu acenei com a cabeça e fiz o que ele mandou, espalhei manteiga naquele cacete todo e quanto mais ia chegando perto da base mais meu coração batia mais forte e sabia que aquilo ia ter que entrar em mim. Terminei me debrucei de volta na pia, arrebitei a bunda, segurei bem forte na janela e falei " Pronto, pode meter " ele riu e disse " Pede pra eu te foder " Com a cabeça dele na portinha eu engoli ceco e pedi " Vai, fode o meu cu seu imbecil! " Nesse momento João muito excitado botou um pé em cima da pia puxou meu cabelo com toda sua força e atolou a cabeça daquela piroca no meu cu de uma vez só me fazendo gritar de uma forma abafada e estranha pelo estado do meu maxilar.

Aporrinhado que só havia entrado a cabeça ele me segurou pelos ombros e já soando começou a tirar e botar a cabeça do caralho dele no meu cu de tal forma que cada vez entrava mais um pouco e meu cu ia arregaçando, e eu gritando muito alto não sabia como ninguém ouvia. A cada estocada eu gritava mais alto até que ele conseguiu socar tudo, minha coluna na hora deu um estalo alto e uma sensação familiar me veio a mente, eram suas bolas, que chicotearam minha boceta. Nesse momento meu grito foi muito similar a um gemido bem alto. Não gostei nem um pouco da sensação que aquilo me deu. Parecia que eu estava sendo aberta ao meio mas ao mesmo tempo um prazer diferente... Nunca tinha sido TOTALMENTE dominada daquele jeito, me sentia bem comida, e sentia muita raiva por esse crápula fazer eu me sentir da quele jeito. Mas não dava tempo de pensar muita coisa, logo ele disse " Isso.. Agora vou foder seu cu e gozar direto no seu intestino, igual eu fiz com a sua boca sua puta!" E começou a socar freneticamente, me dando uma surra, e suas enormes bolas estava destruindo minha boceta que era até bonitinha até o momento. Aquilo tava me dando tanto prazer que eu não conseguia omitir mais os gemidos, e ele dizia " Ta gostando de dar o cu pra mim Gabi? Você não vai aguentar sentar por no mínimo uma semana vadia.. " e eu disse " Siim " emendando com um gemido... É isso mesmo, eu estava em êxtase, não me culpe! Eu fiz de tudo para não chegar naquela situação. Mas agora não tinha como evitar, eu já tinha gozado duas vezes e eu nem sabia que dava pra gozar dando a bunda!

João ficou me fodendo por uns 25 minutos, quando atolou tudo e gozou por uns 2 minutos direto no meu intestino. Eu nessa altura sentia uma sensação de prazer jamais sentida antes. Minha boceta estava roxa de tanta chicoteada daquelas bolas enormes. Quando ele tirou a piroca de mim eu caí no chão mole, ele botou as roupas e falou saindo "- Agora eu posso dizer que fodi o seu marido em todos os sentidos! ". Eu fiquei ali, já que minha perna não tinha mais forças. Todos foram embora e ninguém entrou na cozinha. Fiquei até ás 5 horas da manhã tentando chegar ao quarto, minhas pernas estava muito bambas e eu caia toda hora... Finalmente cheguei e deitei. O despertador de meu marido tocou ás 6. Ele olhou pra mim e gritando me acordou " Gabriela o que foi isso?!! Está com um olho roxo, o rosto todo vermelho e com um corte no lábio meu amor! " Eu acordei, escutei aquilo e logo lembrei da surra que João me deu com suas bolas com minha cara apoiada na geladeira, logo inventei uma desculpa " - Ah amor, depois q você deitou eu enchi a cara, e subindo as escadas para vir para o quarto escorreguei e rolei pelas escadas. Mas estou bem... Vá par ao trabalho, se não você vai se atrasar... "

Edgard ainda meio relutante levantou, tomou seu banho, me deu um beijo e foi para o trabalho. Eu fiquei ali pela cama, me recuperando da surra que levei na noite anterior. Mal sentia minhas pernas, mas pelo menos, meu marido não perdeu seu emprego... Não contei isto a ninguém, mas me molho até hoje lembrando daquela noite. Meu marido que me perdoe, mas até que não seria nada mal uma coça dessa uma vez ao ano.

Então pessoal, foi meio difícil, mas foi bom poder desabafar isto com vocês. E como eu disse no inicio dependendo do feedback de vocês pretendo relatar outras coisas que me aconteceram durante meu casamento. Espero vê-los em breve, muitos beijos, e até!!

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
24/12/2016 14:50:26
Belo conto.
24/12/2016 13:55:55
Excelente conto! Vc é uma puta em potencial! Entre em contato....
24/12/2016 13:00:54
Muito bom!
24/12/2016 09:59:22
adorei
24/12/2016 09:59:13
top
24/12/2016 06:45:05
delicioso, continue
24/12/2016 06:33:55
Torço p ele se de mal..
24/12/2016 06:33:24
Otimo conto.Mas coitado do seu marido. E esse Joao me deu nojo. Odeio gente assim.Torço p
24/12/2016 05:38:21
Belo conto, me avise sempre que tiver um , podemos trocar algumas fotos caso esteja a fim, até logo!

Online porn video at mobile phone


FudiaponoXvidio minha conhada so usa curtinhoespozinha fica bricando com amigo do marido e leva no buceta pica peta gigante e gene de dorConto erotico fui cagar na moitavideos porno menina cruza com cachorros ate arder a bucetinhacontos eu adoro me exibirtinha muito gostosa vê sobbrinho na punheta e xairetribuindo o favor para a mae passando gel no seu cu contos eroticosclip16.com meninas virgens dando ate sair sangueesposa bunduda vergen anal e ovelho cacetudo contos eroticos Comtos eroticos de mulheres q bateram punheta pra cachorromae nao aguentou dormi com o pau grande e grisso do intiado sexoconto erotico huntergirls71Xxvideo pausao negaoConto gay - "fodido por um tritão"coxas descoloridas fazendo sexonovos Titãs que a manu rasgou a cuecaela gosta q catuca degavar o grelinho delaConto erotico provoquei amigo do filho demenorcontos eroticos comendo minha vovozinha na chantagemconto cadela subler contos eroticos de padres reaisdando com dorbuceta pro pai irmaosafada nuonibuWESLLEYWEST-CASA DOS CONTOS EROTICOS |zdorovsreda.rucincesto irma dando pro proprio irmãzinho novinhoxvideoshumilhada pelo patrão contos loiras dos mamlos rosadoes sendo chupadosapaixonado por dois brutamontes da faculdade 12cam esc no banheiro da idosa flagra ela na siririca beNovinhas fazendo safsdesas na sala de aulaContos vi que a bucetinha da minha nora tava inchada. Nao resisti meti meu pau na buceta dela ela gritava muitocontos de sexo no carro com um cara aiii metiii maispassando a mao no decote e chupando os peitoswww. xvideois. com.br. padato cao a enteadacomendo o cuzinho zerado da morenaxvidiomulher casada se ensinuando para negao ate ele nao resistirContos de casadas sendo estrupadas no morro baile funkxxvideo porno brasileiro novinha chora ao ter q fd cm varios depois q perd apostaSou bi e sou louco pra d o c pro meu primocontos eroticos cheguei casa escorrendo porra cornosxvideo.con novinha tabareuloirinha de shortinho deitada na cama esnobamdo namorado e dando pra outro xvideosjogador de basquete fode o gay safado na arquibancada negao xnxxBusetas tubinadasesposinha depravada seduz velhowww.clip16..com fragas novinhas fazendo sexo em favelas.commeu filho pintudo contocontos eiroticos leilapornjogando video game pelado conto eroticocontos eroticos fudendo com a síndica do prédioMULHER RASGANDO A BUCETA APERTADA COM UM GALHO DE ARVOREcontos eroticos amiguinhascontod eroticos um negao velho encheu.minha xaninha de.porracu da dona clotilde contosvirei mulher conto eroticoCóntos eroticos me vinguei do meu marido e dei pra um roludo minha madrasta vaca pornoXVídeos gay com truculênciacontos eroticos-obreiro pegando a crente novinhaconto erótico- flerte com filhinhofudi com meus alunos contos eroticosvídeo Baby Alive se arrumando para ir para a festa da neguinhaconto desconsido arebentou meu cucontos eiroticos leilapornxoxotinhas amasiadas na picaXvidio minha conhada so usa curtinhoquero ver zoofilia cachorro comendo a coroa cabeluda bem gostoso organiza que tesãofilme porno "a primeira vez ninguem esqueçe"vídeo de sexo com mulheres acorrentada em senzalaas pornoconto erotico malu marretacontos comi o cu da minha madrinhafilho da pica informo fudendo a buceta da mãe gostosaestupro esposa contos eroticosmulequinhos pica cabecuda pornohonem colica cachorto pra chupar suas bolas porniporno novinha catadora de latinhamulher de soltinho se matutando porno