Casa dos Contos Eróticos


Click to Download this video!

Um amor inesperado na faculdade 20 - Último Capitulo

Um conto erótico de Rafa Velaskes
Categoria: Homossexual
Data: 31/10/2016 17:57:25
Nota 9.90

O resto da semana passou e finalmente chegou o sabado dia da festa, eu, a Flavia, o Lucas e o Júnior chegamos mais cedo, a bandida nao havia chegado ainda, o Erik veio nos receber.

Erik:- E aí tudo certo?

Eu:- Tudo sim e você?

Erik: Tô tenso ... mais muito feliz meu amor é hoje que eu despacho de vez aquela bandida e finalmente vamos pode ficar juntos e ser felizes.

Eu: - Fica tranqüilo amor, vai dar tudo certo... Dessa vez a gente pega ela.

Flávia – Gente vou adorar ver a lacraia sendo detonada definitivamente, e pode deixar que eu vou ajudar a dar ibope no barraco.

Lucas:- Minha barraqueira kkkk, falou em confusão você está dentro né?

Flávia:- Não amor, falou em dar o troco na Cínthia é comigo mesmo kkkkk

Júnior:- Erik, quando for a hora tu só me dá um sinal.

Erik: - Valeu pelo apoio Júnior, nunca vou me esquecer disso.

Flávia: - Tô gostando de ver, já estava na hora de acabar aquela rivalidade boba de vocês dois.

Júnior: - Não temos mais motivos para rivalidades, quero só que ele faça o Rafa feliz só isso.

Eu:- Valeu Júnior.

Erik: - Agora eu acho melhor eu dar uma circulada e ficar de olho na hora que ela chegar.

Lucas: - Isso aí cara, a gente vai ficar um pouco mais afastado, qualquer coisa você me chama.

A gente se afastou do Erik e ficamos conversando, logo a megera chegou, apesar dos cortes do Erik na ultima semana ela mantinha a sua pose de arrogância. A galera estava chegando, a música já estava rolando, o clima de festa estava bem agradável.

Nós estávamos ali rindo e curtindo a festa quando vejo o Erik do lado dela, ele fez o sinal para que nós nos aproximássemos e disfarçadamente fomos nos achegando mais perto deles, o Erik pegou o celular e discou para o numero que havia mandado as mensagens para o Júnior ir no meu apartamento no dia em que brigamos, o aparelho começou a tocar dentro da bolsa dela.

-Erik:- Não vai atender meu amor?

Cínthia:- Ué porque você esta me ligando meu amor?

Erik: - Não estou ligando pra você, estou ligando para o número que ligou para o número que pediu para o Júnior ir para o apartamento do Rafael no dia em que nós terminamos. Estou ligando para o numero que ligou na floricultura encomendando flores e bombons para serem entregues ao Rafa.

Cínthia: - Como assim meu amor? Eu não sei do que você está falando.

Erik: - Pega a droga desse telefone que esta tocando na sua bolsa, anda Cínthia.

A megera pegou o celular que continuava chamando com o número do Erik aparecendo na tela.

Erik: - É disso que eu estou falando sua bandida, foi você que mandou aquelas flores para o Rafael pra semear desconfiança entre ele e eu, foi por sua causa que a gente terminou.

Júnior: - Foi ela que me mandou a mensagem no whats se passando pelo Rafa, pedindo que eu fosse até o apartamento dele no dia em que vocês terminaram.

Cínthia: - Não sei do que você está falando Júnior.

Erik: - Como não Cínthia, ele tem a mensagem armazenada no telefone dele até hoje, foi ele que me mostrou.

Júnior: - Quer que eu leia a mensagem Cínthia? Tá aqui galera pra quem quiser ler...

Erik: - E agora eu ligo no número e coincidentemente ele chama na sua bolsa...

Cínthia:- Erik, eu posso explicar...

Erik: - Você acha que eu sou idiota? Você já me fez muito de palhaço, agora nada do que você me fale vai conseguir te inocentar, até porque (ele tomou o telefone da mão dela), olha aqui Cínthia, o histórico com as conversas e chamadas vai negar agora?

Cínthia: - Não vou negar. Fui eu sim, fui eu quem mandei as flores, fui eu quem pediu para o Júnior ir sim no apartamento do Rafael...

Flávia: - Querida aproveita o momento revelação e conta para o Erik que não teve assalto nenhum que na verdade eu te dei uma surra histórica...

Eu: - Aproveita e conta também que no dia que ele brigou comigo quando eu estava segurando teus braços na verdade foi você que me provocou e me ameaçou, e logo depois se fez de coitada pra ele. Ah, conta também que no dia que você se apresentou pra mim no primeiro dia de aula, você já se apresentou como futura namorada do Erik, deixando claro que você ia fazer de tudo pra conseguir namora-lo.

Flávia:- Verdade hein Erik eu vi essa cena, conta também que quando o Rafa estava sofrendo com o término do namoro você foi lá zombar da cara dele perguntando se ele não iria desejar te desejar felicidades... Tem muita coisa que você precisa esclarecer para o Erik sua lacraia.

Erik:- E ainda tem o fato de você ter ido contar pra minha mãe sobre a minha história com o Rafael, você não tinha esse direito, era eu que tinha que falar pra ela...

Cínthia:- Eu fiz tudo isso porque eu te amo Erik, desde o momento que te vi na faculdade eu te amei...

Erik: - Que porra de amor é esse, que mente, passa por cima das pessoas, cria intrigas... isso não é amor, isso é doença, obsessão, qualquer coisa menos amor Cínthia.

Cínthia:- Não fala assim Erik.

Erik:- Falo mais Cínthia, eu não quero saber de você do meu lado, não quero mais ter que agüentar suas conversas chatas e fúteis, não quero mais nada com você.

Cínthia:- Erik por favor, pensa bem meu amor, eu te amo... eu sei que posso te fazer feliz.

Erik:- Depois de tudo que você fez eu quero distância de você, quero você longe de mim...

Cínthia: - Erik eu juro que vou mudar.

Erik:- Acho que você não está entendendo, vou fazer algo pra esclarecer tudo na sua cabecinha (ele me puxou e me deu um beijão na frente dela), esclarecido agora Cínthia? Eu amo o Rafael e você eu quero distância.

Ele me deu mais um beijo na frente de todo mundo, desta vez a galera aplaudiu e ela saiu arrasada. Depois disso ele olhou no fundo dos meus olhos e me falou sorrindo:

Erik- Pronto meu amor, agora ninguém mais vai separar a gente. Nunca mais vou desgrudar de você.

Eu:- Finalmente amor, juntos de novo.

E assim a festa transcorreu nomrmalmente, vocês podem ter imaginado um barraco daqueles mas na verdade não foi só as pessoas que estavam mais próximas perceberam o que estava acontecendo, claro que no decorrer de tudo juntou uma certa platéia e tudo sobre ela acabou vindo a tona. No final da festa Júnior veio até a gente.

Júnior:- De verdade, eu quero desejar felicidades a vocês. A partir de agora eu abro mão de lutar pelo seu amor Rafa e passo a me comportar como amigo de vocês.

Eu: - Valeu Júnior, você é um grande amigo ...

Erik:- E você? O que vai fazer daqui pra frente?

Júnior:- Deixarem as coisas acontecerem naturalmente, vou ficando geral até aparecer um cara legal kkkkkkk

Eu: - kkkkkk O lobo mau volta atacar.

Júnior: - Bem isso mesmo kkkk

Flávia:- Agora eu não quero saber mais de brigas entre vocês.

Erik:- Agora ninguém mais vai separar a gente Flavinha.

Lucas:- Sinto cheiro de casamento no ar kkkk

Raíssa:- Quero pegar o buquê quem sabe eu não desencalho.

Gustavo:- Ao invés de você pegar o buquê você bem que poderia me pegar né? Seria bem mais divertido.

Eu:- Uiii kkkkk eu acho que você não está mais encalhada Raíssa kkkkk

Diego:- É Raíssa, depois dessa se eu fosse você ia pra casa dele depois da festa.

Erik:- E você Diego, não ta afim de desencalhar?

Diego:- Tô sussa cara, quero saber de namorado agora não... to focado na faculdade.

Eu:- Quando você menos esperar vai aparecer kkkkkkk

Diego:- Espero que daqui 10 anos kkkkk

Flávia:- Cuspiu pra cima, cuidado que vai cair na testa kkkk

E assim conversamos e rimos bastante até que todos foram embora, saímos do salão todos já haviam ido embora.

Eu:- Você me leva embora ou eu chamo um táxi?

Erik:- Nenhuma coisa, nem outra, Esqueceu que você está no prédio do seu namorado?

Eu:- E?? kkkk

Erik:- E que hoje o senhor vai dormir comigo kkk to morrendo de saudades de dormir agarradinho com meu amor.

Eu: - Huuuummm acho que gostei da idéia...

Erik: - kkk você vai gostar mais ainda do que vai acontecer daqui a pouco (me beijou)

Eu:- E o que vai acontecer daqui a pouco?

Erik:- Vem que eu vou te mostrar...

Pegamos o elevador e fomos para o apartamento dele, mal abrimos a porta e ele já foi me beijando, me apalpando e aquilo era muito bom. Erik me levou até o quarto dele e lá já tirou a camisa e eu fui descendo a boca pelo pescoço até chegar em seus mamilos e ele gemia baixainho, fui descendo chegando ao umbigo e depois comecei a morder de leve a sua rola por cima da calça, ele me levantou e me beijou novamente e foi tirando minha camisa e minha calça, me deixando apenas de cueca e foi me dando um verdadeiro banho de língua e eu só pedia mais.

Eu:- AAAAaiiiii Erikkk, isso... Aaaaaiiiii que delícia meu amor... aiiiii

Ele me jogou em cima da cama, tirou a calça dele e veio se deitando por cima de mim. Eu senti seu corpo quente sobre o meu e a sua língua invadia minha boca, me dando uma sensação incrível de prazer. Aquilo era bom demais, eu estava com tesão e muito feliz porque finalmente eu estava nos braços do homem que eu amo, não me fiz de rogado, arranquei a cueca dele e logo apareceu aquele pau lindo que ele têm e tão duro tal qual uma barra de ferro.

Eu:- Que saudade que eu estava desta rola linda.

Erik:- Toda sua meu amor, aliás ela é só sua... chupa gostoso vai...

Eu:- Com um pedido desses não tem como dizer não.

Cai de boca naquele pau, mamava e chupava desesperadamente, estava morrendo de saudade do gosto daquele pau dele.

Erik:- Aiiiiii amor que delicia, chupa gostoso meu pau amor.. chupa gostoso...isso engole tudo minha deliciaaaa... aaaaiiii.

Ele me puxou e me beijou mais uma vez, virou-me de bruços e caiu de boca no meu rabo... que delícia, eu estava nas nuvens.

Eu:- AAAAAAaiiiiiii isso amooorrr, vai mete sua língua em mim...oooooohhhhhhh que delicia...ooooohhhhhhh....

Erik: - Que pau amor?

Eu:- Quero sim amor, mete em mim vai ... por favor...mete esse pauzão em mim.

Ele me colocou de quatro e foi metendo, no inicio bem devagar até que eu me acostumasse e depois foi acelerando até que começou a bombar bem forte e rápido, eu sentia seus ovos batendo na minha bunda e aquilo estava demais.

Cavalguei nele por um tempo também e ele de vez em quando socava de baixo para cima... nossa que maravilha. Erik ainda me comeu de frago, de lado, de pé, me colocou meio que de ponta cabeça encostado na cabeceira da cama e meteu também, me comeu em pé.

Erik:- Ahhhhhh eu vou gozar...

Eu:- Quero engolir desta vez amor...

Erik:- Então abre a boca que lá vai aaaaahhhhhhhhhh to gozanddooooooo ooooohhhhh

Ele gozou fartamente eu gozei junto sem tocar no meu pau, engoli toda a porra dele e deixei bem limpo o pau dele, me sentia feliz e completo, e saciado também kkkk. Tomamos um banho e dormimos agarradinho, passei o domingo com ele e enquanto estava na casa dele resolvi ligar para contar para os meus pais que finalmente estávamos juntos.

Mãe:- Até que fim, agora não deixem ninguém mais estragar a felicidade de vocês

Eu:- Pode deixar mãe, agora a gente aprendeu a lição.

Mãe:- Seu pai está dizendo que no próximo final de semana é pra vocês descerem aqui pra Blumenau, sua irmã vai vir e vai trazer o namorado pra gente conhecer. Queremos que o Erik a conheça também.

Eu:- A gente vai sim mãe, pode pedir pra sua diarista arrumar meu quarto que na sexta a noite estaremos ai já.

Mãe:- Ok filhinho, beijo para os dois.

Eu: - Beijos pra vocês também.

O Erik aproveitou para ligar para o pai dele que também comemorou a noticia de estarmos juntos, disse que assim que desse viria para Florianópolis nos ver, quando o Erik perguntou sobre a mãe o seu Elias disse que não vinha falando muito com ela desde que saiu de casa, mas se propôs em dar a noticia de que estávamos juntos novamento é claro que o Erik aceitou, era melhor que o pai dele falasse pra evitar situações desagradáveis novamente.

A semana passou fomos para Blumenau, Erik finalmente conheceu a minha irmã Roberta e em contrapartida eu e minha família conhecemos o meu cunhado, todos nos demos bem. Minha irmã adorou o Erik, meu irmão Ricardo e minha cunhada Lígia já o conhecia então estava tudo em família, foi um fim de semana maravilhoso.

Ah, antes que eu me esqueça de falar, as coisas na faculdade estavam muito bem. A Cínthia estava na dela, não encarava mais a gente, Flávia e Lucas já estavam cada vez mais sérios na relação deles. Raíssa e Gustavo começaram a ficar depois da festa do Erik e continuavam a se pegar de vez em sempre, Júnior agora era o lobo-mau da sala, adotou a política”sou de todo mundo”, mas isso só durou até o fim do ano. O Diego até então era o único que estava solteiro e que não estava pegando ninguém, como ele mesmo dizia “to focado na faculdade”, e ninguém o criticava por isso, ao contrário só tinha a nossa admiração.

O feriadão do 07 de setembro chegou e desta vez fui com o Erik para Umuarama visitar meu sogro e conhecer os irmãos dele, fui recebido e bem tratado por todos, Fabrício e Henrique (são os irmãos dele) apesar de serem mais novos que o erik encararam o fato de estarmos juntos com muita maturidade e me trataram muito bem.

Erik foi ver a mãe dele, eu preferi não ir junto. Segundo ele, ela o tratou bem e não tocou no assunto da nossa relação – melhor assim. Eu estava na casa do meu sogro e sou surpreendido pela visita da dona Carmen:

Dona Carmen:- Será que eu posso falar com você?

Eu: - Dona Carmen, pra ser honesto eu não quero confusão... eu já sei de tudo que a senhora pensa sobre a nossa relação e não gostaria de me chatear com isso novamente.

Dona Carmen: - Rafael eu entendo sua mágoa, eu vim te pedir desculpas e levantar a bandeira branca. Afinal, já que você e meu filho estão juntos temos que ter no mínimo uma convivência saudável.

Eu:- É verdade, melhor a gente dar uma trégua.

E assim entramos num acordo, a partir deste dia minha sogra e eu passamos a ter uma relação pacífica mas extremamente superficial, completamente superficial como eu já relatei pra vocês antes. Hoje ela freqüenta nossa casa, mas cada um na sua sem muito envolvimento.

Depois do fim de semana em Umuarama as coisas entraram nos eixos, o tempo avançou e já estávamos chegando no fim do semestre.

Erik:- Essa semana meu pai vem pra cá para resolver o lance do meu contrato de aluguel.

Eu: - O que houve meu amor?

Erik:- E que meu contrato vence agora em dezembro mas meu pai já quer renovar pra evitar transtornos por causa das festas de fim de ano.

Eu: - E porque você não vem morar aqui comigo?

Erik:- Sério?

Eu:- Claro né amor, você já fica mais aqui do que na sua casa mesmo... Traz tuas coisas pra Ca e fica de vez comigo.

Erik:- Estou sendo pedido em casamento?

Eu: - Huumm kkkk você está sendo convocado para estar comigo 24 hs.

Erik:- Eu vou adorar isso meu amor.

E assim ficou resolvido, no mês seguinte o Erik veio aqui para casa definitivamente. Fizemos uma festa de fim de ano com nossa galera e mais alguns próximos e foi bem legal.

Flávia:- E o réveillon de vocês já decidiram?

Erik: - Sim vai ser na casa dos pais do Rafa, meu pai vai pra lá também.

Eu: - Mas uns dias antes vamos La ver a mãe dele.

Flávia: - E as coisas com a sogra como vão?

Eu: - Amigaveis, pacificas... mas e melhor não passar disso, pra evitar certos constrangimentos. E vocês dois?

Lucas: - Eu vou com ela para o Rio Grande, acha que eu vou ser louco de deixar minha namorada viajar sozinho kkkk

Eik: - Isso mesmo cara, tem que marcar em cima kkk

Flávia: - Quem vê assim pensa ne kkk

Gustavo: - Eu e a Raíssa vamos ficar aqui mesmo.

Júnior: - Eu vou pegar geral na casa dos meus familiares no interior kkkkk

Eu: - Falou o lobo-mau kkkk

Júnior: - Opaaa eu que sou mesmo kkkk

Eu: - E você Diego?

Diego: - Vou ficar em Floripa mesmo com meus pais

Erik: - E sem mais ninguém?

Diego:- To sussa kkkkk nada de namoro agora ... Deus me livre!

Flávia: - Tá cuspindo pra cima de novo kkkkk

E assim adentrou dezembro, vieram as festas... passamos com meus pais e o meu sogro veio passar com a gente, estreitando ainda mais a relação com o meu pai, surgiu ai uma grande amizade. Janeiro entrou, ficamos entre Blumenau e o Parana ate o carnaval. Depois voltamos para Floripa.

Eu: - E finalmente na nossa casa.

Erik:- Amor mais um ano, e dessa vez tudo entre nos vai dar certo.

Eu:- Nada vai nos separar amor.

Erik: - Que venham os ventos e as tempestades... nosso amor resistira a tudo.. te amo meu amor.

Nos beijamos e ali começava de fato um outro ano, uma outra rotina, uma outra pagina na nossa história.

FIM.

____________________________******_______________________******____________________-*****_______________________

Florianópolis, março dea onda de protestos contra e a favor do governo tomou conta de todo o país e como universitários fomos as ruas também para protestar (Não importa se contra ou a favor do governo, deixemos a política de lado).

Flávia: - Galera vamos tomar cuidado para gente nçao se perder lá, nestas horas e bom estarmos em grupo porque nunca se sabe o que de fato vai acontecer La.

Lucas:- E verdade galera, sempre juntos.

Erik: - vamos de carro ate a metade do caminho, deixamos em algum estacionamento e depois seguimos de taxi ou ônibus.

Eu: - É mesmo gente, mais seguro mesmo.

Lucas: - Então eu vou com a Flávia, o Gustavo e a Raíssa e você Erik leva junto com vocês o Diego .

Erik:- Fechado então.

Seguimos para o local do protesto, lá descemos e nos juntamos com outras pessoas da faculdade, ficou uma galera enorme, tudo corria bem até que um cara empurrou o Diego.

Diego: - Qual é babaca não olha pra onde anda?

Felipe: - Babaca é tu cara, ta pensando o que tu é grande mais não é dois.

Diego: - Eu vou te partir no meio agora seu idiota.

Diego deu um soco em Felipe e a confusão começou, pelo visto o nosso ano começava bem tumultuado.

Galera por hoje é isso, terminamos a primeira temporada e já dei uma introdução do que será a segunda temporada. Antes que vocês questionem no primeiro capítulo da segunda temporada vocês saberão como está a Cínthia e o que aconteceu com ela, o importante vocês já sabem, ela nao deu mais trabalho pra gente.

Agradeço a todos: Marcos Costa, Lucas*-*, Morennaa, Wyth, Shacka, Irish, Iari12, Ru/Ruanito, Coração_Solitário, VALTERSÓ, garafão, Re899, Gui Gonçalves, sonhadora19, Diego21, Thiago Kast o18, magus, Dhiren e toda a galera que que leram e acompanharam esta temporada, espero que voces curtam a proxima.

Alberto Henrique, Gui Gonçalves, Fábio Assunçao, Maria Macilene, Junior Severo, Jefferson Radamés, Gustavo Andrade, Carioca23, Juliana Rodrigues. e toda galera que mandaramm e-mail, valeu pelo carinho e qualquer duvida escrevam [email protected]

Abraço galera até mais!

Rafa Velaskes

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
10/02/2017 05:17:09
Amei. Adorei. Apaixonei.
15/01/2017 13:08:25
Terminado de ler aqui hj... Amei sua história e a forma q vc escreve. Q bom q vcs ficaram juntos 😍 Tô atrasado mais vou correr aqui para chegar até suas postagens atuais.
10/12/2016 08:16:54
Muito bom.
25/11/2016 19:16:03
Nossa muito linda sua história lir tudo ^^ obrigado por compartilhar sua história com nois e felicidades a vcs!! S2 E vou continuar lendo e curtir a segunda temporada ^^.
07/11/2016 03:30:12
Fico muito feliz quando leio que casais homoafetivos estão vivendo o seu amor com muita felicidade. Gosto de teu relato. Não me lembro se já comentei em algum capítulo, mas tenho lido tua saga com muita emoção. Um abraço carinhoso para ambos, Plutão. P.S.: Espero que Júnior também tenha encontrado um amor.
01/11/2016 11:05:37
Adorei esse capítulo final! Só uma curiosidade, vc só é o passivo da relação? Tô ansioso pra ler a continuação!
01/11/2016 01:53:40
Aguardando a segunda temporada. Ótimo Rafa! (Eu fui universitário - de História - durante essa época e nem meti o bedelho nas manifestações).
31/10/2016 22:46:32
que venha a essa e muitas outras temporadas kkk um abraçao ae rafaa^^
31/10/2016 22:21:26
Adorei!!❤
31/10/2016 22:03:31
Ansioso pela segunda temporada.... Vou até enviar um email para saber se consigo algumas dicas de como sera... Bjs no coração
31/10/2016 22:03:09
Que bom que tudo deu certo. Felicidades
31/10/2016 22:01:05
Gostei muito do final. E agora começa também a história do Diego? Estou curiosa. Continue sim. Será bom ter mais do seu conto.
31/10/2016 21:53:24
Conto maravilhoso mano, estou muito mais muito ansioso pelo próximo conto.
31/10/2016 20:31:48
UM POUCO FRACO ESSE FINAL MAS MESMO ASSIM MUITO BOM.
31/10/2016 20:15:03
muito bom,espero estar acompanhando o na segunda
31/10/2016 19:36:27
Até que enfim ficaram juntos,muito bom!
31/10/2016 19:26:55
Ameiiii <3




Online porn video at mobile phone


contos eroticos eu minha mulher vimos minha sogra dando o cuXVídeos visagenscontos eroticos com padrasto estupro gosteisexo sujo contoGeisy Arruda mostrando a buceta alteradaconto casada assaltada chora na rola grande e gosacontos eroticos de incesto comendo uma doida mentalConto erotico raspando penteiogta faz sexed putaria sessaoadoro ser encoxada no trem contos eroticosvovoda bucetabum jumento fudeno uma eguinha de premeira viage ainda virgem abaixar tema vendo o primo transando com boneca inflávelmulheres brincando com penis so na portinhaforma de aliviar sem transaelrfoda incesta mae dormindo bem profundo tipo estupro putaria brasileira cenas fortes de estrupo mae sexopediu para fazer anal ,e cacou no paunao aguentoumulher caga incontrolavelmente no sexoem casa todo sujo fedorento pegou a novinha a forçaContos um caderante estrupou minha bucetao tarado do negao quis enfiar no meu olho enrugadoconto gay ele se revoltou e tomou todasurologista conto gaycontos de sexo depilando a sogracornomansso sobmissasanythingRapaz bem pauzudu metendo toda d4 na escolaajudei minha filha perde vigidade com meu cunhado contosexo conto meninas novas com cunhado safado me comendo brutamente.negra levou uma estocata na buceta e quis correr e dotado segurou e meteu tudoconto erótico gaay sonbra de gaelxvideos sonafero safadoContosporno nathy meu tio negao pauzudo tirou meu cabacinho porno ela foi faser a unha dele e viu ele de pinto duro fragaconto erotico tirei o cabaco da patricinha na marraxvideos mulher bunda grande gostosa da mulestracontos sofia cobre a sandrine pra mim papaimeu padrinho mexia na minha pepecaestupro esposa contos eroticosvideo de prono doido com loiiraasconto eróticos menina estrupada por mordomo ponodoidoxvidios outros purai favoritosanita mulher do corno do maranhaocontos eróticos ai meu cuzinho tá rasgando seu pau é muito grossoxvidio decotes da braquinhavídeo de menina perdendo a virgindade Nininha novinhanegao esplodino um cusimhoxvideos. corno linpa a esponinhaxvideoa aventuras anal gay sexo anal ate goza dentro no peloxsvideos macho submisoWESLLEYWEST-CASA DOS CONTOS EROTICOSminha irma vive mim provonca encostano seu cuzinho no meu pau. acabei comendofilinha novinha chega. colegio corre senta colo pai pra senti pau pai vibra na sua bundinha contosdou o cuzinho mas sofro muito ele tem um pauzaocomendo a mulher mais gostooooosaaa do mundo!!!imagens de puta abrindo abucrta topado na cameramtk contos eroticos coisas do destino capitulo 1flagrei esposa amigo nua de madrugada e aproveiteiconto erotico huntergirls71contoerotico.com.br/contos/amamentando-o-gostosao/iesposa crente e muito timida foi ajudar o marido no aluguel contos eroticosesperma na cara cimaindo na pucaxvideos com mulheres seios fragidosContos eroticos elacareca peladaliberei minha esposaloiras gordas da bocetona grande e peitos muchos chorando pra nao da o cuvodioporno de meninas que nao guento pau no cu.e berobotei meu dedo na buceta da mulher do amigocontos eroticos com fotos madrinhas coroas com novinhos roludoscontos real de incesto demaes fudendo com filho menor de dezesseis anosContos picantes ainda virgem fui abusada por um entregador velhocontos de patricinhas sendo estrupadas por bem dotadoporno gay de irmaos e primos quadruplopeli buraco da fechadura curtindo uma coroa gostosa tomando banhocontos terminei casamento para continuar comendo a sogracontos porno gay "meu novo amigo e eu"vídeo de pornô senta na minha pica rebola Dodôconto erótico filha da madame sentou no meu colo e sentiu meu pau duroxvideo so xopada curtas em bucetasmarido realiza sonho da esposa ser fudida por uma fila de homems pauzudos e grososhomen dano o cu e relachanoeu quero ver o homem estrupando a mulher comendo o c* dela periquita e gazelaxvideo mulatasnoramulhe de saia curta esfregano ante fude emcoxano na cozia no xvidio