Casa dos Contos Eróticos


3) A Fazendeira dando tudo e o Boiadeiro comendo e se fartando

Um conto erótico de Divina Maquina
Categoria: Heterossexual
Data: 18/03/2016 06:12:00
Nota 10.00

Última parte de:

1) A Fazendeira e o Boiadeiro

2) A Fazendeira dando e o Boiadeiro comendo

Então, o caso segue com as intervenções diárias.

Fui para o quarto dormir, meu marido ligou avisando que chegaria no dia seguinte e que teria que busca-lo na cidade. Ele sempre viaja de ônibus, mas tranquilo.

No dia seguinte, acordei cedo, tomei banho me arrumei e tomei café. Chamei o capataz Marcão para ir comigo, não gosto de ir só, por conta de algum imprevisto. No caminho, ainda na fazenda avistei Roi, meu jovem amante nos aproximamos, parei a caminhoneta e disfarçando.

Falei com indiferença:

- Roi, não sei se dá tempo ir hoje na cidade, se não for possível fica para amanhã. É melhor resolver com calma.

Ele respondeu:

- A pressa é da senhora dona.

Seguimos viagem, conversamos de tudo no caminho, até de Roi, falou que era meio calado, o tempo passou e chegamos. Estacionei numa vaga.

Deixei Marcão na Rodoviária e fui andando para uma loja próxima, que vende artigos femininos, comprei 30 calcinhas de cores e estampas variadas, baratas, escrotas, que não cobreria nada quando as vestidas. Me senti uma gostosa e adorei.

Também foram 30 souteans, de péssimo qualidade, sem fazer pares mas eu consegui mais ou menos fazer conjuntos. Os tamantos variados, mas sempre menores que meu tamanho.

As camisolas seguem o mesmo padrão, comprei 15 as últimas. Me senti a pior rameira, feliz com o tesão aflorado. Molhei a calcinha só de imaginar quando usa-las.

Sai da loja e entrei numa loja de artigos de cozinha e comprei algumas coisas. Fui para a rodoviária e ele chegou uns 10 minutos depois. Me beijou na testa e entramos na caminhoneta. Ele foi dirigiu contou dos Contratos e outras coisas, de crise e chegamos. Continuo na caminhoneta e fomos dar uma olhada na fazenda, olhando os reparos que precisam, passamos por Roi e o outro, paramos.

Falei:

- Após o almoço vou precisar de vocês e apontei para ele e outro. Vamos na cidade.

Voltamos à fazenda descansamos e almoçamos. Ficamos na varanda e o chamei para o quarto, ele entendeu e disse que iria descansar.

Tomei banho e vesti as peças que comprei, um conjunto de estampas desencontradas amarelo e branco. Minha calcinha ficou úmida, olhei no espelho senti estremecer. Coloquei uma camisa e uma saia jeans. Prendi o cabelo perfume suave, um gloss e sapatilhas, estou pronta.

Peguei a caminhoneta e quando cheguei no local, disse:

- É melhor ir somente um senão pode acontecer algo com o gado.

- Então quem vai?

Ele se adiantou e entrou na caminhoneta, arrastei. Demos um tempo andamos até desaparecer dos olhres e parei. Ele me alisava por baixo, me beijou com volúpia e me apertava toda. O fogo me queimou, abriu minha blusa e viu o soutean que nada cobria.

Falou:

- Isso me matar, um negócio que não cobre nada.

- Fica mais provocante com os mamãos saindo todo.

- Tô com a pica querendo.

- Eles são durinhos fica bom na mimha boca.

E puxou para o lado o soutean e mamou mamou mamou e chupana os bicões.

Estremeci de desejo, queria esse homem me comendo em qualquer lugar.

Gemi e murmurei:

- Não tenho juízo de me encontrar com você, mas não consigo parar.

- Chupe todinho meus peitões que estão doloridos de desejos, vai meu potrão, mame mas, não treco soutean quero que o rasgue com os dentes depois.

Ele balançou a cabeca chupou chupou e ... mamou mamou que os bicões doíam. A respiração me faltava e ele me beijou. Melhor ir. Arrumei o soutean, fechei a blusa e fomos. O caminho todo ele puxando minha calcinha e me cheirando.

Comprei os materiais e seguimos para um Motel afastado, entramos. Descemos e ele me carregou no colo cheirando meu pescoço.

Entramos, um lugar pequeno com um banheiro mínimo. Ele nem ligou me abraçou e tirou minha blusa. Me beijou e desceu para os peitões puxou o soutean e chupou mordeu e amei.

Me afastei e ele sentou na cama, tirei a saia, a calcinha vagabunda me deixou sensual ele me olhou me comendo.

Falou:

- Cachorra linda, estou doído, de paixão.

Dei um riso e colei nele, o homem me bolinava em todo corpo, mordicava a barriga e os peitões. Ele queria tirar o soutean não deixei.

Fui ao banheiro me molhei e voltei com a langerie colada e transparente, aflorando uma extrema sensualidade vagabunda. O efeito era esse mesmo que queria provocar. O homem me avançou deixei. Uma mulher madura quando quer seduz um belo gênero masculino.

Em pé falei sussurndo:

- Tire com os dentes e cheire as peças.

Ele não consegiu desabotoar o soutean e rasgou o tecido frágil de péssima qualidade, os seios saltaram, pelos rasgos e me ofereci.

Disse:

- Isso macho me chupe e me coma agora.

Ele furioso agarrou - os e espremia os mamilos com tudo, gemi... um prazer imenso. Escorregou pelo meu corpo em direção a xoxota.

Eu disse rosnando:

- Chupe a buceta sem tirar a calcinha.

Ele tentou, mas a calcinha muito apertada não suportou a pressão, e quando puxou do lado ela arrebentou a tira do lado, ele caiu de boca e chupou chupou e gozei e ele lambeu tudo.

Me colocou na cama, deitou e fiquei com a xota na cara dele de costas e fizemos um gostoso 69, pica com gosto de suor de macho...grande e grossa. Chupei toda e ele varria a língua na minha xoxota. Ele me chupando com a boca e introduzindo a lingua no canal urrei.

Tava doida por uma penetração, uma pica quente me queimando a xana. Se acomodou me virou e me sentei da direção da pica, segurou a jamanta e... meteu a rola, entrou deslizando, senti a xana abocanhar a rola quase toda, foi no fundo e cavalgamos e pulei comvas mamas balancando e ele as vezes chupava.. até o gozo chegar.

Descansamos e tomamos refrigerantes com salgados. Assistimos o inicio de um filme porno bem abraçados. Não terminamos e os carinhos voltam.

Murmuro:

- Quero tudo, completo no cuzinho.

Ele me prepara com creme e me coloca escancarada de quatro na beirada cama apoiada nas almofadas. Penetra na xota e vai me cortando as paredes da vagina e mete... mete com a "bichona" afiada que conheço e gooozo.

Tira enfiia no rabo, me contraio, grande me contorço toda e ele segue metendo.

Diz:pecado não presentear esse rabão com minha pica.

- Rabo de égua, potranca no cio.

Leve palmada transpiro e gozo, ele continua enfiando e goza. Vou ao banheiro, nós trocamos e saimos do motel e ele ficou com as peças.

Sempre vamos há algum lugar resolver algo e transamos com muita tesão. As vezes é na propria fazenda no rio ou mata onde o provoco com gestos e ele entende. Bom mesmo é quando o marido viaja. Será que tem "uma" amante ou" um" amante?

Quando acontece dormimos juntos. Deixo a janela semiaberta. Fico assistindo TV e quando vejo ele passando, desejo boa noite a moça e vou para o quarto, sempre a partir das 22:30.

Certa noite foi assim. Entrei no quarto e, leve beijo. Tomei banho e coloquei um soutean laranja e preto, essa cor me favorece e a calcinha da mesma cor. Coloquei por cima um camisola vagabunda preta que mais mostrava do que escondia, e de salto alto.

Entro no quarto e ele me esperando na poltrona. Desfilo, ele se levanta e me abraça, senta na mesma poltrona e fico no seu colo. Tiro o seio do soutean e deixo ele mamar bem num, e depois o outro, mama como bezerro, fico louca. Me levanta e tira somente a camisola, e vamos pra cama.

Me beija ardorosamente e partimos para a batalha sexual, rasga a calcinha e o soutean e bota a pica na buceta muitas vezes ardidas de tanto ele comer, mas quanto mais arde mais tenho tesão, e me viro com a bunda escancarada e soca a pica, rasga a xoxotinha.

Depois vai para o cuzino e urro sempre a jamanta nunca cabe nem na xoxotinha e nem no cuzinho...

A vida é assim, ser feliz é manter a pele tratada, se for com tesão é sempre melhor.

Até o próximo.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
11/09/2016 14:06:50
Julinha, uma lingerie é uma arma no corpo de uma mulher se souber usar, fuzi-la literalmente. No meu caso como ele mora em outro estado de vez em quando mando Selfie venenosa rsrsrs ele se desespera e fica praticamente no cio sem poder concretizar. Mas amo nosso relacionamento. Um abraço amiga. Agora vou te ver.
12/08/2016 16:27:11
Lady, me lembrou bem, me resta algumas... hummm um bom caldo. Essa trilogia realmente foi delicioso. Meu gaúcho bem merece uma comemoração bem " rasgadinha", afinal estamos num climão de desejo. Hoje tem farra depois da farra.
12/08/2016 07:25:42
Fechou com chave de ouro este show de Trilogia. Também gosto de comprar calcinhas, sutiãs e sapatos de saltos. Só me assustei com a quantidade da sua compra. Entendi depois, que eram para serem rasgadas de forma animalesca, no auge do desejo e paixão. Rs. Nota máxima com louvor. Bjs, Val.
01/08/2016 13:34:12
Minha LINDA ELCAZINHA !!!Cheguei ao ápice do desejo!! Te quero..Te quero..quero..quero..És demais. Você brinca com o seu CORPÃO..o boiadeiro deve estar GOZANDO até hoje.. Além de linda e muito GOSTOSONA.. Fico lisonjeado quando leio teus contos, sem falar no TESÃO que me proporciona.. ELCAZINHA, beijos a você..
26/03/2016 19:57:18
Beijos a todos os leitores, continuem lendo às novas publicações.
18/03/2016 12:32:59
Muito bom mesmo nota 10
18/03/2016 11:06:33
Os três são muito excitantes parabéns
18/03/2016 10:59:08
👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏 Show de conto !!!




Online porn video at mobile phone


conto erótico esposa de fériascomtos eroticos reais de casal corno vai pra sauna no centro bh ano do comto 2018negro roludo cabecudo comendo menino loiro goaando dentro video amadorxxvideo mobile de mulher chupando seios de outra em lactacaobobiça no mato xxxcontos eroticos - an american talecasa do contos erotico evangelica negranovinhas levando tapa na butinhaporno gey contos eroticos perdi cabaso c meu primo guando criansamulheres corrianas tranzando de quatroVideo pornopanteras filho comardo maecontos eroticos de padastroXevedeos corno leva mulher para festa e eu como ela escondida vedeos casero meu corno troxe um negão para me foder e tirou fotosfoda lésbicas vazando espermá jorrandominha irman adora pagar cofrinho xvideoXVídeos saias corinhos novas mamandorelato de siririca com barulhinhoaprendiz do sexo porno falando palavroescontos comendo minha vizinha negra bundudacontos de fada.dava a bucetinha quando tinha entre 6 e 7anis de idadecontos de incesto estava com medo da chuva e dormir com a mamãepauzao para meu marido e eu, exibidatvbucetanovinhoso sorubinha com elas filha da putaminha esposa me falou q quer sentir outro pau na sua bucetacontos de sexo depilando a sogragosando vom o cachorrocontos eróticos d alguém q adorava ser molestaDhcs xvideos conto porno paixao escandalosapan perdendo avingidade com trankscontos gay de escravos e o filho do patrãogero tira sangue do cu sogranovinha branqinha que nem papel do bucetaoMamando o caralho do vovo contoseroticosabaxa vidio porno mas safado brasileiro de tio fudeno supria só nucu da safadaconto erotico vendida pelo maridomulher entupida forçando para cagar sexoGay comlhado chupando a pica do comlhadovideos emprestei minha esposa gostosa para um amigo dotado 2017conto porno minha mulher foi ao cabeleireiro depilar a buceta e o cumorena com os pentelhos enroladinhos trepando gostosopamico ma forretas sex traza sexfilme pornô panteras tratei minha esposa mal só de raiva ela ficou com outroprica cavalacontos eiroticos leilapornHistorias de incesto_arrombando.o cu da deisy a forçacontoerotico eu namorada mae e tioprivate relatos eroticos tiro saiu pela culatradia chuvoso no carro do amigo do meu marido acabei dando ate o meu cuzinhoKadu p********* pegando as neguinhapeguei a novinha fumando maconha e chantagiei ela e transei com elahttp://quero conhecer adolecente para namoro com peitinhos novinhos e bucetinha lizinhaficamos ilhados no sítio eu e minha irmã contosvideo encinandOo pula de cabeça nu riucontos chupador de bucetameu enteado me engravidou contoscontoerotico minha namorada, minha mae e meu tioMelissa Contando um xiriquadrinhos eroticos cunhada sedentaxxvidos taty vaqeira sexono motel eu não tava acreditando que eu tava fundendo a buceta virgem da minha cunhada solteira coroa conto eróticoele a enrabala e ela a cagar.se pornocasal sendo masageado pornochantagiei a colega de trabalho e comi ela contosxvideo mulher casada do brasil arcoda loca por pica titia ve o sobinho de pau duro e da a bucetazdorovsreda.ru gay velhofilme casal insurportavel pornodoidocontos eróticos no YouTube deixei meu filho me comerFui encoxada e iniciada por um roludoxvideos ela pensou que ele tinha parado de gozar e quase engasgoufazendo buceta sofrer com pau extraordinariamente grosso pornoirma e chantageadas por irmo e ele chupar aforsa seu paucontos eroticos comi o cu do amigo da faculdadeconto erótico o Início de Lúcia como escravaporno empurrou de uma vez que ela pinotouencoxada bem arroxadanovinha achou que erra prachupa do negao e ser deu malnauvia rabudacareca da mega jamanta xvideos.comcontos de sexo depilando a sograde bruços sinto a cabeca entrando com forca no meu cuzinhoXVídeos XVídeos fazer XVídeos XVídeos pau de pavêcontos eiroticos leilapornapertei fazer filme pornô calça entrar no rio mulher pretinhaporno paudentri da bucetaler contos eroticos menageso norabo xvideoadnao aguentou e gozou na mao da doutora xxvideos