O doce nas suas veias - (Capítulo 10)


Um conto erótico de Vamp19
Categoria: Homossexual
Data: 02/11/2015 19:05:34
Nota 10.00

Dou um pouco do meu sangue a Jesus muito pouco antes de sua morte. Eu não percebo o quanto gosto de ouvir seu coração batendo até que o som cessa por completo do mundo. Eu mesmo estou à beira da morte e mais uma noite sem tomar sangue para me curar dos ferimentos que aquelas duas estacas de madeira tinham feito na minha barriga significará minha morte. Deixo Jesus sozinho, muito hesitante, para que possa procurar por alimento. Ele fica morto dentro de uma caverna escura onde o sol nunca bate. Na saída da caverna, olho para seu corpo e desejo profundamente que a quantidade do meu sangue que o dei seja o suficiente e que tenha sido no tempo certo.

A lua está cheia, e ao longe escuto um lobo uivando. Poderá haver algum lobisomem por essas áreas? O uivo é longo e solitário na noite e parece que toda a natureza para para escutar. Eu começo a andar por entres as árvores, sentindo a desolação da minha missão e ainda assim não encontrando forças para parar. Preciso me alimentar para que possa ajudar Jesus. Preciso.

Mas a cidade está longe e Van Helsing ainda está vivo. Não acho nem por um segundo que a bala na sua perna tenha sido mortal.

Van Helsing. O nome ainda me enche de fúria. Não passou muito tempo desde que fugi mais uma vez. Forço-me a não pensar naquele humano por agora.

Penso em voar. Olho para o céu cinzento cheio de esperança e decido tentar. Primeiro, subo numa árvore e de lá pulo do galho mais alto abrindo as asas. Caio no chão na minha forma humana, fraco demais. Cuspo a terra que entrou na minha boca, levanto-me e cheio de dores continuo andando. Mais uma vez, escuto o uivar do lobo no fundo da minha mente. Não existe lobos naquele país. E aquele uivo não pode ser de um cachorro qualquer. É algo mágico. Uma luta com um lycan será o meu fim, mas nem assim eu consigo me concentrar na minha própria vida, tudo que interessa é sangue e Jesus.

Começo a entrar em território conhecido e percebo que estou mais perto da cidade, numa distância que não é nada se eu fosse ainda o vampiro forte de antes, mas agora acho que levará uma eternidade para chegar lá. Ainda preciso retornar antes do sol nascer. Mas nem voltar acho que sou mais capaz. Minha barriga está aberta e meu sangue está escorrendo em suas últimas gotas.

Eu caio no chão pela última vez. Não me levanto mais, encaro a terra marrom sem realmente ver, penso em Jesus e imagino que se ele se levantar no outro dia e perceber o que fiz por ele, vai me amar pelo resto da sua vida como imortal. Fecho os olhos para morrer. As árvores ao meu redor começam a falar uma com as outras enquanto as folhas fazem barulho, quebrando-se no céu.

‘O que aconteceu com ele?’

‘Caçadores.’

‘Achei que nós fôssemos caçadores.’ A voz é de homem, um jovem que parece ser da idade de Jesus. Não são as árvores que falam. Sinto o cheiro dos lycans se aproximarem de mim. ‘Ele está mesmo morto?’

‘Não, está de olhos abertos. Vampiro?’

Eu não respondo. Não tenho forças para responder.

Ele me vira no chão e encaro o céu cinzento, duas silhuetas obscuras estão me olhando de cima. ‘Tem uma estaca na sua barriga!’ É o homem mais velho que fala isso. Eu fico surpreso. Achei que tinha tirado a estaca. Estou mais ferido do que imagino, então. Como ainda não estou morto? Sinto a estaca sair do meu corpo, foram duas, eu só tirei uma. Automaticamente sinto um alívio tremendo e tento agradecer aos dois lobisomens. Ambos, pai e filho, são lobos, eu consigo sentir.

‘Por que estamos o ajudando, pai?’ ele fala. ‘Não caçamos vampiros? Não lutamos?’ O garoto é grande como o pai, consigo ver seus olhos castanhos claros e místicos, liquidificados. Como o pai, tem um nariz grosso e uma barba pesada com uma pele da cor de cobre. Vestem roupas de pele e couro.

‘Acha que é justo deixá-lo morrer? Escute o que vou lhe dizer, pois você nunca lutou com um vampiro, eu sim. Nunca matamos vampiros e vampiros nunca nos matam, apenas lutamos, como se fosse um esporte. Somos seres de outra natureza que contradiz o Deus dos homens. No mundo deles, somos um inimigo só e por isso precisamos ser amigos. Quem o machucou foi um caçador, um caçador que também virá atrás de nós. Se ajudarmos esse vampiro, poderemos saber mais sobre isso e informação é tão importante quanto força e saúde contra um inimigo.’ Ele se vira para mim, que estou deitado no chão sem poder falar ou me mexer, morrendo a cada segundo que passa. ‘Vampiro, irei lhe dar meu sangue, um pouco, o suficiente para se curar. Se tentar me matar, meu filho enfiará essa estaca no seu coração. Entendido?’

Não posso responder, mas ele segue em frente mesmo assim. Ele coloca seu punho na minha boca e de início sem abrir a boca para mordê-lo eu consigo. Estou tão fraco e cansado. Quando não faço nada, o homem tira o pulso da minha boca e corta horizontalmente uma fina linha de onde sai sangue, então ele derrama na minha boca. Uma gota acorda meu interior. Duas, e eu consigo abrir a boca, então seguro fortemente no seu pulso e enfio meus dentes profundamente. Sugo o máximo que posso, e estou maravilhado com o sabor daquele sangue, tão bom e doce, mais doce do que o de Jesus. Sinto meu corpo ficando jovem, sinto-me mais revigorado.

‘Está bom!’ ele diz, não consigo parar. ‘Está bom!’ Ele aperta a estaca no meu coração e o medo me faz parar. Estou melhor, mas ainda com muita sede.

‘Obrigado!’ eu digo, com toda a sinceridade. ‘Acima da colina, dentro de uma caverna. Contarei tudo.’ É tudo que consigo dizer antes de pular do chão e voar pelos céus. Escuto uivos na noite atrás de mim e começo a rir alto. Em toda a minha velocidade vou para a cidade e agarro a primeira pessoa que encontro, um adolescente de uma rua escura. Não o mato. Tiro sua memória e vou atrás de outro. Decido ir atrás dos três homens que ameaçaram Jesus de forma implícita sexualmente, encontro somente dois deles na mesma rua e reconheço as batidas do seu coração. Não encontro Van Helsing por nenhum lugar e sinceramente nem o procuro por ainda estar fraco e sentir medo. Eu mato os dois homens no ar. Sugo todo o seu sangue. Jogo seus corpos na floresta embaixo de mim para que algum animal os coma. São melhores quando estão mortos e podem fazer alguma coisa de útil para a natureza. Estou revigorado e de barriga cheia! Como é bom! Posso me defender novamente, posso ajudar Jesus.

Ao lembrar do meu pequeno menino volto as pressas para o meu local. Ainda bem que volto, porque percebo que o sol já está nascendo e quase que sinto na pele as primeiras queimaduras dilacerantes. Os lobos estão lá na beira da caverna receosos de entrar por medo de acordarem o novo vampiro. Sabem que novos vampiros tendem a ser meio descontrolados.

‘Vá dormir, vampiro!’ o homem diz quando me olha, ‘Esperaremos pela informação.’ Não consigo não sentir simpatia pelo senhor. Deve ter mais de duzentos anos, pela aparência. Lycans vivem mais que humanos, mesmo que vivam bem menos que vampiros. Aquele está no seu auge, grande e forte e selvagem. Um ser não natural, como ele mesmo disse. Não consigo encontrar palavras de agradecimento. Estou cansado e vou dormir.

É o melhor sono da minha vida. Estou abraçado com Jesus, e posso sentir que o sangue está funcionando. Seu corpo está frio, sim, mas não está morto do jeito que cadáveres devem ser. Está frio como eu. Quando acordo, sinto-me inseguro pelo fato de que ele ainda não acordou. Tento não me preocupar. Está tudo muito escuro dentro da caverna. Escuto um pequeno uivo por fora e lembro que existem dois amigos querendo informações. Van Helsing é nosso inimigo em comum, por isso somos amigos agora.

‘Obrigado, obrigado!’ eu digo. ‘Não imagina a dificuldade pela qual passei. Horrível são os caçadores que estão atrás de mim.’

‘De vocês, agora’ ele diz. ‘De nós. Recebi notícias de amigos pelo país. Drácula está morto. E nem foi um lobisomem que o matou.’ Ele parece desapontado. Seus olhos são tão mágicos como os do jovem atrás dele. Ele me olha desconfiado, o filho.

‘Você não tem roupa?” o garoto pergunta, enojado. Eu dou uma gargalhada.

‘Não preciso de roupa’ respondo.

‘Mas vampiros usam roupas’ o mais velho diz. ‘Sou Maicon, esse é meu filho, Épini.’

‘Eduardo’ falo, segurando na mão quente do mais velho de cabelos marrons misturados com grisalhos, e na do jovem de cabelos castanhos claros. ‘Como eu disse, estou passando por grandes dificuldades. Perdi minha roupa no processo.’

‘Quero saber mais sobre essas dificuldades.’ Ele diz. ‘Eu e meu filho queremos saber…’

Um grito longo e triste sai da caverna nesse momento e eu sinto uma pontada de desespero. Viro-me para a entrada e começo a caminhar para dentro quando Jesus sai, também nu, olhos vermelhos brilhando com fogo. Ele está radiante sob a luz da lua, pálido como eu. Ele me olha com nojo.

‘O que fez comigo?’

Eu ignoro seu desprezo.

‘Como está se sentindo?” pergunto. Jesus parece que vai me responder no tom vitimizado, mas então seu olhar obtém uma obscuridade que eu conheço muito. Ele lambe os lábios, olha ao redor, depois olhar para mim como se estivesse muito confuso. Ele lambe os lábios mais uma vez.

‘Com sede’ ele lambe os lábios novamente, e olha para os dois homens-lobo atrás de mim, as presas se formando dos caninos brancos da sua boca, longas e afiadas e preparadas para o ataquecrys12 isso mesmo, e se acontecer de vcs n puderem ler um dia ia ficar mt acumulado e vcs poderia ficar cansados. obrigado pela opinião. bjs!

Edu19>Edu: CONTINUEI! hahah

lu6454: tu acha mesmo? ele tá é apaixonadão.

Helloo: obrigado pela opinião e ainda pelo elogio, eu sei que vcs são maravilhosos, mas é bom pq se acontecer um imprevisto com algum de vcs e vcs n puderem ler os capitulos fica juntando muito e pode ficar confuso, e ainda dá tempo pra eu escrever mais e editar e deixar bem limpinho de erros pra todo mundo. e ai? e sim, realmente, eduardo não podia morrer naquela hora, obrigado pela análise! ahsuahs, pode continuar dando sua opinião. agradeceria muito.

S2DrickaS2 : eu sei que vc não reclamou, vc é fofa demais pra isso <3 tava brincando contigo. vou deixar pelo menos algum bom tempo passar entre duas publicações, não é melhor? eita que todo mundo tá crucificando jesus!!! (pessimo em piadas, mas ainda continuo tentando) haha, vamos ver onde isso vai dar. obrigado pelo comentário lindo e inspirador, fico muito feliz mesmo que goste da minha escrita. me faz tentar o meu melhor. agora me diz o que achou desse cap!

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
03/11/2015 01:54:22
Acompanhando
02/11/2015 21:32:58
Olha Vamp19 eu te gosto demais.Por mim você postaria uns 5 capítulos no minimo.Mas como eu fui um voto vencido,eu me contento com o que você propôs. :( O Jesus é um sem noção!! o Eduardo o ajudou... E esses lobos?Claro que se tem vampiros,tem que ter lobos. Eu nem preciso dizer que eu amei tudo né?? Um beijo babyA.
02/11/2015 21:03:32
Nossa... Jesus virou um vampiro? Por essa eu não esperava. Seu conto ta cada dia melhor, estou ansiosa pelo próximo capitulo. Gostaria de saber se vc vai posta todo dia no mesmo horário ou não? Seria melhor vc posta todo dia no mesmo horário, pois assim agente entra no horário pra ver o seu poste. Hoje eu entrei umas mil vezes pra ver se vc tinha postado e isso é um pouco frustrante. Bjs
02/11/2015 20:49:53
kk gostando. .
02/11/2015 20:31:21
Ufa pelo menos eles estão bem, continue logo.
02/11/2015 20:02:30
Agora que o negocio começa realmente a esquentar rsrs! Só quero ver essa transformação de Jesus... tomara que esse Van Helsing morra com o Eduardo ou Jesus bebendo o sangue dele kkk só uma coisinha vc se baseou alguma partes dessa série na saga Crepúsculo??

Online porn video at mobile phone


adolecentes sendo fudidas por penis gigante e cabessudos pornoXvideos so de novingas de 15 aninhos sendo estrupada pelo irmaoporne com malheicontos eiroticos leilapornContos eróticos de incesto mãe tarada descabacando filho dotada com fotosnovinha do zap si ezibindo de calcinhave.avaca da minhas vizinhas tarada lindo bucetaomulher com aberada da buceta toda esticada pra filha verConto porno velho comendo meninaantonio negro comedor abriu a porta dotado conto corno mansonegao finca tudo dentro da buseta da menina virge e goza dentrofilha fodendo con negao picudo e mae espiamdoCaralhudos na bucetinha virgemminha sogra tezuda eu confessoporno tirei o pau veio bosta bizarronora provoca sogro contossòmente no cuzinho da esposaporno doido pai estrupando filha virgem ate ela chora de dor e inchacar a buceta e machucar o cucontos eróticos minha esposa e seus pequenos delitosvídeo pornô de polícia me indicassexx vidio gozadaia femininaContos sempre fui o viadinho de todos os homens da familiaencochador penetra em mulher gay mundo bicha policias tranzando na estradaconto erotico com crentelipesonhador casa dos contos gaya mulher e amante apertalas bolas pornoConto erotico comend irmoa da buceta peluda porno de joelvemgaleguinha baixinha trancadinha novinha transando e beijando a forçaXvideos bucetinha estreita de menorzinhative que engravidar de um garotão pois o corno não consegue contosgey fazendo fime porno com homem infindo garrafas no geyxvideo porno erotico esposa traino o marido ela dano o cuzinho americanacontos eroticos sentei no colo do pirralhoWww.contoeroticocrente.comsexo porno meu professor foi me visita pra me da reforço,e acabou me chupandoContos eroticos casal certinho e travest roludolourudas gozando por cimacontos eróticos gay fui transformado em putinha e fizeram dupla penetração no meu cuzinho e me arrombaramConto erotico tia dano cuzinho pro sobrinho titavideo das dançarinas mais gostosas fudeno subino e descenogibi troca troca com família pornocorno pega tua espoza dando a buceta pra oltrocasadas sirrricasConto erotico 25cm grosso na colega de escola a forcaconto anal negra popozaoesquece o Paysandu virgindade da filha bem novinhagosando na cara da alemao no xisvidiocontos eroticos gays com escola de sadomasoquismoConto erotico provoquei amigo do filho demenorso flhona no ciodançarino de funk transando de frango assadocontos eroticos esposa mamando no cinemacontos de mulheres vacas que levam no cu e na conacontos heroticos amigos do meu marido estou um pouquinho acima do peso mais sou sexexividio vai de vagacontos erotico flagrado pela a sogra no banhoapaixonado por dois brutamontes da faculdade 12Porno en t re s o gro e no ra conto eroticocontos erotico saido escola onibusxmnx/paguei aluguel com bucetaFOTOS E VIDEOS DE novinhas DE VESTIDO COM CALCINHA ENFIADA NO REGO USANDO DROGAS E SENDO EXTUPRADASapaixonado por dois brutamontes da faculdade 12passivo inocente e baixinho levando rola enormefotosde travesti peitudo ecusaomassagem na mamae bunduda contoscontos erotico,meu genro me enrrabou dormindomeus amigos me comiamincesto mamãe cuidado do filho que ta debilitado com buceta molhada