A jogadora de Futsal


Click to Download this video!
Um conto erótico de Ray
Categoria: Homossexual
Data: 08/07/2015 15:39:24
Nota 10.00

Bom, depois de um tempo sem escrever decidi relatar algo que aconteceu comigo. Espero que gostem, vamos láBom, me chamo Ray tenho 16 anos cabelos um pouco abaixo do ombro, lisos, sou tipo falsa magra, bumbum no lugar e seios médios.

Era um domingo, minha prima tinha jogo as 19 hrs e me chamou para ir, ela joga futsal, como eu não tinha nada melhor pra fazer resolvi ir, afinal nada melhor que sair de casa. Chegando lá fui tratando de arrumar um lugar para me sentar. Logo aos times entrarem em quadra reparei em uma menina, um pouco mais de 1,55 de altura, coxas muito grossas, corpo definido, cabelo raspado do lado, nossa ela era LINDA, fiquei babando lá. O jogo começou, ela jogava muito bem. Acabou o jogo com a vitória do time da minha prima. Quando elas estavam saindo de quadra a menina que achei linda com a minha prima: nos vemos terça no treino, você me paga por hoje. Rsrs

Depois que ela disse isso pensei comigo mesma: EU PRECISO TÁ NESSE TREINO TERÇA. Quando entramos no carro pra ela me levar pra casa tratei logo de falar:

RAY- Prima, você sempre me chamou pra ir para o treino, nessa terça quero ir.

PRIMA- Ok, 19 hrs passo na sua casa.

Quando cheguei em casa tratei de procurar a menina que vi no facebook, demorou um pouco mas achei, ela se chamava Júlia, gostei de cara do nome e adicionei, em pouco tempo ela aceitou minha solicitação. Stalkeei é claro e curti a foto recente. Gente, ela era muito linda e gostosa, meu único pensamento era: preciso pegar ela. Ruerue

A segunda passou se arrastando e a terça pior ainda. Quando deram 19 horas tratei de já estar pronta e quando minha prima buzinou fui ao seu encontro. Chegamos e minha prima foi logo falando com as amigas delas e eu fiquei meio que deslocada. Umas 19:30 ela entra pelo portão, nossa literalmente molhei naquela hora, ela estava com um short de lycra que marcava ainda mais as suas coxas, uma blusa apertadinha, e seus cabelos presos, simplesmente linda!

O treino começou, joguei umas duas partidas e depois cansei. O treino acabou e minha prima me levou pra casa. Quando eu estava em casa tratei de entrar no face, ela estava online. Deixei a vergonha de lado e decidi puxar assunto.

RAY- Ooii te vi jogando e achei que você joga muuuito bem, além de hoje, também vi domingo e você joga pacas.

JÚLIA- Obrigada, rsrs, nem jogo tanto assim, e você não joga tão ruim assim.

RAY- Perto de você não jogo nada, rs, pare de modéstia. E, além disso, você é uma gata.

JÚLIA- Porra valeu você também é uma gatinha.

RAY- Que nada, de gata aqui só você.

Ficamos nesse papo até que ela me pede o whats, claro que dei rsrs. Passamos a conversar diariamente, cada dia que se passava minha vontade de ficar com ela só aumentava. Decidi que ia falar logo o que queria afinal o máximo que ela poderia me dizer era um não kkk.

RAY- Jú preciso te falar uma coisa que já está me atormentando faz um tempo.

JÚ- pode falar guria, sou toda ouvidos.

RAY- desde o dia que te vi no jogo, naquele domingo que eu queria muito ficar contigo, mas a vergonha era maior e por isso nunca falei nada pra você.

JÚ- porra te achei gatinha também e depois disso até fiquei interessada.

Depois disso nossas conversas ficaram mais intensas, até que um dia resolvemos nos encontrar pra matar essa vontade que possuía ambas. Seria na casa dela, eu falaria pra minha mãe que dormiria na casa de uma amiga, minha mãe sempre foi de boa, chegando o dia lá fui eu com a cara e a coragem.

Chegando lá toco a campainha e ela vem me atender, estava usando já seu pijama que valorizava e muito seu corpo, depois de uns segundos em transe com aquela imagem me recuperei e voltei a mim. Ela me chamou pra entrar e lá fui eu.

Sua casa era grande, bonita, bem organizada. Fomos pra sala, ela colocou um filme, Assunto de meninas, depois de um tempo percebi o porquê dela colocar esse filme, era lésbico. Uma coisa subiu dentro de mim, uma vontade de agarrar ela e colocar toda aquela vontade de possuir ela pra fora, mas me segurei, afinal sou tímida.

Depois que acabou o filme falei que queria me deitar. (não confundam deitar com dormir). Quando chegamos ao quarto não sei o que deu em mim, mas agarrei-a e dei um beijo que começou calmo, mas aos poucos fui aumentando a velocidade, nossa, aquele sem dúvidas foi o melhor beijo da minha vida, depois disso a conduzi para a cama, eu precisava sentir ela. Coloquei-a com a maior calma, porque mesmo que só fosse uma vez, queria que fosse especial. Deitei por cima dela, queria comandar as ações naquele momento. Dei mais um beijo na sua boca e fui descendo, beijei seu pescoço, dei uma leve mordida na sua orelha que a fez arrepiar, beijei mais um pouco seu pescoço. Sua blusa ainda nos atrapalhava, então tratei de tirar. Aqueles seios lindos deram um pulo, minha boca salivou na hora, não pensei duas vezes e cai de boca, comecei devagar, beijando ao redor, beijando entre os seios, depois de um tempinho chupei com gula, ela soltou um gemido rouco, foi como se meu corpo todo incendiasse com aquele gemido. Continuei nos seus seios e desci minha mão até a sua intimidade, e nossa, como estava molhada.

Cheguei ao ouvido dela e falei:

RAY- isso tudo é pra mim meu bem?

JÚ- si-i-im. Respondeu entre gemidos.

Continuei a masturbando devagar, para ela poder sentir tudo, e também eu não tinha pressa, aliás, tínhamos a noite todinha para curtir.

Desci meus beijos até chegar à sua intimidade, seu cheiro era inebriante, pensei em torturar um pouco então fui para suas coxas, aquelas que eu tanto admirava, beijei, mordi, arranhei, fiz tudo o que tinha direito. Depois subi de novo até sua menina, dei um beijinho e depois chupei forte, se o cheiro era bom, o gosto era melhor ainda. Chupei forte e não sosseguei até a ver gozar na minha boca, limpei ela e depois beijei com todo carinho que existia em mim. Ela a ainda estava se recuperando, ficamos apenas nos carinhos, uns 10 minutos depois ela já estava totalmente recuperada, subiu em cima de mim e falou no meu ouvido: agora é minha vez gostosa.

Me arrepiei toda na hora e até dei um gemidinho baixo. Ela foi sem cerimônias, chegando aos meus seios não hesitou e começou a chupar e que boca gostosa ela tinha, sabia exatamente como me deixar louca, ela logo desceu a mão e sem aviso colocou dois dedos e começou um vai e vem frenético, não aguentei por muito tempo e gozei. Ela disse que ainda não tinha acabado então desceu sua boca até minha menina e chupou forte, eu já estava sensível e o ritmo que ela impôs foi algo alucinante. Pouco tempo depois estava eu gozando novamente.

Ela subiu e me beijou, eu estava totalmente acabada, então pouco tempo depois estava dormindo. Acordei e estava abraçada a ela, tomei café e fui pra casa.

Esse foi o início de uma aventura que continuou por um bom tempoBom meninas, foi isso espero que tenham gostado, até a próxima. Beijinhos

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
14/02/2016 03:40:12
Mano, eu chorei tanto no final desse filme ("Assunto de Meninas").
09/07/2015 02:23:39
Ficou bom! Tu escreve bem!
08/07/2015 23:19:58
gostei sim e muito ...




Online porn video at mobile phone


samba porno mulher vai mexe seu cunhado dormindo sono profundofilme porno de irmao fudedo a irma depois ela tirou atoalha na frente delemulher goza bem fe vagarsinhorevista private relatosContos eroticos de mulheres de manausconto anal gordinha tanajuraxvideo pais fodenos suas filhas na mara pisudosmeninas e mulheres encoxadas por baixo da saia e aceitandocontos eroticos de homens que gosta de leite materno e chupar bucetamorena de 58kg dando a bucetaeuconfessosogramuher oha irmao mesturbanopornodoido mulher sarra no pau dentro da cueca jovem melissa e aline....assadas na praia conto eroticomeu cu sendo totalmente preenchidomenininha da raça negra bem novinha batendo punhetas com bastante bontade e chupando o titioComtos filha semdo fudida pelo pai e amigos deleesposa novinha do bundão grandão nua despeitohttp://porno contos eroticos meteu e gozou dentroabaxa vidio porno de tio ifiano a mão na buseta da supria para baixar nu selula brasileiro mais safadia gostosa e meter meu na sua bocaconto com fotos dei abuseta pro meu intiadoCoroas louco por sexo tique roludoconto erotico do andarilho com o gayfilha centa no colo do propio pai no sofa e mete com ele perto da propia familia video pornoCasadoscontos ganhei uma chupeta na minha big rola da minha irma casadaconto erótico sou professora e fui obgda a dar a bunda pro diretor para ñ ser despedidaum velhinho do pau enorme e muito grosso cumeu meu cusinho na marraalguma coisa mais humilhante do que pegar você pelos cabelos enfiar no seu ânus e soltar um belo de uma bufaconto erotico coroa buraco na paredecasa dos co.tos eroticos de casadas .o cabeleleirogostosa sendo encoxada' no metrômae icestuosa desabafo de maeamigo gay bundudo liso vestido de mulher na festa conto gaysou puta e cadela do meu cachorro e corno adoracontos erotico de enpregada gostosa e patrao mais velhoContos eroticos gay emgrachante onfaPonodoido dilação de xotaquero ver as pretas de mini-saia transando e g****** com marquinha de biquínicontos eroticos madrasta cachorra leva surra de pica destupro esposa contos eroticosvídeo da vizinha ela é pornô chama o marido da outra novela saindovídeo sexos pimenta na boceta com patroa sádicamulher casada se exibindo para o encanador enguiçado e ele sem calcinha só de saiabateu ciririca ate gosar feito torneiradermatologistas safadaselacareca contos eroticos de mullheres carecasa mao que balança a bengaDavizinho Davizinho perdendo a virgindadesexo novos banho conhadas nuaseu e minha mãe e minha irmã moramos sozinhos eu conversando com a minha mãe eu disse pra ela que eu ia tirar a virgindade da buceta da minha irmã minha mãe disse pra mim filho se você tirar a virgindade da buceta da sua irmã ninguém pode saber disso a noite eu entrei no quarto da minha irmã eu deitei na sua cama do seu lado eu dei um beijo na boca dela eu disse pra ela eu vou tirar sua virgindade da sua buceta eu disse pra ela que minha mãe já sabia que eu ia tirar sua virgindade da sua buceta minha irmã tirou seu babydool eu chupei seu peito eu disse pra ela sua buceta virgem raspadinha e linda eu comecei a chupar sua buceta virgem ela gozo na minha boca eu disse pra ela chupar meu pau ela chupou meu pau eu fui metendo meu pau na sua buceta virgem que sangro eu comecei a fuder sua buceta ela gozo conto eróticocontosdecornoseputas.blogContos eroticos elacareca peladaConto erotico mãe transando com pedreiro e filho vendo e depois vai querer tranzar com mãeterno super dotado rasgando a irmãpenis com 6cm de diametro arregaçando novinhasminina. bricandu con celula. caio na neti de calcinhaprovoquei e ele me pegou a forca na rua!!contos eroticosvidios porno mae dilinhowww.contoerotico.isesto entre avo e netaxvideos novinhas de shot jogando bola sabaovídeo de mundobicha dehomens vestido de saiasvidio pomo anunhe de qratoConto erotico a honra da nossa casafudendo esposa e a mae delacontobaixar xixi pornô caseiro marido vai trabalhar mulher chama mecânico arruma carroņovinhas metendo com play boygosadas gg porra pt grelao arrombadassedusundo indiscretamentemulheres com avargina aberta explodindo de porraporno muito beidona no paucontos porno vinha casada MarileneEsculachada pote negrão casadoscontosQoero baixar xvdio irma novinha mim provocando com saia cueta nao demorou pra ficar xem seu cabaçinhoEdgar um velho casado com uma gordinha de 24 anos metendo gostosoConto erotico a honra da nossa casacontoseroticoscm drigaszoofilia cachorro engatado com mulher g************* de dias corridosmagrinha na dupla penetração vaginal com dois ficam pretossexo anal lesbico com cinta. pau gra.nde com a capetinhafilmei prima rabuda d xorti curtocontos de sexo depilando a sograsofri muito naquela pica gigante contosContos reais de bisexualidades