Meu Inimigo Não Era Hétero - pt 17


Click to Download this video!
Um conto erótico de alext91
Categoria: Homossexual
Data: 26/09/2014 17:08:54
Nota 10.00

No dia seguinte, em uma sexta feira, prometi que ia levar o Neto pra conhecer a cidade. Até então, não tinha avisado ninguém que tinha chegado, até porque na cidade onde eu morava só a Oi funcionava, e aqui todas as outras funcionam, exceto essa. Ainda não tinha tido tempo de comprar um chip, mandar cortá-lo, ativá-lo e etc. Minha casa era minha prioridade naquele momento.

A noite, eu e Neto fomos até um barzinho que é bem legal aqui da cidade. Quando estramos, por incrível coincidência do destino, TODOS os meus amigos estavam lá. Ju, Jf, Letícia... e o Maurício. Eu simplesmente travei, dei meia volta e me virei, quando esbarro no Lucas, um moleque que estudava comigo na faculdade.

- Foi mal - disse, antes de ver quem era.

- Foi mal uma ov... GRANDE ALEXANDREEEE - Ele gritou.

- Ah, e aí - estendi a mão pra ele.

- Caralho, fiquei sabendo que tu fui pra outra cidade, não se despediu de ninguém, bora ali com o pessoal

- Não, não precisa, já to de saída

- Sem frescura, bora logo, bora man - ele se referiu ao Neto.

Ele saiu me arrastando em direção a mesa dos meus amigos e eu fiquei com a cara no chão. Eu estava morrendo de vergonha, meu coração parecia que ia sair pela boca.

- Aí galera, olha quem tá aqui - Lucas apontou pra mim.

Todos me olharam e nem me deram bola, mas depois olharam de novo e todo mundo ficou com os olhos meio arregalados. A Juliana pulou de cima da mesa, começou a gritar e se jogou em cima de mim me abraçando e me beijando, e em seguida todos vieram na minha direção, menos o Maurício, que abaixou a cabeça e ficou mexendo em seu celular.

- COMO É QUE TU VEM PRA CÁ E NÃO AVISA NADA - Juliana gritava, mas já estávamos sentados na mesa.

- Foi mal, é que...

- Ah, já sei, tu queria fazer surpresa - disse JF.

- Foi sim - menti descaradamente.

- Tu vai ficar quanto tempo? - Perguntou Let.

- Voltei pra ficar. - Nessa hora Maurício, que estava vidrado no celular, me encarou e levantou-se da mesa.

Todo mundo ficou sem entender a falta de educação dele. Todo mundo menos eu. Eu entendia muito bem o que havia acontecido ali.

Depois disso eu me soltei, apresentei o Neto pro pessoal e ele logo se soltou e foi conversar com uma morena que tava com uma amiga. Assim, tive uma oportunidade melhor de conversar sem me preocupar se eu iria deixar ele deslocado.

- Tu e o Maurício ainda tão nessa briga fútil por causa de emprego? - perguntou JF.

- Sim. - respondi seco.

- Vocês tem que parar com isso. Passaram anos se odiando e quando conseguem conviver um com o outro, brigam de novo - disse Juliana.

- É... - respondi.

- E esse boyzinho, quem é? - perguntou Letícia.

- É um amigo que fiz lá e trouxe ele pra cá pra ver se criava juízo. Talvez ele faça Engenharia Elétrica na nossa facul.

- Bonitinho, pena ser novinho demais - disse Ju.

- Ah é, agora que lembrei que tu tem 50 anos - JF disse, tirando sarro com a cara dela que era a mais nova do grupo.

Após um longo tempo de conversas e risadas, Letícia aponta pro Neto, que estava aos beijos com a tal morena. Todos rimos.

- A propósito, cadê o Maurício? - perguntou JF.

- Já deve ter ido embora - Letícia respondeu.

- Caralho, ele era minha carona. - continuou JF

- Relaxa, te deixo em casa - respondi.

- Odeio gente que não tem compromisso com as coisas. Aposto que foi a freira que ligou pra ele, mandando ele ir pra casa - Ju falava estressadamente.

- Que freira? - perguntei confuso, arrancando várias risadas do pessoal da mesa.

- É a namorada dele. Ela é aquelas evangélicas chatas, sabe? Tudo é Deus e tal, chega até a ser chato. No começo era até legal ver que ainda existem jovens que servem a Deus, mas agora é irritante. A gente nem anda mais com eles.

- Hum... e quer dizer que ele tá na coleira? - perguntei.

- Coleira? Ele tá é no mosqueiro - todos rimos. Parece que eles nunca transaram. - todos rimos mais ainda, inclusive eu. Mas eles se gostam muito, falam até em casar - disse Ju.

Aquilo acabou comigo. Maurício? Casando? Não podia ser verdade. A noite havia simplesmente acabado pra mim.

Fiquei mais um tempo conversando com o pessoal, mas sempre com o pensamento longe. Inventei uma dor de cabeça repentina e disse que já ia pra casa. Claro que o Neto ficou com muita raiva de mim, mas não podia fazer nada, não estava me sentindo bem. No caminho pra casa conversei mais com meu melhor amigo e o deixei em casa, e em seguida segui pra minha casa com o Neto. Ao chegarmos, Neto foi direto pro banho e eu fiquei na sala varrendo algumas coisas que o pessoal que trouxe os móveis tinham sujado. Alguém começa a bater na porta com muita força e rapidez.

- Alexandre? - disse Neto do chuveiro.

- Fala

- Tu vai atender a porta?

- Vou. Qualquer coisa eu grito.

Abri a porta e fiquei surpreso ao ver quem estava batendo na porta.

- O que você quer aqui? - era Maurício, completamente bêbado.

- ejnejkbhçlekpjshjkehkjwkmk - foi tudo que eu conseguia entender.

- Cara, você tá bêbado - disse eu, enquanto sentia o cheiro de cachaça vindo em meu nariz.

- Bêbado é o caralho, eu tô é puto. - ele disse.

Neto veio por trás de mim e ficou ali só de cueca pra me defender, caso fosse alguém me ofendendo.

- Ahh, quer dizer que tu trouxe um viadinho contigo também? - ele me empurrou pra dentro de casa, fazendo com que Neto também caísse.

- Escuta aqui seu filho da puta, tu vem até a NOSSA casa pra nos ofender? Vai tomar no teu cu, bêbado desgraçado. Vaza daqui antes que eu te quebre na porrada - disse Neto, o empurrando pra fora de casa e trancando a porta na cara dele.

- Você tá legal? - ele perguntou.

- To sim. Vamos dormir. - falei.

Naquela noite, nós transamos. Mas transei com o Neto, pensando no Maurício.

----

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
28/09/2014 22:31:00
Mto bom
28/09/2014 22:19:08
coisinhas* ( escrevi mt rapido pq tenho uma maratona de contos pra por em dia)...
28/09/2014 22:18:08
Affu tava tão bom até voltar prae, nunca termina como eu quero, eu sempre sei o rumo e o final mais sempre tem umas cousinhas que sei lah, tenho q me conformar, o ruim é que todo conto bom que nem esse tem isso, ai eu nem sei direito o que escrevi, leve a serio so o fim da parte sem sentido.
28/09/2014 19:07:24
Continua
27/09/2014 23:54:24
Não acho muito legal esse negócio do Neto e você sabe. Espero que o Maurício não se case, quero que ele conversem e resolvam tudo o que tem pra resolver na paz
27/09/2014 14:50:53
Muito bom! Ansiosa pelo próximo! Bom fim de semana, moço!
27/09/2014 05:21:01
Espero que se acertem, vejo uma sucessão de erros dos dois, mas torços por vocês, continua.
26/09/2014 23:54:09
Que triste...
26/09/2014 22:15:39
Fico triste pelo Mauricio......
26/09/2014 22:14:25
Po vacilo com o neto vei...
26/09/2014 21:53:18
ele tem todo o direito de ficar puto, Alexandre quem fez a merda e ainda trás um amigo que ficante. Plantou, agora é hora de colher.
26/09/2014 20:42:00
Acho meio chato o que você ta fazendo com o neto... mesmo que ele diga que é só sexo... mas isso ja é de se esperar de alguem que deve estar apaixonado por você... ta ótimo o conto e resolveu adotar como Maurício mesmo kkkk
26/09/2014 20:10:30
Gostei, qro ver como vai ser as coisas agr. Abraços! !!
26/09/2014 18:11:10
aff o maurisio gosta de vc poxa :( :( :( :( :(
26/09/2014 17:29:41
Nossa... Adorei, vou indicar seu conto aos meus leitores
26/09/2014 17:22:56
10 kkkkkkk




Online porn video at mobile phone


boyzinho encoxando no hetero no onibustathy ellen contosvídeo porno da tia gostosa dando pra sobrinha saida agua do olhoporno gozas femininas fudendoarrebentando com o pal grandecontos erotico eu moleque vi minha tia amamentando seu bebeSodomizando mãe e filha contoso homem comendo a b***** de uma égua bem devagarinho ela peidando e gemendo e chorandoxvideo voces que achar que sua mulher e santinhasendo lascada por maquina do caralhiscontos bulinando minha tetinhaporno caseiro dupla penetraçao ela fica brava porque doeu o cuvídeo de pornô com cinquentona e cetonaxvidios vidios homem goza no cu da puta e ela comtinua chupando ate ele goza dinoboxvideos comendo a mulhersinnaporno em familiaXVídeos as mestiça de cabelo curtinho gostosa postiçacontoerotico eu namorada mae e tionovinha deixando esperma escorer da boceta debrucoPorno anal queroeu vou cagabrasileira novinha do rabao com calcinha de redinha batendo punheta pro rapais ela geme muito na ohro qui ele ta gozandover contos eroticos lesbicas de a ginecologista sexo relatoscontoseroticos minha madrasta chorumingava com pau no cucontos eroticos gay viciado cheira e chupa pal sujoxvideo negao arrombando o'cuzinho da novinha caseiro barra da tueno porno 10conto mamae dormia de calcinha atolada no cuporno caseiro coroa de brusos levando forte e gemendo gosyosoestupro esposa contos eroticosfomos fazer um 69 e enchi a boca de minha esposa de porracomo esconder do meu marido que a minha buceta ta cheia de gala de outro?o surfista loiro me comeu contoporno - socando uma pro amigo do marido no ofurocasa dos contos- categoria gay- autor tiagoContos eróticos sobre marido militar e sua esposa na lua de melCasa dos contos eróticos perfil pluto69mulher soltando pus da b******** dentro do ônibus pornôMeti+bem+gostozona+mia+netia+safada+que+me+deu+o+cuzio+conto+eroticocabalo na calor zoofiliacontos erotico com muito tesao dei para um velho pintudo nojentosuper dotado encosto a moreninha bunduda na padaria e ela gemeu muitopingueira no meu quarto xvideosxvideos Botando rola Pra Fora E sarrando bem gtztrai meu marido com uma garota contosy com meus cunhadoscontos aContos Lucinha virgem pai a fazenda molhadawww.xvideo rola fina que a camissinha fica fougadapornodoidográtis coroasgemendoViadinho Aieee Contos Eroticosconto erotico cadelizadaContos eroticos de pisudos safados marido chupa abuceta da mulher depos de amando emchei ela de porramaoate ganacontos eroticos assediada pelo cunhadonovoscontosdeincestocontos eróticos bem depravado de bem picantecontos cnn gay soquei no cuzinho de dois garotos no sinalSobrenatural-Contos Eroticos zdorovsreda.ruvirgemcasadoscontospegeiminha mae batendo xirica enão resistisexopornodoido engolindo muita esperma sendo penetradaenteada dorme bêbada chapada e padrasto quando a solidão na marraContos eroticos fui estuprado por travesti do pau grande e cabesudo pai passa mao na buceta video doidocontocontos eroticos estrupei minha netinhaaporno novinha fica brava porque a camisinha estourou e ele nao avisouporno doido teste en cascavelboquete da minha prima no meio da lavourra de cafe pornoxchamster novinha da o cu ejacula pela bucetabbw q curta peidar contos reaisconto erotico gay um transexual ranco meu cabaçomolhadinha de calcinha beidido toda abertaconto erotico estuprada no terreno baldiocontos eroticos de homens que gosta de leite materno e chupar bucetafotos de mulheres batendo poeta nelas mesma pensando em homem tezudoxvideos de primo dera ocabaso da primanovınha metendo agaxada na rolacontoseroticosvariasgosadasporno meu marido adora me ver chupando porra de mendingisconto erotico dei para um estranho na casa de swingContos o vizinho pintudo machucou meu cuO filme corno manso de verdade existir pornopai picudo comendo filha em Belémconto pai filho mijo