Casa dos Contos Eróticos


Click to Download this video!

Milico Rabão Os Americanos Putões Final

Um conto erótico de Milico Rabão
Categoria: Homossexual
Data: 09/08/2014 22:21:11
Nota 10.00

Continuação de os Americanos Putões.

Galera é a ultima vez que faço essa de abrir o jogo e contar de uma foda que surgiu por causa de outra. A não ser que eu já tenha escrito um rascunho. Toda vez que faço essa merda enjoo pra caralho da foda que prometi contar, aparecem mil outras que eu preferiria relatar e não posso postar antes da que eu lhes prometi. Estava contando ao Figa.

–Porra Brô prometo para o broder do site que vou contar tal foda. Rapaz isso é o mesmo que envenenar a foda na minha cabeça. Tomo um enjoou tão filha da puta da foda, que tento lembrar detalhes e vira um quebra cabeça, tenho que reeditar a porra toda! Tipo o filme Blade Runner que vc sabe que é meu filme fetiche. Ai vem um monte de filha da puta, entre eles o diretor Ridley Scott, e fazem sete versões diferentes do filme. È como pegar a Monalisa ou o o Nascimento de Venus e fazer varias versões. Como respeitar uma obra-prima que na verdade é obra sétima?

-Tu ta irritadinho hoje, Tá de Cuca né?Cuidado com a Cuca, que a Cuca te pegaMais uma do Figa, a Cuca é do Sitio do Pica Pau, tem que ser tiozão pra lembrar. Estar de Cuca é começar a ficar irritadinho, por defeito em tudo, exagerar fazendo confusão por merda. Exatamente como a sacana da Cucap que perturbava o povo do Sitio só por que estava sem fazer nada.

Outra do Figa.

-ta fazendo o que Brô?

-Tô de Jabba. Jabba mesmo! Só prá tu vê o grau de Jabba, to assistindo E o vento levou numa paulada só. Isso porque o controle remoto esta do outro lado da sala. Sentiu? E vai piorar, agora no intervalo prometeram passar Cleopatra, ou seja, mais quatro horas, prisioneiro de minha própria preguiça. A gente devia poder trazer uns recruta pra casa, para fazer tudo pra gente.

-Sacanagem vc dizer isso, pois é exatamente o que faz. kkkkkkkkkkkk

É o jabba the Hutt de Star Wars, aquele gangster que é uma larva gigante e pouco se move. Então ficar de Jabba é não fazer nada, porque não queremos, não estamos afim, quem quiser que faça, no maximo mandamos alguém fazer.

E sobre o uso dos recrutas pelo Cap. Figueira, não é só sexual. Um dia eu estava na sala dele. O sacana pega o telefone e chama o auxiliar dele, do outro lado do prédio. O infeliz chega arfando.

-Ô recruta! Pega água pra nós por favor?

Fiquei de cara! A água estava a menos de três metros dele. Quando lhe falei disso. Ele Responde.

-Sim eu sei, mas eu ia ter que me levantar da minha cadeira que esta super ajustadinha, altura e inclinação, depois andar tudo isso até ali,, e voltar pra tentar achar a mesma posição que estava tão confortável. A gente nunca consegue o mesmo nível de conforto que estava. Meu conforto tão perfeitinho agora é passado. Relaxa Vela, o muleke é novinho, tem muita energia, na verdade to fazendo um bem ajudando ele a gastar pilha. E quando ele voltar dá um saque no rabão! Eu que fazendo o leke malhar construí aquele rabão. klkkkk

-Figa! Se vc um dia for à guerra com, na mudança de acampamento, seus subalternos te enterram numa trincheira.

-Ai é motim!

-Vc vai estar enterrado, esqueceu?

Por isso pergunto a vcs. Já Imaginaram se um dia uma peste-carrasco dessas virar General?

Dia 09/Ago/2014

Figa no celular, via skype

-Brodâoi, aposto que esta todo felizinho com a surpresa. Gostou?

-Poxa Figão, como não ficar feliz? Estava cheio de saudade da Foguinho e das Pestes. Tem dedinho seu nisso?

-Bem, yerm umas cutucadas incitando a ela ir, nem foi tão difícil, tu sabe que aquela ali basta soprar pra que aceite uma viagem. Ela estava precisando mesmo. Estava toda nervosinha. Sindrome de Falta de Pica.

-OOO o respeito rapaz.

-Desculpa Brô. Transtorno de Carência Peniana, melhor assim né?.

-Vai fazer o que no dia dos pais?

-Vim com a mulher e o Jr ficar com o Papai. Ele vai te dar um ola´

Falo com o Coronel, nos felicitamos e prometemos visitar, vollta o Figa .

-E vc Velão?

-Tô na Provence, os sogros compraram um bangalô super simpático aqui. Pego um trem de volta a Paris no Domingo à noite. Vai ficar até quando ai?

-Volto Segunda de manhã. Vc sabe que no retorno a estrada fica barra pesada. Mermão!! O Syfy ameaçou toda a humanidade. Prometeu passar Sharknado 2 hoje a noite. Claro que não vou perder. Eu e Jr, estamos na fissura pra ver a bagaça que disseram ser pior que o Shark1.

-Porra Figão, grava preá mim vei

-Porra Brodâo, já fui à sua casa e deixei a sua TV programada. Tinha pedido a Centelha e Faisca para programar. Depois lembrei que as Pestes não resistem a uma sacanagem, invés de gravar aquela obra de arte do cinema Trash, gravarem um cuncurso de miss infantil só pra nossa cara de otario. Tô esperto com as Pestes rapaz, nunca mais me pegam.

-Meu irmãozão feliz dia dos Pais pra vc e pro seu pai. Vc é um pai tão bom quanto o seu foi e é com vc.

-Vc também é bom pai Velão. Bom irmão,bom filho, bom marido e o melhor amigo que alguém pode ter. Volta logo cara. Tô com uma saudade do caralho de vc meu Brodão.

-Eu também de vc Figão. Vamos desligar que já estamos emboiolando num nível alarmante.

-Ahh! Véi. To guardando um lekão que é do jeitinho que tu gosta, estilo Max Steel, todo delicinha saradinho, tu vai adorar. Demora muito não que já deu vontade de testar antes.

-Okk Putão, beijão, fica com Deus. Diz pro JR que falei com meu amigo de Barcelona e ele prometeu me conseguir a camisa autografada pelo Gerard Piqué.

Bem deixar contar logo a porradocaralhodemerdadafoda com os Amecaricanos

Depois do findi fodão. Nosso apê virou zona. Zona da luz vermelha, putaria. Coisa que não gosto, vcs sabem.

Bastava esbarrar, ou dois se encontrarem a sós e Lá vinha pegação. Apesar de ter curtido o manage, os dois eram tão oposto no tesão, que eu prefiria ser puta do Clarkson e macho do West. Já lhes contei que acho estranho estar num minuto arreganhando cu para o outro e depois dá uma de Macho Ativão com outro que acabara de ver vc rebolando na rola. Quando são mais que 3, tudo bem, a putaria é tanta e o tal pecado da Luxuria já faz se inteiro em vc, então, que fodasse! Ai tá liberado. Com muita gente, nós vemos e não enxergamos. Vc nem lembra que o artista que tá te comendo o rabo dizendo rebola na minha pica putinha, é o mesmo herói do filme onde ele sentado numa jeba, mamava outra e segurava uma rola em cada mão.

Bastava ver o ClarksonPicão ir tomar banho e deixar aberta, em menos de 30 segundos, olha o Vela no Box!

-Porra Brasil, tu tem um jeito de chegar que pira o cara man!

-Por isso que o inocente deixou a porta, logo aqui? Nesse apartamento que se vc abaixa pra tirar o sapato, levanta torado em pica? Nem dormir a gente consegue. West não espera nem eu ajeitar o travesseiro. O bicho ontem teve a desfaçatez de quando me vir ir para a cama de cuecas, ele dizer.

-Dorme nu cara! Essa porra dá um trabalho danado pra tirar. Dude! Tu é pesado cara! Se deixar pra tirar depois que seu pau está duro, só cortando a cueca na tesoura.

O Clarkson tem uma coisa que é muito parecida comigo e sei que às vezes constrange algumas pessoas. Eu olho tão dentro dos olhos do meu interlocutor que não são poucas vezes que percebo o sujeito fugindo do olhar. A grande diferença são os olhos grandes e de um azul tão claro que parece photoshop. Não sei como descrever, mas a claridade do azul daqueles olhos, dá a sensação de pureza, como se fosse algo celestial. Quando via o todo dele, era estranho aquela pureza num corpo gigante, forte, másculo. Inclusive a força masculina que ele pôe naqueles olhos angelicais, é uma mistura que mais parece uma Quimera, aqueles monstros híbridos das lendas gregas. Hoje mais experiente acho que o que me atraiu nele mais do que a pica, foi essa Quimera que ele me parecia.

Aposto que tem um monte de sacanas lendo e dizendo.

– Sei Major... a tora o corpaço a safadeza do macho não teve nada a ver? VC gostou do zoinho azul. Perai que estamos chupando essa manga!

Respondo geral

-Ah! Vão se fuder! Kkkkk

Eu termino a historia do West e o Clark me faz ficar de costas e me ensaboa

(escrevi Ensaboa, e vem na cabeça a Marisa Monte mandando a mulata ensoboar, kkk. O Figa me disse uma vez. Porra cara! Alguém devia fazer uma musica com a resposta da mulata,tacando a pedra de sabão na cara dessa puta, e mandando essa tirana lavar na própria roupa)

Ele me enxagua e pede que eu pegue a esponja na prateleira a minha frente. Faz tudo de novo. Esfrega minha nuca, meu pescoço, meus ombros, meus braços, minhas costas, minha bunda,,, Ai é sacanagem.... Da bunda ele me abraça, sinto todo ele colado em mim, sua verga espremida contra minha bunda, suas mãos lavando minha rola, meu saco. Sua boca tão junta a minha orelha que sentia a vibração de suas palavras me chamando de gostoso, de brasileiro tesudo. As mãos sobem lentas do abdômen aos peitos . ÔÔÔ coisa boa trepar com grandão como eu.Consegue fechar os braços em volta de meu corpo.

-Mexe essa bunda tesuda pra sentir como to duro por vc!

Muleke era bom. Incrível que vi ele fudendo mulher e parecia um menino apressado demais. Em velocidade de tempo de novela, o cara estava profissa. Eu acertei na mosca, no alvo exata em querer que nossa foda fosse de igual pra igual;. Ele era até bom Ativão com West, mas o que era comigo dava de mil. Tenho certeza que hoje a vida dele deve ser bem parecida com a minha. A cena Ativão Darth Vader foi o primeira proteção que usou com medo de aviadar. Hioje acho que deve ser pau pra todo obra, Macho Multimídia como eu.

Eu mexia como ele pedia, ficávamos um tempão assim. Eu virava de frente e retribuía o que me fez. Como ele não curtia dar o cu, eu dava um jeito dele me mamar primeiro. Eu ia ao Nirvana vendo o machão me comer à pica. Doidos pra fazer um 69, impossível para dois grandões naquele Box, corríamos molhados ainda e nos jogávamos no carpete. Eu e ele já tínhamos quebrado duas camas nessa putaria, desistimos das camas e o carpete virou nosso Bat local. Às vezes o cara me fudia tão forte que eu pensava . “ a gente vai acabar no porão, quando o chão se abrir por causa da britadeira montada no meu lombo” O pior é que o Pirimacho aqui (como diz o Jhoen Jhol) adorava a selvageria. Um vez ele todo bonzinho, sabe aquela metidinha pirracenta? Gostosinha um tempo, na primeira é legal sentir cada centímetro, mas depois passa pro Rock n- roll, nessa valsa vai ser foda gozar. Eu digo.

-Cara tu tá fudendo alguma virgem, seu porra? Ta comendo Macho caralho! Mete essa tora com força!

Comentaria quase mortal pra foda. Ele começou a rir tanto que pensei que iria explodir de tão vermelho, e eu me juntei as suas gargalhadas.

No piso entre as camas me deito por cima dele. Delicioso sentir nossas picas juntas, nossos peitos juntos. Eu atrasado na depilação que na fazia, arranhava a super lisa pele branca, me sento e junto as picas.

-Pega vc agora e junta as duas Clark. Gostoso pra caralho né?

Enquanto ele brinca com nossas picas, eu mergulho num salto mortal na imensidão de seus olhos que se transformavam em lamparinas quando ele estava muito excitado, como se tivessem luz própria.

-Cara é tesudo pra caralho fuder com vc. Agora que vc tá se largando, está mais gostoso ainda.

Deito meu peito no dele. Ele põe cada um das mãos em nadega minha, me força para mais junto, sem querer deixar nenhum micro espaço entre nós.

-Dude! Acho que meu tesão por vc é maior ainda. Vc mudou tudo man!

-Nada disso brô, só dei um empurrãozinho.

-Não! Se não fosse do jeito que foi, acho que passaria a vida toda sem viver isto.

-Me dá um beijo cara! Não como vc beija uma garota. Quero vc inteirão nesse beijo. Vai me beijar sabendo que vou sentir igualzinho vc sente. Com as mulheres queremos ser Super homens. Nesse beijo seja só homem, também serei assim, ai vc vai entender de uma vez por todas nossa igualdade, que nossas experiências, sonhos, desejos, erros e acertos são bem semelhantes

O cara me pegou de um jeito! Caralho! Na hora vi sua inteireza, liberdade. Beijaço que lembra Leões em luta, que lembra brincadeira de moleque, que evidencia a perene competição que todos nós homens fazemos questão de põr em pratica entre nós mesmos. Era como o toque sensorial do Spok, quando ele troca informação entre a mente dele e do tocado. Ele entendeu que somos iguais não só pelo gênero, pelo corpo ou por causa da pica. Somos iguais pela generalidade semelhante da historia de todos os homens. Infância, adolescência, vida adulta, duvidas, descobertas, conquistas e derrotas.

Ele sai do beijo ofegando.

-Puta que pariu man! Que viagem!

-kkkk, não te disse?

Desci beijando seu peito, chupei seu umbigo, brinquei de piscininha no umbiguinho, adoro umbigo! Rsrsr E o dele TOP, redondinho, fundo, muito fundo. Delicia!

Virei em 69, fiz que ficássemos com o corpo apoiado de lado. Deitei num coxão, ele deitou na minha.

-Vamos brincar de uma coisa?

-O que?

-Vou copiar na sua pica o que vc faz na minha, depois vc copia o que faço na sua

Ele sorri aperta minha pica na mão e leva ate sua boca e só passa a língua na cabeça. Faco igual. Põe uma das bolas na boca, eu repito. Ele sobe com a língua da base até a cabeça, faz isso me olhando, eu gemendo.

-Delicia cara! Faz de novo?

-Assim?

-Loirão, tu é sacanão vei. Putão gostoso do caralho.

Ele chegava a temer de tesão. Me faz levantar junto com ele e me prensa de frente a parede. Alcanca a camisinha na mesa ao lado. Cospe no meu rabo e me segurando as ancas mandando.

-Emipina o rabo macho. Vou te meter pica.

Sinta a encarcada violenta. Ele me prendia tão firme que nem movi enquanto ele entrava lento até que eu sinta seus pentelhos lisos junto a minha bunda.

-Pede pra eu te fuder macho! Pede queb te aarrombo esse cu tesudo. Quero te ver gemendo na minha rola.

-Mete pica sacana, quero ver se tu é esse macho todo.

O cara me dá um senhor tapa na bunda e me empurra as costas deixando em agulo de 90 graus.

-Segura na parede seu puto que so paro agora pra gozar na sua boca.

E como um Transformer, o bicho vira uma maquina de socar em meu cu. A cada gemido meu, mais forte e fundo ele enterra pica.

Uns dez minutos que fizeram minhas pernas quase virar mingau, ele sai de dentro e me pôe de joelhos.

-Abre a boca Dude, quero ver cada jato sendo sorvido por vc.

Antes que termine, vemos o West na porta segurando seu pau duro. Clarkson apenas diz a ele.

-Baixa a calça e fica de quatro.

Termina as jatadas e manda a mim.

-Fode nosso viadinho enquanto ele limpa meu cacete do gozo que te dei.

West já estava a meu lado, vestido e só com o rabo exposto. O próprio Clarkson enche a mão de gel, o lubrifica e sorrindo pra mim encapa meu pau e o guia até o cu de seu passivo. Deixa a cabeça de minha pica na entrada e manda que espere. Se põe a frente do West, abre suas mandíbulas com sua mão apertando as laterais do rosto dele. Antes de meter, esfrega a rola melecada nos lábios e manda que o West passe a língua.

-Gosta da porra de seu macho my friend?

-Mais que tudo.

-E da porra de nosso amigo?

-Também.

-Viadinho safado. Vou mandar que ele goze na sua boca, depois que te fuder o cu.

E assim foi.

O West nos banhava quando o Clkarkson recebe a mensagem que em 10 minutos chegaria. Ele avisa ao portão principal que receberíamos visita. Responde a msg, informando que já avisara da chegada e que entrasse no apto, pois estaria aberta a porta.

Enxugamos-nos e ele toma a chefia da putaria. Diz-me para irmos para a sala. Avisa ao West.

-Putinho, vamos pra sala enquanto vc vai brincando com as picas. Queremos vc bem safadinho e obediente. Entendeu machinho.

-Sim entendi.

-Vem aqui safadinho, dá um beijo no seu macho, adoro seu esforço pra me agradar. Gostoso ver seu pau duro quando sou bem sacaninha com vc. Não vai me fazer passar vergonha com meu primo e ficar de frescura desobedecendo?

-De jeito nenhum cara, me dá um puta tesão quando faz isso, curto ser usado por vc quando fudemos, sabe que quando estamos pegando mulher juntos lembro sempre disso? Rsrsrs

-Eu também Dude, as vezes dá vontade de meter pica em vc quando vejo vc comendo a gata.

Sentamos os dois no sofazão. O Clarkson perga minha rola e vê que ainda tem porra. Chama o West e mostra.

-Essa rola tá limpa direito seu viado?

-Não vi que tinha ainda.

Ele bate na cara do loirinho. Ele tão vidrado no amigo de infância que agora era seu macho que não consegue esconder o prazer que o tapa lhe deu.

-Olha aqui seu burro como se limpa uma pica.

Cai de boca na minha rola me deixando a ponto de gozar de novo. Eu notava que ver o Clarkson me chupar e me tratar de forma igual e não como um serviçal dele, por mais incrível que pareça não dava ciúmes no West e sim tesão, mesmo que o Clarkson, ao menos as fodas que vi apenas tocava e masturbava, nunca pôs a boca no pau dele.

Segurou minha pica, eu peguei a dele e ambos mandamos que iniciasse o trabalho sem ousar para antes de ordenado.

A porta se abre. Obediente West não parou nem para olhar quem era. O Macho grandão usando jeans e chapéu de cowboy, barba por fazer, coxas grossas em pernas arqueadas de montador, antebraços peludos, braços a ponto de rasgas as mangas da camisa xadrez. Os jeans justíssimos massacravam um volume notável entre as pernas. Abriu um sorriso pra lá de sacana, fazendo seus olhos azuis pouco mais escuros que o do Clarkson, rirem junto com sua boca larga.

-Já começaram a farra primo? Se demoro mais ia comer só cu arrombado. Kkkkkk

A mim o Clarkson fala antes de responder seu primo que já me deixara doido pra desembrulhar aquele pacotão.

-Não disse que o homem é safadão que nem vc?

E ao primo.

-Esse aqui primo é o putão que te falei. Não disse a vc que o cara era machão e bonitão.

E ao West.

-Mostra a rola do Brasil pro primo viado.

Ele obedece tirando a boca e segurando minha pica toda babada de saliva.

O primo.

-É man, pica o cara tem, quero ver se mama uma e recebe no rabo como se deve.

Estende a mão para mim e para seu porimo e dando um tapinha na bunda do West brinca.

-Ouviram suas preces não é West? Sempre desconfiei que seu negocio era um bom, grande e duro Dick (pau)

Ele tira a camisa mostrando peito forte. Largo e peludo. Senta numa poltrona.

-Manda seu viado me tirar as botas primo.

Macho dos bons, eu a ponto de trancar o West fora do apartamento e fuder com os dois machões. O sacana me encarava de alto a baixo como se eu fosse carne numa vitrine de açougue. Eu fazia o mesmo. O Clarkson notando a paquera entre nós. Avisa ao primo.

-Primo, o amigo aqui, até curte mamar e tomar no cu, mas o esquema é diferente, ele não curte ser tratado de viadinho não.

Ele sem tirar os olhos da minha cara, dá um bom amasso na própria pica ainda sob os jeans e respoinde.

-Deixa comigo, uma hora nós vamos só eu e ele ali no quarto e nos resolvemos.

Se estica tendo a ultima bota arrancada. Põe sua mão calejada pelo uso das rédeas de montaria, corre mão até próximo a minha virilha, sorri e diz a mim.

-Vou deixar vc doido man! Pode esperar. Conheço seu tipo de macho que curte macho.

Vê o West esperando ordem do que fazer.

-E as meias? Vão sair sozinhas? Ah Clark, esse viado ta precisando ser melhor treinado. Já botou ele pra pôr na boca vcs dois juntos?

-Umas duas vezes.

-Então vamos ver o que faz com três.

Ele mesmo levanta quando suas meias são descalçadas e tira seu jeans, mantendo a cueca samba canção. De uma das pernas saia a cabeça e um mais um pouco da pica, mole o bicho já era grande.

Vi que bem como dissera o Clarkson o cara era do ramo. Tudo que queria que o West fizesse nele, pedia ao dono e não ao putinho. Ele pede espaço pra ele se sentar entre nós, se mantém de pé e pede ao Clarkson.

-Cadê primo? Viado não vai mostrar serviço na minha pica?

-Mama o primo putinho.

West se põe ajoelhado na frente do Adam (primo) tira a cueca e vê o cacete grosso e torto apontando a para a direita balançar. Ele tinha o saco pequeno em comparação ao meu e ao do Clarkson. Bollas até grandes mas presas em pouco saco, bem juntas a base da pica. Essa sim, quanto mais era mamada maior ficava. Terminando do tamanho entre o meu e o de seu primo, parecendo menor por ser torta. Nada contra pioca torta, mas talvez pela coincidência de eu, meus manos, o Figa e o Paraiba sermos tão retos, acabei preferindo esse design, sem deixar de curtir as tortas. Desde que sem exageros. Já tive um cara que a rola fazia quase 90 graus, porem isso é defeito mesmo, coisa que uma cirurgia resolve. Esse cara me disse que chegava a doer quando ficava duro. A porra da pica dele tinha que ser mamada com o bezerro ficando de lado. Serio! Só continuei a foda por que o macho era um mamador de primeira e tomava no rabo feito gente grande. Como dizem os americanos. Take it like a man. Toma como homem.

O West mamava. Eu e o Clarkson admirando o rabão peludo do macho. Bundão que merecia uma parada de 4 de Julho, com fogos de artifício e tudo! Clarkson me desafia com o olhar a cuidar do rabo do macho. Aproximo o rosto das montanhas peludinhas e passo os dentes. Macho avisa.

-Nade de pica ai atrás.

Respondo

-Relaxa Macho, mas um rabão desse merece um trato. Fica de boa man, sou taradão em bunda de macho e sei cuidar de um quando vejo.

-Ok, vê lá o que vai fazer. Primão! Viadinho é bom mesmo numa mamada. Viu quanto tempo perdemos de não dá ao cara o que ele queria?

-Te disse primo, que agora não deixo mais nunca esse puto sem pica.

Ele segura a cabeça do West e fode lento, metendo só até a metade, fazendo o West por sua própria fome pedir mais.

-Boa boca West. Primo, vai ter que me emprestar o sacana ao menos uma vez na semana.

-Depois acertamos um dia e mando o puto toda semana te dar assistência.

-E esse brasileiro realmente sabe deixar macho doido com os carinhos na bunda. Kkkkkk

Pego o Clarkson pela cabeça e dou uma banda de bunda pra ele, que logo me copia cada movimento. O Machão contraia os músculos das nadegas a cada mordida, linguada e chupada. Meto a língua no cuzinho e ele já nem reclama, apenas soca mais forte a boca boqueteira, movendo pra frente enterrando e para trás se abrindo a nossas línguas que se alternavam no cu de macho mais gostoso que eu tinha provado até aquele dia. Fora o do Marcão claro. Vcs sabem que o mano é a foda sem competidor para mim.

-Primo, faz o putinho sentar na sua pica. Quero ver como ele senta numa tora.

Assistimos ao West todo feliz se preparar para sentar no seu macho. Sem nem segurar a rola do Clarkson ele começa arriar na jeba. O Adam me estende a mão.

-Vem aqui boyzão, vou te dar um amasso.

Parecia que ele abraçava e sarrava na ultima puta do mundo. Apertava de me fazer sentir menor que ele apesar de termos a mesma altura. Beijos violentos que chegavam a muchucar meus lábios. Abria sua boca se entregando a invasão de minha língua, a chupava como se fosse arrancar, me via retribuir da mesma forma. Sorriu e disse-me.

-Bem que oi primo disse que mesmo fazendo de tudo com macho, vc mostra ser macho também. Tesudo vc cara. Vamos juntos botar rola na boca do viadinho do primo.

Pego na rola dele, quase tão grossa quanto a minha, ele sorri como se dissesse que era um privilegio que me concedia apertando a minha na sua mão.

Digo.

-Será que o puto aguenta essas duas?

Clarkson fala enquanto usava as mãos fazendo o West subir descer.

-Vai aguentar sim, façam vcs que ele aguente. Putinho não tem essa de conseguir ou não. Macho é quem diz o que quer e pronto. Putinho obedece, não é meu cuzinho?

-É sim macho, vc manda e sirvo aos três.

Adam sorri bastante, segura a cabeça do West e dá um beijo.

-Eiiita safadinho, to vendo que vai virar o melhor brinquedinho do Clarkson e meu.

Vira pra mim, da outro beijo. Eu me ponho em posição que nossas picas podem ser juntas uma na outra. Um passo a frente estamos na cara do West. Ele para de pular sem deixar de curtir a pica de seu dono passando a remexer no colo dele.

Precisamos de muita técnica, boa vontade do West e uns dois minutos para por ambas as cabeças a entupir no limite a bocona. Depois passamos a nos alternar nela.

Clarkson chama que seu primo experimentasse o cu do putinho.

West levanta e pergunta.

-Quer em que posição?

-KKKKKKKK, retiro io que disse falando que vc não treinou direito.kkkkkkk Tem coisa melhor que um machinho todo dado, obediente a vc? Fica de quatro viado.

Fala pra mim.

-Não é assim que se apresenta rola a cu guloso?

-Com certeza man, vc é mesmo da mesma turma que eu e o Clarkson, mostra ai como tu fode um cu.

Ele se aproxima do meu ouvido e diz em segredo.

-Prometo que quando fuder o seu, vou fazer melhor ainda. Daqui a pouco, vai ser vc e essa delicia desse rabo brasileiro que farei de minha cadelinha.

Clarkson ouviu e sorrio.

-Se prepara então primo, esse ai não dá o cu, é ele quem foide sua pica.kkkkkk

-Então brasileirinho, senta no primo. Vou comer o viado dele vendo vc tomar no cu dando pica pro viado mamar gemendo na minha rola.

Rapaz, que sorte da porra eu tenho para encontrar macho safado, devo ter imã pro tipo, ou de alguma nós nos atraímos mutuamente.

Vou pegar o gel, Ele me toma das mãos. Me manda ficar por cima do West, abrindo as pernas e com ele entre o vão. O Adam já iniciara a metida e estava parado com o pau no talo dentro do West. Virado de costas a ele na posição que me pedira, ele me abaixa as costas, minha cara próxima a do Clarkson que beija minha boca e me segura a pica e o saco. Adam mete o dedo lambuzado de gel, eu mordo o dedo e o macho pirado com a força da mordida. Por varias vezes ele repete, a cada vez que sai e enfia todo no rabo que comia.

-Senta agora dude, quero te ver tomando no cu de pau duro.

Vou sendo enrabado pelo Clarkson com ele me abraçando beijando minhas costas, nuca e orelhas. Totalmente em seu colo, ele me segura a pica.

-Mama esse picão West.

O Adam vidrado em mim, mantinha ritmo perfeito fudendo o West que estava fora de si sendo servido por dois. Fazendo as vezes de putinha da galera.

Depois de meter em umas duas posições. Uma deles realmente montado no West e cravando rola sem pena do branquinho delirando debaixo dele. Ele segura o West como se ele pesasse uns dez quilos e senta a nosso lado. Eu e o West de pipoca nas varas.

Clarkson tem a ideia de por o West de quatro no sofá e tomar pica de todos nós.

-Vai tu primeiro Brasil. Tô doidão pra ver seu estilo de fudedor.

Inicio a fudelança tentando imitar toda coreografia que meu mano Marcão exibe em cada show. Adam chegava a chiar assistindo. Ficaram ele e seu primo ao lado. Pedi-lhes

-Quero ver os primos numa mão amiga.

Clarkson menos experiente achou que o primo não toparia. Esperou a atitude dele. Sem demora viu a mão calejada lhe agarrar a rola. Sem resistir depois de uns dois minutos, ofereço aos dois minhas linguadas em seus membros.

Passo a vez ao Clarkson e este mete uns minutos e de novo passa ao Adam seu putinho. Aproveito e peço sussurrando para que eu fique com o Adam a sós por um tempinho. Ele aceita e pede que depois de meia hora ele participe como tinha falado antes comigo. Sua vontade era que eu, ele e o Adam fizéssemos uma trepada como curtíamos entre nós. O West só assistiria e seria um lambe pica e cu, nos assessorando quando convocado. Já falara dessa fantasia com o West. Esse nunca negando nada a seu homem, sem se esforçar aceitava e curtia de verdade. Tô dizendo a vcs meus amigos, dei pro cara o melhor dos putinhos, o passivo que de verdade sente seu prazer dando prazer a seu macho da forma que ele quisesse. Isso não é masoquismo, pelo que sei nunca ouve maus tratos. Simplesmente o garoto que deve ter sofrido uma paixão do caralho durante tantos anos viu seu mais profundo desejo ser realizado do jeito que sempre sonhou sem admitir nem a si mesmo o quanto desejava ser submisso a seu amigo de toda vida.

Ele chama o West para a ducha.

Nem bem saíram os dois o Adam me diz.

-Agora é” nois” machão! Vem aqui, vou te mostrar como um cowboy fode um macho gostoso que nem vc.

Me agarrou o braço e praticamente me arrastou para o quarto. Encostou a porta sem fechar e me deu outra amostra de como ele amassa sarrando o parceiro do jeito que ele quer.

-Ajoelha putão, tenho certeza que é até melhor mamando que o viadinho. Dê aquele trato no meu torto .

Devo ter demorado quase cinco minutos a estar cara a cara com o torto como ele mesmo chamava. Antes chupei e lambi tudo que encontrei no caminha até a virilha, até nas axilas me joguei com vontade depois que descobrir ali um cheiro de macho que deveria ser envasado e vendido como o melhor dos perfumes. Na mosca! Machão tarou. Fez comigo o mesmo assim que dei por finalizadas suas axilas peludas exalando suor de macho, sem mau cheiro, impregnadas de testosterona.

De joelhos recolhi mais cheiro de macho aspirando forte com as narinas coladas a mata de pentelhos muito negros. Passei para a pica e fiz um super slow blowjob. Mamada lenta e demorada que só dedico a picas especiais em machos Alfas.

-Puta que pariu man! Sou capaz de gozar umas três vezes sem tirar dessa boca gostosa. Acetei mesmo. O putinho é fera, mas vc man dá de mil.

Fomos paro o carpete e num 69, continuei mamando e ele deu show, mestre em chupar cu. No mesmo nível que eu.

Chupada de cu da porra! Em cinco minutos pedi pau no cu. Nem esperei a que me dissesse a posição. Fiquei de quatro e falei.

-Vai Putão! Fode o puto aqui.

-Man, que rabão é esse! Juro que se me levasse para o Brasil eu iria no rastro dessa maravilha. Abre ele um pouquinho, quero ver entrando.

Obedeço

-Isso mesmo cachorrão. È mesmo o rabo e o cu mais lindo que já vi. Vai dá gostoso para mim cuzão? Quer tora de cowboy fudião?

-Para de conversa porra, mete esse cacete porra! Me come como macho caralho. Não é viadinho que está te arreganhando o cu, é macho que gosta de rola. Espero que saiba a diferença.

-Sei sim seu filhoda puta. Toma pica então macho.

-Cowboy entrou sem paradinha da bateria nem nada. Me arrombou no cabeção que comi sem dar ousadia de mostrar a dor filha da mãe que eu senti. Caladinho senti cada milímetro daquela jeba torta me varar até que sento os pentelhos do picão me arranharem o rabo. Inteiro dentro ele pega na mão meu saco. Diz a mim.

-É verdade man, é macho mesmo, tem que ser pra tomar minha pica no cu caladinho. Agora mexe bundão. E quero que remexe feito o viadinho do Clarkson.

-Caralho man, que arrombada da porra cara! Vou remexer sim igual viadinho, mas quero que comece logo a bombar feito um garanhão montando uma egua.

-Sacana sabe a hora de ser macho e sabe hora de virar viadinho. Rebola gostoso que nem puta.

-Cacete tesudo esse seu man. Socada de cavalão mesmo vc tem.

-Putão, deixa eu morar nesse cu? Nunca vi cu morder pica tão forte assim.

Meteu galera! Meteu muito, deve ser DNA de família, que nem eu e meu irmãos.

Levantou-me e me fez apoiar mãos na cama com o bundão pra cima. E toma-lhe pica.

O casal que se banhava entrou. Por minutos me assistiram de cadelona. Adam oferece ao primo meu cu que ele arrombara mais que o Clarkson momentos antes. Sinto uma corrente de ar entrar pelo cu que sem demora ganhou a pica do Clarkson. Este manda o West ficar por baixo de mim para que eu meta em seu cu. Entrei no passivo tomando vara eu também. Adam distribuía seu cacete a todos inclusive ao primo. Depois se ajoelha ao nosso lado e chupa meu saca e o do Clarkson. Aproveita e mete seu dedo junto com minha rola no cu do West.

Pede sua vez para me fuder de novo. Clarkson faz como ele e chupa os sacos, somando o saco do West também. Taí um passivo viciado em rola, gemia, pedia mais, rebolava sem negar cu, ou boca a ninguém, a seu dono ou a quem ele mandasse. Curtia a décima pica do mesmo jeito que curtiu a primeira. Putinho ninfo incansável. Quando contei isso ao Marcão, ele me fudeu muito me dizendo que putinho show é o maninho dele que desde os 15 anos nunca lhe negou nada, nem mesmo quando brigávamos. Mesmo sem falar com ele, ia de cara fechada, mamava sua pica e dava o cu como sempre deu. Bebia sua porra, limpava rola e sai todo zangadinho, dizendo que estava de mal ainda. Nada que um convite para dormir com ele sendo bonzinho me mamando e me deixar cuidando de sua rola à noite toda não resolvesse. Mesmo que as vezes levasse um macho amigo, pra me mandar mamar e dar o cu, obedecendo a ele como sua putinha. Mano sempre curtiu me fazer de puta agradando um amigo dele. Escolhia a dedo um que não fosse próximo a nós e principalmente que fosse dotado. Trazia o amigo,me chamava e mandava que eu mostrasse como mamava sua pica e tomava no cu. E metendo em mim, pedia que mamasse seu amigo. Dizia.

-Maninho, mama a pico do meu Brô, olha como o cara tá precisando dessa boquinha sua. Aposto que vc vai gostar.

Mostra o picão pro maninho. Ele adora pauzão, né maninho safado?Paramos o trenzinho. Clarkson manda o West sentar na cama, só entrar se for chamado e só fazer o que lhe for mandado.

-Pode bater punheta mas nem pensa em gozar. Só vai gozar com minha pica no cu.

Fomos os três pro carpete e nos pegamos de todo jeito. Mamei os dois. O West chamado a chupar meu cu e minha rola enquanto isso.

Fui mamado pelo Clarkson enquanto o Adam chupava meu cu.

No segundo pedido que fiz ao Adam que também me mamasse, ele aceita e até divide com o Clarkson, assim que mando o West mama-los.

Dividi a pica do cowboy com seu primo e de novo pusemos o West de assessor a mamar os mamadores.

Adam diz. Quero gozar galera.

- Goza me comendo cara. Peça a ele.

-kkkkkkkkkk, ótimo. Vou te comer de frango, e vou dar a porra pra vc, ao West dou a próxima.

Ao West fala.

-Fica zangadinho não putinho. Tu vai ordenhar minha pica e ter ela no rabo toda semana.

Fiquei de frangão pondo dois travesseiro debaixo da bunda. Com a vara na porta do cu, pedi ao macho.

-Segura minhas e me arreganha metendo vara. Vc Clarkson, vem e põe sua pica na minha boca. Põe o West de lambe cu de vcs dois.

Haja porra! Foi tanta cravada de rola na boca e no cu que perdi noção de tempo e espaço. Só voltei pra terra ganhando um banho de porra na cara vindo das duas picas.

Assim que terminaram, peguei o West e pus na posição que eu estava. Metendo alucinado enquanto ele gemia feito um porcão cobrindo a fêmea, e tomando surra de pica meia bomba na cara. West apenas encostou no próprio pau e gozando mastigando minha pica no cu me fez gozar saindo dentro dele rápido pra gozar na sua boca.

Nem terminei o gozo o Adam me arrastou para a ducha. Me deu o amasso tesudo em que ele era doutorado,, me botou pra mamar e dizendo ser a primeira vez me mamou tão direitinho que desmentia sua proclamada inexperiência. Se bem que sempre digo que todo homem sabe mamar, mesmo que nunca nem tenha visto outra rola que não a própria. Aos que dizem que não sabe, pois nunca fez. Apenas respondo

-Isso não existe cara. Quem tem pica sabe mamar, basta fazer do modo que sempre desejou que fizessem nele. Até hoje acho incrível homens que me contam que nunca foi mamado, ou que nunca foi feito como ele gostaria. Mais incrível ainda é o tanto de macho que confessam que sua esposa ou parceira não mama ou mama péssimo, sem vontade. Graças a Deus nunca encontrei uma doida dessas. Que mama mal muitas, mas que se negaram, dessas fui poupado. Conheci um cara super gostosão, sarado e bonito. Na cama deu trabalho e exigiu paciência. Sabem rola meia mole meia dura? Puta que pariu! È a coisa que mais me tira do serio, prefiro um broxa, a meia mole meia dura é a que dá esperança. Promete e não cumpre. Tô fora! Forissimo! Kkkk Durante minha saga, até ois dias de hoje topei com 4 desgraças dessas. Antes que me desse canseira, larguei o macho onde estava e piquei mula. Esse que conto só me fez ficar por ter me pedido paciencia. Confessou de modo envergonhado que nunca chupou nem buceta e nunca na vida tinha sido mamado. Galera, o Macho tinha 35 anos! E juro que era TOP de físico, pica e cara. Tem é coisa doida nesse mundo né? Eu nunca esperaria tanto . Já tinha posto uma puta ou até um cachorro pra me mamar. Pior que o tanto de mulher que não curte mamar é o tanto de macho que aceita uma miséria dessas.

Sem gozarmos no Box, Adam ainda me fez sentar no cacete com ele sentado no vaso. Quiquei bonito, dei o show da Xuxa. Em troca pedi que deixasse gozar sarrando seu rabo.

Aceitou, até ali fez o que fez porque tinha trancado a porta, mamou na encolha e foi sarrado até que gozei na cara dele também na encolha. Terminado me pediu segredo.

-Claro Brô, tranquilão.

Contei ao primo dele assim que ele deu tchau. Completei ensinando que se uma vez rolasse eles dois sozinhos. Tenho certeza que rolaria uma meinha. Isso nunca confirmei, até esqueci de perguntar quando os levei num Carnaval na Bahia quando vieram em turismo. Os bichos piraram vendo a farra orgástica em que todo mundo é de todo mundo no Carnaval da Bahia. Machos se pegam entre si tranquilamente, amiguinho pega o amiguinho, mulheres se atracam da mesma forma. Acabado o Carnaval todos se esquecem do que fizeram. Culpa do Álcool. Sempre o bode expiatório, mais clichê que culpar o mordomo. Tudo bem, o importante é fazer sua pica feliz nessa época em que nós brasileiros suspendemos todas as regras, fazemos da folia a liberação máxima, damos folga a sentimentos de culpa que muitos insistem em fazer de parceira o resto do ano.

Bom Galera, espero que tenham curtido, sei que esperam mais que o normal. Tomara tenha valido a pena.

Ah! Tô felizão. Foguinho e as Pestes, vieram passar dia dos país comigo. Estamos na Provence. Oh lugarzinho bonito da porra! Tô tentando convencer o Figa a aceitar que eu banque e venha passar seu aniversario na semana que vem aqui comigo. Eu disse a eloe que to com uma baita saudade de namorar sua pica. Kkkk Ele responde que tá doido pra me mamar e me fuder. Respondo

-caralho man, eu disse que quero namorar sua pica cara! Mamar devagar, curti de verdade a grossona, E vou comer antes de vc me comer. Cuzinho tá de férias. A grossa faz um estrago em cu que tá voltando do recesso. Kkkkk

-É mesmo Brodão, tem um tempão que a gente não faz namoradinho. Kkkkkk Se Marcão souber disso serão uns três anos nos sacaneando. Kkkkk Por falar nisso dia desses me disse que ia queixar a mãe de vcs uma passagem para ir te visitar.

-Eiiita que quem vai queixar a ma Mére que atenda o seu pedido sou eu. Tô roxo de saudades dos dois. Mais ainda de fuder com o Marcão. Aquela que o Putão fez de se pegar com o Berga na cam para mim foi de fuder, já bati varias lembrando os machões se esfregando.

-Jorjão vem aqui antes do meu aniversário, to bolando um Plano infalível do Cebolinha pra pegar o gostoso todo serio kkkkkk

-Pô Figão deixa cam aberta pra eu ver!

-Vou ver se rola.

Até a próxima cambada de punheteiro.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
10/08/2014 20:11:25
Sumidão! Feliz dia dos Pais e obrigado pelo brinde! Bora lá contar mais. Pelo que li no início do relato o estoque é bem grande. Nos brinde com um pouco mais.
10/08/2014 05:55:15
Como sempre cada relato mostrando machos da melhor qualidade liberando o verdadeito macho-fudedor-de-macho com um dos melhores! Tesão do comeco ao fim. Que venha o proximo relato...
09/08/2014 23:40:21
Andou sumido,suas histórias são as únicas que me excitam de verdade.Parabéns... *.*




Online porn video at mobile phone


Tia rita coroa gozandorelatos eróticos determinada por um negão roludoConto erotico mulher quarentona crente dando o troco com amigonovinha com short curto mostrando a poupa da vinda para o homem comerxvideos mae meninas cempeitonegas bomtudasxxxxxvideos os travegos mais gostoso do Brasilgarotos tesudos chupando frentistacontos reoticos/lambemo o co da sobrimha de nove anosfotonovela fodendo sogra e cunhadasexres grates com filhas e mae trepando o paeContos eroticos.Sou casada provoquei um velho cacetudofilme de zoofilia sofia nozo eterradopatricia de faculdade gostosa gemendo muitocontos eroticos "escrava" "trapos"contos erotico,meu genro me enrrabou dormindoconto erotico gay vaquejada capxvideos indigestos estrupadaso amigo do meu marido me estrupou contoscontos eróticos de sinhozinho comendo escravatravesti com fiadinhoFOTOS E VIDEOS DE novinhas DE VESTIDO COM CALCINHA ENFIADA NO REGO USANDO DROGAS E SENDO EXTUPRADAStesao pelo chule da minha funcionaria contos eroticos podolatriaruıva se mastu e goża muitoEnrabado por uma tgirl contosQuerido lavei a conaporn xxx mulher paga divida e corno vendo ela chorar de dorsexo conhadas cozinha nua pau bizarro tesaocasa dos contos eróticos patrão e empregadomeninas bem novas sendo fudidas pelo o padrastocomendo a irmã moeda meu irmão gostoso ela geme na vara XVídeosnovinha magrinha se engolindo p**** Amanda é burracontos gay de conxinha com o idoloporno vidio chupando o cu dotrVecopono cario,caconto eroticoContos eroticos elacareca peladavidios porno brasileiro coagindo a enpregada para fudelaminha tia lig pra minha e pede pra mim dormi na sua casa eu comi sua bocetamtk contos eroticos coisas do destino capitulo 1contos eroticos incesto a ceguinhapunindo escrava sadomasoquismopulei o muro da fazenda e a dona mim taradafesta crioula pornoiradopornofamilhasacanaporque quando fico peto da minha amiga eu fico coms calsinha toda molhadinhasafada nao aguentou cu beromulheres na rua com a sainha curtinha tirando a calcinha de dentro da bunda tirando com a Malu babyhetero passivo conto realporno em familiamulher enfiando um pepino enorme na buceta fazendo barulhocomendo a buceta da gostosa na barra de suco de limãoriandragoon contosHomem moreno claro de pigode coroa pornoImagens de homens lascando as caldinhas das mulheres na hora do sexoxvideo.puta.seducido.casa.gravado.ao vivovideos de menina dassando e amstrado acalcinhabahiana filha de papai mostra sua ppkcontos eroticos/pisei no rosto deleXVídeo mulher desagrada para gozar e g****** toda horaporbodoido padrasto come e. a mae pega no fragacontos eroticos safados de professoras madurasэхросли болаPorca reprodutoras buceta crandearombei minha mae contos eroticos pornovidios bullim nua de quatro com pisudofotos de vestidos colados que acentue a bundaAna da prassa e nossa mostrano a buceta no vidiovídeo de mulher pelada mostrando a b***** tomando banho arreganhando e ficando de quatro fazendo altas posições massaboyzinho encoxando no hetero no onibusfinalmente achei o video da minha irma xvideoscontos de incesto estava com medo da chuva e dormir com a mamãeHomempauzao analnegão arrebenta o intestino da mulher com pau enormeContos eroticos esposa madura junto com casal novinho dando caronaxvideos.com anal com irma gostosa q nao quis tira o shortinho dela de tava encravado na bunda irmao viu rasgo ela baixavidio.pornozoofilia sangrando