Casa dos Contos Eróticos


Click to Download this video!

Menina da lanchonete, com refri na Buceta

Um conto erótico de Safadonis
Categoria: Heterossexual
Data: 16/01/2014 12:39:11
Nota 9.00

Olá pessoal, vou falar da época em que eu era solteiro, trabalhava em empresa de Call Center aqui em BH que começa com C e termina com X e pelo fato de não ter muito homem de verdade, comia várias mulheres sem o menor compromisso que era o melhor de tudo, tinha até umas que eram fixas, tipo como trabalhava a tarde elas iam à minha casa de manhã toda semana a gente trepava gostoso depois ia pro trabalho. Hoje sou muito bem casado, tenho 27 anos, moreno claro, 1,70 de altura, não sou forte, mais tenho o corpo definido. Vou contar hoje a história de uma trepada que dei com a menina da lanchonete em que eu lanchava todos os dias. Ela era uma morena muito gostosa, da minha altura mais ou menos 19 anos, cabelos lisos e vermelhos, cintura fina uma bunda muito gostosa e trabalhava com essas calças de academia que de tão colada dava pra ver tudo que estava por baixo, e camisetinha que deixava a barriguinha de fora e uma testona de buceta que eu ficava louco. Ela era do tipo de mulher que a gente olha e pensa que nunca vai dar uns pegas, pra minha surpresa, a sorte sorriu pra mim. Eu sempre pedia a mesma coisa, um suco de laranja natural e um misto quente ou uma tortinha, todos os dias o resto era tudo ruim. Sempre a tratava bem, ela me entregava meu lanche eu ia embora, sempre dando aquela olhada naquele rabo maravilhoso e naquela buceta até partida no meio de tão grande. De um tempo comecei a perceber que quando ela me entregava meu lanche ela encostava a mão na minha e me olhava no olho, eu ficava meio sem graça de chegar e tomar um fora, pois tem mulher que faz isso, dá mole e quando o cara chega, fala que o cara confundiu tudo, ainda mais que ela usava aliança de compromisso. Um belo dia quando fui lá, ela estava de camisa amarela e eu também, ai eu brinquei com ela falando:

-Ué você tá combinando comigo hoje?

-Ai ela falou: Liguei pra sua mãe e ela me falou que você estava de amarelo ai eu coloquei igual pra combinar.

(Fiquei de cara, pois ela não sabia da minha vida e nem conhecia minha mãe).

-Eu apenas sorri e pensei vou ter que tentar alguma coisa e não sei o que!

Enquanto ela fazia meu lanche eu olhava aquele rabo gostoso imaginando o que eu faria com ela peladinha. Quando ela virou viu que eu estava olhando e sorriu. Quando ela me entregou meu lanche eu falei com ela assim.

-Já que estamos combinando na roupa, podíamos combinar em algo a mais o que acha?

-Ela falou: claro que sim!

-Eu falei logo: Me dá seu telefone

-Ela anotou no guardanapo e eu fui alegre lanchar já pensando na conversa que eu teria com ela.

Assim que voltei pro trabalho comecei a mandar SMS pra ela procurando saber mais sobre ela pra ter como abordá-la, pois eu queria muito comer aquela gostosa. Perguntei de onde morava, e com quem, o que gostava e Etc. Gostei mais ainda do rumo da conversa quando eu perguntei pra ela e essa aliança é de compromisso ou pra espantar curioso? E ela me respondeu é de compromisso, tem problema?

-Eu de cara falei, claro que não, eu até prefiro.

-Ela sorriu e continuamos a conversa. (No sms foi assim rsrsrs ;-))

-Ela era muito safada, e a cada resposta que ela me dava eu ficava com mais tesão.

Fiquei conversando com ela por SMS até chegar em casa, assim que cheguei fui direto tomar um banho e liguei pra ela, começamos a conversar e logo nós estávamos fazendo sexo pelo telefone, ouvir aquele gemidinhos que ela dava sem fazer muito barulho pra ninguém ouvir me deixaram louco, gozei, e ela também. Ficamos conversando mais um pouco e depois nos despedimos, pois ela trabalhava de 09h às 19h e ia acordar cedo, e eu só as 14h então podia dormir tranquilo. Combinei com ela que eu ia descer mais cedo pra poder encontra-la, quando foi 12h eu já estava no centro na pracinha perto da empresa ela saiu pro almoço e ficamos como um casal de namorados sentadinhos na praça se beijando loucamente e como a praça tem muitos arbustos eu consegui colocar a mão dentro de sua calça e colocar meu dedo na sua buceta lisinha que estava toda molhada, meu dedo entrou fácil, mais como a gente estava na rua não dava pra fazer muita coisa, a pena foi que deu a hora dela voltar pro trabalho. Antes dela sair eu falei com ela:

-Eu fico em casa todos os dias na parte da manhã sozinho, pois minha mãe trabalha cedo, tá afim de ir lá pra gente terminar o que começamos ?

-Ela falou que estava louca pra ir, mais a mãe dela não deixava sair sozinha sem ser pro trabalho, nem mesmo na folga dela.

-Ai eu falei, ah fala que você vai trabalhar e me encontra?

-Ela falou, vou dar um jeito!

Isso era Sexta e a folga dela era na Terça-Feira. Ficar esses dias todos pensando em meter nela me deixava maluco, eu comi duas de costume pensando nela, e depois desci pro centro pra encontrar com ela no almoço e dar uns pegas nela. Eu não sei se meu pau doía mais pela foda que tinha dado a pouco tempo ou pelo tesão que estava por ela. Ficamos na mesma até na terça, pois no final de semana seu namorado estava na casa dela com frequência mais sempre que dava ela me ligava, às vezes o cara na sala e ela no banheiro me ligando, era uma sensação muito foda. Chegou o grande dia, desci cedo pro centro e encontrei com ela perto da empresa ela me beijou e fomos pegar meu ônibus. Eu não sei se é pelo fato dela morar em Betim e eu em BH, mais ela andava de mão dada comigo sem o menor medo de alguém ver ela comigo. Eu fiquei igual gente grande, com uma gostosa daquelas do meu lado, pegamos o ônibus normalmente e fomos pro fundão, dei mais uma amaciada na carne, descemos, eu passei na padaria comprei algumas coisa pra gente comer e um refri, nem deu tempo de comer nada, só de tomar um gole de refri e já comecei a beijar ela toda ali mesmo na sala, comecei a tirar a roupa dela, as minhas, ela tinha uns peitinhos lindos, eram pequenos mais duros e empinados, eu não consegui chupa-los, deu foi uma mordida forte que ela deu um gemido gostoso demais, eu fiquei sentado no sofá e coloquei ela em pé no sofá com as mãos na parede e aquele bucetão melado na minha cara, ela estava tão excitada que o melado desci pelas pernas, fui chupando ela gostoso coloquei um dedo naquele cuzinho gostoso, depois coloquei outro dedo da outra mão e abri ele, mesmo sem ver ele aberto meu tesão foi no teto, ela gemia e chamava meu nome eu perdi completamente o controle. Ela deu uma gozada tão gostosa que as pernas dela ficaram bambas e ela me prendeu no meio delas, meu ouvido até deu uma pressão muito forte, pois tampou os dois. Ela continuou em pé dando uns suspiros e segurando na parede, eu sai debaixo e fui por trás dela, agora eu consegui ver que aquele cu já tinha levado muita pica, coloquei uma mão na buceta dela masturbando e a outra mão eu fui enfiado no cu dela, dedo por dedo até o quarto, claro que a mão não estava totalmente aberta, mais foram todos. Eu enfiava, rodava a mão, tirava a mão da buceta e colocava na boca dela foi gostoso demais, foi ai que eu tive uma ideia, mandei ela sentar no sofá com as pernas abertas, dei um gole bem grande no refri que estava na mesa e coloquei o refri dentro da buceta dela, ela foi ao delírio, depois eu coloquei a boca de novo na buceta dela e puxei o refri que restava, (pois uma boa parte vasou e molhou o sofá da minha mãe) dei pra ela beber e bebi também, fiz isso umas três vezes, coloquei ela de novo em pé no sofá fiquei em pé atrás dela e meti gostoso naquela buceta mesmo sem camisinha, cada bombada que eu ia dando aquela buceta ia babando mais o meu pau, ela era uma vagabunda gostosa demais, depois que eu vi aquele cu arrobado tive vontade de judiar dela, de comer ela com força e assim eu fiz. Tirei o pau da buceta e meti no cu dela de uma vez, ela deu um urro de dor e tesão e eu fui metendo naquele cu arrobado, tirava do cu e voltava pra buceta, tirava da buceta e metia no cu, (ela já saiu de casa sabendo que ia dar o cu, pois ele estava limpinho, eu mesmo vi dentro quando abri) continuei metendo com força até que me deu vontade de gozar, quando eu falei ela pediu goza na minha buceta goza, na hora eu tirei do cu e meti na buceta, não demorou nem um minuto pra eu gozar, eu gozei muito nela, aquela buceta parece que estava pedindo minha porra, pois ela foi apertando até a ultima gota, quando eu tirei meu pau minha porra foi descendo, eu parei a mão embaixo e mandei ela colocar pra fora, ela foi apertando que deu até bolha de porra rsrsrs quando minha mão estava com bastante eu mandei ela descer do sofá e coloquei na boca dela, passei no rosto dela e a vagabunda veio e me beijou, o tesão era tanto que nem liguei, coloquei ela agachada e coloquei meu pau na boca dela, ela sugava feito uma louca e meu pau só crescia mais, coloquei ela no sofá com as pernas abertas tipo frango assado dei mais umas bombadas naquela buceta e ela me chamou pra tomar um banho pois estava muito suada, subimos pro banheiro demos uma refrescada e ela logo veio mamar no meu pau, quando ele estava bem duro e babado ela virou de costas eu logo meti no cu dela, estava louco por ele, pois mesmo arrombado ele dava muita pressão e era macio sem nem um pelo, eu fui metendo com força e ela continuava a urrar, gritar e quando mandava eu parar eu meti mais forte, era tipo efeito contrario, ela mandava eu parar, ai eu metia mais e mais forte e profundo, segurei firme na cintura dela pra não fugir e continuei sem nem ouvir o que ela falava, ela gemia, chorava, mais quando coloquei uma mão na buceta a bichinha estava pegando fogo e babando tirei meu pau do cu dela e meti na buceta, eu nunca tinha visto uma mulher gozar daquele jeito pensei que ela tava mijando no meu pau, depois que eu fui ver que era branco tipo porra, ela falou que aquele tinha sido o goza mais intenso que ela já teve, eu adorei saber disso mais ainda queria gozar naquele cu gostoso, ela pediu pra esperar um pouco, pois estava sem força. Fiquei ali passando sabão nas costas dela, passando a mão no seu corpo, perguntei se já estava melhor e ela falou que sim, falei que queria gozar no cu dela, ela encostou a mão na parede e abrir a bunda que pra minha surpresa estava todo inchado em volta e vermelho, muito vermelho. Eu coloquei assim mesmo o cu não era meu mesmo, mais quando eu coloquei a cabeça ela realmente pediu pra parar até agachou, ai não teve jeito, tive que tirar, fiz um carinho nela e falei você consegue gostosa, ela sorriu e me deixou tentar outra vez, só que dessa vez eu dei uma chupada naquele cu pra dar uma lubrificada pra melhorar pra ela, pois na outra vez foi quase no seco, pois a água aumenta o atrito. Dessa vez eu consegui meter ai foi gostoso ela gemeu, pedia pra para mais não saia, continuei socando forte até que o cu dela começou a sair sangue de onde estava inchado, mais continuei metendo nela sem dó até que veio aquele gozo tão gostoso que eu apertei o peito dela bem forte, soquei, soquei e soquei. Depois fiquei abraçado com ela de costas com meu pau no cu dela até cuspir ele fora. No fim das contas eu perdi a hora de ir trabalhar e como ela estava de folga, continuei a comer aquela buceta até as 16h depois fui leva-la no centro, passei em uma farmácia e comprei um pílula do dia seguinte que se chama Poslov que tem um comprimido só que é tiro e queda. Depois das gozadas que dei nela não poderia arriscar né. Depois disso a gente ficou se encontrando na praça, ela brigou com o dono da lanchonete que dava em cima dela e saiu dela e ficamos mais longe pelo fato da mãe dela não deixar sair sozinha, eu conheci minha esposa e estávamos numa boa uns três meses depois ela me manda um sms falando se eu tinha saudades do dia que estava comendo o cu dela e ela pedindo pra parar. Minha esposa viu, ligou pra ela brigou, encontramos na rua e minha esposa brigou outra vez, depois nunca mais tive contato com ela, uma pena pois era uma menina bacana. E é isso pessoal se gostaram depois conto a foda com a novata da empresa, com a vizinha que pediu o cd com uma música que eu ouvia e entrou na minha casa, entre outras que eu for lembrando. Grande abraço a todos.

SD

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
16/01/2014 15:10:38
belo conto
16/01/2014 14:57:37
Foi mal Gábrio, da próxima vez vai ficar melhor. Eu escrevi no Word e quando postei agrupou e os pontos que não coloquei causaram isso, mais eu não tinha lido pra verificar. Até mais
16/01/2014 14:48:57
Bom conto, só faltou pontos e virgulas, ficou meio confuso pra ler.
16/01/2014 14:29:04
Boa história, bem erótica! Vale a pena ler. Nota 10!




Online porn video at mobile phone


casa precizando de cazeiroviado tocando punheta para o homem fazendo fio terra e gozando tudo na mãoporno sombra brasileiro pauzudo so com vovo 60anospapai me chamou para ir lanchar no shoiping.mentira foi desculpas para ir no motel comigo cumer a minha bucetadoce nanda parte cinco contos eroticosmin engravida amor porno sacanamarido realiza sonho da esposa ser fudida por uma fila de homems pauzudos e grososXVídeos real Carangola 1280xividio. vai maxuca meu cucomentários350 anal de meninasquero assistir vídeo pornô estupro anal com vibradores e zoofilia misturadofudendo esposa e a mae delacontovideo porno mae ve filho pelado e toma susto com tamanho do pauporn invasão curra na favelarolada.nucu.i.xoranucontos eroticos dei minha buceta pro meu padrasto vingançacontos climax. negao roludonovinha deixa rapaz pincelar sua bucetinha dentro do ônibusfilha fodendo con negao picudo e mae espiamdomulher tem garra para aguentar o dotado no pornodoidopauzudo fode bucetamenorcontos eroticos. de velhas q fuderam com rapaz novo.conto erotico tirei a virgidade do meu irmao novinho gayzinhohotmail muletodaesposa fica locona e da pra varios porno nacionaleuconfessosograrubiaebeto quase mulher 7novinha sentada ensima do cassete abrindo a bucetinha com os dedossexo minha mulher me dando minha sogra de presenteFoto de buceta emperrando galaconto erotico esposa tio pauzudocabeçao gg gosadas ptdescabacei a buceta da crentizinha magrela a fora - contos eroticosconto erotico com cunhada muito catolica santinhapornô amador conto erótico de mãe divorciadatirei sangue do c* da noiadacontos herotico .primo do namoradoquero ver loiras e morenas d********* bem gostoso e arrombando o c* bem arrombado mostrando bem arregalado o c****** e de fio dental bem gostoso preto vermelho branco azulvideo de sexo bem gostoso q lembi e q enfia a maocasada sequestrada e estuprada na lua de mel pornoconto erótico humilhada dissi que você gosta cadelanegao rascando roupa de mulheres brancas page 1 xxxxxvideos de com mulheres muito gostosa muito esitada dizendo qui ta muito gosto que è pra comer o cuzao delashomem nu da cu padres e semináristaspredador de viado contos eroticosnovinha virgem tora a roupasmostrando s calcinhaXNXX.COM TRAVESTI DO PAU DE ANACOMDA GOZANO RAPIDINHO IGUAL CAVALOMenina nova de causinha tolada na buçeta xsvidioConto erotico: o playboy e o malandroindo até ejacular até gozar gritando de tanto prazer XVídeos pornô pornô doido pornô iradosamba porno mulher vai mexe seu cunhado dormindo sono profundovideosporno.koasi noviapirnogozavxidio dais titia fragadovideo de porno de coroa liduinaxvidio baxinha gozou enfiando o dedo bem ligeiro na bucetahomem metendo a rola nu cu da mulher e gmendo pedindo lucas metetodacontoerotico eu,namorada, minha mae e tio jorgeCarinha de Anjo de GTA e mamãe filha da está outro colégio bem longe daquiConto erotico anal com humilhaçao e cinto de castidade masculinanovinho nao aguentou cagou na pica do padrasto bota sem doai tio taduedoWwwx vidios .con tirano tiranocabaso da vigervídeo pornô com homem enfiando o braço todo no ânus da mulher despejando muito líquidomorenas,magras,cabelos pretos,peitinhos videos sexxvideo homem erra o buraco e toma empurraovideo porno tomando banho juntos novinha entalada com piroca toda ensaboadaacetona gulosa chorando engolindo picaContos picantes de safadas peguei minha vô dando pra pisudo contos de lesbianismo entre sinhazinha e sua escravapai cheira a cueca do filho com gozoMeu cão ralf me comeu contochapeleta grossa e neguinhas swxele arrebentou meu ultero xvideotirinha enfiar so a cabeça no cuzinho virgemadvogada abrindo sua buceta no moteladolecente finge durmir so para sentir o pinto do irmaovaldir.piricudogostosas do zaptk sex pornmenina chupando o pau do namorado da melhor amiga em quanto a amiga ta entertidatava um tedio danado,resolvi dar a buceta pra ele,incesto contosvídeo de mundobicha dehomens vestido de saiascontos incestos mãe mais lidos 2017cunhada bucetuda e deboxadaxxvideo caseiro espiano a buceta cabeluda da subrinha lavano o cachorroContos eroticos humilhada e dominada pelo amigo do meu filho 2brasileropornozoocontoerotico namorada e mae putas do tio jorgeporno doido prima 18 anos escurinha afoorsaporn mama tao aumentar leitemeu enteado me estrupouincesto com meu vô contoscontos erótico tenho um amante e meu marido o sabe sexo gayvideo porno cavalgada forte so loiras em cacete de 30cmapertatinhas lidas