A morena baiana e sua estreia na quarta liberal na casa de swing de Salvador!!!


Um conto erótico de Morena Baiana
Categoria: Grupal
Data: 22/10/2013 20:01:33
Nota 10.00

E chegou a quarta-feira!!! Noite para casais e solteiros.

Chegamos tarde, por volta de 1h da madrugada, mas, quem disse que não daria para a moreninha dar show?! E deu. Com o perdão do trocadilho.

Bem, seguindo a nossa regra, ela diria até onde permitiria aproximações e de quantos. Para quem leu o conto 1 (a morena baiana e sua estreia na casa de swing de Salvador), nossos contos sempre começarão com o meu relato e depois a gostosa completa o mesmo. Então, vamos lá!

Ao chegarmos, cumprimentos aos donos da casa à parte, subimos para ver como andavam as coisas nos quartos. Nem precisa dizer muito, minha mulher foi comida com os olhos (o melhor viria depois) por onde passou. Ela comprou um vestido preto especialmente para esta quarta-feira. Imagine aí uma morena gostosa com um vestidinho que deixou suas coxas grossas bem à mostra, sua bunda redondinha e grande bem marcada e seus seios suculentos em evidência. Ela estava muito mais deliciosa ainda quando foi subindo as escadas em minha frente e eu admirando aquele rebolado sensual que dá vontade de pegar pela cintura e arrancar toda a roupa metendo de vez a pica bem fundoooo. Mas, voltemos aos quartos. Um deles estava, inexplicavelmente vazio, mas, bastou entrarmos no segundo que tivemos a explicação para tal. Tinha uma loira dessas de coxas grossas, bunda grande e durinha, seios médios lindos em cima da cama e uns 6 homens ao redor, um deles metendo nela de quatro, outro com o pau na boca da safadinha e muitas mãos a tocá-la. Que cena deliciosa!!! Eu e minha mulher ficamos admirando, não sem notar que alguns homens estavam olhando com vontade de comer a minha moreninha. Fiquei só na expectativa de ver o que ela decidiria, mas, não tomou nenhuma iniciativa. Eu notava que ela estava gostando da cena e, só muito mais tarde fui saber dela que a vontade era ela estar no lugar da loira. Circulamos pelas cabines, combinando que se víssemos alguém que a interessasse, poderia chamar para a cabine. Ficamos nessa caça um tempo e, a cada lugar que entrávamos, um homem moreno encostava esperando ser convidado. Eu sinalizava para ela, mas, parecia que ela não tinha aprovado o cara. Em certo momento, ficamos no começo da escada e eu a incentivei a subir sozinha e voltar com quem ela quisesse. A risadinha nervosa dela era um indício de que não teria coragem, mas, também de tesão pela ‘autorização’ recebida. Ela ensaiou subir, olhava a escada, olhava para mim, mas, não mexia um pé sequer. Optamos por curtir uma trepada quente que acontecia em uma das cabines: uma mulher interessante, bundinha gostosa, estava sentada no pau de um homem negro e ela gritava tanto que até o dono da casa apareceu para checar. O marido dessa gostosa estava sentado ao lado dela curtindo a cena. Minha moreninha parece que se animou com o que viu e ouviu e voltamos ao ‘pé da escada’. Nisso, passou um homem e ela me olhou como se estivesse querendo algo. Eu a incentivei e quando ele passou de volta, ela o puxou pela mão e entrou na cabine mais próxima. O cara de sorte ficou apalpando-a, sentindo aquele corpão gostoso e ela fechava os olhos se deixando explorar pelas mãos do desconhecido. Ela fez igual ao dia da estreia (conto 1), caiu de boca no pau do cara e logo estava em pé mandando ele enfiar tudo nela. Camisinha vestida, ele até chegou a dar umas bombadas, arrancando gemidos gostosos dela, mas, falhou e de pau mole decidimos sair dali.

No salão, ficamos em um canto aguardando para ver se algo melhor surgia. Uma mulher passou por nós e deu uma alisada na bunda de minha moreninha. Mas, não provocou maiores reações. Subimos e, pelo adiantado da hora, diminuira muito a quantidade de pessoas. Quando entramos em um quarto, dois homens nos acompanharam, entre eles o moreno que ficou na sombra da gente desde o começo. Ela se agarrou a mim e perguntei ao seu ouvido se queria dar para eles. Para provocar, ela sempre sai com a frase: “você quer que eu faça?”. Essa estratégia já ficou marcada e aprovada. A levei para um canto do quarto e disse aos dois que só fizessem aquilo que ela quisesse se não a festa terminaria de imediato. Afastei-me um pouco e a deixei entregue aos desconhecidos que a agarraram, pegando,beijando, roçando aquele corpão já provocando gemidos que conheço bem. Ela foi chupada pela frente e por trás, quase gozando. Mas, as bocas foram interrompidas por mim, dando a ‘ordem’ para que a levassem para a cama. E como o combinado é que ela que foi bem comida conte os detalhes, só vou acrescentar que a minha gostosa só não foi comida por mais homens porque a casa já tinha esvaziado. As cenas que se seguem foram uma prova de que em matéria de sexo, ela sabe muitooooo!!!

Com a palavra, ela:

Ainda bem que foi tarde né, amor?! Se tivesse chegado cedo, provavelmente não teria sobrado nada da moreninha aqui, modéstia a parte. Como meu esposo disse, chegamos tarde na casa...mas, isso, não atrapalhou em nada,pelo contrário só me fez ser mais observada e desejada ainda. A casa já não estava tão cheia devido ao horário que chegamos e isso me fez sentir a “dona do pedaço”. Como já chegamos tarde, fomos logo observar o que se passava pelas cabines...logo, ouvimos uns gemidos bem interessantes, então, fomos nos aproximando, e logo pude observar vários homens com seus cacetes duros nas mãos se masturbando e se deliciando com o que ocorria lá dentro. Aquilo já alterou de imediato a temperatura do meu corpo, transformando-me em um furacão prestes a entrar em erupção.

Fui me aproximando da cabine e logo pude entender e ver o que levava aqueles homens a estarem com seus cacetes tão duros e o tesão aflorado. Chegando um pouco mais perto da cabine, pude ver uma mulher baixinha, mas gigante no seu rebolado, com uma marca de biquine bem ousada sendo comida de quatro por um homem negro com um corpo malhado, uma bunda bem desenhada e com aquela “pegada” que dizem que o negão tem. Ficamos olhando aquela cena e logo senti que alguém havia se aproximado de mim. Olhando para trás, percebi um rapaz moreno me olhando todo “mal intencionado.” Até olhei, mas não me despertou nada. Logo percebi que eu tinha roubado um pouco da atenção da baixinha.

Como havia dito, aquela cena me deixou extremamente excitada. Peguei meu esposo pela cintura e puxei para uma das cabines, ele logo fechou a porta e ficamos ali em um “flerte seco.” Logo tinha homens sobre a cabine...mas não passou de uns amassos . Saímos logo, pois, eu queria ver se achava alguém interessante para apimentar a madrugada. Fiquei encostada na parede da cabine e meu esposo perguntou se eu queria subir sozinha e pegar quantos eu quisesse pela mão e levar para a cabine, mas, eu não tive essa coragem, ainda. Foi então que ia passando um homem branco de olhos claros...falei para meu esposo que o queria...ele disse, pegue... então, eu o peguei pelo braço e levei para a cabine com meu esposo, fechamos a porta e eu comecei a passar as minhas mãos pelo corpo dele...ele abriu a calça, eu beijei meu esposo e parti para experimentar o que ele tinha a me oferecer. Peguei as mãos dele e passei sob o meu vestido, senti que ele estava com o pau duro e logo fui me agachando até ele colocar o que eu queria para fora...segurei firme aquele pau, olhei para meu esposo e coloquei na boca ...enquanto eu chupava aquela pica, eu olhava par ver a cara do meu esposo... e pude ver o tesão que ele estava sentido ao ver sua moreninha safada chupando o pau de outro homem. Nem precisa dizer que a plateia era grande e os gemidos altíssimos.

Logo fiquei de pé, meu esposo levantou um pouco mais o meu vestido deixando em evidência meu bumbum e minha bucetinha...me colocou encostada na parede, e logo aquele homem veio por trás e encaixou seu pau em minha buceta e meteu forte. Eu olhei para aqueles homens e vi a vontade que eles estavam de entrar ali e me comer todinha. Empinei um pouco mais meu bumbum para que o pau daquele homem pudesse entrar todo...puxei-o pela cintura contrai minha bucetinha e mexi, porém, o moço não aguentou a pressão e disse :“ Que buceta gostosa você tem. Eu estou nervoso” foi então, que abaixei o vestido e sai já que o pau dele perdeu a graça. Ao sair, percebi que o homem moreno continuava na sua caça por mim .

Subimos para o quarto e lá se passava outra cena espetacular. Uma loira na cama com vários homens ao seu redor. Ela chupando, sendo chupada, e comida ao mesmo tempo. Paramos um pouco e ficamos assistindo a cena, enquanto isso, alguns homens tentaram se aproximar de mim, mas não dei espaço. A cena era ótima... mas, o quarto ficou muito cheio, então descemos para o salão e ficamos encostados na parede próxima ao banheiro, Passou uma mulher e deu uma pegada no meu bumbum, olhei para ela... ela riu, mas, não passou disso...fiquei olhando no salão para ver se encontrava alguém interessante, mas, não achei. Depois de alguns minutos no salão resolvemos subir novamente, já não tinha ninguém nos quartos, foi então, que encostei na parede com meu esposo e ficamos nos acariciando de leve ... em alguns instantes o quarto estava bem movimentado, meu esposo sussurrou em meu ouvido dizendo: Gostosa, se você ficar aqui, eles vão querer você, decida-se. Eu respondi para ele que se ele quisesse, eu também queria. Então, ele me levou até o outro canto do quarto e avisou que era só até onde eu permitisse. Aqueles homens pareciam com uns leões famintos e eu a carne mais gostosa do mundo...eles se aproximaram rapidamente, um pela frente e o outro por trás, um deles tirou minha calcinha enquanto o outro apertava meu bumbum e dizia que eu era a mulher mais gostosa daquela noite. Agarram-me e começaram a percorrer todo o meu corpo, e rapidamente se agacharam e começaram. Já estavam me chupando...chupando muito gostoso! Aquelas línguas quentes penetrando minha bucetinha e a outra sendo enfiada na minha bundinha. Eles abriram minhas pernas e me chuparam muito, eu estava me deliciando com aquilo tudo quando meu esposo pediu que um sentasse na cama e pediu que eu encaixasse minha bucetinha que já se encontrava quente e molhada na pica daquele homem, foi então que um deles sussurrou “ eu estava desejando você desde quando entrou” então, eu pude ver que era o homem moreno do inicio. Como esposa obediente q sou, prontamente me encaixei nele levando-o à loucura. Comecei a mexer em cima dele enquanto chupava a pica dura do outro...e logo foram aparecendo mais homens, todos querendo comer minha buceta. O moreno gozou e veio chupar minha buceta, a língua dele era uma delicia, tão boa, que gozei rapidamente. O segundo já estava metendo em mim, era uma pica grande e grossa, boa de sentir encaixada na buceta de quatro, e foi assim que fiquei para ele, depois ele pediu que ficasse por cima para ele gozar, eu fiquei, provoquei e quando ele estava prestes a gozar, sai e dei para o terceiro. Ele se aproximou e meteu seu pau em minha boca, o chupei até que ele gozou. Nesse curto tempo, o terceiro era fraco, só dei uma mexida e ele gozou rapidamente...quando pensei que já tivesse acabado o moreno tarado pediu para meter mais uma vez em mim, eu deixei, claro! E ele pediu que eu ficasse de quatro para ele meter em minha buceta, eu fiquei e ele não resistiu àquela visão e pediu para comer meu cuzinho, mas meu marido logo disse: “ Meu irmão, ai, sou eu!” Adorei ouvir isso! O moreno entendeu a resposta e continuou metendo em mim...pedi que ele sentasse na cama com os pés no chão, fiquei de costas para ele e comecei a rebolar...só ouvi ele dizer “ ai gostosa vou gozar na sua buceta e gozou. Me levantando, vi mais três homens vindo em minha direção...mas, infelizmente a casa já tinha encerrado o seu expediente.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
22/10/2013 22:42:47
Espetacular !!!!! Adorei demais. Que fêmea maravilhosa demais. Adoraria ter tido uma gata assim na minha vida. Leiam minhas aventuras e me adicionem no skype: .

Online porn video at mobile phone


vidio g demenor marrentoContos eróticos gay brincando de esconde esconde no sítio do tiu e deuvou tomar banho da titia moço cagueividios porno com ñovinhäs perdenco cabaco a forcaconto erótico f****** com cunhadoboquetes e bucetasconto.erotico com fotosjxividio comendo mocinha tao novinha gue nen peito nao tinhacontoseroticos de incesto aiiiiiiiiiiiiii maninhaconto erotico me viram.no mato e me comeramcontos de sexo depilada na praiaconto fudendo o cu da Marilene mãe do Danielxividio vo come o cu dela dormindoevangelicas na zoofilia com cachorrocalcinha fedida conto eróticocoroas gordinhas casadas que treparam fora do casamento/relatos sexuaisPedreiros Estupranno Dona de Casa Xvideorelato quenquinha velha sou mulher vou confesa que que dormia com meu primo e dei pra ele quando senti que ele tava de pau duro e eu logo mi exciteicontos eróticos de um****** velho metendo a rola na menina nova com padrinho pai e filhocontos eiroticos leilapornMansinho shortinho atolado bunda corno contomorena com os pentelhos enroladinhos trepando gostosocontos minha buceta adora mao dentro fistimgpastora bucetuda de fil dentalx videos gays heteros operarios cabeçudosmulherzinha gostinho se exibindo na praia só de biquíniginecologista gemendo baixinho pra ninguém escutar porno doidoConto gay novinho crentepornodoido maestral punhetaConto erotico arrombei minhA tia 25cm grosso no acampamentogosando na cara da alemao no xisvidiomeu filho me faz de puta capitulo 8 e 9 relato eroticocontos eróticos paifinge dormundo fudendo filho e filha. virgemtirando avijidade das novihhaCarnavalnazoofiliacontos eróticos de mulheres se vingando de rivalWESLLEYWEST-CASA DOS CONTOS ERÓTICOSmulheres agachadas com buctao reganhadoxvideos macho de calcinha sendo enrrabado e chamando o comedor de meu amorcinquentona encarou 30 cm de pikavideosporno.koasi noviaporno.padrasto.esculacha.panteras.xxconto erótico gêmeas lésbicasescrava sexual virgemVoltei arrombada e cheia de porra mostrei para o cornoXxxvideo pornodoido mulher levantando a saia pra transa encanadordei pro entregador contoscheirou minha calcinha e me fodeu , contoseu nunca tinha chupafo e lambifo cu de homem. minha buceta escorriapornô doido corno Deixou o cara comer sua esposa e seu cuzinho na sequênciaContos eroticos de podolatria com fotos querendo chupar pes de primas no sofanegras lesbicas fazendo tribadismo cabeca vs cabeca c clitorisputas peladas meladas de margarina no cunovinha deslumbrada com um casetaocontos eroticos fudendo com a síndica do prédiopornoirado de esposa de shortinho no talo dando pro encanadorcontos de seco com meu tio aiii gostoso metiiiSexo on-line aclimação menageos melhores vídeos de pornô a mulher metendo com menino que entregavacowboy velho gay contosdescreva como se sente ao esfregaren seu clitorescontos eroticos fizeram minha noiva e minha mae de putacontos eroticos adora q outros oisam suas transasConto erotico bunda calçaLancinho pornô das Panteras enteadax videos maranesse bucetudasSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhaxxvideo porno brasileiro novinha chora ao ter q fd cm varios depois q perd apostacomedor enrabando professora virgemminha nora de baby dool me exitamulher fode compomba de 30 centimetrocontos eroticos casada aguenta 27cm do cacete do vizinho novinhoconto marido comeu meu cuas boyzinha nas Vaquejadas cara comendo ela bêbada XVídeos brasileirasContos pornos-fodi a mendigaencanador conto gaycontos eróticos comi a mulher do cracudoHistória erótica zoofilia fode ovelhaxvideos bixinha amadora no alojamentopau de 22cm entrando devagar na bucetinha da novinhaContos eroticos elacareca peladavovo costosa ta xipio neto sexo