Casa dos Contos Eróticos


Depois de 13 anos de casada e fiel, descobri que ser puta era tudo de bom! 2/3 (Conto do TETE)

Um conto erótico de TETE
Categoria: Sadomasoquismo
Data: 03/12/2012 12:10:46
Última revisão: 18/01/2018 13:24:02
Nota 10.00

Depois do que acontecera percebi que minha mente mudara por completo, passei a me sentir uma mulher completamente diferente e mais ainda, tudo se mostrava de uma forma tão livre e repleta de prazeres que desejava descobrir e experimentar tudo e não conseguia conter meu entusiasmo.

Sai cedo de casa pra ir trabalhar toda feliz e quando cheguei vi que o carro do Sr. Mauro já não estava na garagem... meu horário de chegar para o serviço era 7.30 da manhã.

A cafeteira estava cheia de café, fui para o meu quartinho vestir minhas roupas novas.

Coloquei um dos vestidos... o mais curtinho e com uma sandália de salto... “sem calcinha” como minha patroa safada tinha ordenado. Fui até o quarto dela e vi que tomava seu banho.

Aproveitei e busquei um copo de suco de laranja... ela adorava tomar no café da manhã e fiquei esperando que terminasse o banho, sentada em uma poltrona grande que ficava no canto do quarto.

Quando saiu do banheiro... completamente nua... se enxugando... era uma coisa espetacular... digna de se admirar... uma mulher maravilhosa... devia saber o poder que exercia... andava nua com uma naturalidade fantástica e quando me viu ali pegou o suco de minha mão e disse toda alegre:

-Bom dia Raquel... gostei de ver... dá uma voltinha mulher... deixa-me ver... como ficou... a nova puta da casa!

Dei um sorriso e disse:

-Fiz o que vc mandou... sou uma garota obediente. RSS. Estava me olhando no espelho... estou adorando estas roupas!

Ela então chegou perto de mim e disse toda safada:

-Vou conferir se vc fez tudo que mandei... se não tiver feito... vou puni-la... putinha safada!

Ela enfiou a mão entre minhas pernas e deslizou os dedos na minha xaninha e disse toda sensual:

-é realmente vc foi obediente... putinha safada... achei que vc estava de calcinha... estava torcendo que vc não tivesse feito o que tinha mandado... eu ia adorar... punir minha putinha... por me desobedecer!

Ela continuou com a mão na minha xaninha me bolinando... eu já rebolava devagar nos dedos da safada.. .e resolvi entrar de vez naquela conversa excitante. Meus instintos sexuais afloravam perto daquela mulher.

-Me fala... o que minha patroa... ia fazer comigo... se eu tivesse com a calcinha... quero saber... sua tarada deliciosa!

Ela me puxou pelos cabelos... jogou-me de bruços na cama... o vestido era curtinho e fiquei com minha bunda toda de fora e ela disse toda sensual:

-vc é muito safada Raquel... vou te mostrar o que ia fazer... ja que a puta ta querendo saber... fica de quatro vadia... vai apanhar na bunda... sua vadia gostosa!

Obedeci prontamente... ela então deu alguns tapas bem fortes na minha bunda... dei uns gritinhos... mais de prazer que de dor... ela enfiou a língua na minha xaninha e me lambeu com vontade... eu rebolava e gemia... e decidi tornar aquilo mais quente e disse toda sensual:

-ai...que delicia... como chupa gostoso minha xaninha... que patroa safada... que língua gostosa... estes tapinhas só me deixam com mais tesão... pensei que vc seria mais má... sua puta safada!

Ela então fez o que queria e eu também... sem saber desejava... um sexo mais selvagem. Ela enfiava uns dedos na minha xaninha... lambia-me toda... até no meu cuzinho ela enfiava a língua... percebi então que ela pegou um cinto largo que estava junto ao vestido que ela iria colocar pra trabalhar e disse toda tesuda:

-vou te mostrar... como eu gosto de tratar... vadias... safadas como vc... vc me desafiou... sua putinha... vou deixar esta bunda linda... com minha marca... quero ver vc... gemer de dor... sua puta... vadia... vai aprender... direitinho!

Senti a primeira cintada forte na minha bunda... doeu um pouco...gritei... ela bateu mais forte do outro lado... gritei de novo e então ela enfiou a cara na minha buceta melada e me chupava bem forte... eu gemia de prazer... e ela continuou dizendo:

-agora doeu... né vagabunda... mas vai apanhar mais... pra aprender... puta vadia... quero ver vc gozar de dor e de tesão... pode gritar... puta safada... não tenho dó de putas... rebola... vagabunda... vadia!

Ela batia com o cinto sem dó...e me chupava com ardor... senti um prazer louco naquilo... meu corpo começou a se convulsionar sem controle... gozei gritando na língua daquela mulher deliciosa e sádica... ela me fez ter um orgasmo intenso!

Quando me acalmei um pouco... ela me pegou pelos cabelos... deu-me um tapa no rosto dizendo:

-chupa meu grelinho... e faz eu gozar bem gostoso... sua puta safada... é sua vez... agora...obedeça... minha empregadinha puta safada... faz tua patroa gozar... bem gostoso... senão vou te punir de novo... vadia... gostosa!

Adorei aquela ordem e cai de boca naquela buceta completamente ensopada... chupando com vontade aquele grelo duro de tesão... em instantes ela se contorceu toda e gozou copiosamente em meus lábios... não parava de sair líquidos de prazer de dentro daquela buceta depilada.

Era divino ter gozado na língua da minha patroa e fazer a mesma coisa com ela.

Ela tinha que ir pra loja e voltou pro chuveiro... pra passar uma água no corpo... eu fiz o mesmo... e quando me olhei no espelho fiquei com dó da minha bunda... tava cheia de vergões... marcas das cintadas da minha patroa sádica... passei a mão e senti um pouco de dor... mas senti também arrepios de prazer... fiquei um pouco de medo daquelas loucuras... mas não tinha volta ...eu estava adorando... e todo meu corpo desejava mais.

Durante meus 13 anos de mulher casada nunca tinha acontecido nada de emocionante e em dois dias senti prazeres que achei que nem existissem. Era uma loucura fantástica e deliciosa.

Quando ela estava saindo pra ir trabalhar... levantou meu vestido... deu um beijo em cada lado da minha bundinha toda cheia de vergões e depois de me dar um beijo de língua delicioso disse toda safada e carinhosa:

-sinto muito minha putinha gostosa... machuquei vc um pouquinho... mas foi vc que pediu... da próxima vez... não fica insultando... eu adoro ser bem sádica com putinhas lindas, safadas e vadias...como vc...mas sei que vc adorou e muito!

-sim... eu adorei tudo... amanhã...as marcas devem desaparecer... quero experimentar tudo... o que minha patroa quiser eu faço... não tenho medo!

-então tá bom... sua maluca... mas... pensa bem no que tá dizendo... se depois não fizer o que tá prometendo... posso trocar o cinto pelo chicotinho... vai doer um pouco mais... hein putinha... vc já sentiu que quanto mais tesão, mais bato do vontade.

-acho que se doer um pouco mais... talvez eu goste... não sei... ainda. Tenho certeza que a patroa vai...me mostrar!

-deixa eu ir embora... senão... já já a gente recomeça a safadeza... mas deixa eu te falar uma coisa Raquel... tenho que resolver umas coisas da festa de amanhã... não vou vir almoçar... meu marido teve que fazer uma pequena viagem, volta só à noite... acho que o só o Junior deve vir almoçar, ele foi dormir na casa de um amigo... ou amiga... mas me disse que voltava hj de manhã... qualquer coisa... vc me liga... e cuida bem da bundinha tá... fica deitadinha de bruços... sua safada. Rss.

-que patroa má... que arrumei... alem de me bater... deixar-me toda marcada... ainda fica tirando sarro... sua tarada safada!

-Vou te falar uma coisa... ainda bem ...que estes dias... meu maridão tá trabalhando demais... não tá ficando muito em casa... viajando constantemente... se ele visse tua bundinha assim do jeito de ficou... toda vermelha... iria quer deixar ela ainda pior... com certeza... ele também é bem maluco. RSS. Mas, também tem mais uma coisa que vc não sabe ainda. Vc disse que quando viu eu e o Mauro metendo ficou assustada com o tamanho da pica dele... que era quase o dobro do tamanho do teu marido... vou te falar uma coisa... o pau de meu filhão é mais grosso ainda... já vi ele algumas vezes de manhã... o safadinho de vez em quando dorme pelado... com tesão de xixi... fica duraço... dá medo.

-a patroa então já pegou... no pau do seu filho também... sua tarada!

-RSS. Não... sua boba... eu disse que já vi... várias vezes... que putinha curiosa. Eu achava que o pau do maridão era muito grande... mas tinha um maior... aqui em casa... o do meu filhinho lindo. RSS. E vou te falar uma coisa... ele arruma várias meninas pra namorar... mas... a maioria, depois de sentir a “ferramenta” que ele tem entre as pernas... somem de casa. São umas putinhas medrosas. RSS.

Caímos em risos e logo D. Maysa minha patroa sádica foi embora deixando-me sozinha com meus pensamentos e tratei de ir arrumar a casa.

Quando eram umas 10 h Junior o filho chegou e quando me viu com aquele vestidinho curto de sandália de salto ele olhou intrigado e sorrindo disse:

-vc tá bem diferente Raquel... o meu aniversário é amanhã... já veio pra festa? RSS. Tá muito bonita... que mudança hein. RSS.

-é... também to gostando... foi à doida da tua mãe... ela me deu umas roupas novas... e disse que é pra mim trabalhar assim todo dia... adorei... só achei que são um pouco curtas... tem que tomar cuidado... senão... mostram tudo. RSS.

-que nada... vc ficou linda... uma gata... meu pai tinha razão... ouvi ele comentar com mamãe que vc era muito bonita... faltava mesmo dar um trato... meu pai te viu... gostosa assim deste jeito?

-que safadinho vc... me chamando de gostosa é! Não... hj é o primeiro dia que trabalho assim... quando cheguei seu pai já tinha saído.

-Adorei vc vestida assim... mas... não sei mais como vou poder trazer os amigos aqui pra estudar... além de todos acharem minha mãe gostosa... ficarem me zoando... agora vc... assim... toda linda com estas coxas e esse bundão... eles vão querer acampar aqui. Rss.

-é... tua mãe é linda... mesmo... fazer o que... melhor ser bonita do que feia né... ninguém reclama! RSS. Mas me diga uma coisa vc vai almoçar aqui... posso fazer almoço?

-sim... vou sim... vou tomar um banho... colocar um short.... vou descansar hj... quero estar legal amanhã no meu aniversário... e agora que fiquei sabendo que vc vai trabalhar todo dia assim... acho que vou ficar mais em casa... vc podia colocar umas minissaias daquelas bem curtinhas... eu ia adorar. Meu pai também! Acho que vou pedir pra mamãe. mandar vc fazer isso que tô pedindo! Rss.

-que rapaz safado... toma juízo... hein... amanhã vc completa 18 anos... ja passa a ser homem hein... cuidado! RSS. Vai tomar banho... vai logo... seu maluco... safadinho!

-Raquel... bem que vc podia... ajudar-me a tomar banho... seria um ótimo presente de aniversário... o que vc acha?

-seu safado... sem vergonha... vai tomar teu banho... seu moleque tarado! Rss.

Ele saiu rindo e foi para o quarto dele e fui preparar o almoço. Mas antes disso fui fazer xixi e o mais incrível é que fiquei toda úmida novamente com aquela conversinha safada com rapaz. Percebei que desejava ver o pau super grosso dele... a maluca deliciosa da mãe havia aguçado minha curiosidade e percebi que ali naquela família ninguém tinha um pingo de juízo... mas safadeza... sobrava. RSS.

Quando fui chamar o Junior pra almoçar... já era mais de meio-dia... ele estava deitado no quarto dele tirando um cochilo, com uma camiseta regata que realçava seus músculos e um short destes que ficam colados ao corpo...antes de acordá-lo meus olhos se fixaram no volume entre as coxas... realmente era grande e dava pra perceber que não estava duro. Após chamá-lo logo apareceu todo sorridente na cozinha... eu estava arrumando a mesa... ele se sentou e começamos a conversar:

-Raquel... realmente vc e mamãe estão de parabéns... a idéia de fazer vc se vestir assim... é muito 10... vc ficou linda... super gata... este vestidinho de malha grudado no teu corpo... te deixou com uma bunda fantástica... pra lá de gostosa. Nunca teve uma empregada tão gostosa aqui em casa. RSS.

-ehhh... que garoto assanhado... deste jeito... vou ter que voltar a usar minhas roupinhas de ir na “igreja”... aí vc fica calminho. Rss.

-De jeito nenhum... nunca mais... agora vai ter que ser sempre assim... uma gata gostosa... se voltar a usar aquelas roupas peço pra minha mãe despedir vc... ah se peço... vc ficou super gata Raquel!

-Ta bem... não se preocupe... também gostei muito... só meu marido é que não iria gostar... mas não vou usar lá em casa... só aqui e quando eu sair... sozinha. RSS.

Ele se levantou pra pegar alguma coisa na geladeira e safadamente ao passar por trás de mim deu-me uma encoxada de leve. e brincou dizendo que a cozinha estava muito apertada. Quando voltou da geladeira tornou a fazer à mesma coisa... só que senti que foi mais forte desta vez... ele se desculpou com um sorriso malandro e eu sorri bem safada.

Rapidamente ele comeu a macarronada que eu tinha feito...eu o acompanhei... aproveitei que ele ficou na sala assistindo TV depois do almoço e arrumei o quarto dele... depois era só lavar a louça... e poderia ir pro meu quartinho descansar... e também assistir filmes... coisa que adorava fazer.

Notei que ficar andando pra lá e pra cá só com aquele vestidinho sem calcinha me fazia sentir um tesão delicioso... era meio estranho, mas ao mesmo tempo super excitante. Minha buceta não ficava mais seca... sempre úmida.

Quando fui lavar a louça do almoço... coloquei um avental pra não respingar água e sujar meu vestido novo... eu vi pelo vidro da cozinha que o Junior estava parado na porta da entrada... observando-me... logicamente que olhava meu “bundão” que ao esfregar a esponja rebolava um pouco e ao perceber isso... só de sacanagem... passei a rebolar um pouco mais... ele então disse todo saliente:

-nossa que delicia de ver vc lavando pratos assim Raquel... demais... até vou tomar um pouco d’água... gelada. Rss!

Eu resolvi atiçar ainda mais... pra ver o poderia acontecer e disse:

-é... né... seu safado... fica secando minha bunda né... já já vai querer fazer de novo igual no almoço... se esfregar nela... dizendo que a cozinha tá apertada... pensa que não percebi... seu safadinho tarado!

Mais que depressa fez o que imaginei... me encoxou na pia... eu estava enxaguando uns copos... e bem safado disse:

-vc tem razão Raquel... não consegui resistir... vc tem um rabo maravilhoso...deixa só um pouquinho... pra matar minha vontade. Ele me pegou pelos quadris e me puxou de encontro ao seu corpo...senti um volume enorme na minha bunda dolorida.

Deixei ele se esfregar um pouquinho e disse:

-Chega seu safado... só um pouquinho... seu tarado... já chega... deixa eu terminar o serviço... senão vou ligar pra tua mãe.

Ele riu e se afastou um pouco... me deu um tapinha na banda... puxou a mãe o safado. RSS. E todo tarado disse:

-que delicia encoxar vc... que bunda gostosa... vc me deixou de pau duro... olha como fiquei... vc não tem dó... de um pobre aniversariante... vc podia fazer eu... gozar gostoso... faz tempão que não transo!

Olhei entre as pernas dele... assustei-me... por debaixo daquele short agarradinho parecia ter um salame hamburguês... devia ser um pau enorme... só de imaginar aquilo duro... entre minhas coxas... molhei-me toda... e resolvi ser bem safada dizendo:

-Junior... não bata no meu bumbum... tá todo dolorido... e vc tá louco... só dei pro meu marido até hj... este negócio que tá aparecendo ai no teu short... é muito grande... do meu marido é bem pequeno. Já estou com a bunda dolorida, vou ficar com a minha xaninha... toda arrombada... nem deve caber... sou muito apertadinha. RSS.

Ele continuou me assediando e tirando aquele pau enorme e grosso de dentro do short, disse todo sensual:

-Não vai doer não... é grande mas... eu sou carinhoso... pega no meu pau... sinta como vc me deixou... eu... deixa eu colocar um pouquinho no meio das tuas coxas... deixa... por favor... não vou mais bater na tua bunda linda... porque vc disse que ta doendo... vc machucou? o que aconteceu?

Sentia minha buceta completamente molhada de tesão...e então resolvi mostrar a ele minha bunda toda cheia de vergões... eu não iria contar que tinha sido a safada da mãe dele que tinha feito isso em mim de manhã... eu queria mostrar... com certeza... só não entendia realmente o porquê disso e então virei de costas... levantei o vestido e mostrei minha bunda toda marcada pra ele e disse toda dengosa e safada:

-Ta vendo... Junior... porque pedi pra vc não bater no meu bumbum... eu apanhei muito... tá doendo bastante ainda... nem coloquei calcinha hj... tá vendo?

Ele ficou todo preocupado e ficou passando a mão carinhosamente na minha bunda e perguntou quem tinha feito aquilo... desconversei dizendo que não queria falar sobre isso naquele dia... queria deixar pra depois... ele ficou com dó de mim... mas logo senti ele me abraçando por trás e aquele pauzão já estava entre minhas coxas... e todo carinhoso disse:

-que maldade... fizeram com vc... machucaram a bunda mais linda e mais gostosa... mas vai ficar boa logo... vai sim!

Ele foi me encostando na mesa da cozinha... deixando-me com a bunda toda exposta... se ajoelhou atrás de mim... afastou minhas coxas... e enfiou o rosto na minha xaninha... e começou a me lamber inteirinha... chupava maravilhosamente bem o safado... “puxou a mãe”... senti um dedo enterrado no meu cuzinho... que delicia... meu grelinho era sugado com volúpia... eu estava quase gozando... gemia como uma puta... então gemi e sussurrei:

-vou... vou gozar... não para... vou... gozar... que língua gostosa... vou gozar... vou gozar...

Quando percebi...não era mais uma língua que estava deslizando na minha xaninha... agora era a cabeça enorme daquela pica super grossa que estava entre os lábios melados.. .e começou a me penetrar firme... a cabeça pulou pra dentro e gritei de dor... parecia que estava sendo desvirginada novamente... ele me segurou pelos quadris... e foi enfiando devagar... mas decidido... senti-me rasgada ao meio... completamente preenchida... doía bastante... mas logo ele começou a se mexer devagar... enfiava e tirava de dentro da minha xaninha... quando menos percebi... já rebolava timidamente naquela pica de cavalo... ele metia cadenciado e cheio de tesão dizia:

-que buceta... gostosa... apertadinha... delicia... gostosa... rebola... Raquel... deliciosa... rebola... este rabo na minha pica... dá pra mim bem gostoso!

Eu gemia sentindo um pouco de dor... era muito grande... mas o prazer já era maior... e então gemi e me entreguei dizendo:

-mete... seu tarado... pintudo... vc tá me arrombando toda... mas tá gostoso... mete... seu safado... goza... enche minha xaninha de porra... mete... faz eu gozar... na tua pica grossa... mete... tudo!

Ele urrava de tesão... passou a me comer com vontade... aquela pica deslizava sem dó dentro de mim... rebolei gemendo agora de prazer... e rebolava como uma puta... e quando ele me deu um tapa forte na bunda... e gritou gozando... eu gozei junto com ele... eu tremia sem parar... os jatos de porra quente inundavam minha xaninha... ele gozava litros de sêmen... ele estava enterrado dentro de mim... depois de uns minutos... senti aquela pica magnífica escapulir... até fez um barulhinho... me senti vazia... que prazer louco havia sentido.

Ele saiu todo cambaleando para o banho... e a putinha (EU) também... com a buceta ardendo... parecia que tinha passado pimenta. No banho reparei que minha xaninha tava toda inchada e dolorida... mas tinha sido uma delicia... com certeza não iria demorar muito pra querer uma pica grande dentro de mim novamente.

Quando Junior saiu do banho me encontrou na sala e me abraçou todo contente e carinhoso e me agradeceu dizendo que eu era maravilhosa... que eu tinha sido a mulher que tinha dado mais gostoso pra ele. Brinquei dizendo que tinha sido meu presente de aniversário... eu não tinha dinheiro pra comprar presentes de verdade.

Ficamos conversando durante a tarde inteira... ele me confidenciou muitas coisas... a respeito deles e de todos... fiquei sabendo que os pais mantinham um casamento aberto e faziam muitas festinhas muito loucas.

Junior disse nunca ter participado... nem sabia direito o que eles faziam mas que o pai lhe prometera que depois dos 18 anos... iriam conversar a respeito.

Então perguntei uma coisa que tinha ficado na minha cabeça e me deixara intrigado:

-Junior e sua mãe... vc tem tesão nela? Ela já fez alguma coisa com vc... ela fala de vc... de um jeito. RSS. Achei que talvez tivesse acontecido algo entre vcs!

-bem... nunca aconteceu nada... mas... ela vive andando pelada dentro de casa... ela é muito linda e muito gostosa... eu já bati umas punhetas pensando nela... mas teve uma vez... que achei que tinha sonhado... acordei todo gozado... e sonhei que minha mãe tinha me masturbado... até hj tenho duvidas... se foi mesmo sonho... ou foi de verdade!

E então ele mostrou que era um rapaz muito perspicaz e já era bem esperto e disse sorrindo:

-Eu te contei um monte de segredos meus... me fala uma coisa agora... quem fez isso na tua bunda...foi minha mãe...né?

Na hora decidi que não ia mentir e disse toda safada:

-Não vou esconder de vc... foi sim... vc é malandro hein. Mas eu vou te confessar... eu gosto... de levar uns tapas. Na hora que vc tava me comendo... quando tava quase gozando... queria que vc tivesse me dado uns tapas.Tua mãe bate gostoso... ela não tem dó não... preciso tomar cuidado com ela... ela é sádica... mas é uma delicia... igual vc... gostoso. Rss.

-é né... sua safada... então vc gosta... que putinha vc é... e eu achava que vc era muito séria e meio sonsa. RSS.

-vc também é safado... fui estuprada hj com este pauzão... tô toda arrombada... nunca mais vou poder dar pra um pintinho igual do meu marido... eu era tão apertadinha... agora não sei mais... quero ver quando tua mãe me pegar novamente... será que ela vai perceber... que o filhinho pauzudo é que foi o culpado... por deixar minha xaninha... um pouquinho larga. RSS.

-Que nada... vc tem uma buceta deliciosa... e sempre que quiser... eu encho ele com minha pica... sua safada... pensei uma coisa agora... se ela descobrir aproveita e dá a buceta pra mim de novo... igual hj... mas... vc vai contar pra ela... que nós... RSS.

-Sim... mas vou contar na hr certa. RSS... pra deixar ela brava e com inveja. E depois que nós conversamos hj...tenho certeza que ela é doida pra dar pra vc Junior... ela me confidenciou que o teu pau é maior que o do teu pai... vou te falar uma coisa... se vc tirar este pauzão pra fora bem duro... e tua mamãe safada tiver por perto... e vc chamar e disser...chupa meu pau puta safada... ela cai de boca... ah se cai... tenho quase certeza disso. RSS.

-Será... quem sabe né... tudo pode acontecer... mas eu não sei.... pra mim... eu... não sei se quero... eu...

-Deixa de ser mentiroso... Junior... comigo não precisa disfarçar... eu tô vendo... olha ai nossa conversa te deixou com o pinto completamente duro... olha o tamanho disso... só foi falar na putinha da mamãe que ficou com tesão... vc também é doido pra comer ela... confessa... se vc confessar... vou te chupar... até vc encher minha boca de porra...seu safado!

-Vc é foda... sua maluca safada... se ela der pra mim.. .meto a vara naquela gostosa... deixo a buceta dela ardendo.. .se deixo!.

Ele estava sentado no sofá... tirou o pau super duro do short e eu me ajoelhei entre suas pernas e chupei aquela vara magnífica o máximo que podia... quase não cabia na minha boca... mas chupava com vontade e dizia toda provocante:

-isso... assim... imagina que é tua mãe puta que tá chupando teu pauzão... goza gostoso... goza... enche minha boquinha de porra... goza... assim... goza... seu safado... goza... gostoso!

Ele se convulsionou todo e encheu minha boca de porra quente e abundante... nem parecia que já tinha gozado há pouco tempo... engoli tudo que consegui... ele urrou de prazer... na minha boca... certamente imaginando com certeza a mãe no meu lugar. RSS.

Estava indo me trocar pra ir embora... quando recebi um telefonema de casa... dizem que sempre as coisas conspiram a favor das safadezas... e foi isso que aconteceu... o idiota do meu marido... como já vinha acontecendo sempre... passava nos bares depois do serviço... se enchia de cachaça e ficava metido à valente... acabou se envolvendo em uma briga, e matou um rapaz com varias facadas e tinha desaparecido. Nem me preocupei em ir atrás dele... a justiça iria fazer isso... não iria ficar preocupada com quem não se importava com a família. Eu agora estava livre... por enquanto... pra poder aproveitar tudo que era pra ser vivido... e eu iria viver... com intensidade. RSS.

No outro dia aconteceria o aniversário de 18 anos do Junior na chácara... queria mais era descansar bem pra estar linda e maravilhosa... apesar... da bunda toda dolorida pelas cintadas da minha patroa... e da xaninha toda inchada pela pica de cavalo do garoto... eu queria com certeza me divertir muito!

Outros contos do TETE acessem meu perfil: http://zdorovsreda.ru/perfil/150463

Se quiserem entrar em contato:

skype: tete-cp1

vvvvvvvvvvvv87

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
24/07/2018 16:39:00
Excelente
22/06/2015 19:44:20
Maravilhoso !!!




Online porn video at mobile phone


clip16 porno gay com hereçao no onibusconto erotico gay macho dominador gosta de maltratar viadoHaitianos e camareiro mundobichacontos eroticos professora casada chantageada por alunoporque.menina.uza.shortinho.agarado.na.bumdahistorias eroticas heretossexuaisconto erotico sheila gritou chorou e ele comeu se cuContos eróticos procurando aventura no clube de campowww.xvideo.com, tio pega subrinha de supresa e fodd seu cuzinhofilhinhas de papai na suite provocando vizinhoporn bumbum peito enpinadinhos de mae filhacontos eroticos ajudei vizinha idosa e ela pagou cim boquetexvideos entertida no cellxvideo hetero esperimentamdo paumagrinha chorando numa rola bem grande da cabeçona Vermelha filme Vovôo playboy e o menino da favela casa dos contoscontos heroticos cuzinho da japinhaxvidios homens do pau grande metendo com pressão e elas debruço e gozando dentroprimeira vez que comi minha sogra mulher engata com cachorro grande e nao consege desengata pornosexo com as maos apoiadas no chao ela recebe uma delisiosa chapadaesposa se acanha com punheta corno sexocontos eroticos minha esposa na cama com os filhos na dupla penetracaohomem sarrano na mulher sem calsinha no onibusnovinha.peitudinha.d.sutaoconto brincando proibido pras meninasconto erotico gay com padrasto velho coroa grisalhoregasso mulher do cornoevangelicas na zoofilia com cachorrocontos chupador de xoxotapalavroespornobrasileirasaminha filia gostosa e cochudaautor do conto erotico cunhada amamentandoxxvidio em quadrinho mulher de primo caderante muito safadatodas gislaine postou buceta zapTia de xana peluda e sobrinho metendo conto eroticotia pasa de camisola perto do sobrinho e ele fica com tesaoSEquestrei conto eroticoxvidro fudendo a imao vigemContos eróticos gay iniciação sexual na infânciacasa dos contos "eu mudei por ela 11" marisConto erotico garotao gay tio e irmaoconto shortinho e tênis com chulécurradaxvideoporno sogru peganu tu nora a forsahomnes esibindo seu pauzao no sanba cansao pornodoidofudeno bucetas e gozando nas entradinhasContos eróticos de gozada na boquinha da madameduas lebiaca se beijando devangarquero ver novinha de calcinha transparente tristinha tirando a saiaPegou o pai de pinto duro quiz no cufudendo a mae dormndomulher chupa gostoso com o dente encavalado pornohomens cumendo cadelascontos eroticos vizinha ladracontos picantes: comendo o cu da filha do pescadorvídeos pornô da Umbanda neguinha coitadadois dotado fetendo com forca e tirando sangue da bucetinha da moleca assanhadamamãe dar a buceta para mimcurrado na borracharia de beira de estrada conto erótico gayXVídeos mulher dormindo XVídeos mulher dormindo caindo no fornoVer pornodoido mae fazendo buque tf e em filhoo negro aldo e esposinha contoOlhando a prima de causinha de pau duro xsvidioPorno casero fudeno I falano com um corno nu celulaconto esposa do pastor tranzou com molekcalcinha atirando de lado e mostrando abucetacontos eroticos vai empurrandoome corri atras de mule ate pega e ifia opiru nela pornoPorno estupro irma vai dormir mas o irmao no colchão de arhistoria de genro homem hetero transando com sogro homem heteroPorno anal queroeu vou cagaadorocuzinho cabacotentou resostir as caricias da massagista mas nao .consguiu lesbicas pornodoidoContos eroticos escravas na cabanacontos meu amigo foi em casa e minha mulher o chavecoucontos gays- dei o cu pro meu irmao xvideo a peidorreira bem gostosa de vestido curtocontos saunas velhos chubbys gaysfernanda puro desejo gamg bang contosxnxx mulher de traficante fasendo rodizio com muito homemcutucou a menininha sem penetrargibi troca troca com família pornovidio de mae fagando filha novinha chupano rola do paiconto erptocp metrocisto de padrasto comendo o cu da enteada só no cunegro estrypa coroa ricarporno meti na minha irma com forca e fiz ela pular e gemerconto gay o meu sonho de consumoxvideos mae filha. genrro historias veridicasfotos reais de mulheres evangelicas com calca enfiadana bundadoce nanda contos eroticos