Casa dos Contos Eróticos


Click to this video!

Minha filha era garota de programa e virei cliente! (Conto do TETE)

Autor: tete
Categoria: Heterossexual
Data: 11/11/2012 22:42:59
Última revisão: 06/01/2018 08:22:17
Nota 10.00
Ler comentários (7) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Minha vida sexual sempre foi muito livre e completamente sem preconceito com muitas aventuras e isso se mostrou no comportamento da filha que tive no meu primeiro casamento que passou a dar trabalho pra mãe, sendo uma garota muito “namoradeira”.

Apesar de demonstrar que iria se transformar numa putinha bem safada minha filha tinha as virtudes de já trabalhar de secretária em um consultório dentário e também suas notas na escola eram sempre excelentes e que não tinha vícios a não ser gostar de namorar muito. Rss.

Pra evitar qualquer problema quando completou 16 chamei-a pra conversar e como percebi que a coisa já começava a pegar fogo entre as pernas da safadinha dei-lhe anticoncepcionais e passei a dormir mais tranqüilo e a mãe dela também.

Com certeza minha filhinha linda e gostosinha era uma putinha em potencial porque já vivia trocando de namoradinhos mais do que trocava de calcinha. Rss.

Outra coisa incrível que aconteceu durante minha vida cheia de safadezas foi meu relacionamento com minha querida filha namoradeira, alias namoradeira era uma palavra “delicada” de se referir a ela que não condizia com a realidade.

Desde os 16 anos quando Paula perdeu o cabaço com o namoradinho sua vida sexual passou a ser muito intensa e de completa safadeza. Minha filha era uma ninfomaníaca insaciável e como confiava plenamente em mim que além de não cobrar nada até a ajudava em suas putarias a putinha tarada vivia me confidenciando suas aventuras muito loucas. Pelo menos uma vez por semana ela passava no meu escritório na parte da tarde e ficávamos trocando confidencias sobre sexo.

A vadiazinha linda trocava de machos mais do que trocava de calcinhas.

Sempre éramos carinhosos um com o outro trocando beijinhos e afagos quando estávamos sozinhos no meu escritório. Outra coisa que acontecia em 99% das vezes quando ela entrava no meu escritório era se sentar no meu colo ficando com sua bunda arrebitada perfeitamente encaixada no meu ventre.

Logicamente que nem pensava em reclamar de nada e certamente adorava sentir aquela bunda durinha se esfregando no meu colo. Dava pra notar perfeitamente que rolava uma sedução disfarçada tanto de minha parte quando da dela. A safadinha sempre estava de mini-saia curtinha e suas calcinhas sempre atoladinhas no reguinho. Minhas mãos viviam deslizando pelas suas coxas e por diversas vezes eu aproveitava pra dar uns tapinhas de leve naquele rabo empinado. Ela sorria safada dizendo que podia bater mais forte porque bunda tinha sido feita pra apanhar.

Paula com 19 anos era extremamente sensual e muito gostosa e não tinha um macho que não gostaria de socar a pica naquela putinha tesuda e comigo não era diferente.

Quando aquela sacanagem passou a ser mais acintosa por parte dela não teve como esconder as ereções em minhas calças e em vez de Paulinha diminuir suas sentadas no meu colo a safada passou a ser bem mais ousada se esfregando sem pudor.

Na verdade a vadiazinha gostava de me deixar de pau duro e eu adorava aquela safadeza disfarçada.

Foi então que percebi que minha filha estava se mostrando uma garota muito esperta quando comentou comigo que ia trocar a moto que eu havia lhe dado de presente por um carro. Lógico que estranhei isso pelo motivo que além da mãe não ter dinheiro ela só estudava e quando dei uma dura querendo saber a verdade Paula toda safada entrou no meu escritório e se sentando de frente no meu colo me encheu de beijos toda dengosa disse:

-papai...promete que não vai ficar bravo comigo...vc sabe que não escondo nada de vc...ja te contei coisas que até tive vergonha de ter feito...eu já queria ter te contado mas não teve como...sempre tinha gente perto que não podia saber!

Ela ter se sentado no meu colo de frente com uma mini saia rodada curtíssima colando sua bucetinha no meu ventre me fez ter uma ereção instantânea. Minha calça era de um tecido bem fino e a cueca de seda deu até pra sentir o calor daquela bucetinha tesuda e todo safado segurei-a pela bunda apertando-a ainda mais e abracei-a forte dizendo:

-Paula...sua maluca...fala logo sua safadinha linda...vc sabe que não brigar com vc...no maximo vou encher essa bunda gostosa de tapas...se for muito grave...vou trocar os tapas pela cinta...mas pelo que vc já me contou de suas aventuras sexuais...é perigoso vc gostar disso...sua putinha!

Ela toda safada continuou agarradinha e disse toda melosa:

-papai...eu...tenho dinheiro guardado pra comprar o carro...eu comecei a sair com dois coroas cheios da grana...muito ricos...e eles fazem questão de agradar sua filhinha gostosa...só isso! Eu juro que ia contar pra vc e até ia pedir pra vc dizer que era estava me ajudando a comprar o carro...pra ninguém falar que virei garota de programa!

-Paula sua putinha...então vc virou mesmo uma garota de programa sua safada! Agora resolveu dar a bucetinha por dinheiro é?

-papai...vc sabe que sua filha sempre foi putinha...se sintir tesão dou mesmo...então quando os coroas tarados me ofereceram uma ótima grana pra comer sua filhinha gostosa...achei que devia aproveitar a oportunidade...só que não sou puta pobre...cobro bem caro...pra fazer os tarados gozarem gostoso!

-sua maluca...ja pensou se isso cai na boca dos outros...vc vai ficar mais mal falada do que já é...todos que te conhecem dizem que vc é uma vagabunda! Rss.

-papai...o que os outros dizem não me interessa...e sim o que vc pensa da sua filhinha...vc acha que eu fiz errado...em ganhar grana com meu corpo...não fui atrás de ninguém...esses coroas tarados ficaram loucos pra me comer...queriam uma puta novinha...completissima e muito gostosa tinham que pagar caro...e eu simplesmente fiz isso! Não fique chateado comigo...por favor!

A safada me abraçava forte e sua buceta quente colada bem em cima da minha pica tava me deixando louco de tesão e senti que a cabeça da rola ficou toda babada e então resolvi continuar a curtir aquele prazer gostoso e todo carinhoso disse:

-Paula querida...não vou ficar chateado...vc é minha única filha...a mais linda do mundo...só fiquei com medo que vc estivesse mexendo com alguma coisa proibida...tipo drogas...mas...se vc ta fazendo o que quer...quem sou eu...pra te criticar...mas...mesmo assim...qualquer hora vou pegar a cinta e encher essa bunda arrebitada de cintadas...não devia ter demorado tanto pra me contar sua putinha safada...quando sua mãe ligou querendo saber se eu estava te ajudando a comprar um carro...percebi que havia alguma coisa errada e disse a ela que estava vendo...mas...não tinha nada certo ainda!

-humm...por isso que te adoro papai...vc é um cara muito esperto...é que eu fui ver um carro na concessionária e o vendedor anotou meu telefone e ligou em casa...e mãe atendeu. Foi uma vacilada minha...mas...se vc quiser punir sua filhinha por ter te dado tanta preocupação é só mandar que eu deito em cima dessa escrivaninha e apanho quietinha...ou então pode pedir o que quiser que eu faço!

Meu pau parecia que ia explodir de tanto tesão com aquela conversa e todo safado pedi pra ela se levantar um pouco pra dar uma ajeitada no pau e sentei-a novamente mais encaixada ainda e continuamos a conversa bem mais cheia de sacanagem:

-humm...cuidado hein...sua putinha...não pense que porque vc é minha filha...vou ter dó...e do jeito que vc é vadia...acho que tá precisando mesmo...ser punida sem dó...coisa que já devia ter acontecido há muito tempo...sua vadiazinha! Paula...vc é muito puta demais...vc me deixa louco!

Completamente sem pudor ela com os braços ao redor do meu pescoço roçou sua buceta na minha pica e colou sua boca no meu ouvido e sussurou bem safada:

-papai...sou mesmo uma puta vadia...também acho que demorou muito mesmo...faz muito tempos que to querendo isso...não me deixe mais com vontade...me come...todinha...sou louca de vontade de dar pro meu paizão lindo e gostoso...fode minha bucetinha...meu cuzinho...minha boca...me enche de tapas...mas me faça sua putinha...quero vc...dentro de mim...agora! Me come do jeito que vc quiser! Eu quero e sei que vc quer...me fode todinha!

Em instantes minha filha estava nua debruçada sobre a escrivaninha com sua bunda arrebitada toda exposta e cai de boca naquela bucetinha que eu tinha feito há 19 anos e quando passei a língua senti que a putinha estava completamente encharcada. A vadia mostrava que estar sentindo muito tesão e logo seu grelo teso era sugado com maestria por mim e pra mostrar que quem mandava apliquei tapas bem fortes na bunda durinha da vadia que gemia alto e rebolava com uma puta tesuda que era.

Paula gozou gemendo e rebolando muito e em seguida segurei-a pelos cabelos e cravei minha pica naquela bucetinha sedenta e passei a comer a vagabunda do jeito que ela gostava, com força metendo até o talo. Sua bunda continuava a ser estapeada com vontade e minha filha se entregava ao prazer se mostrando por completo a puta vadia que adorava ter um macho engatado atrás dela.

Fodi aquela bucetinha deliciosamente e então pra completar encaixei a cabeça da minha pica na entrada do seu cuzinho e soquei da mesma forma...sem dó até o talo. Paula adorava dar a bunda e rebolava mais ainda e aproveitando que a cinta da minha calça estava do lado na cadeira dobrei-a ao meio e bati sem me preocupar se ia doer ou marcar aquela vadia que era minha filha.

Ela gritou de dor mas segurando-a firme pelos cabelos enchi sua bunda de cintadas deixando-a cheia de vergões. Apesar dos gritos de dor a vadia logo passou a gozar copiosamente junto comigo e enchi o cu da vadia de porra quente. Fiquei engatado naquele cuzinho até meu pau escapar de dentro dela e então fomos para o banheiro e minha filha durante o banho me abraçou e me beijou dizendo:

-papai...seu safado...vc num teve um pinguinho de dó da sua filha putinha né seu tarado sádico!

-vc pediu sua puta safada...da próxima vez vai apanhar mais...vou descontar todas as vezes que vc merecia ter apanhado! Rss.

Durante o banho a vadia se ajoelhou e pegando meu pau colocou-a na boca e começou a mamar toda safada me olhando nos olhos e de vez em quando tirava da boca e sussurrava:

-fode a boca da tua filhinha...seu tarado sadico...quero que goze na minha boquinha...quero sua porra na minha garganta...quero leitinho...dá pra mim...dá...pra sua filhinha...goza...seu tarado!

Minha filha era uma puta completa mesmo e não consegui me controlar e não demorei a encher a boca da vadia de porra e sem me importar soquei fundo na sua garganta segurando-a pela nuca e afoguei-a deixando-a completamente sem ar. A vadia deu um sorrisinho de safadeza...passou uma água no corpo e então vestiu sua roupa e ao sair disse:

-se comer sua filhinha sempre assim...bem gostoso...não vou cobrar nada de vc...tá! Cliente VIP! Rss.

Toda semana minha filha puta me visitava no escritório para recuperarmos o tempo perdido.

Ela me confessou que desde os 16 anos tinha vontade de dar pra mim e toda vez que sentava no meu colo se esfregava mesmo só pra me deixar de pau duro e ficar cutucando sua bucetinha.

A vida continuou extremamente cheia de sacanagem e com muito prazer!!!

Outros contos do TETE acessem meu perfil: http://zdorovsreda.ru/perfil/150463

Se quiserem entrar em contato:

skype: tete-cp1

ggggggggggg777

Comentários

26/04/2016 00:12:15
Conto maravilhoso, não resisti, me toquei, desejando ser essa filhinha rs, sem sombras de dúvidas merece nota 10
12/11/2012 13:45:44
muito bom
12/11/2012 13:23:47
Mto bom!
12/11/2012 13:22:09
Hummmmm, que conto maravilhoso e muito exitante, que delicia.
12/11/2012 05:00:58
Valeu, conto muito foda
12/11/2012 02:45:58
também quero ser sua filhinha... q delícia de conto!!
11/11/2012 23:39:27
Gostei, parabéns.

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


incestocâmerano quartoCerto ou errado?meu irmao amado contos gays cap.08contos eroticos de santo andremeu padrasto me pegou no colo contos eroticosContos-minha mulheramamenta e mama no meu paupornocontoincestover transa degays adolecente .young pporno videocontos gay casado curradominha aluna trans (conto traveco)enteada morena da bunda empinada dando ocupadocontos incrstos a mudinhamulheres com shortinho curto rebolando no pau de fogueira de caçadoresta italianinha novinha fode muinto porno gratisporno safada batendo punheta pro ricardão na cama com o corno dormindo pornosou amante d minha cunhda contodoce nanda contos eroticossobrinha traza com tio gotinhacasei com um velho brocha mas levo machos pra casa contos eroticoso cara esperando a boyzinha do colégio sair brasileira XVídeosmaior busetao gosado t.v porra gg pistolaovocê vai aguenta minha pica inteira vadiasarrando a bundinha da minha filinhacontos eroticos - an american talevídeos amador de homem tirando a calcinha da mulher no ônibus e ela fingindo que tá dormindoxvídeos 10 mamae fas cudoce mae efilhocontos eróticos/afeminado no ônibuspeguei a minha sogra com u shortinho enterrado na bunda i comi u seu cu video pornocomendo o cu da patroa piranhonaporno tia se destraiu e sobrinha ninfeta chupou o seu maridoavelhinha mas em gra çada de zendo que era so cu no seu vestido dela kknudismome homem olhando pau do meninogrelao entrando contosXVídeos marido com enxaqueca mulher transa com outropatrado da uma lisao na filha ena sua amiga porndoidoxvdeos de sexo de mae ver o filho dormndo e da o cúpanuqueti gemendo e gosar no pau porno brasilxvideos muitos homens batendo punetagozandoxxx minina cumedo mininodeitei de conchinha com minha mae peitudaxvideos gay foda rija negros psu grosso e compridomãe e filha assistindo televisão e a filha com cobertor coberto por ela e ela fudendo e metendo o dedo no priquito debaixo do cobertor sem a mãe vercontos eróticos meninas de 23 anos transando com cachorro com calcinha preta com lacinho vermelhocasa dos contos "eu mudei por ela 11" marisrevelação de filme pornô com minha mulher transa com meu jardineirosua puta ou seu viado o celular e meu e se quero asisti video porno tenho que asiste por que.paguei pra ter minha escolha desgraçavidi o porno hone trezeno com eguhaamiga fica fadigada e a outra faz massagem na buceta dela porno doidowww.conto estorico de geyconto erotico gay velho pirocudo maltratou o cu do viado choraopaicomeu eu minha irmacoletsnia gozando nos pemtelhos xvideobriguinha com a irma contoerotico.comcontos eroticos vania minha meia irma 2contos eroticos sete anosxvideosdificil pra vc lukaxvideosdificil pra vc lukameu vizinho esfolava minha bucetinhacomendo a buceta da cabra eda ovelha novinha xhanstertvbucetanovinhomulher Fazendo Estripetise Para Seu Marido E Depois Acabado em sexocontos eroticos dei o cu pro negaoInfiando o pau na menina de deis anos no xvidioMeu voyer filhovonto gay engraxatexvideo menina de meno gosano e tremeno as penaApaixonado pelo pitboy conto gay part 18brasileropornozoomadrinha coloca bumda buceta na cara da subrinha que ta de castigoContos de negros bem dotados rasgando cu de garotinhos brancos viadomae ensinando sacanadas ao filho e e a namoradaContos Eroticos de inseminação contos eróticos de mulher pegando outra mulher no tremxvideos empresteo minha namoradinha por dinheiroxividios bucetasodominadora scat merda bostawwwpornodoido patroa pega empregada fodendo com marido.comconto erotico padastro humilhacontos erótico menininha. dama de honra contos de sexo depilando a sogracontos erotico com meu pai dotadoconto tio enfiado 26 cm no rabao da subrinha