O play Boy e o Plebeu 5


Click to Download this video!
Um conto erótico de Fred
Categoria: Homossexual
Data: 21/08/2012 15:08:21
Nota 10.00

“Você sabe que ainda há uma chance para você? Por que há uma faísca em você. E só precisa acendê-la, deixa-la brilhar e apenas dominar a noite como o dia da independência.”

Será que Felipe realmente gostava de Bruno? Por que será que um simples “Plebeu” conseguiu mexer tanto com o coração desse play boy que mulher alguma conseguiu arrancar nem um simples sentimento?

Bem. São tantas perguntas e tão poucas respostas, mais agora esta tudo se clareando! Clareando assim como a visão de Felipe que ia acordando aos poucos, ele ia abrindo os olhos lentamente não sentia mais Bruno em seu peito e ao olhar para o lado também não o viu, Ele estava começando a pensar que ele tinha fugido. Felipe então levantou, foi até ao banheiro fez sua higiene e ao voltar viu um papelzinho encima do criado mudo que dizia o seguinte. “Sei que ficou louco por não me ver no quarto e pensou que eu tinha fugido mais eu não fugi. Fui procurar alguma padaria para comprar nosso café da manhã”.

Ele deu um sorrisinho bobo de quem estava apaixonado, colocou o papel encima da cama e em seguida se deitou novamente para esperar Bruno. Depois de alguns minutos Bruno chega com um monte de sacolas e Felipe corre para a mesa.

Felipe: Então? O que trouxe pra gente comer?

Bruno: Hum... Bom dia pra você também.

Felipe: Ou, desculpa é que eu estou brocado de fome.

Bruno: Sem problemas, pode comer tudo, estou sem fome.

Felipe: Ain. O que foi que eu fiz dessa vez?

Bruno se senta junto com ele na mesa.

Bruno: Nada.

Felipe então começou a comer enquanto Bruno ficava o observando. Mais quando um deles pensou em dizer algo alguém bate na porta. Era Clara, a recepcionista.

Clara: Garotos, o taxi só vai voltar a funcionar depois do meio dia.

Bruno: Nossa!

Felipe: Pode dispensa-lo. Meu chofer vem pegar a gente.

Bruno: Chofer?

Clara: Ok. Mais vocês vão ter que desocupar o carro.

Felipe: Descemos em dez minutos.

Clara sai e Felipe fecha a porta.

Bruno: Pera ai, você tenho um chofer?

Felipe: Tenho. Geralmente toda pessoa rica tem um.

Bruno: E por que diabos você não me contou?

Felipe: A pra que? Pra você se aproximar como tudo mundo faz? Por causa do dinheiro.

Bruno: Você está me chamando de interesseiro?

Felipe: Se a carapuça servil.

Bruno: Há. Agora eu entendi o porquê da sua namorada terminar com você. Seu ogro.

Felipe: E você seu interesseiro.

Bruno: Riquinho mimado.

Felipe: Seu viado atirado.

Bruno: Atirado eu?

E assim eles continuaram com os insultos e cada nova palavra eles se aproximavam mais e mais, até chegar ao ponto que um podia sentir a respiração do outro. Então Bruno resolve cessar a briga.

Bruno: Seu... Seu... Gostoso.

Felipe: Seu... Seu... O que você disse?

Bruno: Gostoso, eu te quero.

Foi o sinal verde para Felipe poder avançar o sinal de novo, Sem pensar duas vezes jogou o garoto em cima da cama e subiu encima dele cuidadosamente começou a beijar seu pescoço e ia subindo mais, e quando ele foi dar um beijo em Bruno alguém bate na porta novamente.

Felipe: Ai, tá de sacanagem né?

Ele sai de cima de Bruno. E vai abrir a porta.

Clara: Já se passaram 20 minutos.

Felipe: Nossa. Eu não tinha percebido? Vamos então Bruno.

Eles foram para a saída do hotel e ao chegar à porta Bruno da de cara com o carro enorme, uma BMW preta esportiva. Felipe abre a porta do passageiro e fala ao motorista.

Felipe: Volta pra casa de taxi que hoje eu estou a fim de dirigir.

Bruno: Não Felipe. Quero te levar em um lugar primeiro, pede pra ele nos esperar.

Felipe: Onde?

Bruno: É uma surpresa. Vem comigo?

Bruno pega na mão de Felipe e tentou puxa-lo, só que não conseguiu e ao olhar para traz ele o viu com a cara fechada e olhando para a suas mãos. Bruno a soltou e pediu desculpa. Ele então foi andando para a entrada de uma reserva florestal e Felipe logo atrás dele.

Bruno: Espera! Se não quiser vir comigo, não precisa.

Felipe: Mais eu quero.

Bruno: Então por que me olhou daquele jeito.

Felipe: Bruno, as pessoas lá fora tem muito preconceito o que iriam achar se vissem o filho do homem mais poderoso de São Paulo de mãos dadas com outro rapaz.

Os dois continuaram andando até que ficaram bastante afastados da cidade então eles chegaram.

Bruno: É aqui.

Felipe: Nossa que lugar lindo, nunca tinha ouvido falar.

Bruno: Geralmente não vem ninguém aqui. Eu sempre digo que esse lugar é só meu.

Felipe: E por que me trouxe aqui?

Bruno: Na verdade nem eu sei. Talvez por gratidão. Sabe? Quando você me salvou daqueles dois. Sabe lá o que eles poderiam ter feito comigo.

Felipe: Só fiz o meu dever.

Bruno: Own. Meu Herói.

Dizendo isso Bruno se senta por cima da grama e dá pequenas palmadinhas no chão em sinal para que Felipe se sentasse ao lado dele. Felipe se sentou, mais não ficou sentado por muito tempo, deitou e puxou Bruno, que se apoiou em seu peitoral.

Felipe: Olha aquela nuvem parece um coração.

Bruno: Felipe! Não acha que nós estamos velhos de mais pra gente brincar disso?

Felipe: A é? E o que gente da nossa idade costuma fazer?

Bruno: Sei lá, talvez jogar golfe.

Felipe: Golfe?

Bruno: É. O que foi? não gosta?

Felipe: Não é isso, é que eu pensei que poderíamos fazer uma coisa melhor.

Bruno: A é? O que?

Felipe sobe em cima de Bruno, chega perto de seu ouvido da uma pequena mordidinha na ponta da sua orelha e cochicha em sua orelha.

Felipe: Que tal terminarmos o que a gente começou lá no quarto?

Bruno passou o braço por cima do pescoço de Felipe.

Bruno: Ótima ideia.

Felipe começa a beijar o pescoço de Bruno. Depois vai subindo, subindo e quando ele encosta seus lábios no de Bruno o celular dele toca.

Felipe: Velho, já é a segunda vez. Tu num vai atender não né?

Bruno: Pode ser importante.

Felipe: Mais importante que o nosso primeiro beijo?

Bruno: á quer saber de uma coisa? Que se dane seja lá quem for.

Bruno desliga o telefone e o joga longe. Felipe chega mais perto, fecha seus olhos e beija Bruno. Foi um beijo calmo que expressava muito amor. Bruno se entregou totalmente a Felipe, e ele fez o mesmo. O clima então começou a esquentar os dois já estavam bastante excitados. Felipe tirou blusa e voltou a beijar Bruno que logo percebeu que Felipe já estava de pau duro. Então ele começou a passar a mão em sua grande volume e ....

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
29/09/2012 02:33:57
nota 10
28/09/2012 21:54:34
=)
22/08/2012 00:18:03
Hummmmmmmmm...Tô gostando!
21/08/2012 23:05:54
amei
21/08/2012 22:20:36
Geralmente não gosto de fictícios mas estou adorando o seu
21/08/2012 20:59:29
agora está bem melhor. conta mais.
21/08/2012 20:29:14
continua logo
21/08/2012 18:16:34
AMEI MUIIIIIIIIIITO seu conto.BJSSS
21/08/2012 18:08:37
continua porq ta perfeito
21/08/2012 15:47:40
continua logoadoro seus contos
Cw
21/08/2012 15:46:10
!o! Perfeito
21/08/2012 15:33:14




Online porn video at mobile phone


ninfetinha fudeno egosano com iper dotaxoponto não. quebrau. cabaso da vigenovinha de sainha sem calsinha perverssaPapai vio eu de sainha sem calsinha fes eu senta en seu colo pal fora da bermuda semtei gostei dei ate meu cu po meu pai contosmorenas gordinha peladasei ver o rostoporno xxvideos meninas sentodo o cu em cima do pau mostando a bucetawww.porno zoofilia.com/dando buceta virgem engatada dois cachorros?dei pro entregador contosContos erotico gozando dentro tendo aidsxvideo guete bei galacontos eróticos garotinhocontos erotico,meu genro me enrrabou dormindopegeiminha mae batendo xirica enão resistiporno doido eu vinha na rua naprasa de noite mim fudeirosogra gostosa deu pro genro na reuniao de familiao homem que estourou o cabaço de uma cabraxvideo adorei ver minha espoza dando para outro pela premeira vesconto narceja porravideo de colegial sedo encoxada por baixo da saia com penis pra fora entremeio as pernas e varginatarada nuonibuestupro esposa contos eroticosvídeo do Bob Esponja possuído que mata um short aqui tchau coisa possuído Entendeu Tchauxvideos home coroa negroBaixinhovídeo pornô com homem enfiando o braço todo no ânus da mulher despejando muito líquidocavalo viou pau ate no urtero da novinhavidio porno de uma mulher tirando aroupa bem relaadamente para faz xexovidio de sexo com compadre sedusindo comadre ate foderconto sexo chantagiei a bundudaSó conto erótico tio f****** a sobrinhanovinha gostosa nu chuveiroJulianafiume porno antigo do tasaõainnn amor sexonegao pega a loira gostosa de conchinha e corno adorabunda redonda da coroa crente contos eroticosTodas fotos.de.cabacinhos.das.novinhas.gostosa .i.kuzinhos.gostosocontos eroticos mozinhoContos reais de bisexualidadesconto porno cunhada ivoneteconto erotico patricinha estupradaContos com fotos velhos fudedores chupadoresconto erotico velho onibusrelato erotico cheirei a calcinha gozadahomens maduros de barba peladoscontos eroticos minha esposa no forropornô de Salvador Fernanda raspando a b***** pela primeira vezxvideo esyorando cabasocontos heroticos comendo a irmamagrinha gtz sentando de costamma feminina fudenconto sexo chantagiei a bundudaConto erotico com foto meu pinto e pequeno minha vizinha do sitio ao lado tem a bucetona peluda o marido dela e broxaquero ver vídeo pornô escroto carreteirofoto.de garotas tomando sol de costas de biquinis deitadasde cabelos castanhospescoco deve estar dolorido,esses chifres/cada ve maior,cornomarisa cm sede de pica grande chamo um negao para foder gostoso em conto o marido trabalhaContos eroticos dona de casa, coroa, casada evangélica pega novinho cacetudoContos eróticos mulher do pastor dominou e humilhou minha esposaemtertida xvideosvideos de novimha perdendo a virgidade e chorando e perdindo pro namorando para q nao estar a guentando maiscoroas peludos com para fora da cueca samba cançaoContos eroticos seios mordedo forteConto gay - "veio todo dengoso"bucetao com bgdinhofazendo a filha chorar de dor sexo anal tv insentosinhozinho.gosano.video.pornocontos.eróticos gay o negro da rola grossa e cabeçuda me arrombou e virei sua esposa exvideos bucetas grandes babando no pau e fazendo barrulhoprica cavalabaixar to fincado atoladinhamae deita com filho ela nao resiste transaele goza na bucetaWww.vidioerotico.deminas.geraís.com.Vidio,de,yrma,de,quinzeano,bricano de,lutinha,com,yrmaoxxvideo dando uma passadinha no quarto da minha irmã novinhacontos eroticos namorado sonsoWESLLEYWEST-CASA DOS CONTOS ERÓTICOScontos erotico sobrinho pausudo so de sungameu filho me faz de puta capitulo 8 e 9 relato eroticovampiro cumedor de buceta