Casa dos Contos Eróticos


Click to this video!

O QUARENTÃO E AS PUTINHAS DO CONDOMÍNIO 5

Autor: VALERIOBH
Categoria: Grupal
Data: 06/10/2011 18:26:43
Nota 9.50
Assuntos: Grupal
Ler comentários (4) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Já mais tranqüilo em relação as meninas, Nonato passou a se encontrar com elas na sua própria casa. Lógico que da forma anterior, numa verdadeira orgia basca, com comeu quatro xotas e cinco cus adolescentes. Tirando as transas semanais que mantinha com Julia e Pedrinho, comia Denise, Claudia e Letícia pelo menos uma vez ao mês. Conversando com Pedrinho ficou sabendo que os cinco formavam uma turma bem safada, e que já haviam transado com quase todos os rapazes e alguns coroas do condomínio. Pedrinho disse que até o filho de Nonato já tinha comido Julia e Denise, além de ter recebido boquetes de Letícia e Claudia, salientando que ele e os demais garotos eram muitos machistas e nem brincavam com ele por ser viado, muito diferente do pai. Curioso Nonato quis saber quais os outros coroas com quem elas tinham transado, e ficou sabendo que além do sindico sessentão, também deram para três pais de colegas e para o avô da Letícia, quando Julia pediu o sitio para fazer um churrasco da turma. Isso fora os colegas e professores do colégio. Pedrinho ainda disse que todas tinham namorado, e que os corninhos não sabiam que as namoradas eram putinhas. Por fim Pedrinho disse que era normal as meninas naquela facha de idade ter interesse em experimentar uma transa com homens mais velhos, já que os novinhos mal metiam e logo gozavam, sem se importar com o prazer da menina. Nonato disse a última mulher vigem com quem transou foi sua esposa 25 anos atrás, e que nem se lembrava como era tirar o lacre de um cabacinho. Pedrinho sorriu e perguntou quanto Nonato estava disposto a gastar para comer uma virgem e tirar o cabaço dela. Nonato falou que dava até R$ 200. Uma semana após Pedrinho lhe perguntou se a proposta da virgem ainda estava de pé, e após a confirmação, disse que havia falado com uma menina e que ela havia concordado, desde que Nonato usasse uma venda para não saber quem é. Nonato ficou tão ansioso que até dispensou o boquete da Julia no dia marcado. Queria guardar todo o leite para a virgem que iria romper o cabaço. Assim que entrou na casa de Pedrinho, o viadinho mandou o quarentão ficar pelado na cama, e após amarrar-lhe os pulsos na cabeceira, vendando-lhe completamente seus olhos. Nonato chegou a suar frio a sentir que uma pessoa havia sentado na cama, e ao contrário do que planejou, seu pau não endureceu. Ele sentiu quando a menina segurou a pica mole com as pontas dos dedos, iniciando uma singela punheta. Quando o pau já estava meio-bomba, sentiu a boca da menina agasalhando todo o falo, e chupando ficou até a pica endurecer completamente. A menina mudou de posição de ficou em cima de Nonato, com a buceta ao alcance de sua boca, enquanto chupava o pau, num 69 surpreendente. Como não podia usar as mãos, tinha que levantar a cabeça para tatear com a língua a xota e o cu da garota que o chupava. Quando o pau do Nonato começou a pulsar, num iminente gozo, a menina parou de chupar a pica e se postou de quatro sobre o rosto dele, esfregando com força a buceta até expelir seus fluidos na boca do quarentão. Após breve descanso, onde ela beijou-lhe a boca e colocou os seios à disposição das chupadas do coroa, a ninfeta voltou a abocanhar a pica deixando-a novamente dura e bem salivada. Se ajeitou sobe Nonato, abrindo os lábios vaginais com os dedos e foi lentamente sentando e encostando a buceta na rombuda cabeça do falo, somente parando quando esta encostou no seu hímen. A menina encheu o peito de ar e novamente iniciou a penetração, fazendo que o falo lhe preenchesse totalmente o túnel vaginal, somente parando quando ficou sentada sobre as coxas dele. Fez nova pausa para que se acostumasse com o invasor vaginal, e vagarosamente passou a rebolar a pélvis. Nonato fazia pressão para que seu pau entrasse ainda mais dentro da buceta recém deflorada e quando sentia que iria gozar, diminuía o ritmo para prolongar aquele sublime momento. O silêncio só era rompido pelos gemidos e pela respiração forte de ambos, e quando Nonato percebeu o canal vaginal da menina se contrair, noticiando que iria gozar, intensificou as estocadas e gozou junto, enchendo o útero de ninfeta com densa gala. A menina caiu ofegante sobre o peito peludo do macho que a deflorou, beijando-o na boca com carinho, para em seguida fechar os olhos e descansar sobre ele. Somente então é que Pedrinho se aproximou e retirou as amarras do pulso e a venda, possibilitando que Nonato conhecesse a garota que havia deflorado. Pra sua surpresa e desespero era Ana, sua filha de 17 anos que estava deitada sobre seu peito. Seu pau continuava semiduro dentro da buceta da própria filha. A menina olhou para o pai e agradeceu por ter lhe proporcionado tanto prazer na sua primeira relação vaginal. Disse que sabia que o pai transava com as meninas, e que inclusive estava escondida na sala e viu o pai transar com Pedrinho, Julia, Claudia, Denise e Letícia, e que desde aquele dia sonhava dia e noite em perder o cabaço com o próprio pai, como havia acontecido com Julia. Beijou novamente Nonato na boca dizendo que ele agora tinha mais uma putinha a sua disposição, e do mesmo modo das outras, sempre daria pra ele recebendo em troca um presente, informando que também dava o cuzinho pra outro coroa em troca de presente. Ao ouvir da boca da própria filha que ela era outra putinha interesseira, e que ela já dava o cu em troca de dinheiro, seu pau tornou a endurecer e a colocou de quatro sobre a cama, e ajeitando a rola no cu da própria filha meteu a pica com violência, dizendo que cu de puta se come com força, socando a rola até gozar novamente dentro dela. ([email protected])

Comentários

09/05/2012 06:15:02
17/10/2011 16:59:01
Delícia. Putaria boa e com incesto. Tudo de bom/
08/10/2011 15:16:56
Valeu Forrest. Essa foi foda.
06/10/2011 23:08:28
Tá é boa a história. Como sempre vc se supera. Parabéns.

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


xvideotiagostosapornodoido sou peguena mas sei fuuderfodedendo eh escapaca da boceta e pega no cu sem querermarguinhos lolinhos novinhos xvideos.comContos50 cm minha picapornodoidoforçando a transarmulher gostosa casada paga dívida de aluguel atrasado grátisolhando a novinha e depau duro paia de nodimoconto gratis branquelo chupou a buceta da mulatanegao com pistolao grande e bem grosso quase nao entra no buctao da coroaconto incesto minha irmãzinha adolecente andando encasa com essa roupinha nao da para resistinovinhos erotizando de fio dental atoladoflagga de mulheres deficiente fisica se mastubandomamae grita com rola na bućeta peludaXVídeos padrasto força menina chupa lhe ofendidobubda arregasada na pausadahomens bobinho pinto fino viadomae cpontos erotixoscontos gay casado curradoconto comi a tia coroa peidorreiraContos eróticos emfiaram o braço na minha bucetonaVer os melhores e primeiros contos eroticos de biel sabatini e Alamxvidos cumendo na iscolaxvideo a minha madrasta rabuda me iludindocontos eróticos reais eu foi obrigado comer minha mae sua comadrexvideo. Agarrõesvídeo pornô pegando a mulher à força ela pega a sacolinha e joga na cabeça dele comendo a força do curtirprica cavalaminha esposa cely e nosso caseiro negrao nosso machoMulhedoida.pra.goza.cpm.pau.nocuVidio pornô de gay de pratao fazendo sexo com a impregnados até ele goz conto gay contei pra ele que queria dar pra eleconto erotico vizinha scatconto a coroa cinquentona disse q nao ia aguentarmulhes fudedo deto do karo o cunovinha 18 aninhos foje pra cama do papai pra trepadoce nanda parte cinco contos eroticosXVídeos XVídeos fazer XVídeos XVídeos pau de pavêcavala prica contos eróticoquero baixa contor d bixinha azulmai ensenado a filha. chupar a pica. do paiconto meu mestre quer outra escravamulheres tocam siririca com a calçinhadentro. da bucetaf****** com minha vizinha contoscomendo a buceta da gostosa na barra de suco de limãoxvidos pono pai penga fila dominhogenrro foi no banheiro mijar e mexeu no sexto de roupa e pegou a calcinha suja da sogracontos/Arrombada no matagal por negoesroçadinha gostosinha na menininha japinhaxvidiopornô doido meu padastroconto erotico a menina crente classicocontos de filha crenteConto erotico: o playboy e o malandrovibrando paz e do negão no sexo anal f*** sobrehttp://zdorovsreda.ru/texto/201610917cache:I48cfGGC7vMJ:gtavicity.ru/texto/201612711 homens nú decuéca x .vidio de homens punhetavídeo pornô caseiro a empregada doméstica bem torneada bem gostosa do corpo de violãoquero assistir peladinho de gostosinho é doidinhomenina vigen metno udedo nabusetacontos eróticos chifreadoro ser encoxada no trem contos eroticosque baita bocetao dona sandrahttps://zdorovsreda.ru/texto/201601591sexo brutal adulterio irmao fundendo irma de 12 aninhosintiada fode o pai do pau grande e grossosete formas de medoxvideos morritoecontos eroticos meu pai contratou uma empregada domestica teavestis e nao sabiaestuprador cunhadinha chupando ela de armamulher mostrando o capô de fusca na academia bichão Grande