Fudendo com a dermatologista


Um conto erótico de Saulo
Categoria: Heterossexual
Data: 20/04/2011 15:33:21
Nota 9.25

Estou de volta para contar a vocês um episódio que aconteceu comigo no começo deste ano, uma pouco antes de me mudar para os EUA. Como já disse no meu primeiro conto (Ariela me enlouqueceu), sou modelo, e por isso tenho que cuidar muito bem da minha pele e do meu corpo. Bom, tendo essa vaidade, marquei consulta numa dermatologista. Quando cheguei na clínica, fui atendido por uma mulher muito bem apessoada, que dizia ser a secretária da Dra. Marina. Depois de algum tempo de espera, fui chamado para entrar. Chegando lá, fui recebido por uma mulher MUITO gostosa.

Acho que fiz até cara de tonto, de tão pasmo que fiquei. Ela tinha uns 27 anos, mais ou menos 1,75 de altura, seios médios, barriga retinha, coxas médias e um bumbum redondinho. Seu rosto era lindo, pele lisinha, olhos verdes, lábios carnudos, e nariz desenhadinho. Eu não gosto de mulher com peitão, bundão...Prefiro as mais magrinhas. Bom, ela se mostrou super simpática, e marcamos um peeling para a próxima semana.

Passado uma semana, fui ao consultório, entrei em uma sala diferente e deitei em uma poltrona azul, muito parecida com a de dentista. Logo ela entrou, com aquele jaleco, mostrando aquele corpo em forma, esbelto. Ela me cumprimentou, e se sentou na cadeira ao meu lado. Ela inclinou a minha cadeira, e começou a passar uns cremes em meu rosto. Depois de algum tempo calados, ela perguntou se eu queria fazer uma hidratação na pele.

Eu disse que, se possível, eu queria uma hidratação na barriga e nos braços. Então, ela pediu para que eu tirasse a camiseta, e deitasse novamente. Quando tirei a camisa, percebi que ela olhou um pouco espantada para o meu abdomên que, modéstia parte, é muito bem malhado. Dei-lhe um sorriso e deitei. Quando deitei, ela começou a passar uns cremes gelados em mim, e sentia uma sensação deliciosa. Ela passava até bem perto do meu pau. E eu estava a ficar muito excitado.

Não teve como controlar, e eu fiquei duro. Queria sumir, tava com vergonha. Ela fingiu que nada viu. Achei que ela fosse mandar eu me acalmar e tal. Mas não, ela até puxou assunto: "Você trabalha como modelo, né?". Eu disse que sim. E ela: "Ah! Agora entendi o porquê deste corpão". Eu dei uma risada e disse: "É, eu malho bastante. Você gosta de corpos sarados?". Ela disse que sim, e que adorou o meu corpo, todo depilado. Meu pau já tinha dado uma baixada, quando ela levantou e foi pegar não sei o que no balcão.

Eu tive uma visão maravlhosa de sua bunda, e fui até ela. Ela se assustou a princípio, e pediu desculpas, pois sua assistente estava grávida e tinha tirado licença, por isso estava se levantando toda hora. Eu não disse nada, e perguntei: "Se eu te agarrasse aqui, agora, você gritaria?". Ela deu um sorriso safado e disse: "Não sei...Tenta a sorte!". Aquela era a deixa. Eu cheguei por trás dela, tirei seu cabelo da nuca e comecei a chupar seu pescoço.

- Você é louco! Imagina se nos pegam!?

- Pega nada! - eu disse

Eu a virei, comecei passar a mão em seus seios, e me esfregar naquela bucetinha. Ela estava muito excitada, ofegante, dizendo que não poderia fazer aquilo. Eu baixei as minhas calças, puxei seus cabelos, e disse: "Chupa! Chupa, sua vadia!". Ela obedeceu e começou dando lambidinhas na cabeça, e massageando meu saco. Eu dizia: " Vai cachorra! Vou encher essa sua boca de porra!"

Ela chupava cada vez mais rápido, até que não aguentei, e gozei. Ela já subiu lentamente, me lambendo e beijando a minha boca com muito voracidade. Eu a peguei, e levei-a até a cadeira. Regulei numa posiçao confortável, baixei suas calças, e comecei a chupá-la. Ela começou a gemer alto, e, como haviam mais médicos na clínica, dei meus dedos para ela chupar enquanto eu a chupava, assim, ela gemia mais baixo.

Depois de lambê-la e fazê-la gozar, coloquei-a de quatro, e fui lambendo seu cuzinho, alternando entre a bucetinha e o cuzinho. "Pára de fazer isso seu gostoso...Mete, meeeeete! Eu imploro". Fiquei mais um pouco lambendo, até que ela quase chorou pedindo. Eu fui enfiando só a cabecinha na bucetinha. Enfiava e tirava. Ela ia à loucura. Quando coloquei o pau inteiro, ela quase gritou. Mas eu, já sabendo disso, tapei sua boca.

Metia muito forte, e ela pedia mais, mais e mais. "Arromba minha bucetinha, acaba comigo. Vai, vai, vai...Não pára! Tô quase, tô quaseee...Ahhh!". Ela desfaleceu naquela maca. Gozamos juntos. Fiquei dentro dela até meu pau amolecer. Depois fui me lavar no lavabo dentro da sala mesmo. Nos beijamos muito depois, e fui embora. Teve uma vez que voltei, e fomos pegos no banheiro da clínica, mas depois eu conto essa.

Espero que tenham gostado! COMENTEM!

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
09/02/2014 20:28:22
Para quem é tarado por médico entrem nesse grupo ;) http://m.facebook.com/groups/?refid=46
09/02/2014 20:19:40
muito bom o conto!
26/07/2011 21:54:34
Gostei bastante da forma direta e correta de apresentar o desenvolvimento de sua estória. Principalmente de deixar claro a delícia que era essa dematologista.
21/04/2011 03:44:38
DE FUDER,PARABENS VC FOI SACANAGEM, AINDA COME ELA?
21/04/2011 00:31:40
Cara tu tem muita coragem mais eu tb fodia ela e tb pegava o cuzinho e deixava todo arrembetado pra vc fuder depois

Online porn video at mobile phone


amante goza dentro e a puta se abaixa e dispeja na boca do cornoacho que minha namorada gozou pq agente tava fazebdo sexo e a perna dela tava tremendoFilme de porno garoto batendo puhentaContos eroticos de mulheris que so goston de da o cu nao goston de abucetaContos pornos-estuprei a velhavídeo pornô mãe marquei encontro no motel com filho sem saber acaba transando com eleXvideos pau com veias azuladasxvideo novinha negra sendo devorafa pelo negaoxvideo novinha xuveradaxvideo.com esfregando o pau na buceta lizinha e com um gemidinho sexo massagem na buceta com carinhofotos decasadinhas boqueteiras do corninhofudendo com sobrinha apos um sono profundocontoerotico.com/comi a pastora da minha igrejaminha esposa aninha novinha e meu tio roludo setima parte contos eoticos comtos exitantescontos vi uma mulher cagandoxxvidio casada do jorrocontos eroricos de papa anjo gayscornomansso sobmissasxvideos meninas prencado mostrando a calcinhaxvideos entegado de moves bem cabesudo paucontos eróticos menina 25 anos transando com cachorro Calcinha Preta com lacinho vermelhorebola. simone. pra. mim. gosa. jatou. de. pau. duronegra de corno escadaloza no pau pretoe pede pro corno olharcontos eriticos minha sogra levo ninha rola grandepassivo do badoo contovideos de sexo brasileiro olha o tamanho dessas meninas ainda nem naceu pelo na bucetinha metendo com pauzudo cmarido sai e mulher transavcom sogrocontoseroticos/comadre rabudanó parquinho perdi o cabacinho contosvideos de novimha perdendo a virgidade e chorando e perdindo pro namorando para q nao estar a guentando maisuolcomo o penis penetra o anusdepois da praia de nudismo ficamos nus em casa e rolou ate sexo anal xnxxloironac xvideominha esposa saiu comigo sem calcinha so pra me provocar meus amigosvidio de cazal de namorado tranzandoenrabada pelo negao contosxvideos fudenu ir critanto fode meu porra com amigo to meu maridocontos eróticos na famíliatio e sobrinhaxxvidio resentimentecontoerotico eu,namorada, minha mae e tio jorgevideo de sexo de mulher fazendo sexo afussa com outra mulherconto erotico vizinha scatxividio casada gozado convoltadenegro pisudo comendo transex lisinho de calcinhavi meu primo batendo uma punheta e fiquei louca contoporno negao fas muleca grintacontos de sexo depilando a sograBaixar video porno irma magrela bunbudayoutube porcas no cio fodendo com homem e gozando dentro delas videosmulher com mulher pode uza bolinha vaginasesposa crente novinha gostosa e o segurança do predio roludo contos eroticoscontos erotico pomba gira me fez putaconto erotico lavando roupaduvida o cavalo tem que gosa bem no fundo da buceeta da egua pra enprenha elaGarotinhacontosfu lanbida pelo cachorro contos eroticos Contos eroticos com fotos de podolatria chupando pes da prima dormindosasistir video porno angolano de tia e sobrinho.xvideos roleudo comodo sanquehttp://conhecer adolecente de peitinho durinho bucetinha bem apertadinhasamara tirando a virgindade da bucetavidii lesbica cozando turmidonifetas abundo i cabacunho na telaporno conhecendo minha primaxvideos vadias loiras se prozeandocontos eróticos de esposa meu amigo na garupa da moto delaconto de incesto mae mulata de babydolldescuidando xvídiovídeo de pornô com cinquentona e cetonacontos erotico da irma batendo punheta no irmao machucadogays e travestis em itapema scnegao pirocudo empina latinhawww.xvideo gratis marido a seitou dinheiro ficou olhando esposar transamameicontostufos videogordinha rabuda da seno curiada pele irmãomulher do corno peidano galamtk contos eroticos coisas do destino capitulo 1Xvideos. Esposinha de vestidinho piscando a xerecagutao xvidepsagarei minha sogra afosa ela fez cu doce e comi ela