De boa família


Click to Download this video!
Um conto erótico de Josias
Categoria: Homossexual
Data: 06/06/2010 02:17:50
Nota 10.00

Bom, eu sou o Josias, tenho 18 anos e moro no Rio, mas a pouco tempo, eu e minha familia somos oriundos do interior do estado de Pernambuco, Caruaru, minha mae faleceu durante o parto da minha irmã mais nova, por tanto somos em 7 irmaos em nossa casa e mais meu pai, 3 homens sendo eu o mais velho e 4 mulheres, a 2 anos atrás quando morreu minha mae e eu ja tinha meus 16 anos, papai começou a reparar mais em meu jeito delicado e diferente, principalmente para uma familia do agreste, na escola ja era assumido e já havia me relacionado por mais de algumas vezes com homens, inclusive mais velhos e conhecidos de papai,... meu pai era um homem rude, grande e muito forte pos trabalhava em uma fazenda, hoje já como feitor, mas com os musculos de quem ja pegou mto pesado. ele costumava usar a barba por fazer, só se barbeava nos fins de semana e era farto em pelos, com os cabelos ainda pretos, dificil para alguém de 46 anos,... meu pai ja havia abusado de mim outras vezes quando ainda menor, mas algo sigiloso, até porque ele o fazia apenas comigo por que sabia que eu sentia prazer, mas ele ainda a essa altura achava que era homem e só sedia por medo...(que nada adorei cada uma das poucas vezes que ele me violentou)... enfim, dado o dia 23 de maio de 2008 decidi que iria contar pro meu pai que era homosexual, pos queria namorar um homem que havia conhecido na escola, tomei muita coragem e esperei quando só estivesse com ele pra contar, a reaçao do meu pai foi estranha, fui direto e disse:

- Pai, eu sou gay

- Isso é o que ? Homi que gosta de homi ?

- é

- puta que pariu, saiu puta igual a mae, pega uma cachaça aí pra mim que depois dessa...

achei estranho ele nao ter se exaltado, apenas pediu um goró e disse ainda completamente sobreo

- Tu veio me falar que é viado pra arrumar homi na rua ?

- Pai, na verdade eu tenho um namorado

- Tu tiiiinha, que tu ja tem homi em casa, desabutua essa calça

nesse momento a voz dele voltou a ser a das vezes que ele me violentava, mas dessa vez resolvi nao fingir que ficava triste..

- Vou só passar um perfume pai, ai o Sr vai meter o dia todo

papai ficou surpreso, quase estático quando ouviu isso... fui no quarto passei perfume das minhas irmas e voltei apenas de cueca atochada na bunda como um fio dental, papi nao perdeu tempo, me cheirou o cangote, roçou a rola grossa e os pelos suados em mim, e meteu, dessa vez eu nao estava disposto a deixa-lo esquecer

- Meeeete pai, mete !! me faz mulher

- tu num gosta de da esse cú seu viado, vai dá pru teu pai !!

- Vou, mete ate o saco !!

papai demora a gozar sempre foi assim e ja muito suados ele gozou dentro da minha bunda

- Vá te lavar que teus irmaos daqui a um pouco tao ai

- Sim papai, é só isso ?

- Éee, se eu quiseh te come dnvo eu te chamo, vá

- ta bom

- Agora, ti prepara que amanha eu vo chama uns cabra pra cá

- como assim pai ?

- Tu agora que é viado, vai ter que por um dinheiro aqui em casa

Fiquei apreensivo com as palavras dele, eu só tinha 16 anos, nao queria que soubessem que fazia programas pra peos do meu pai...o dia passou e eu logo comecei a ver mudanças, eu agora passará a dormir na cama de casal, no quarto de papai, estava no lugar de mamae, a casa era pequena, tinhamos um quarto pra papi e um pros homi e outros pra mulheres... papai trancou o quarto e como um mendigo seco de sede pediu pra eu tirar as calças, papai queria chupar e aquilo me surprendeu,... ele chupava sem jeito, mas com mta vontade, chegava a dor e ele babava muito e perguntava se tava bom

- Assim que tu queh ? assim que tu chupa piru ?

- É assim mesmo seu guloso, chupa !!

papai entao pediu pra eu ficar de 4 e obedeci de pronto, ele meteu muito forte e urrei de dor, todos na casa acordaram e provavelmente tambem alguns vizinhos, meus irmaos enfileiravam-se atras da porta, tentando ouvir oque acontecia, mas só ouviam gemidos e palavroes, papai novamente a duras penas gozou como de prache no meu cú e adormecemos... dmanha cedo quando acordei ja era 'tarde' e todos meus irmaos estavam estudando e papai supunha que trabalhando, mas nao, quando cheguei apenas de cuequinha na sala, vejo meu pai em pé tomando uma dose de cachaça e batendo papo com dois peoes dele o Nunes, um crioulo grande, atarracado de tao forte e o Jusué um sertanejo tipico baixo e jagunço forte... meu pai logo me apresentou

- Aqui ó, esse que o viado

- Tu tem bonequinha em casa e nunca falo pra gente seu filho de uma égua

- eu to estreiando ela ainda

- eu to vendo é que ela ta toda fudida

- meti mto nesse puto ontem, tu precisa ver esse bicha rebolando

Nunes interrompe.

- nós vamos ve, hoje ele vai rebola numa piroca grandona

eles olham como se exitando pra mim, e mechendo nos paus... meu pai chega perto de mim, me vira de costas e passa a mao na minha bunda por dentro da minha cueca

- esse cabra puxou a mae

eu simplesmente nao conseguia esboçar reaçao, estava exitado e completamente entregue, Nunes e Josué pagaram uns 10 ou 15 reais que deixaram em cima da mesa e entraram, primeiro nuner depois josue no quarto de papai comigo...

- Vai lá cabra, que o Nunes ja pago, faz aquele troço daquele boqueti que tu faz e deixa ele te arregaça pra eu ouvi

- Ta bom papai, mas tenho medo de ser grande demais

- se for tu vai fazendo aos pouquinho, ele ja pago seu porra, ja pra dentro !!

entrei com esse ármario no quarto e esse jagunço como papai também nao sabia nem o que fazer, chupei seu saco e parti pro pau que cheirava a suor, ele ja nao deveria tomar banho a muito tempo, Nunes tinha um cecê insuportavel e um alito de cachaça, ele tinha pelos sararas e fedidos, de bom só uma rola descomunal de uns 22 cm, eu lambia como jamais havia feito e ele gritava exageradamente de prazer, sentou na beirada da cama e pediu pra eu cavalgar na tora, com muita dificuldade e base de mto cuspe, consegui enfiar tudo e ia rebolando aos poucos, gemendo o mais alto possivel pro meu pai ficar seguro que estava fazendo direito, ele socava tudo dentro e nao tinha preocupaçao de ser um anus, parecia um cão no cio, esporrou tambem dentro e pediu que limpasse o pau... vestiu as calças e me trouxe consigo pra sala

- Porra Oswaldo, esse teu filho é uma cadela, que chupeta... !

- Não te falei, esse viado saiu a mae

- Puta que te pariu, cuzinho apertadinho ...

- Ele é foda, filhao, vai lá da o cú pro Josué agora

Josue era um paraiba mais educado e menor, felizmente, a única surpresa foi o fio terra que fiz nele com dois dedos e o desgraçado adorou e pediu que nao contasse, ele engoliu meu esperma pos este adorava chupar e tambem isso mantivemos em segredo, ele me comeu e voltamos pra sala...

- Volto Josué ? achei que nao ia largar meu filho mais

- Oia Oswaldo, esse teu filho eu quero cria mais o gado lá da fazenda

Nunes interrompe

- Puta que pariu, ja penso, esse viado la fazenda, nós ia arrebenta com o cú dele

- Voces tao tudo é louco, o filho é meu, de graça ele só abre as perna pra mim

sentei no colo de papai e ele pela primeira vez na vida fez algo que nunca vou me esquecer, me beijou na boca na frente dos seus amigos, massageava minha lingua com a sua, como um burro faria, mas eu notava sua intençao de me premiar

Hoje, com 18 anos, meu pai se aposentou e vive em casa, já nao abusa mais só de mim, como dos meus irmaos e irmaes, apesar de ser eu a dormir em sua cama, ele se tornou profissional conhecido no bairro, e por denuncia de vizinhos nos mudamos pro Rio, onde agora fazemos a vida em separados e orientados por ele..

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
29/01/2016 14:07:16
muito bom...parabéns
28/09/2012 23:54:36
=)
08/06/2010 16:40:52
a Obrigado, meu e-mail é
07/06/2010 22:25:00
gostei do conto, pois tras uma possibilidade que eu não tinha pensado
07/06/2010 05:27:50
Adorei! Queria ter tido um pai desses. Me manda seu email pra mim?
06/06/2010 18:30:44
Seu conto é legal vc usou todos os detalhes parabéns




Online porn video at mobile phone


VelhoPintudocontospunhetamdo no cinema boafodavídeo pornô meu marido chegou em casa ficou surpreso porque eu estava limpa cheirosagibi troca troca com família pornovideo viuva custou a dar a bucetaContos eroti cpela pegou u jenro dotado peladoporno conto erotico irmao eguacontos bebeu demaisNossa essa rotina já tá com tesão quero ver sarrar na Copavideo olhei peludo no banho deu vontade de chuparpegando cachorro na rua pra praticar zoofiliax vidios seduzimdo inocentecom minha prima no apagao xvideosconto erotico gay na pescariaconto erótico mexeram com a minha mulhercontoerotico meu tio e minha namorada fudendofodendo a cunhada grávida contos eróticos irmazinha asustou com o tamanho d cacetao d irmaoContos eróticos- pau grosso e comprido me rasgou e parei no hospitalqual sao sinal quando mulher gosta ser encoxadamtk contos eroticos coisas do destino capitulo 1porno mãe safada bunduda escitando o pal do filhoefiou a pica todinha no geysinho sem camisinha ele gostouxvideos irma dormimdi de ladinho com seu irmaoqero v omes mostrdo apica dura e grosa cabeça grade rolau preto e branco e vermelhoxvideoAmiga Fica Olhando A Outra Fazendo Um Boquete E Acaba Dando Uma Mãozinha No Final xvidio louco desejo vestidinhox videos. Voyer . Sexo. poe so a cabecinha senao eu gozopau na buceta da éguinha ponei.mulher tira roupa e o negao chega em purando o pau na bucetao e rasganovinha encostada ne parede rebolando casseteAliviando os funcionarios contos eróticospai mae filho filha pelados contos eroticos com fotosContos Afilhada batendo punheta para o padrinhotitia safada gozando esquirt contos incestosxvidio mulher peidado na bokabrotheragem capitulo 5contos gay caminhoneiro1tesao na cuecamulher transando com homem quando ele se enrosca dela no ônibusaniversario dele,entao dei minha buceta de presente.contos de incestocontos eroticos de jovem transando menstruadas com o professorcontoseroticos/mulherdopastorxvideos shantageou a irmã,gostosameu cu é todinho teucontos o telefone tocou agora sou cornomulher soltando pus da b******** dentro do ônibus pornôporno meu marido adora me ver chupando porra de mendingistextos. contos menunas estrupadas dulpa penetracao gozadas boquinhanovilhas darno o cu sexomanual de corno manso gatobomnovinha fudendo a buceta na praia cm causinha vermelhdesde pequeno bato punheta na frente do meu irmaoestorei a travesti safada contolesbicas incesto contos consolecontos mulher encoxada na borrachariaomem de saco duroconto eurotico academia com o menino bundudocontos de sexo depilando a sogravidio porno bate popa vol casadaconto erotico gay viado submisso vira femea do negaopornô com a mulher da casa com Buchecha fofinhaeu e meu esposo somos crentes e ele pediu para eu dar o cu para outro,contosXnxx esposa do concunhadocasada endurecendo o picao da amiga shemale no meio dos peitoes pornofamilia sacana tufoscontos eroticos sobre eu virgem com minha amiga e um vibradotitio empurro ate o sacocomendo debrinha com abuceta defora e gozei dentrofilha senta no colo do pai em busão lotado/casadoscontosSarra a bunda da novinha na multidão até gozarSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhacontos eróticos parça do maridoFoda agressiva ponodoidofudendo morena fofinha na mata caseiros coletâneaPenis flacido castrar contosxvidiocome minha buceta pretatranzasaovivoa buseta e bundao maio dk mundo e peitochupando buseta labefo pasda mso bocspprno doido no escurunho debaixo do lençol