Meu pai depois da academia. (04)


Um conto erótico de Mortiça
Categoria: Heterossexual
Data: 24/04/2009 23:07:50
Última revisão: 21/08/2010 17:17:48
Nota 9.56

Oi pessoal, mais uma vez estou aqui a relatar uma história linda e excitante, Eu tinha 17 anos e era muita caseira, mesmo com um corpo legal que sempre tivera, uns pares de seios bem firmes, sou morena clara e cabelos pretos, não tinha hábitos de sair na noite com minhas amigas, meus pais me liberavam para me divertir, mas era de mim mesma, ainda não tinha namorado, mas não era mais virgem, mesmo assim preferia ficar em casa e curtir a minha família, nessa noite de sexta-feira minha mãe iria dormir na casa da minha avó, pois junto com minhas tias iriam organizar uma festa da minha avó, meu irmão foi junto com minha ela, meu pai estava na academia, pois ele gostava de se exercitar sempre a noite, essa academia ficava três quadras da minha casa, mamãe antes de sair me recomendou algumas coisas, mas na manhã seguinte queria a minha presença junto a ela, nos despedimos com um beijo no rosto e seguiu seu caminho, entrei e tranquei a porta de chave e resolvi tomar um banho, coloquei uma camisola branca e totalmente transparente, onde marcava os meus seios, coloquei uma calcinha minúscula, deitei no sofá para assistir televisão, mas acabei adormecendo com o pensamento da roupa que iria a festa da minha avó, meu corpo estava entregue ao morfeu, a noite estava quente, por isso deixei o ventilador de teto ligado, por volta das 22:00hs. Fui acordada com uma mão me balançando na parte da minha bunda, ao abrir os olhos e meio sonolenta deparei com meu pai me dizendo.

- Calma filha, não se assuste sou eu, seu pai.

Continuei deitada, quando ele se abaixou e me beijou a testa, minha mão encostou-se a sua perna, senti um cheiro de bebida misturado com suor. E falei

- Pai, você bebeu? E seus exercícios como fica?

- Filha, encontrei um amigo e ficamos conversando e rolou umas cervejas.

Ele me sentou e perguntei se queria comer alguma coisa, me respondeu que não e que estava sem fome, quando eu realmente me despertei do sono e abri definitivamente os olhos, notei suas roupas esportiva, já que não vira sair de casa, seus trajes era exuberante, um short branco transparente que dava pra ver sua cueca azul e uma camiseta de mangas suada em baixo dos braços e no meio do peito, seus tênis branco com uma meia, em seguida ele largou seu molho de chaves sobre a mesa da sala, indo em direção a cozinha para tomar água, na sua ida notei que o short também marcava a sua bunda, me levantei esperando ele de voltar a sala e fui ao seu encontro, dei um abraço de saudade e pude constatar o seu cheiro depois de uma ACADÊMIA, fiquei viajando sobre seu corpo ainda suado, na sua mão uma garrafinha de água e com a outra mão me abraçava e me apertava, dava pra sentir seu pau ainda adormecido, o bico do meu peito roçava seu corpo grande e lhe disse.

- Papai você ta com cheiro ótimo.

- È filha, To nada, está fedendo demais.

Ele se cheirou, no fundo ele sabia que eu curtia o seu cheiro. Soltamos-nos do abraço, ele foi trancar a porta com a chave e eu subi as escadas lentamente, nisso ele ja vinha atrás de mim, já me encoxando e me empurrando para seu quarto, sua boca começou a me a beijar meu pescoço e eu caindo outra vez nos braço de morfeu, mas em outro tipo de morfeu, já dentro do quarto fiquei em sua frente e retirei sua camiseta dei uma cheirada nela e joguei no chão e com os braços levantados dei mais uma cheirada naquele sovaco fedido e com cheiro de macho, ele tirou a minha camisola lentamente e já abocanhando meus peitinhos que estava com os bicos durinhos, minha buceta tava molhadinha, seus dedos passaram a esfregá-la e já liberando do meu corpo, logo após senti seu dedo introduzindo minha buceta, seu pau estava duraço, me colocou deitada na beira da cama com as pernas levantada e começou a chupar freneticamente em um vai e vem fervoroso, eu apertava sua cabeça contra minha buceta, sua língua invadia até onde ela alcançava, senti um jato de saliva, depois retirou os dedo melado e me obrigou a lamber, trocamos de posição, ele deitado retirei seu short e depois a cueca, deixei exposto aquele cacete duro e suado tinha um gostinho de mijo, não dando importância a isso, comecei a chupar com vontade, chupava seu saco durinho e ao mesmo tempo batia uma punheta de leve, fui mas longe abri suas pernas e lambuzei seu cuzinho, meti a língua, papai gemia de prazer, depois de lambuzado enfiei a ponta do dedo, ele se exprimia, mas não cheguei a enfiar, larguei seu cuzinho, voltei pro seu pau e chupei apenas a cabeça roxa, chupava com vontade, abri o pequeno orifício enfiando a língua, o prazer tomou conta da gente e resolvi passa cuspi na minha buceta e então sentei em cima, primeiro coloquei minha buceta na sua cabeçona, fazendo movimentos de sobe e desce, aos poucos empurrava, deitei minha cabeça sobre seu peito, seus braços estavam levantado próximo sua cabeça e pude meter a língua no seu sovaco ainda mais suados, ele continuava a gemer, depois sem tirar seu pau de dentro de mim, ele me colocou em baixo dele, levantou minhas pernas e metia profundamente aquele gigantesco pau na minha buceta, senti dor e prazer ao mesmo tempo, sua boca procurava a minha, seu hálito de cerveja me dava mais tesão, seu pau me rasgava por inteira, e sentia seu saco bater no meu cuzinho, sem esperar ele gozou dentro de mim, deu pra sentir um jato de porra dentro a minha buceta, estávamos felizes com a nossa transa, ainda com seu pau dentro de mim ele conseguiu me levantar para sentar em seu colo, suas pernas estavam dobradas e fazia movimentos carinhosos, eu subia ainda mais em seu pau e empurrava até que gozei no seu pau, movido pelo gozo nos beijamos bastante, nossos suores se cruzavam pelo nossos corpos ardentes, ficamos naquela posição por um tempinho, até que sentiu suas pernas dormentes, nos ajeitamos e partimos para um banho gostoso, voltamos pro quarto arrumei sua cama, e podemos dormir abraçadinhos, no dia seguinte partimos juntos para casa da minha avó, felizes da vida, gente amo meu pai!

Beijos a todos.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
03/09/2010 21:51:11
Nossa.. foi otimo viu..
22/07/2009 14:09:45
me add la no msn podemos trocar experiencias que tal? Leia tambem meu conto espero quie vc goste beijos te espero ok?
07/07/2009 14:07:47
nossa.. foi otimo viu... ai me add ai no MSN gata...
14/05/2009 08:48:42
Nossa que maximo seu conto...cmo todos os outros aliáz.... bjs a té a proxima..
09/05/2009 15:29:42
PASSA PRA MIM O E-MAIL DO SEU PAI QUERO DAR MINHA XANINHA PRA ELE COMER GOSTOSO... SOU TARADA POR HOMEM CASADO E AINDA POR CIMA MALHADO! meu msn é
28/04/2009 16:01:21
muito bom o seu conto que pena que tem gente que ñ sabe apreciar as coisas boas da vida.adorei
27/04/2009 14:12:58
foi otimo.
26/04/2009 23:09:27
EH!Gata estes seus contos sao de mais.
26/04/2009 02:14:35
Genial
25/04/2009 09:38:49
eu queria ter uma filha como vc!

Online porn video at mobile phone


"felipe e guilherme - amor em londres"texto lindo pro namorado que patessa que foi eu que fizcontos erótico- filho meu principecorno viado e medroso contos eroticosNego en acao fudeno virje xvlevantou o vestido da coroa evagelica e passou a rola.comxvideos memento de doriniciando tonho conto de incesto eroticox video coletania de gozadas de brucusestudante novinha chegou da escola e foi surpreendida por um tarado q comeu a bucetinha dela virgem fudeu até sangrar e gosou dentro da bucetanovinha aprovoca padastro ate ela ser fodidacontos minha buceta adora mao dentro fistimgcache:krAWjri_qYMJ:zdorovsreda.ru/texto/20170885 comendo as coroasde shortinhoxvideoconto erotico mae nao aguento pau pau do filho comesou achora no pauXvideos,mulher madura toda múscúlosa fudendosilenciosa porno parte 2 contospriminhos na ferias do colejo fazem muita putariaxvide coroa gritando emportugues quando toma rola grossa e cabecuda na xanatiozinho acariciando clitores de novihapopa.da.bundagozanovinha dodosexoanalcontos cuckqueanmuler badedo pueta pro nego gozaContos chupei a buceta da janaravideo porno amigo do meu marido me comeu e fingi que n percebifilla recrama porque opau do seupai nao entra nabuseta delamaninho nao quer me comer contosconto sexo anal piracaiacontos eroticoscu virgemconto gay perdi a aposta fui descabacadoimagens de mulheres infiandos objetivos na bucetafilha minha femea contoXvideo irma uza massage para seduzirContos eróticos teens contos gays neguinho do pinto grande me comeuCamisinha atrapalha a tirar a virgindadeporno de coroucom novinhaswww.contos deixei titio chupar minha bucetinha na minha infânciapegou a mulher do corno apertada e quando entrego tava so u buraco video porno cornocontos de sexo depilando a sograporno dento da pestinha xvideo negao no branquinho esfolocontos eróticos meninas de 23 anos transando com cachorro com calcinha preta com lacinho vermelhomulhers com roupas detigrinhasgosadascontos eroticos fui encoxada na praia de sumca brancaelementarians eroticofilha senta no colo do pai na hora do filme de terror. X vídeocalcinhas casadas coroas grtando de dr no anal profundo e dptadosContos eróticos de brasília comendo o cu da minha tiaGostosa dirige o carro para um homem ela para vai pro banco de tras e sedux o homem www xvideo.comconto erotico gay perseguiçaoxnxvideo mulhe nao quedar ucu no pornopassei chantili na sogra e chupei a bucetaeu era crente pequei dei minha bucetinhadotado enfia baita pirocona inteirinha dentro, magrinha gemendo sem parar com o pauzão lhe rasgando todaepiei roludo mijandoBaixar.100fotos.de.Evangelicas.shortinho.curto!mulher em pornô de cavalo e se estraga todinha sair sangue do c*ele a enrabala e ela a cagar.se pornoPenis flacido castrar contosconto erotico huntergirls71Meu cão ralf me comeu contoporno homens com fitas adesivas na bocaver porno negao dotado emulher com muito tesao egosanovirgem mulher (casas dos contos de transformaçãotrai com meus alunosGincana se gosadasconto erogico cabaco perdido com profesor caralhudovidio caseiro brasileiro rapais cheio de tesao pega sua cunhada resem casada so de calsinha na cosinha e mete a pikcorno vendo estanho soca forte na sua mulherpica pequenina geyler contos reais acontecido esse ano de 2017 de maridos que de tanto insistir viraram cornos mansinhoa honra da nossa casa contos erótico bundinhametemulher goza bem fe vagarsinhocontoerotico.com.br/contos/amamentando-o-gostosao/iNiely mostrando a b***** raspadinhawww.mulherpornocachorro