Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Minha cunhada

Autor: Voucher
Categoria: Heterossexual
Data: 20/04/2009 22:55:36
Nota 8.69

Sou moreno, cabelo e olhos castanhos, 1,72m de altura, 72 kg, na casa dos quarenta, casado com uma linda mulher de 34 anos, morena, 1,67m de altura, seios grandes e lindos, lindas coxas grossas e uma bunda de fazer inveja a muitas jovens. O que passo a narrar a partir deste momento, realmente aconteceu.

Sou divorciado e esta (que descrevi) é a minha segunda esposa com quem convivo a mais ou menos 16 anos.

Na época, trabalhava em outra cidade e sempre quando vínhamos, ficávamos na casa da sua mãe que era composta de 03 quartos, sala e um banheiro que dava para a cozinha da casa, que por sua vez dava para uma varanda-garagem.

Tudo que passarei a narrar, aconteceu logo assim que comecei a ficar com a minha atual esposa. Ela é a terceira de quatro irmãs e dois irmãos, sendo um deles o mais velho e o outro, o caçula da família. Na época, a irmã mais velha (branca, + ou - 1,58m, 55 kg, cabelos e olhos castanhos, lindos seios médios, coxas grossas) já era casada e morava em uma casa nos fundos. Na casa, moravam: minha esposa, sua mãe, a irmã caçula, além dos seus dois irmãos. Determinado dia, estava eu, sentado na extremidade de uma das duas camas de solteiro que havia em um dos quartos e minha esposa na cama ao lado, quando a sua irmã mais velha apareceu (na época ela não trabalhava) e começamos a conversar banalidades; conversa vai, conversa vem, fui convidado pela mesma, para um aniversário que haveria na casa de uns parentes delas, que moravam em outro estado. Até aqui, nada demais tinha acontecido. No intuito de fazer um charmezinho, aleguei ainda não ter tido a oportunidade de conhecê-los e coisa e tal (e é aqui que começa verdadeiramente os acontecimentos) esta minha cunhada se põe por detrás de mim, me penteando e me espetando com os bicos dos seus seios, por sob a roupa, em minhas costas, provocando com isso, um começo de ereção em mim. Notem que pode não ter havido intenção da parte dela (será?), porém, garanto que caso acontecesse com alguns de vocês leitores, possivelmente reagiriam da mesma forma, correto?

A partir deste dia, passei a olhá-la de outra forma. Porém, só tinha oportunidade nos finais de semana, pois como relatei anteriormente, trabalhava em outra cidade. Sempre que chegávamos, ela, de uma forma ou de outra, dava um jeito de vir nos ver, fato este, que não passou despercebido por mim. Mesmo ela sendo um pouco arredia, sempre que podia tentava dar-lhe um beijo no rosto, mas isso, longe do marido (que é ciumento), ou mesmo, tirar uma casquinha (coisa muito rara de acontecer). Certa vez, em um sábado, estava deitado em um banco de alvenaria existente na varanda e tendo meu carro estacionado ao lado, eis que ela vem, com um vestido jeans, até o joelho, e na altura da minha cabeça, debruça-se, de costa para mim, na parte traseira do carro para ver o que tínhamos trazido, me brindando com a visão, mesmo que de relance, de suas belas coxas e começo da calcinha. Notem que, já pela segunda vez, ela me atiça. A partir deste dia, comecei, sempre que assistíamos televisão, mesmo ela estando sentada ao lado do marido, a fazer carinho em sua nuca, tendo para isso, que esticar o braço por trás e acima do encosto do sofá, não tendo sido rejeitado em nenhuma ocasião, o que me deu idéia de que poderia vir a acontecer alguma coisa.

Certo dia, estava dormindo em um dos quartos da casa (que dá de frente para outro) quando ouço alguns gemidos e barulho de ranger de cama. Levantei-me, procurando determinar de onde vinham e verifiquei que ela e o marido estavam no quarto em frente, aproveitando que os outros estavam lá fora, no maior blá, blá, blá, para darem uma gostosa trepada. Por ser uma casa antiga, a porta do mesmo estava empenada, deixando vislumbrar, através de uma fresta, parte da cama onde estavam, e de luz acesa, o quê, me surpreendeu de certa maneira, pois ela detestava transar com a luz acesa, pois incomodava a vista.

Pergunto: Com que intenção então, sabendo ela que todos estavam lá fora, só estando eu, dentro da casa e sabendo desta fresta, qual seria a sua real intenção com os gemidos?

Não sou voyeur, mas, neste caso em particular, não poderia perder a oportunidade.

Uma de suas defesas, era usar as unhas, através de arranhões, sempre que simulávamos brigas. Certa vez, comecei a negaceá-la com empurrões e não deu outra; lá veio ela com suas unhas, pronta a me arranhar; Nisso, juntei-a por trás e imprensei-a contra a parede do corredor, mantendo as duas mãos dela presas na altura dos seus seios. Só que nessa situação colei o meu corpo ao dela e não deu outra: O meu pau, ao contato com a sua bundinha, deu sinais de vida. Senti que ela também notou, pois começou a suspirar e invertendo a posição das minhas mãos com as dela, pressionou-as sobre os seios. Vocês nem podem calcular o tesão que tomou conta de nós naquele momento. Qual não foi o nosso espanto, quando o filho dela adentrou a casa, no momento em que direcionava uma das minhas mãos para a sua xoxota, nos dando o maior susto. Deste dia em diante, confesso que ficou mais difícil outra oportunidade, pois ela mudou-se e sua casa agora é toda cercada de grade. Mas não desisti. Quem sabe um dia, retorno para contar se consegui, não é mesmo???!!!!

Comentários

06/06/2018 15:05:44
Parabéns pelo ótimo conto, Voucher. Ficou um ar de veracidade. Em família as coisas são assim. Nessas brincadeiras sexuais, quase todas ficam só no ¨quase¨. Rsss. Fica aqui meu comentário e nota. Sem dúvida dez. Há pouco, meu marido deixou em fazer uns programas num parque e narrei aqui. Venha ler quando quiser. Bjs babados.
05/06/2018 09:03:36
sensacional
31/03/2018 10:22:09
Querido!!!... Sua avaliação no meu conto me deixou muito feliz. Quanto a este, putz!... não aconteceu aquilo que eu esperava. Essa cunhada safadinha já estava pronta. RsrSrss... Espero que tenha conseguido. Nota máxima... Valeu meesssmo e vamos nessa! Bjs=-)
07/03/2018 12:02:18
Parabens
24/11/2017 10:01:28
Dizem que o que é para ser, será. Esse flagra do filho foi mesmo um balde de água fria. O jeito é investir para uma outra oportunidade que em familia, com certeza irão aparecer. Rs. Eu mesma, acabei transando com o irmão do meu marido, que há muito tempo me desejava. Quando puder, leia como foi. Bjs.
10/06/2017 08:58:36
Gostei do conto, bem narrado até aqui. Ficou um gostinho de quero mais, principalmente a curiosidade feminina em saber se aconteceu ou não com essa cunhada. Caso sim, conte logo para nós. Em família, oportunidades é que não faltaram com certeza. Se tu não tens preconceito com incesto, leia meu ultimo relato com meu filho. Nota dez e beijocas.
14/03/2017 09:39:02
Conto delicioso, muito excitante. Cunhados são sempre tentação, por não serem parentes, porém, desfrutando da intimidade como se fossem. Se insistir com essa, você vai conseguir. No meu caso, fui desejada por um e acabei me entregando por vingança. Narrei aqui, se puder, dê uma lida nele. Grata pela visita. Beijos da Vanessa.
06/02/2017 07:29:46
Delicia de conto, Voucher. Transpira veracidade. Nem sempre as transas ocorrem com tanta facilidade como contam. Essas brincadeiras entre cunhado sim, isto acontece e muito. No fundo sempre tem desejos enrustidos, porém, acabam não concretizando. Parabéns e grata pela leitura do meu. Beijos.
26/09/2009 02:00:13
adorei...axo q essa cumplicidade eh deliciosa...fica soh entre voces..um climinha super exitante....parabens
05/07/2009 00:50:10
Adorei o conto
25/04/2009 22:06:02
Meu caro filósofo (que de filósofo só tem o pseudônimo),toda vez que eu leio um conto, seja ele história ou estória (há diferença sabia?), eu observo o assunto, para não peder tempo. Porém nem todos possuem esta visão, fazer o quê, não é mesmo????? Ah! Já ia me esquecendo, se você não sabe, possuimos 03 mães: uma no céu tomando conta da gente, outra na terra dando-nos a luz e outra para ...
22/04/2009 22:02:22
Desculpe-me, nó, mas eu também estou até hoje, mas pretendo finalizar esta parada.
22/04/2009 08:03:51
Cara você deixou todo mundo com o pau na mão...

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


mulher tomando banho encabulando a bucetapai fica pelado perto do seu filho lindo mundobichaMeu nome e quero ttansar com o Adilson meu padrastominha sobrinha pequena pediu um celular e sentou no meu colo e se esfregava contosa.mulher vai ate ver que.estava.na.porta.era.o amigo dela.e.deu.a.boceta para.elelenovinha branqinha que nem papel do bucetaoContos eróticos fui chantageada pelo meu Director e fiz sexo oral e analtia pasa de camisola perto do sobrinho e ele fica com tesaoforssou a entiada a chupar xvidioscontos eroticoscuzinho sem pregastenho tesão em jogador suado porno negao crava tudo de bruso ela gritaExibicionismo em praia de nudismo lotafaclimax contos eroticos lesbicas consolomulheres provocando pedreiros encanadores que vão receber suas casas de casadosquero ver quero ver mulheres casadas velhas se masturbando debaixo do lençol bem gostoso e gemendo bem baixinho e g****** muitoconto erotico gay perseguiçaoporno doido reais emviado por amadores com novinhas descuidadasvidio pono com meninas pede u cabasu emganadaprono medico tira vigidade ñovihawww.xvideo penis realístico 18x4italiano porno escurinho do cinemapiricudo de floripaaninha insaciaveu kid bengala xvideosxividio ela fica xorando quando da o cuxvidio mulher casada para na rua fica vendo medingo do pau muito grande fazendo xixibuceta gostosa no inatingível elas dandomulher de corno lavano carronegro estrypa coroa ricarmeninas que gota de gozada na boca pornorubiaebeto quase mulher 114_2pornô grátis só contos eróticos sogra cozinhacontos eróticos eu novinha fui comiida por meu paigay medico dando tratamento vip pornodoidohttp://animais gozando na busetas d mulheres d correr porracontos de sexo raspei minha bucetairma e chantageadas por irmo e ele chupar aforsa seu paumulher enbriagou marido ele foi domim ela fio da cucontos vadia humilhada sexo grupalcontos irmas em onibus de viagem transa com passageiro para outro veconto erotico castiguei o viadome punhetarammulhe tabalado da abudacasada sendo enrabada no forro conto eroticolevei minha mulher ao medico pausudo e ele comeu ela na minha frentecontos eróticos o tio com minha namoradacontos eroticos casada estuprada pelo empregadominha madrasta viu meu pau moleprimo entra no quarto da prima incente nova e tira ha calcinha dela dormindo pornoso puta dancando sexual e menor mostrando o peitinho e bucetinha enchada marcado a calcinhacontos eroticos madando foto pelada pro irmaoquero ver novinha de calcinha transparente tristinha tirando a saiaComto erotico nifetinhas.casada garotinhas pequenas fazendo sexo Kikãoconto lavador de carro pauzudopornô irado mulher no supermercado se masturbando enquanto os outros passampornorcaseiro mulher cagando no pau do maridohomen d pinto groso enfiano n buceta apertadacontos eroticos sou bem novinha e não sou mais virgemVirgindade anal incesto Desde pequena Contopornô comendo a cunhada crioula do lado da esposa dormindogaroto punheteiro macumbeiro xvideoconto dupla penetracaoSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhacontos eróticos de mulheres que foram f***** por bem dotados na grossura de caramba sua b***** arrombadazoofilia no Congopornô em família faz falta matar filha caçula engasgada com Bengalaporno filho comendo a mrabuda dormindodoce nanda contos eroticosContos eroticos seios mordedo fortecontos eroticos de evangelicas metendomarisa chupando meu paufudeno cadela de frango asado zoo filiacontos eroticos de mulheres de vestido sendo estrupadaspenetrano bem fundo na buceta da sogra na cama..cunhadinha novinha chupa meu pau escondido da irma xvideos assisti agoraconto eurotico eu novinha soltei um pumm meu tio escutousexo contos eroticos corno e esposa levo rola preta donegroSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhavarias fotos de sogras gostosas se putiando pro genroXxvideo so a cabeci.ha nela dormindoporno gey eu e o meu empregado lambendo o cu mundobichasou evangelica casada mas adoro da o cu pro meu visinho que vivi me comendobpyzinhos batendo punheta infiando um dedo no cu apimeira vezmassageando o picao gigantescohistoria erotica pronhomem gozarvidiopono mulher bica teliberalina vadia traído foi filmadaapica tatoda no cu da brasileira e ela pedi maistres homens fudendo uma contos eroticos baixinha gostosa no motel ela grita muito e rebolava ao mesmo tempo nas nossas rolassexo gostoso de sainha e short rodadinha dança gostosa comendo a forçameu irmao adora meu chule contos erotico