REALIZANDO A FANTASIA DE MEU MARIDO E A MINHA - 6


Um conto erótico de [email protected]
Categoria: Grupal
Data: 08/10/2008 12:20:55
Nota 10.00

tarde de sexta-feira

(Leia o conto anterior para entender a seqüência)

Eram aproximadamente 15 hs quando o Marcos nos pegou no hotel, fazia um calor intenso. Estava com um Bug (aqueles carros abertos para passear na praia), de shorts e boné, sem camiseta, elogiou meu biquíni e a canga, dizendo que eu estava gostosa, e me beijou na boca demoradamente como gostava de fazer, não se importando com as pessoas que estavam perto. Depois de tanta exposição, todos por ali já sabiam que ele era o macho do casal, percebíamos os comentários, riamos, eu gostava e me excitava com aquela situação, e o corninho manso fingia não ver nada. O corninho embora já acostumado com a situação, ainda ficava encabulado, vestia shorts, bermuda e camiseta e sentou-se atrás, observando calado nossos carinhos. Logo que saímos meu macho começou a passar a mão nas minhas coxas, e eu adorava, e com tesão abri um pouco as pernas para facilitar. Todas as pessoas que passavam de carro ficavam olhando e curiosas com a situação, o que nos excitava mais, e eu tentava sem sucesso esconder parte do cacete duro do Marcos que saia do shorts, e ele ficava brincando com meu maridinho perguntando se ele estava gostando de ser corninho em público, de ver a mulher dele ser bolinada perto dos outros, segurar no pau dele, etc...ele só assentia meio sério, e nós riamos satisfeitos. Chegando numa região de vegetação mais alta, parou o carro numa entrada deserta, bem próximo à praia, e ficamos um pouco curtindo a natureza, sempre me acariciando, beijando, me deixando tesuda. O corninho ficou só de shorts, bem pequeno, mostrando um corpo lisinho, proporcional, bundudinho, todinho depilado por mim, como o Marcos mandou. O viadinho recebeu ordem de pedir/comprar uma cerveja para nosso macho, de uns rapazes que estavam a uns 50 mts e estavam bebendo. Quando ele chegou até os rapazes, começaram mexer com ele, passando a mão na bunda dele, chamando de corninho, viadinho, putinha, belezoca, etcc.. Os caras abaixaram os shorts e via-se que estavam de cacetes duros e mandaram o viadinho pegar, chupar, e ele ficou sem saber o que fazer, quando o Marcos gritou que era pra eles usarem e abusarem do viadinho. Imediatamente forçaram o viadinho a chupar o pau de um, outro já encostou na bunda dele, outro ficou do lado e mandou o viadinho alisar o cacete dele, foi uma loucura, o que estava por trás trocou com o que o viadinho estava chupando e já com o cacete duro e molhado, puxou o shorts pro lado, colocou a cabeça na portinha e começou a forçar, entrar naquele cuzinho até a pouco tempo virgem e foi abrindo, enterrando até o saco, fazendo os pentelhos encostarem na bundinha do viadinho, que gemia, com a boca cheia pelo cacete de outro, sendo segurado pelas ancas, e sentindo aquele vai e vem, e sendo xingado por todos. Foram se revezando, cada hora um enfiava o cacete nele, e era um maior que o outro, deflorando-o completamente, e depois de um tempo puseram o viadinho de joelhos e os três se punhetando gozaram na cara dele, lambuzando todo ele com uma verdadeira chuva de porra. Chegamos perto e vimos o viadinho desfalecido, deitado na areia e o Marcos falou pra ele que aquilo era pra ele aprender a não fazer nada com ninguém sem ordem dele, fortalecendo mais ainda que ele era o macho do casal, o dono do casal e ponto final. Nosso macho com aquele cacete que era maior que de todos, colocou o viadinho já sem forças de 4 e enterrou todo naquele cusinho aberto, alargando mais ainda e gozou abundantemente bem no fundo, escorrendo a porra pelos lados. Deu um tapa na bunda do viadinho e falou que esperava que ele tivesse aprendido a lição, deixando ele deitado na areia, desfalecido, se despediu dos caras, então percebi que ele tinha planejado aquilo tudo, me puxou pela mão para passearmos naquela praia deserta. Andamos um pouco beirando a água, tirei meu biquíni, fiquei nuazinha, e falei também pro Marcos fazer o mesmo, o que ele gostou e continuamos andando totalmente nus. Não demorou muito para eu ver aquele cacetão começar a crescer, ficar empinado, então meu macho colocou minha mão sobre ele, que estava quente, duro, gostoso e fiquei friccionando, deixando ele muito tarado e ficando molhadinha. Ele ficou de frente pra mim, colocou o cacete gostoso entre minhas pernas e começou a me beijar com força, ao mesmo tempo de friccionava com o cacete minha bucetinha, me deixando muito louca de tesão. O Marcos em pé, me ergueu pela cintura, me posicionando como um frango assado e colocou toda aquela rola dentro de mim, eu abraçada nele, beijando seu pescoço, sua boca carnuda e gemia de prazer e felicidade, falando que estava apaixonada por ele, que nunca tinha sentido tanto prazer na minha vida, e ele respondia com mais penetração, mais tesão e gozou gostoso dentro de minha bucetinha, aquele gozo que eu já conhecia muito bem. Deitamos na areia quente e úmida e descansamos por algum tempo, depois voltamos para perto de nosso carro, encontrando o corninho viadinho, que também estava se restabelecendo e andamos juntos. Nosso macho voltou a falar pro meu maridinho que esperava que ele tivesse aprendido a lição e que nunca mais tomasse atitudes como a que tinha feito sem ordem dele, o que o corninho concordou e voltou a se desculpar com aquela mansidão que eu já estava me acostumando a ver e me deixava feliz. Nosso macho mandou o corninho ir dirigindo e voltamos em pé no Bug, com o safado do Marcos me encoxando durante todo o trajeto até chegarmos no hotel. Me deu aquele beijo delicioso, demorado, quente de um verdadeiro amante, que eu adorava, e combinamos para nos encontrarmos na casa do amigo às 20 hs, pois seria nossa despedida, que nossa volta estava marcada para o dia seguinte as 13 hs... Quem quiser saber mais de mim e meu maridinho corninho e viadinho e só escrever....de repente nos tornamos bons "amigos" [email protected]

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
08/10/2008 18:58:41
gostamos, excelente conto, se for real, entrem em cotato conosco . Temos muita coisa em comum

Online porn video at mobile phone


fazendeira flaga o piao da fazenda cumeno sua egua e fode com elexvideo de gordinha praguinhacontos novinho bundudo virou menina dos molequesconto erotico estava comendo minha erma e estouro a camisinha e gosei dentro dela que ficou muita bpatroa arregalou o olho na pica do negaoLove Boy-CASA DOS CONTOS EROTICOS |zdorovsreda.rucontos eroticos alex mauconcontos eroticos patricinha é humilhada e estuprada por grupo de amigosvidio pono com meninas pede u cabasu emganadamAmAe fiz porno2017x videoporno de coroucom novinhasbiquine mulher cazada safada.e asim na praiawww.putariabrazilrira de pai espiando filha mai nova no banhovarias fotos de sogras gostosas se putiando pro genrocontos eiroticos leilapornxvideosdificil pra vc lukaContos eroticos esposa madura ajudando menino de ruadei meu cu tbDavizinho gritando de dor com negão bem dotadoxxx foda da irima imauentiada nao aquenta rola do painega o tarado fuden mendiga na ru pm muita forçafotos menina de 15anoa mostrando agozada na busetanegao bagaca branquinho xxvideosvídeo de homem sendo estuprado no quartel brechando a b*****virei mulher conto eroticoporno mulheres q bota sainhas curtinha para pega onibus lotado sopara ser fufidacontos erotico,meu genro me enrrabou dormindomulher de shortinho jeans desfiadinho socado na ruacontos eróticos gordinho afeminadoContos pornos-fodi a mendigaxvidio disfarssando e mostrando a pererecaminha esposa embuchada contosabaixa vídeo de sexo do escrava comendo a fazendeira no sítiox vdeos novinhas mostrando busetinhabundinha ditruida com a rola do negaovideios mae filho gosou dentro dela e derramou muita gao dia em que tirei a virgindade de minha cunhadinhachule da minha tiaContos eroticos esposa madura ajudando menino de ruairma durmindo e irmao enfia pinto na boca delamulher casada d vicosa mg d calca apertada na bucetapeguei meu irmao gay e minha irma virgem fudendo nao aguemtei cumi os doisisinuacao erotica pornoxvidei de hmen batendochantagiu a irmã e gosa dentropirulito do titio contos inocenteanythingminha esposa aninha novinha e meu tio roludo setima parte contos eoticos x videos novinha arregala os olhos com emfiada do negao bem dotadocontos eroticos sendo abusandoxxx vdeos gay levou o boizo pra comer em casaxvidio gay flagrei meu amigo,na punheta e me dei maueguas taradinha no cio pigandoxvideu viado napina comedo uviadoconto erótico gaay sonbra de gaelxvideo comeu a obesa pra sartisgazer ele procuro. velho sadio amigo pauzidos gostoso so meuContos meu pai me comeu com o consentimento da minha maeContos eroticoseu minha esposa e minha sograsou puta e amo porra dentro da minha buceta conto eroticoesposa trai o esposo na fantasia c mulato de 1:90Contos vi a janara fudendoestupro chupando grelo grande até ferircontos eiroticos leilapornpornodoido cavalona de cinturinha fininhachupando a b***** dela e ela chupando meu pau até nós gozarmos juntosporno brasileira pequei miha irma toma banho e tirei a virgindade delaContos eróticos comi a rosquinha da mulher e da filha gostosa do padeiro na padariafui comido e virei mulhercontos erotikos menina novinha troca os cabacos por docescontos eroticos entre pai e filha em viagemmorena dos lábios carnudos e do rabetão xvideo.comcontos eroticos de fudendo dentro da barbeariahttp://porno contos eroticos meteu e gozou dentrocontos veridico mulher pagando a divida do marido com homem pauzudao dotadoconto lavador de carro pauzudoCelso Metendo em Cuzinhocontoseroticos comi desmaiadacasa dos contos eroticos elementariansfilmes porno de diarista espiando patrao batendo punheta brasileira maior de idademeu conto erótico minha bucetinha ainda nem tinha nacida os primeiros cabelo e meu tio ja estava metendo a ligua e fazendo eu gosararibjr/escritorconto erotico chantagiei a mulher de leg