Casa dos Contos Eróticos


Click to Download this video!

Minha amiga, minha amante...

Um conto erótico de CertoAlghem
Categoria: Heterossexual
Data: 27/08/2008 20:17:54
Última revisão: 28/08/2008 16:58:13
Nota 10.00
Assuntos: Heterossexual

Ela era linda. Não conseguia imaginar nada mais perfeito na face da Terra. Claro que havia mulheres mais bonitas que Lia, mas para mim, nenhuma a superava. Era um lance mais de química, de pele... eu a via com olhos de paixão, aqueles que só enxergam qualidades, exagerando-as substancialmente sem perceber.

Pele clarinha, macia, sempre cheirosa. Não era aquele perfume forte, que se sente a curta distância. Era um odor que parecia emanar dela, que ficava na minha mão após o mais leve toque. Doce e suave. Tão excitante quanto seu corpo. E ele merece uma descrição cuidadosa.

Não eram necessários olhos apaixonados para se entorpecer com aquelas curvas. Suas longas e graciosas pernas, com coxas roliças na medida certinha, culminavam em uma bunda maravilhosa. Redondinha e empinada como poucas vezes tive a oportunidade de ver no mundo real. Parecia retocada com photoshop. No lado oposto a beleza era ainda maior, de forma que até chocava. Até hoje, revendo minhas memórias me pergunto se não redesenhei aquela bocetinha em minha imaginação. Seria mesmo ela tão perfeita? Sempre me respondo que sim. Gorda, suculenta, lábios simétricos, pelos finos e ralinhos. Como se não bastasse a beleza externa, penetrá-la era uma sensação única, que descreverei comedidamente adiante.

Seus olhos, castanhos clarinhos, sempre demasiadamente umedecidos, como se enxergassem belezas imperceptíveis aos meus olhos nas coisas mais comuns. Aquele brilho iluminava minhas noites de sono, invariavelmente. Deitava-me sempre pensando forte nela para, quem sabe, conseguir sonhar e realizar meus desejos mais sacanas.

Parecia improvável que um dia eu poderia possuí-la. Viramos amigos inseparáveis em questão de dias após o nosso primeiro encontro, na faculdade. Sentávamos sempre próximos um ao outro, conversávamos muito... quando me descobri apaixonado por Lia percebi que a parada seria duríssima. Enganava-me dizendo a mim mesmo que nada mais era que tesão, mas sabia que era algo mais. E ela, para minha infelicidade, levava a vida dela de festas, namoros e me via cada dia mais como O amigo. Seria possível virar esse jogo? Parecia que não e esse dilema me atormentou por cerca de dois anos.

Festa no interior! Feriadão municipal, banda na rua, centenas de pessoas bebendo, dançando e curtindo muito. Fomos juntos, com a galera de sempre. Não demorou a aparecer um monte de pretendentes, mas Lia não demonstrava interesse em ninguém para minha alegria indisfarçada. Dançamos muito, até que uma velha amiga dela, que eu não conhecia, bem bonita, demonstrou interesse em mim e ela, a pedido da garota, prontamente fez o meio de campo entre nós. Triste, vi ali a oportunidade de afogar as minhas mágoas com uma gata, talvez até mais bonita que minha amada, e ainda assim ficar perto dela, defendendo-a dos gaviões.

Beijei muito. Aqueles beijos longos. A menina parecia querer me engolir e eu a devorava. Notei várias vezes o olhar de Lia a nos fitar, sempre com um sorriso maroto no rosto. Às vezes eu a olhava durante algum beijo para imaginar que a boca conectada à minha era a dela.

Quando a banda parou de tocar, altas horas da madrugada, nós já estávamos grogues. Várias latinhas de cerveja haviam sido consumidas. Fomos todos para a pousada. A amiga de Lia estava hospedada na mesma em que nós estávamos. Sem cerimônia acompanhei a garota ao seu quarto e por lá fiquei até as cinco da matina. Confesso que cada estocada que dei na boceta da menina foi pensando em Lia.

Ao encaminhar-me para meu quarto, percebi que a porta de Lia estava entreaberta. Encostei-me por ali e ouvi a voz de Vanessa, uma amiga da faculdade que viajou conosco, e a de Lia. O tom dentro do quarto era meio choroso. Ao tentar ouvir melhor, trôpego, acabei esbarrando na porta. A situação era ridícula: eu, camisa no ombro, descabelado, bêbado e sem graça imóvel na porta totalmente sem graça sendo encarado por Lia e Vanessa, Lia com olhos inchados, as duas com cara de espanto.

“Desculpa... bom dia. Foi mal, aí...”, foi tudo que consegui dizer antes de ir apressado para meu quarto. Uma vez entre minhas quatro paredes, tirei tênis, as calças, escovei os dentes e apaguei na cama. Acordei meia hora depois com batidas suaves e insistentes na porta.

Enrolado no lençol abri a porta. Era Lia. A mesma roupa da festa, aspecto lindamente entristecido.

“Podemos conversar?”, foram as palavras que saíram por seus lábios carnudos.

“Claro, Lia, entra aí. Aconteceu alguma coisa?”

“Não sei... acho que sim”

Ela passou direto para a cama, sentou numa ponta, bem encolhida, recatada, olhos no chão. Eu, sem entender nada, sentei no chão. “Que que houve?”, perguntei. A resposta me fez gelar o estômago. “Acho que a gente precisa ficar um tempinho sem se ver, pro bem da nossa amizade”, disse ela sem conseguir conter uma lágrima furtiva.

“Lia, não me diz isso. O que foi que eu fiz”?

“A culpa não é sua, é minha.”

As cervejas me deixaram um tanto mais sincero que o normal. Me ergui sobre os joelhos e, com a mão em sua coxa: “Poxa, mas então me explica que porra é essa. Não me vem com essa de tempinho que você ta me pedindo demais, Lia. Um tempinho sem te ver... não me machuca assim...”, disse eu sem perceber quanta verdade estava dizendo sem cautela alguma.

Ela virou a cara na minha direção. Nossas faces se aproximaram. Nossas bocas estavam perigosamente próximas. Lia me beijou.

Quando percebi já a havia colocado deitada na cama, sob meu corpo. O lençol que me cobria ficara no chão. Minhas mãos estavam nas bochechas de Lia. As dela em minhas costas. Suas unhas me espetavam. Lia tentou parar, mas eu não deixei...

CONTINUA...

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
28/08/2008 08:35:24
HAaa 15 dias so...... quero saber o restante.....rsrsrs nao demora vai bjus




Online porn video at mobile phone


patricinha do olho azul vai perder virgindade com irmao e fica cheia de frescura e chorando com dor video pornoencostando de pe na parede e comendo o cuCasa dos contos eroticos paguei pra deflorara filha do caseiro sinhá contosxvideo. Agarrõesquero ver lindas travestis entrando em enormes rolas ate gozarem nelas videos boas fidaspornor doido batendo poleta na varanda sexoladrão comendo o delegado pornô se for do Adélia busca pornôa menina magrinha pegou a mulher pegou de tapa na cara pegou no casacohome gozando cachara zoofeliapornopornô grátis só contos eróticos sogra cozinhaAvo fica ecitada com os 40cm do pau do netocontoerotico meu tio e minha namorada fudendoxvidiocasada se fudeu na camacontos eróticos comi o cu do filho da mendigaxvideo mulher em pe com dois homens escanxaadaAbooh amores sobre humanosxvideos com . sexy porno ju safada adora provoncar sobrinha incentoxvideo com cabelo da depilação gradinho gozadaxvidios novinho trasando com dorcontos eroticos encoxada no metro levei porra na bucetaleitinho do papai contos gaydiguinho eroticocontos eroticos um velho me pegou na praiavai nacasa do amigo e ve airma doamigo sex na salacontos eróticos evangelica peituda de vestido leveXvideos pau com veias azuladasvideo porno com muito beijo na boca de tirar o folego muita chupada na buceta fazendo gozar na lingua de tanto prazer puchao de cabelo sexo com pegada forte e brutabucetinhas pequenininhas e as maçãsnao sabia q seu pau era tao grosso assim meu cu ta doendo xv incesto evangelicapadrasto cavalocomo tirar a virgindade com irmão irmão de verdade para te lembrar agora tanta saudadegta mulher anda pelada e fala voce enfia seu pinto na minha bucetasexo desleal com meninas na xotavelho .porno 50 citimetrover somete vidio duas pica grade na buceta virger saiu sangemundobicha com lavando a rolacunhada sexo contoshttp://gtavicity.ru/texto/2016101161contos eroticos peguei uma garotinha do interior pra criar e ensinei tudo sobre sexo pra ela"caralho entalado" contocadelas bucerudas fudendo no cioeu qeuro vidio di sexovidio porno de mulheris piquenas de 120 sentano ni rolas de 44 centimetrocriola bumbum gg virgem primeiro anal com dotado gritasafada brasileira cheia de dengo na cama falando varias safadezasContos eroticos chantagiei minha sogra e acabei estrupando elaabaixar comendo cu fa subrinhairmas jemeas lesbicas do rabao fode uma a outra sexo louco pornodoidoabre video porno das novinha loira do peito picino e pontudoestrupa filha e confessa yotubeconto erotico huntergirls71Meu cão ralf me comeu contopredador de viado contos eroticoscasa dos contos gay incestos meu senhorcontos gay me apaixonei pelo meu cunhado novinho hetero que me humilhavaporno loco escapa do maniconio e pega a novinha enocenteConto hotwifeconto zoofilia papai eu e nossa cadelanegao roludo aregassando o cu da travestis de 20 anos nno motel pornodoidoquero ver as novinhas do Nx dando a b***** seus cunhadospornopirno mai efilhocontos eroticos A Dama e o Bruto mulhervxs sexoquiz da a bucetinha com 10 aninhos pra mim com 51 anos meti com vontade contosagora é assim mesmo boyzinha perdendo a virgindadenao acreditei mas o pirralho meteu a pica na minha bucetacontos eroticos estava frio di o cu pra esquenta mas nao sou gaycontos eroticos estuprada pelo garifilha um dia essa buceta vai ser minhaconto gay afeminado cabeleiro fio dental negrocaralho potente cock fodendo buceta.comcontos eroticos meu amigo daniel comeu minha mulhercoroa lenbi pinto bebi porraconto erotico fui comida pelo mendigo de fio dentalSanto Anjo conto eroticoa mulher se arreba negao em fim todinho na buceta sua bola entra na bucetaWww. faveladas fazendo sexo na promiscuidadetia acorda sobrinho e recebi gozo na bocaVelhos que mamam seios de sua neta contos eróticosconto o corno manda faze uma tatuage na buceta da minherfoda insana com cunhadaconto porno minha mulher foi ao cabeleireiro depilar a buceta e o cumulher casada d vicosa mg d calca apertada na bucetahomens roludos e picudos nu de rondoniaadoro homem coxudo-contoscontosporn nao consegui ela com outrox videos brasil dois homensvai sogrinha gostoza filmecasa dos contos cunhado matheusporno loira olhos azuis coxa grossa rabo grande peituda cabelos longos metendo como uma cadela no ciocontos a bundinha da babáxisvido mai perdi no jogo fodibobeou entrou gosounovinhas acocoradas com celular na mão mostrando a bucetavídeo pornô feito no lixinho para Guarulhoscontoseroticoscomesposahospedagem anonima site:.ruporno na fazenda porno doido homem chupanto a buceta ate gozarta