Casa dos Contos Eróticos


Click to Download this video!

A minha vizinha

Um conto erótico de Luiz
Categoria: Heterossexual
Data: 13/04/2008 22:34:17
Nota 10.00

Minha vizinha

Móro em Assis cidadinha pacata 38 mil habitantes

Oi sou o Luiz H.V email: [email protected]

So um menino de 18 anos recém completados tenho um corpo legal embora tenha parado de fazer academia já a ums 4 meses ^^ voltarei a fazer logo após de me desatolar do serviço olhos castanho 1.75m . 72kg. Pardo, cabelo ruim ^^ mas bem cortado

Eu tenho uma fama de mal aqui no meu jardin não sei pq mas tenho, é normal as menininhas de 12ª15 fiquem assoviando,cantando e tal mas sexta feira passada aconteceu algo inédito até então .

6:30h . chego em casa tirei a camiseta e fui ali fora comendo uma maça abri o portão e joguei o miolo com semente no lixo que fica debaixo da arvore.

Rapais eu tenho uma vizinha que é uma deusa mas coitada o marido dela e caminhoneiro mas nunca a desrespeitei mas também nunca tirei meus olhos dela já ela ^^ até então tabem não, então ela passou de bicicleta e eu sem querer não consegui desviar o olhar de seus seios quando ela passou logo ela olhou bem em mim e disse o menino se tornou um belo rapas sabia eu meio sem jeito retruquei já a senhora sempre foi bela em ela me olhou de cima embaixo não me falou mas nada e volto para sua casa bem devagar, pensei ela nunca mas ira olhar na minha cara ou vai falar para o marido falei meio q em voz alta que se foda.

Minha mãe da aula anoite e ela já estava saindo minha irmã faz faculdade de filosofia aqui na cidade do lado e sexta não vem para casa fica na casa do namorado dela .

Meu pai joga bócha e tarda a chegar só eu de bobo em casa ^^.

La pelas 7h me deitei no chão da sala fiz ums alongamentos tomei um banho e fui peladão pro meu quarto molhando todo o chão ^^ me sequei ainda epalado sentei na poltrona e enquanto estava no orkut, me recordei q já fazia um mês q eu não sabia oque era uma mulher, sem pensar muito tratei logo de abrir um vídeos cara a janela aberta enquanto eu matava meu atraso vi um vulto e fui lai na frete ver quem era ela a vizinha ^^. Eu meio assustado pensei pronto agora a muié veio tira satisfação ela disse.

_ oi Luiz sua mãe esta vim comprar peixe (OBS: meu pai tem um barco e volta imeia ele vai pesca eu vendo o peixe XD) .

Eu já meio desconfiado, ela sabia q a mãe não estava. Falei para ela entrar e se assentar na sala putis ela estava com um chortinho e uma blusinha bem solta estilo de dormir.

Após eu ir ao frízer eu vi q não avia mas peixe fui a sala e a comuniquei a ela sem mas prolongas ela já começo a falar sem parar e eu só escutando e olhando aquele monumento em minha casa .

Ela disse vo encostar a porta esta ventando frio ta ? eu iria disser oque: não ?

Então ela escuto um gemido q vinha de meu pc XD que mancada ela falou assim ai que legal .eu a perguntei oque ela disse primeiro vo conferir não deu nen tempo de fazer nada ela veio sento na frente do pc e começou a ver meus vídeos como se fosse a casa dela ^^.

Ela disse é como vc sabe o Vitor trabalha muito nunca esta em casa e eu fico me divertindo com estes filminhos e começamos a falar sobre o assunto .

O telefone toca meu pai filho eu e sua mãe estamos indo para casa peguar umas roupas um tiu da minha mãe la de marabá tinha morrido, eu perguntei vo te que i? meu disse claro. eu na lata disse pai to passando mau vomitei agora pouco, e ela so escutando no viva voz blz conversamos mas um pouco e eu disse eu tenho ums filmes em dvd aq em casa ela disse me empresta eu já aproveitando a citu disse não posso são meus chodos

Ela disse com um sorriso lindo sei como é .

Eu disse a ela comprei 2 ontem vo inaugura hj depois q meu pais saírem ela não disse nada e foi saindo quando ela fecho o portão eu disse esta convidada e fechei a porta com tudo sem dar chance de ela responder .

OK tudo pronto vinho do bom pai, mãe, irmã fora jogada

Esperei deu 11h e nada comecei o filme sem muita demora ela chegou .

Como que por milagre de Deus deu 1h Am. Ai e o frio veio com tudo ela tremia sorria

Peguei o vinho e falei vo esquentar um pouco e não ofereci a ela .

Fui no meu quarto peguei um cobertor deitei no sofá e nem dei moral para ela

Ela disse vo em casa, eu disse Naaoo calma ela sorriu e disse vo pegar um cobertor

Já que niguem me oferece nada né eu disse nem pensar peguei ela no colo e coloquei no sofá a cobri e fui na cozinha e ela fico la sorrindo fiz uma pipoca sentei do ladinho dela e o filme la . notei q ela estava meio q cansada da posição e falei não leva a ma e deitei e deitei ela a minha frente no sofá ela não disse nada e o filme ai q eu come-sei a assistir o filme notei fui indo bem devagarzinho coloquei minha perna sobre as dela

E começamos a conversar e assistir ela não parava de criticar o marido dela q ele so queria saber de papai e mamãe des q ela avia casado eles praticamente não transaram ela me relatou q ele tinha problema sexual e por ela ter perdido a virgindade com ele e casado logo em seguida ela avia transado no maximo 20 vezes e claro eu não levei fé

Eu comeseia contar oque eu já avia feito e ela so falava nossa q delicia nisto meu pênis estava explodindo enquanto ela me contava seus sonhos sexuais e fui vagarosamente encostando meu pênis nela ela disse tem ágüem aqui bem dotado nisto fiqui vermelho ela sei la como se virou no sofá numa velocidade incrível me beijou nossa que lábios de meu aquela boca carnuda que abrangiam qualquer requisito nossa logo eu passei a mãe em seus seis q eu tanto admirava meu coração disparo falo calma vai te um treco aqui agora não em sorri. Me fartei em seus seios chupei não muito forte para não deixar marcas né fui descendo até o biguinho dela da li em diante complico pelo tamanho do sofá peguei-a no colo com tudo e fui para minha cama a coberta meio enroscada em mim ranquei o cochão da cama coloquei no chão coloquei ela e terminei o serviço

Chupei aquela aninha dela até ela gozar putis que jato meu rosto tive que lavar voltei q nem um foguete e cai de cara naquela buseta q já de veras eu já acreditava q não tinha tanta intimidade com pal soquei a língua la dentro ela se arrepio levantou o seu abdômen e eu soquei o dedo na cuzinho dela ela so sabia gemer e fala putis e ai

Logo logo ela tremia frio não podia ser frio pq estava quente o ar no meu quarto estava ligado ela gozo novamente bem menos intensamente desta vês pensei e a hora peguei-a em meus braços já toda mole parecia q estava tento um treco vi q ela so estava se entregando deverde ai sim pensei comigo vo fazer tudo q esta gostoza realizar seus sonhos ta quem sol eu para disser isto mas pensei vo da tudo de mim .

Tenho um pênis meio avantagiado em espessura não sei quanto em comprimento e mas normal 16s e nossa que busetinha apertadinha gostosinha aconchegante e de leves em leves movimentos metade do rapas já estava la dentro e ela olheva no fundo de meus olhos e mordia o lado inferior do lábios e vi ali q aquilo não ia terminar ali e ela falo bem suavemente sempre gostei de você e fis mt força até d+ entro tudo a parte mas grosa madei com tudo e meio q deu um pulinho e reclinou a cabeça para trás e em curtos movimentos tive o prazer de sentir que eu estava realmente sendo acolhido com muita vontade um desejo real de outro ser humano aquilo vocês não acreditam como me deu força as bobeadas era desordenada uma hora so uma parte outra socava ate a base de mel pal nossa naquilo encostei meu peito no dela aquele coração desesperado e com um sentimento inacreditavel senti meu pênis se melando com aquele leitinho quentinho dela novamente sem muita demora peguei minha tolha q estava ao lado limpei a xotinha dela dei ma um chupada rápida virei ela de quatro meio q de pé e agachando bobeia um pouco na vagina levantei peguei aqui na gaveta do pc um lubrificante q eu pretendia usar no dia q terminei com minhas es namorada um lubrificante q adormece a parte exterior do anus para não aver dor e quando ela vil eu passando aquilo no cuzinho dela ela me disse axo q não eu disse, Só relaxa ela confia em min melequei o rabimho dela com carinhosamente encostei a bariga dela no cochão e falei na faz forsa não tenta suga meu pal em sua danada ela sorriu e disse eu confio vai.

Rum falei e agora q eu vo comer um rabinho ela so sabia sorrir na hora q eu encostei no rabinho dela o sorriso vai devastado por um silencio inacreditável depois de varias estocadas mal sucedidas o silencio foi quebrado por um gemido bem fundo ela a cada forçada q eu dava emitia um som (hum, hum)e nisto foi indo milímetro a milímetro em estantes a deixei de 4 e meio que sem do bombei com força e rápido ela cada vês com gemido mas longo começou a empinar o corpo foi levantando a cabeça eu peguei em seus seis chupava seu pescoço e mandava brasa no rabinho dela ela começou a disser varias vazes vai meu rei, vai meu rei vai.

Eu não sei como eu ainda não tinha vontade de gozar depois de tudo quilo e elas já mt cansada e eu notei q ela estava ficando esgotada eu nada ainda (pensei só o que falta ela se da bem goza 3 vazes e eu manga já estava meio resecado o rabinho dela meio que sem pensar levanteia tirei meu pal propositalmente devargansinho só pra escutar o gemidinho dela quanto retirado meu pênis daquele rabinho, a virei de uma vês coloquei meus braços em meio as pernas dela a levante e deixei aquela xota exposta para min com aquela deusa em meus braços deu um pulco de trabaho para encaixar meu pênis na xotinha dela já q estava com as duas mãos ocupadas né ^^

Até q asertei o alvo meu com um plco de dificuldades a encostei no armário e soquei devagarzinho nela ela sei l afasia umas caretas de doida me beijava enlouquecida-mente

Me chupava estava toda descabelada parecia uma loca ^^ quando finalmente gozei a lazarenta gozo junto pensei bem meu objetivo devo ter alcançado né espero e sorri ela pergunto o que era perguntei a ela gosto ela olho me pegou pelo braço me levo pro banheiro tomamos banho junto so no beijamos mtttt

Quando ela foi embora ela disse foi a melhor coisa ate agora em minha vida e o pior falo em vos alta axo q os vizinhos escutaram e falo mas auto ainda pretendo repetir

Por enquanto é isso ai quem ler td isso ^^ faz um cm ai vlw galera

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


youtube tarado comeu sobrinhas sexaul tirado a roupa nuasvideo porno novinhs tranzando pela primeira vesconto erotico boquete bokete mamadarelatos eróticos: minha esposa ficou grávida durante assaltoconfigurar permissões e Jadson aquele beijo que você me deumenina e padrasto no sofa ela aproveita da bebedeira dele e tranza gostosoa japonesinha que não aguenta e se mijasexo vaginal rola soltando guichadas de poraxvideo Welton comendo o cu da sua primaessa coroa coloco varias calcinhas p meterfiz sexo com colega sarado trabalho contosgaysgenicologista abrindo abuceta ate o limiticontos minha sogra anda de camisola encontramos nossos vizinhos na praia do nudismo conto erotconto filho pirocundo dando banho na maeporno gratis xvideos pai abriucaminho.pro.filhomulher do pinguelão com a b***** pinicando no cacete até gozar e masturbar virando os olhospadrasto puxa cabelo forca chupr emgoli porra apanhandoencanador pasado arola na mulher de vetidinho vermelhocomendo o cuzinho impinado da conhadaConto pau mendigo punhetafui so dar uma alisadinha nao deu mandei pra dentro video casero pornohomen andando com um plugue anal atolsdo no cuvideos porno munher xupade baxo da mezaevangelicas na zoofilia com cachorrorecebendo leitnho na. xota porbodoidonegao picudo estrupou novinha nao aguentouxvideo.comporno com históriassao pauloxvidiocasada urando no caralhoarranhando a bucetinha pro papai coloca o dedo e chupartendo prazer filhinha youngcontos eróticos comi a quarentona virgem evangelicamacumba gigante entrando no xiri da novinhaOk pornô gay d********* escondido pornô gay com alguém daqui a pouco pensativo alguém sexo pornô gay sexo transando mulheres transando com a cunhadaliberei de tensão xvideosver video de mulheres sentando e amaçando latinha x videoTia de calça leg conto eroticofilme casal insurportavel pornodoidoxvideo casada gosa no pau do corno pesando notrocontos picantes incesto mininha e menininhomanda um vídeo de pornô aí eu não tô nem phone 5prima Pede para dormir de conchinha com prima e a subidachantagiou a mãe para fuder nelaconto erotico meu padrasto sustentando minha buceta com leitinho desde novinhatia submisa dan a busetapediu carona irma evagelica pornocarolzinha baixinha gostoza trepanowwww.xviso. .como disoxvideo br homem es turpa mular na casadelacontos pai atolou tudo no cuzinho d filha.com fotosfazendo o bumbum de colçhão e torada.xnncontos eróticos putinha dando o xiri e o cú primeira vezviadinho injeção no bumbum contos eroticoscontos eroticos gays com internatoConto erotico o tarado do viagra tracou o valentãocontos eroticos insestos família unida papai mamãe e meu irmaovov chorando na pisa do negao pisudoestupro esposa contos eroticosmulher punhetou assaltante de ruafilme amiga convida amiga para funder com seu sogrosegure com a calcinha cheia de galacasada foi pra oficina dar pros mecanicospeito,priquito enxuto e bundacontos eroticos comeram a empregada.domesticavideo de sexo tia batendo uma descabacando sobrinhoxvideo namorada cuida do namorado com o braco enfachadofui so dar uma alisadinha nao deu mandei pra dentro video casero pornocontos eroticos tentou dar a bundinhax video coletania de gozadas de brucuscoroa emsaboando a rola durave o saco grandefazendo a filha chorar de dor sexo anal tv insentocasada viciada porra relatosxxvideo mobile de mulher chupando seios de outra em lactacaocontos eróticos mulher endividadamulher do corno peidano galamae. gosa pau fillho sentadasem calcinha contosvidio de mulher da buxeta froxonacontos trai com o inquilinobaixinho Galeguinho fazendo sexo com jumentaxxvideo salvador sentono na pica