AVENTURAS 2


Um conto erótico de Pablo BAHIA
Categoria: Grupal
Data: 12/01/2008 00:49:10
Nota 10.00
Assuntos: Grupal

RELATO 03

Olá . Hoje vivo um grande dilema,não sei se o meu casamento ainda será o mesmo, nunca pensei que acontecesse esse tipo de coisa ainda mais com quem e onde. Sou casada ha 12 anos eu e meu marido nos amamos muito,mesmo depois de eu ter engordado um pouco Edle continuou me amando assim mesmo,quando nos casamos, pesava 51kg hoje peso 59kg,às vezes quando estou com a minha auto-estima em baixa ele me anima,e diz que tenho uma bunda maravilhosa de grande e de gostosa,eu me considero bonita sou morena e tenho os cabelos bem compridos e ele me adora assim,mas tudo mudou pelo menos pra mim. Havia no bairro um rapaz muito lindo que sempre recolhia lixo reciclado para uma campanha da Paróquia do Bairro. Ferro,latas,jornais e revistas nas portas como nos sempre tínhamos jornais e revistas eu sempre entregava pra ele e toda semana ele passava e perguntava se tinha alguma coisa. Certa vez ele pediu pra usar o banheiro apesar de eu ficar o dia todo em casa sozinha não me preocupei em permitir afinal ele sempre respeitou a todos no bairro,indiquei onde ficava o banheiro e ele entrou enquanto ele usava o banheiro fui pegar os jornais na lavanderia quando passei em frente o banheiro a porta estava aberta e quando olhei, ele estava balançando o mastro e realmente era um mastro fiquei indiguinada ele não fechou a porta disfarcei peguei os jornais e entreguei pra ele, ele saiu eu não conseguia tirar aquele pau da minha cabeça. À noite quando meu marido chegou olhei ele se trocando e o pau dele era bem menor do que aquele mastro e mais fino também, aquilo ficou me remoendo como podia pensar em outro pau que não fosse do meu marido, naquela mesma semana precisamos fazer um serviço na cozinha foi um quebra quebra no final sobrou muito entulho no quintal então meu marido sugeriu que durante a semana eu perguntasse para o rapaz da paróquia se ele podia recolher o entulho que ele pagaria depois. Perguntei ao rapaz da paróquia que se chama Rafael e ele disse que ele mesmo faria, pois estava querendo comprar um som e estava juntando dinheiro. A idéia de ver aquele homem trabalhando no meu quintal me perturbou muito, Eu tinha que fazer o primeiro contato, ver o que aconteceria e depois contar para o Edle. No outro dia o Rafael bateu no meu portão para começar o serviço. Então ele puxou suas ferramentas de trabalho pra dentro do quintal, e começou a juntar e carregar, quando deu a hora do almoço, lhe ofereci um prato de comida ele aceitou de pronto sentou-se à mesa comigo e só olhando aqueles peitos lindos. Enquanto ele almoçava ficamos conversando. Perguntei de onde ele era e disse que veio do nordeste tentar a sorte em São Paulo, ele morava com uma irmã dele e sua família havia ficado lá Ele terminou e pediu pra usar o banheiro então mandei ele usar o da lavanderia. Antes de ele levantar eu fui pro fundo do quintal pois de lá dava pra ver o banheiro. Ele entrou mais uns vês não fechou a porta e não deu outra desta vez eu vi direitinho e realmente era grande, is aquele mastro eu não acreditava, ele continuou trabalhando e eu fui estender a roupa, e varias vezes eu o peguei olhando pra minha bunda,comecei a pensar novamente naquele pau e fui me excitando, fiquei com tesão de tanto ficar pensando acabei perdendo a noção e na hora nem lembrava mais do meu marido,fui pro quarto e coloquei um short de nylon que era curto, mais as pernas eram bem largas e estava sem calcinha.Tirei o sutiã e coloquei uma camiseta quando sai no quintal ele ficou doido,quase não disfarçava peguei uma cadeira e sentei próximo enquanto ele terminava o serviço,de vez em quando abria minhas pernas, dava pra ver meus pelos, ai ele não conseguia mais parar de olhar, ainda eram 14:00 ele acabou então sentou encostado no muro que fazia sombra ficamos conversando e ele não tirava os olhos de mim então eu disse que precisava perder um pouco de peso pois eu estava com os peitos um pouco grandes, então ele disse que eu estava ótima assim porque mulher muito magra não tinha graça,falei você gosta então de uma mulher no ponto. Edle disse claro tem onde a gente pegar, dei um sorriso e perguntei se ele queria uma água ele aceitou, então o chamei pra cozinha, dei-lhe a água eu estava tão excitada que os bicos dos meus seios estavam muito salientes na camiseta, quando virei ele disse seu marido tem sorte, perguntei sorte de que, de ter uma mulher assim igual à senhora olhei pra baixo a calça dele estava recheada com aquele volume, disse que quem tinha sorte era a mulher dele com um volume daquele,nesse momento perdi de vez a cabeça e chamei ele pra sala. Levantei a camiseta, ele pulou em mim e começou a chupar meus peitos e passar a mão entre minhas pernas. Puxou a calcinha pro lado e pegou na minha xoxota molhada, ele estava todo suado cheirando forte, mais aquilo parecia me deixar mais doida ele tirou minha sainha, deitou-me sobre a mesa e chupou minha xota toda molhada. Gozei na hora então me colocou de joelhos abaixou a calça coloquei aquele mastro na boca e mal cabia. Estava tão suado que estava salgado como meu marido fica. Deitei no sofá, tirei a calcinha e ele carinhosamente encaixou o pau na minha buceta e empurrou cravei minhas unhas nele de tanta do, senti bater no fundo, deu varias estocadas senti minha buceta inundando nunca vi tanta porra quando ele tirou escorria pelo meu rego fiquei até mole, ele colocou o pau na minha boca lambi o resto que ficou só que ao invés de amolecer subiu de novo. Ele disse! Dona, quero essa bunda linda que a senhora tem. Nem pensar, pois esta aqui é só do meu marido. Eu falei! Você vai me arrombar. Então ele me puxou e me virou. Pedi pra ele parar, mas já estava envolvida. Ele nem deu ouvidos, e então passou a porra que estava escorrendo da minha buceta, no meu cu. Implorei dizendo que era só do meu marido. Ele pegou meu braço e encostou o cacete, começando a forçar a entrada parecia que estava me rasgando então ele deu uma paradinha pra eu acostumar e começou com um vaivém era uma dor fina misturada com tesão. mas com tesão junto, senti o pau dele latejando enchendo meu rabo de porra. Ele levantou, se trocou e saiu fiquei ali um tempo deitada sem forças, levantei limpei tudo à noite meu marido chegou, viu que o serviço no jardim já havia sido feito perguntou como foi o dia eu disse, muito cansativo. O Rafael foi maravilhoso no serviço e se ele quisesse, o chamaria novamente. Estou pensando em contar para me marido o que aconteceu, para que eu não me sinta na situação de traição, pois ele é muito aberto e sempre me fala na cama, que gostaria de me ver trepando com outro.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
12/01/2008 11:57:58
Bom seu conto . altou vc falar que tinha trocado o short pela sainha. Mas valeu meu cassete subiu legal.




Online porn video at mobile phone


contos casada evanglica com pepino no canalinsesto ninfasver só putinho brasilero se cumendo gemendo muintodesse jeito eu gosp dentro xvideosmulher dando a buceta para pinto de 30cent fotocasada semastorba na camaNao endureseu o pau no xvidio.comLancinho pornô das Panteras enteadaconto fodi minha professorascoroa esguicha de prazer de ter tora no cucontos minha mulher toda siliconada virou p*** do dono da academiacontos swing dei a minha calcinha para o meu genrofodendo velha viúva a força contos eróticosconto erotico gay sem saber eu fui feminizadovideo sexo mulherzinha nova traino seu marido com cunhado mulecaohomem do pau grande rascando a buceta da cachoraquero ver um filme pornô a mãe transando com filho e a mãe forçando para transar com ele pedindo para o fiscal na b***** dela que ela tá lindaso bucetudas chorando quando a pica entrouflho fode mae e pai enrraba o filhoContos o vizinho pintudo machucou meu cubucetia.apertatiacontos chupei o grelinho da enteadinha a forçaConto porno surra de chineloputa amigos whats conto eroticocoque video paraolha xvideoporbodoido ledbicaporbo doido escrava cega afoga na bundasexo dedada chultopei minha prima dirmindo .com xxxvideocontos eroticos pegando minha tia gravidaso conto erótico corno humilhado pela esposa peituda no casamento delesda intolerância conto erótico gayVampiros elobisomens-Casa dos Contos EróticosContos gays pegado a forca por grupinhos na infanciafavelenta xvideoconto cu entaladoapica tatoda no cu da brasileira e ela pedi maiscontobm erótico de incestojapinha com carinha de anjo perdendo o cabacoWww.bundudinhanovinha.comxvideo entiada gozando e perdendo a vidadeeu quero ver sexo de lésbicas com lactofilia aguentando mulheres adultaschupano pau groso na marraxvidio.compara amoleser o coraçao duro do seu namoradobem novinha gozou nos seios dela lavou de porra contos eroticoscontos eroticos amo minha maninha novinhacontos eroticos, isso chupa meu peito esfrega meu grelinho faz sua putinha gozarfoto de uma buceta nasendo os cabelos quando depila de estojoarrombadimhas ponoContos com fotos velhos fudedores chupadoresXxvideo cosquinha na cabecinhasites historias e contos eroticos de incesto mae amante do filho marido ausentecontos anal bate estacahomnes esibindo seu pauzao no sanba cansao pornodoidomorena sapeca capetinha XVídeosfilho secava tanto a mae que ela resolveu. provocar ele pornocontos eiroticos leilapornVer contos de ciume do diario de um guei (sobre alam e biel).Prodroto meti pau dura na buceta da entiada dorminoconto meu sobrinho pedrinho olha minha calcinhamulher esculhanbando is outros no comentario do nariz thifanyContos Mamadas no paizimdeu clonazepam a menina e comeu o c****** dela dormindocontos porno scat lesbicocontos tranzei com a mulher do meu cunhadocontos eróticos eu em casa a sós com tio do meu maridoxxvideo vizinha veio estende roupacontos de casadinhas sapecas malhadassou amante do meu sobrinho contos sexo com velhosexopornodoido negao pica enorme grossa coroa sesual carentemenina 18 cabasom. padato tula dela camaHomempauzao analdito comedor de gay meu zapver vidioporno das secretaria mas bonitas de oculoNovinha fica facinha e chupa o pau de todo mundo e da a buceta pra vários eo vídeo vazou na internetmae foi na missa e ilha toco siririca pornôquero ver os filmes porno o pai tonto e fode com afilhaencoxei minha tia peituda (contos).ler contos eroticos de padres reaiscontos eróticos o pedreiro o meu cabaço geralcontos crossdressdei o cu e estourou minha hemorroida contosnovinho novinho da rola grossa calçando o amigo g****** muito dentro XVídeosconto cachorro comendo a dona