Casa dos Contos Eróticos


Click to Download this video!

I Campeonato de Artes Erótico-Marciais da Casa dos Contos

Um conto erótico de Mandarim
Categoria: Grupal
Data: 23/03/2007 15:58:28
Nota 8.81
Assuntos: Grupal, Swing

- Boa noite, galera que curte a melhor área de contos eróticos do Brasil!! Estamos aqui nesta noite na Hot Read Arena para o I Campeonato de Artes Erótico-Marciais da Casa dos Contos, o megaevento The House Fight! Eu sou o Mandarim, “aquele que a massa já consagrou” e estou aqui com a presença dos comentaristas Príapo e Zé Roberto “os compiladores que matam a cobra e mostram o pau”, e da promotora do evento, braço direito, ou seria perna direita?, do Eduardo, dono da Casa dos Contos, a Elen “Miss Hífen” Regina, para narrar a primeira versão deste fantástico combate erótico-literário. Boa noite, Elen, o que podemos esperar deste show organizado pelo Eduardo Veríssimo patrocinado pelo Mercado Livre e promovido por você?

- Boa noite, meu querido Mandarim, boa noite Príapo, Zé e galera que aprecia e gosta de contos altamente provocativos. Nesta noite vamos ter um evento absolutamente novo no Brasil que reúne as feras da Casa num embate envolvendo toda a arte literária mesclada numa porradaria pra lá de excitante. Isso significa, em outras palavras, tesão no grau máximo!

- Que beleza, Elen! E o público presente superou expectativas?

- Total. O público apareceu em massa para consagrar o evento e firmar ainda mais nossa união. E ninguém menos que “aquele que a massa já consagrou”, o viril Mandarim, para cobrir todo esse show erótico-pornográfico-marcial.

- É, e ‘cobrir’ é uma tarefa fácil para quem está acostumado com a Casa dos Contos. Por isso passo a palavra agora a palavra para o compilador de todas as horas, Príapo!

- Boa noite, meu caro Mandarim, boa noite Zé Roberto, boa noite Elen e amigos. Bom, acho que esse evento promete. Acredito que vai ser um divisor de águas no mundo das letras e do erotismo, onde a pancadaria que fará a diferença vai ser o passado, os costumes, o treino e a tradição de cada lutador.

- Bela palavras, Príapo! Pra quem acha que o Príapo só compila, ele acabou de emitir sua opinião pessoal muito pertinente ao que estamos por presenciar. Muito bem, e você, Zé Roberto, quais suas colocações iniciais?

- Boa noite, galera! “Colocações” é sempre uma palavra gostosa, mas acho que vai ser o verbo da noite. Sensualidade e briga não vão faltar. Temos aqui grandes artistas e lutadores de grande calibre que prometem dar um espetáculo digno de embates memoráveis. É, antes de tudo, um jogo em que vai vencer o que estiver melhor preparado, quem tiver maior arsenal de golpes eróticos.

- Sábias palavras, Zé. E quanto aos lutadores, Príapo, o que você diz? Temos aí atletas de excelente calibre como é o caso de Alê, Vertigo, Eros, Tinhoso, Edinho, Paulo MSN 55, Carlinhos, Pluguesi, corno-bi, Mayon... e isso só na ala masculina. Pelo lado feminino temos nomes fabulosos que prometem lutas arrasadoras como: Le, Delícia, [email protected], SU, Sil, Layla...

- É verdade, Mandarim, o card está repleto de feras! Vai sair faísca!!

- Certamente, meu caro Príapo! Bem, vamos agora com a “intrépida” repórter Silvia Helena, a mulher que “não perde a notícia nem debaixo de pau”. Vai daí Silvia!

- É isso aí, Mandarim! Estou aqui no meio da platéia e vou entrevistar um grande espectador conhecido de todos, um respeitado comentarista, que está ansioso pelo início dos trabalhos. Fala Maduro!

- Pois é Silvia, estou ansioso pelo início das lutas e tenho certeza que o bicho vai pegar! Se cair na teia da aranha, o couro come!

- Isso aí, Maduro. A cobra vai fumar e a noite vai bombar!

- Esse é o espírito, galera! Cobra, aranha e noite bombando!

- Silvinha, quem é aquele ali sentado na quarta fileira de gravata borboleta? É quem eu estou pensando?

- Isso aí, Mandarim! É o Sergio-DF que veio com o pessoal de Brasília. Ele andava sumido, mas deu o ar da graça com o wil df e o pracasadasdf. Peraí que os candangos querem dar um tchauzinho...

- Beijos mãe, beijo tia Neuzira, alô pessoal do Gama, Ceilândia, Planaltina, Sobradinho...

- Chega, Sergio-DF! Já não basta ser considerado o mais chato comentarista de todos os tempos e você ainda quer passar o evento todo dando tchau pras cidades satélites? Ei, wil df, tira a mão da perna dele que a câmera tá mostrando essa sem-vergonhice pro Brasil todo! Esses caras estão sumidos, mas não perdem a essência, vai daí Mandarim!

- Hehehehe... esse Sergio-DF é uma figuraça. Abraços pra ele e pro pessoal da Capital. A nossa repórter Sensual d+, “aquela que sempre traz um furo de reportagem” está chamando direto da entrada do ginásio. Parece que há um princípio de tumulto por lá.

- Pois é, Mandarim, aqui fora o público que deixou para comprar o ingresso de última hora não conseguiu nada. Além disso, alguns adolescentes enraivecidos começaram a jogar pedras nos portões. Conseguimos flagrar um desses vândalos que se identificou como Ale, sem acento circunflexo no “e”. Vamos tentar uma conversa aqui com esse xará do grande contista-lutador Alê.

- Ale, você não conseguiu ingressos nem com os cambistas?

- Não consegui com ninguém, porra! Tô puto!! Pior é que fugi de casa pra ver essas lutas e quando voltar vou ter que ficar de castigo ajoelhado no milho... nem poder dar zero eu vou, que sacanagem!

- Calma, menino, fica calmo que você não tem bagagem para ser lutador e por isso é bom não encrencar. Além do mais, se for ajoelhar, chame que entende do assunto, o me-nin0. Seus contos homos são ótimos!

- É verdade, Sensual d+, o Ale “sem chapeuzinho do vovô” é ASP ainda. Vai ter que ir pra casa acompanhar o evento pela TV mesmo!

- O que é “ASP”, Mandarim?

- “Aspirante a Punheteiro”. Sensual, dê um trocado pro guri se mandar porque a Silvia Helena está com a boca no microfone para falar da primeira luta da noite.

- Mandarim, o primeiro combate do evento é Erialton x Tinhoso.

- Valeu, Silvia Helena! Zé Roberto, o que podemos esperar desse confronto que coloca frente-a-frente gerações tão distintas?

- Mandarim, trata-se de um combate em que o favoritismo está todo do lado do Tinhoso, que possui golpes muito perigosos. O Erialton é uma incógnita. Não tem carisma e seu poder de absorção dos golpes é fraco. Além disso, não sabe ter postura no ringue.

- Muito bem, vamos para o início do combate. O juiz é o Eduardo Veríssimo e a anunciante da luta é a dadivosa Branca. Vamos lá, Branquinha!

- Senhoras e senhores, boa noite! Vamos ao primeiro combate do evento The House Fight! Do lado esquerdo, com uma bagagem considerável pelo mundo do erotismo na grande rede, com algumas vitórias na carreira, lutador temido no mundo dos contos, principalmente envolvendo tramas de cornos resignados, Tinhoso!!!

- É, o Tinhoso parece um pouco fora de forma, mas é muito talentoso.

- E do lado direito, ele que é uma novidade na Casa, conhecido como “Bula de Remédio”, o Rei da Discórdia, Erialton!!!

- Está sorrindo enquanto mantém o aquecimento. É uma figurinha mesmo!

- Isso mesmo Zé, o Bula de Remédio é engraçado, mas não sei se tem cacife para bater de frente com os bambas daqui não. O Eduardo pergunta se estão prontos. Começou!

- Erialton parte com tudo para cima, mas Tinhoso mantém a calma e responde com um cruzado de “Dominação” que explode no rosto do adversário. Erialton acusa o golpe e tenta revidar com um “O pastor comeu o meu cu”, que passa no vazio. Mas não desiste e tenta com “Patrões sacanas” e erra novamente. Erialton está tenso, já respira pela boca. Tinhoso parece saber o que faz. Dança na frente do oponente e encaixa um poderoso “Traição não consentida” no nariz! Erialton está grogue! O público vibra. Ele foge para as cordas. A platéia vaia e vaia muito, vaias ensurdecedoras. Tinhoso cerca e mina o adversário com pequenos golpes bem escritos, com sensualidade. Erialton tenta golpes de qualquer jeito e sapeca uma seqüência de “Casal enrabado”, “Meu aluno me comeu” e um desesperado “Fodi minha sobrinha”, mas nada acontece e o público continua vaiando seu estilo feio de luta. Tinhoso absorve todos os golpes, que pareceram anêmicos, e solta um direto de “Vulnerabilidade”. Erialton caiu apagado!! Nocaute com 1 minuto de luta!!! Sensacional a performance de Tinhoso! Calmo, cercou o adversário e impôs seu jogo. Erialton está sendo atendido pelos médicos enquanto Tinhoso sai aplaudido e avança na competição. Parece que o Bula de Remédio vai parar “No Hospital” do Carlinhos. O que você achou, Príapo?

- Tinhoso usou seu repertório de forma calma e não deu chances para a zebra Erialton, que se mostrou fraco em todos os aspectos.

- Elen, o Erialton decepcionou?

- Creio que sim. Esperava mais dele, mas não deu nem pra suar.

- É, pessoal! A platéia gostou bastante. Dá pra ver daqui a caravana do astronomo2006 que ocupa todo o setor esquerdo do ginásio aplaudindo a primeira luta da noite. E aí, Zé, seus comentários?

- Erialton não tem como competir em pé de igualdade com Tinhoso, que é um mestre na área da traição e reconsideração. Mas só por subir no ringue o Rei da Discórdia já mostrou a coragem de quem quer vencer um dia. Tem boa ginga e pode evoluir. Mas precisa ser mais humilde.

- Isso aí. E a próxima luta é entre Alê x Jotaef, ex-Flavinho. Quais as perspectivas, Zé Roberto?

- Olha, o Alê é muito técnico, procura cansar o adversário e impressiona a sua variedade de golpes, enquanto que o Flavinho explora mais os erros do oponente. Na minha opinião, Alê finaliza no primeiro round.

- Príapo?

- O Alê possui uma combinação explosiva de golpes. Seu “34, divorciada, 2 filhos” é uma patada violenta. Já o Jotaef atua mais no feijão-com-arroz e tem no “Começou no bate papo” seu golpe mais forte.

- Elen?

- O Flavinho é esforçado, mas não vai ter muitas chances contra o Ale, não.

- Vamos lá. A Branca já anunciou e agora o circo vai pegar fogo.

- Ambos começam se estudando. Jotaef tenta uma investida com “Soninha” e consegue balançar o adversário. Mas Alê se recupera e atinge com oponente com um maravilhoso “Duas de cinqüenta e três de dez”. Flavinho sente e tenta fugir, mas cai. Ainda tenta um “Bendito orelhão”, mas erra o golpe. A luta agora se desenrola no chão. Alê mostra desenvoltura e aplica vários golpes, entre eles “O Piano” e “A Comunista”. Jotaef se defende com “Minha história com Rosi” e Alê sente. O público está vibrando com o embate que é muito agitado. Flavinho tenta sair da chave-de-perna em que está metido com o “Começou no bate-papo II”, mas não dá certo, pois ele cai agora na chave-de-braço, aplicada com muita sabedoria por Alê e seu “O Eletricista”. Jotaef esperneia mas não sai da chave, que é muito justa, e tem que dar três tapinhas indicando a desistência! Fim de luta, Alê vence por finalização numa luta muito boa. Silvia Helena está no ringue e vai conversar com o vencedor do combate.

- Alê, fala pra gente o que você achou da luta.

- Silvia, o Jotaef veio com muito gás, bem preparado, mas eu treinei forte e usei bem minha grande diversidade de cruzados e jabs além das chaves. O evento está de primeira, excelente. Deixo um beijo para todos e obrigado pela torcida!

- É isso aí, Príapo! O Alê deixou sua marca e “eletrocutou” o Flavinho, hehehe.

- Verdade, Mandarim, a chave-de-braço “O Eletricista” é pura técnica. Valeu!

- Alê avança e o Jotaef já está ali, sendo consolado pela querida Gordinha_sp que já prepara o gelo para o braço inchado do nosso amigo. Cuide bem dessa mão que dela saem bons contos, hein, doçura? Formam um lindo casal, não, Zé?

- Sem dúvida, um dos casais mais bonitos da Casa.

- Bom, vamos dar uma panorâmica no ginásio para ver a galera. Podemos ver ali no canto o madwal, Assimetrix (com seu belo “eu, meu marido e meu primo em Floripa”), rvarodrigo, Natão, Mulherão e tchellobs. Ao fundo vemos cesar-x, matuto, Rico (e o bom “Caí em tentação...”), Camila25bi, Evertom, Pirú Pequeno, sedutor1973, Boquinha (“Provoquei meu marido e acabei arrombada”), Paladino, XicoPB, Tavares, dubonde, saocarlos, Tchê, Carol-thi, chefão, saradão22, alinesapeca (“Amiga da minha mãe”), Fabio_BH (“Empregadinha sorrateira”), RENE (“Feia sim. E daí???”), negro tipo a, maggie, Bolanagata, sedutora (“O irmão do meu marido”), saborosa06 e greeneyes.

- Realmente está lotado o ginásio, o pessoal compareceu em peso.

- Vamos para a terceira luta da noite, Dödòi x Paulo MSN 55. Que lutaço!! Dödòi é uma verdadeira lenda na Casa. É das antigas, mas não perdeu seu apetite por um bom combate erótico. Tem muito vigor.

- É, e o Paulo MSN 55 tem um estilo arrojado, criativo e poderoso. A Thetis, sua mulher que fica no córner, o ajuda sempre. Vai ser pedreira!!!

- Falou tudo, Zé Roberto! Os atletas já estão no tablado e o show vai começar. Começam se respeitando bastante. Dödòi aplica um violento “Do desejo ao gozo” e balança o Paulo MSN 55! Incrível! Thetis grita para que ele use seus poderosos socos. Paulo se solta e acerta um belo “Tarde num motel” que faz Dödòi caminhar para trás. O combate é muito técnico e o público delira! Uma menina ali no canto urra torcendo pelo Dödòi, é a rosa, presidenta do fã clube do cara. Dödòi sente o momento e ataca com “Desejo incontrolável” e em seguida “Desejo incontrolável II” que deixa Paulo meio zonzo, sem saber como se proteger. É muita perfeição nos golpes. Êpa!! Thetis, a mulher do Paulo subiu no ringue e está ajudando o marido! Isso pode?

- No caso deles, pode. É que eles têm um estilo próprio de combate, sempre atuam juntos. Essa exceção é coisa rara, mas em alguns momentos é permitida. Como agora.

- O público delira com os quatro no ringue, incluindo o juiz. Vai acabar virando bacanal! O juiz permite e o couro come.

- Dödòi tenta se esquivar usando sua experiência com “O olho”, mas falha feio e Paulo e Thetis acertam uma seqüência forte com “Na chácara de amigos” e “Deixe minha garota sozinha”. Dödòi acusa o golpe e cambaleia. O público pede: “cedi, cedi, cedi!...” e Dödòi atende aplicando seu chute mais famoso: “Cedi, experimentei e gostei” e derruba Paulo, que cai num knock down fantástico! Mas Thetis, que agora também está lutando, vem por trás e encaixa um mata-leão no grande escritor-lutador, finalizando-o com o “Aconteceu ao luar”. Dödòi não resiste e dá três tapinhas no chão, desistindo da luta. Paulo MSN 55 vence e avança com Thetis. Dödòi sai aplaudido do ringue mesmo com a derrota.

- Mandarim, que maravilha de luta! Estranhei o fato de o Dödòi não ter usado seu direto devastador: “Inquietudes: Gozos e inocência”. Mas perdeu de cabeça erguida.

- É, e cabeça erguida é o que não falta na Casa dos Contos, o melhor site erótico do Brasil! Entre, comente, escreva, vote, participe e faça amigos!

- Mandarim, próximo combate é feminino, duas feras: [email protected] x SU.

- A terra vai tremer!! Em quem você aposta, Príapo?

- A [email protected] vem muito preparada. É a lutadora do século XXI, com muita explosão e se ajusta a cada cenário. Seu punch tradicional é “Patinha feia”, muito conhecido.

- Verdade! E a SU? A SU é bem versátil e vem de família experiente no combate corpo-a-corpo. Luta boa, galera!

- A Branca está fazendo o anúncio oficial da luta.

- E no canto direito com 4 vitórias na carreira, sendo 3 por nocaute e nenhuma derrota, a “adorável patinha” [email protected]! E do lado esquerdo, com 5 lutas e também nenhuma derrota, “a menina de família”, SU!!

- É, rapaz, são duas musas incontestes da Casa. E a noite vai esquentar! Tenho grande admiração pela SU, mas a Juju vem muito focada, apesar de ser novata. Veio pra ficar.

- Pois é, Príapo, a [email protected] é nova no meio mas é fortíssima. Seu repertório é bom, apesar de um tanto curto. Ela tem que explorar a qualidade dentro do que sabe e confundir a cabeça da adversária.

- Isso mesmo, Zé Roberto. São duas mulheres adoréveis. E a SU vem com seu bem conhecido “Meus pais se amam... eu e meu irmão também!!!”. Inclusive seu mano está ali no córner dando a maior força para a maninha.

- Começou! Ambas se estudam e soltam alguns jabs sem efeito. Agora a [email protected] mandou um pesado “Aprendendo com mamãe” na altura da linha de cintura de [email protected] que sentiu! Mas, esperem, [email protected] assimilou bem a investida de SU e respondeu com seu “As aparências enganam” e a SU foi para as cordas e tenta, no desespero, acertar com “Grande amigo”, mas conseguiu apenas afastar temporariamente o perigo! O combate está em alto nível e o público aplaude. SU tenta se recuperar com uma combinação fantástica entre “Surpresa em Porto Alegre” e “Preparando um Swing”! Juju cai! SU parte pra cima, mas erra incrivelmente o soco com “Ainda programando o Swing”, que foi telegrafado e permitiu [email protected] esquivar-se. Juju agora se levanta, ainda grogue e volta à luta conectando a “Patinha feia”. O público delira e grita “Patinha, patinha, patinha!” SU parece cansada, mas não se rende. Que lindo ver essas duas em ação! Olha aí, a [email protected] acerta um direto de “Helena” e é nocaute!! Impressionante! Fantástica apresentação dessas grandes meninas! Surpreendente a desenvoltura da [email protected]! O que você achou, Príapo?

- Combate muito intenso e cheio de reviravoltas! A SU surpreendeu com boas variações, mas acabou não resistindo ao golpe de maior potência da Juju, que entrou forte. A [email protected] avança, mas vejo um problema para ela... os oponentes sabem que seu arsenal é limitado, apesar de perigoso, e agora que já viram como ela o utiliza vão se cercar de cuidados. De qualquer forma é uma lutadora exuberante. E SU mostrou todo seu valor.

- Perfeita análise, senhor Príapo!

- Os combates estão magníficos e o povo está curtindo bastante. Vamos dar mais uma panorâmica nas arquibancadas para ver essa gente toda!

- Estou vendo a kellcris (“Noite de carnaval”), Junior650, Bitola (“Bichinho do mato”), Dani-Juli (“O stripper comeu minha noiva”), putuxinu, Mel (“Sexo na faculdade”), Fabio_mg (“Tesão a primeira vista”), korben, mineirinhospartacus, Anjo, D14, she-ra, Julia, Dhuly, kaddu, Dú, Jaunzim, Santiago Córdoba (“A namorada e o bem-dotado”), cassia, saboia (“A filha de Francisca”) e Osho (“1985”). Estou vendo um sujeito ali que não está identificado... não vejo seu nome, apenas a data, a hora e comentários. Como pode ser?

- Bom, não sei... mas assim como existe o nosso amigo Zé Roberto, podemos apelidá-lo de Zero Berto, ‘o anônimo’, hahahaha!

- Perfeito, Príapo! Mas gang que distribui zeros a rodo é a do mondrongo e jacosi.

- São moleques, Mandarim, não ligue... estão na fase da punheta ainda, hehehehehe.

- Isso aí, Zé. Aquele ali logo acima do fabio é o Théo, aquele que em quase todos os seus comentários ele assina o sobrenome Ozga e põe seu e-mail para que alguma gata o ampare?

- Bem lembrado, Príapo! É ele mesmo. Mas aparentemente está encalhado ainda. Parece que não surtiram efeitos as suas súplicas.

- Aquele ali de cabelos grisalhos é o veterano Lord Thom? Está elegante naquele terno risca de giz.

- É ele sim, Zé, criador de “Devaneios de luxúria” e “Meu primeiro orgasmo”. E está sentado ao lado do Dark Angel, conhecido no mundo erótico como Inccubus, autor de fortes pancadas, como o lindo “Amantes eternos”.

- A Sensual d+ está de volta dentro do ginásio e agora entrevista o Engenho, um novato na Casa que chegou para enriquecer a área dos comentários.

- Pois é, Mandarim, estou aqui com o Engenho. O que você está achando das lutas, Engenho?

- Muito boas. Acho que todos os valores estão sendo desnudados e isso é bom, pois podemos apreciar bem as técnicas usadas, curtir cada uma delas.

- Bem apropriado o verbo ‘desnudar’, porque o lema por aqui não é “quem casa quer casa, mas quem caça quer Casa. Casa dos Contos”.

- Mandarim, já está tudo pronto para o próximo embate que rolará entre o corno_bi x Pluguesi.

- Que beleza! A apresentadora Branca já está mostrando o cartel de cada um. Príapo, o que podemos esperar desta luta?

- Rapaz, o corno_bi vai ter que tirar algum coelho da cartola, porque o Pluguesi, além de muito forte, é técnico e, segundo seu staff, ele não veio pra brincadeiras.

- E você, Zé, o que acha?

- O corno_bi tem um repertório limitadíssimo e pode acabar sucumbindo ainda no primeiro round. Mas como já foi dito, quem entra na Casa, quem sobe, tem coragem e já é vencedor.

- A luta começa e o Pluguesi já parte pra cima soltando um bom “DasNeves – momentos perigosos” que fez o corno_bi cambalear para as cordas! O corno_bi responde com um “Como me descobri corno” que Pluguesi assimila com certa facilidade. O combate está movimentado e o público vibra bastante! Pluguesi agora desfere um potente “Tânia – tesão de menina” que faz com que o corno_bi caia de quatro! Pluguesi foi para a montada, para tentar finalizar com um mata-leão. A luta está toda na mão de Pluguesi.

- Mandarim, Mandarim! Uma mulher ali na platéia está assoviando e mandando beijos para o Pluguesi, quem é?

- Verdade, Príapo. É a namorada do corno_bi! Ela dá um mole descarado para o Pluguesi enquanto a luta se desenrola, que coisa insólita!

- E parece que está fazendo efeito, porque o Pluguesi não evoluiu mais, envolvido que está no flerte com a namorada do corno_bi! O corno_bi vira e mostra novamente para o Pluguesi o “Como me descobri corno” certeiro! Fim de luta e o corno_bi vence numa reviravolta inacreditável! A luta era toda do Pluguesi até o momento em que a namorada do corno_bi entro em ação!

- Isso mesmo, Mandarim! O corno_bi está recebendo o troféu das mãos da ringue girl Pitanga, mas o Pluguesi está conformado e não está nem aí. Já saiu do ringue e agora está ali conversando com a namorado do corno_bi, trocando uns carinhos. Que coisa! Silivia Helena, a nossa repórter vai tentar uma entrevista com o Pluguesi para saber o que houve!

- Pluguesi, conta aqui pra gente o que aconteceu?

- Nada demais, apenas vi essa mulher linda aqui fora do ringue me mandando beijinhos e, sem nem saber que ela era, em tese, do corno_bi, vim conferir sua posição, pois meu negócio já estava ficando de pé. Já estamos até planejando editar um novo conto.

- Qual seria o título?

- “Como fizemos um corno”.

- Excelente! Categoria inequívoca do Pluguesi que, mesmo derrotado, saiu de cabeça em pé do combate. Corno_bi avança no Campeonato enquanto que Pluguesi vai para o chuveiro mais cedo com a namorada do adversário. É a vida!

- Uma grande zebra na noite. Mas isso acontece. Vamos para o próximo embate entre dois grandes nomes da Casa: Vertigo x Maldoso.

- Mandarim, se o Maldoso não vier muito preparado vai ser um massacre. O Vertigo é perigosíssimo e tem uns diretos demolidores, como o “Hedonistas – O clube do passa-anel”.

- Certíssimo, Elen. Vertigo é um lutador top, muito carismático e conta inclusive com um fã clube aqui presente liderado pela bela Thaisa (“Conto caboclo”). A Branca já está anunciando os lutadores, vamos acompanhar.

- ...do lado esquerdo, um lutador-contista estupendo, de quem eu sou fã incondicional, Vertigo! E no lado direito, meu amigo pessoal, Maldoso, “o Terrível”!!

- Vamos à luta! Vertigo começa estudando o oponente, soltando uns jabs. Maldoso faz umas caretas e fica dando umas risadas. Vertigo finta e acerta um belíssimo “O jardim dos amantes”. Maldoso acusa o golpe e se fecha na guarda tentando responder com “Amasso no Ônibus”, que Vertigo defende sem problemas. Maldoso tenta crescer no combate com “Encontro casual” e “A desconhecida”, mas Vertigo baila e se esquiva com plasticidade de todas as investidas. Maldoso está nervoso e desperdiça golpes no vazio. O público grita “virgens, virgens, virgens...” e Vertigo acerta um violento “As Virgens de Baco” que derruba Maldoso! Knock down e Vertigo parte para o destruição total do oponente com “Luana” e “Despedida de solteira”, mas Maldoso, que é guerreiro, ainda tenta um “A bunduda de Guaxupé” para não apagar de vez...

- Mandarim, alguém na platéia está gritando desesperadamente... parece que está dizendo que esse último golpe do Maldoso foi copiado dele... se for verdade o juiz vai ter que interromper a luta e desclassificar o Terrível.

- Confirmado! “A bunduda de Guaxupé” é plágio e golpe requentado, sem citar a fonte, é desclassificação! Que vexame. O público vaia intensamente o atleta Maldoso, que sai do ringue sendo amparado por seu staff mandando bananas e mostrando a língua para o povo. Muito anti-desportiva essa atitude... lamentável. Mas, é isso. Vertigo vence e avança. Sensual d+ está com o Vertigo e vai entrevistá-lo.

- Vertigo, parabéns. Agora conte-nos o que aconteceu nessa luta.

- Eu vinha bem, estava preparado e achei que o Maldoso iria jogar limpo. Mas fiquei surpreso quando ele disparou “A bunduda de Guaxupé”. Tive a certeza de já ter visto aquele golpe em outra academia, dado por outro lutador. O juiz só interrompeu quando alguém do público gritou. Tomara que o Maldoso reveja suas atitudes e volte como o grande atleta que é, pois é talentoso e tem muita gente na Casa que gosta dele.

- É realmente triste, mas são coisas que acontecem. Vamos torcer para que nenhum outro competidor utilize tal artifício irregular e torcer também para o Terrível reencontrar a ética. Bem, o próximo combate é feminino e é entre Le x Layla. Duas beldades da Casa que são muito queridas e possuem técnica invejável.

- É isso aí, Mandarim, Le possui golpes absurdamente fortes e é muito respeitada no mundo erótico-marcial. A Layla, por sua vez, possui um repertório vasto e bem conciso, mas não sei se terá punch para encarar o soberbo “Os vizinhos” da Lê, não...

- Sem dúvida, Príapo. Estaremos diante de um embate fabuloso e é com a Branca agora.

- ...e do lado esquerdo, com um vitorioso cartel na arte erótica, a versátil e infalível escritora-lutadora, “a amiga da vizinhança”, Le!! E no canto direito, a ágil, sagaz e sempre em boa forma, “a incontrolável” Layla!!

- Meu amigo, a caldo vai engrossar e eu não arrisco nenhum palpite!

- Compartilho contigo seu pensamento, Zé Roberto! Vai ser um combate incrível! Começou! Le e Layla estão se estudando, vendo qual o melhor momento de uma aproximação. Le arrisca um tímido “Ele me enfeitiçou” que apenas passa raspando. Layla procura saltitar para não virar ponto fixo na frente da ‘amiga da vizinhança’. Layla tenta um “Iniciação ao sexo total” que pega Le sem guarda. Mas a assimilação é rápida e ambas continuam se olhando fixamente, procurando brechas. Layla está um pouco mais usada e vai com “Sem controle” e “Viciada em sexo”, Le se esquiva bem. O público está em silêncio, apenas observando o desenrolar da luta que mais parece um jogo de xadrez literário. Layla continua na ofensiva e “Sedução na empresa” e “Meu cunhado, meu pecado”. Opa! Le acusa ter sentido o golpe e recua.

- O repertório da Layla é muito vasto e isso possibilita a ela preparar surpresas durante o combate.

- Exato, Príapo. Le está nas cordas, mas já se recuperou da pressão. O público agora pede “vizinhos, vizinhos, vizinhos...” para Le. Layla sente que se esse golpe sair pode derrubá-la, então fecha sua guarda e continua mandando jabs como “Quase uma traição” e “Seduzindo garotos”. Le se defende de todos e mantém a postura inicial de estudo. Soa o gongo! Fim do primeiro round.

- É Mandarim, este é o primeiro embate da noite em que vamos para o segundo assalto. Já imaginava que o combate seria difícil e técnico, que dificilmente acabaria rápido.

- Verdade, Elen. São duas garotas muito respeitadas e não há favoritismo. Pelo escore houve empate nesse início em 10 a 10. Vamos esperar a ringue girl Pitanga descer do ringue com a placa indicativa do segundo round para voltarmos.

- Que beleza de ringue girl, diga-se de passagem. Comeria ela inteirinha.

- Idem, Zé! Início do segundo round. Layla volta com mais vontade e distribui uma seqüência de “Seduzida e possuída na construção” e “Os agiotas comeram a minha esposa” que balança Le!! Incrível! Momento favorável para a Layla que tenta levar a luta para o chão com “Uma vadia casada”, mas erra a aproximação e recebe um contra-golpe fortíssimo com “Meu marido curtiu muito”. Layla cai e Le parte para cima com uma combinação explosiva de “Os vizinhos” e “Os vizinhos (parte II)” e o juiz é o obrigado a interromper! Nocaute técnico da ‘amiga da vizinhança’ Lê!! Impressionante a rapidez com que conectou essa seqüência. O público aplaude de pé a luta. Layla já está recuperada e agora as duas se abraçam no centro do ringue, que bonito! Silvia Helena está lá e vai entrevistar as duas.

- A Layla é uma lutadora-contista formidável e merece todo nosso carinho. Aprendi muito lendo seus contos.

- Que belas palavras, Le! Parabéns pela sua vitória. E Layla, o que você diz do combate?

- O que eu digo? Digo que vou fazer as malas agora e vou me mudar para a mesma rua da Le! Quero ser vizinha dela hoje ainda! É uma garota fantástica.

- Que beleza! Só mesmo aqui na Arena da Casa dos Contos podemos ver cenas assim. Uma transa em conjunto com essas duas deve ser algo fabuloso, não é não, Zé Roberto?

- Sem a menor dúvida, Mandarim! Acho que vou ver se há casas para alugar no mesmo CEP da ‘amiga da vizinhança’, heheheheh...

- Estamos agora com a Sensual d+ que está entrevistando um ilustre contista na torcida. Quem é, Sensual?

- É o Topa Tudo, um dos escritores mais influentes da Casa, que veio prestigiar nossos lutadores trazendo, inclusive, um protagonista de alguns de seus contos, o cão Pétrus! Por sinal, o cachorro não pára de latir.

- É, Sensual, é que ele não pode ver pernas como as suas tão próximas que ele se agita logo. Estou gostando das lutas. Estão todas ótimas e o espetáculo está valendo cada centavo.

- Valeu Topa Tudo! Segue daí, Mandarim.

- Zé Roberto, esse Pétrus não te lembrou nada?

- Hehehehehe... “Esposa cadela”, um belíssimo conto de zoofilia que compilei da concorrência. Com os devidos créditos, claro!

- Isso aí. Parece que o Pétrus está pegando o telefone da Sensual para mais tarde, quem sabe, um programinha. Esse daí não perde tempo.

- É isso mesmo, Príapo! Acesse agora casadoscontos.com.br e deleite-se com os melhores contos eróticos do Hemisfério Sul. Bom, agora nós temos uma surpresa. A Elen Regina vai subir no ringue e vai declamar parte de seu conto mais famoso, onde poderemos curtir, na sua doce voz, as palavras que já marcou tantos freqüentadores.

- Opa! Parece que temos um contratempo no tablado! A Branca não quer passar o microfone para que a Miss Hífen conte-nos o pedaço de “O novo amigo do meu marido”.

- É verdade! Há uma briga pelo microfone. Ambas estão segurando firme agora, a Branca pela base e a Elen mais para perto do bocal. A Branca tentou puxar o cabelo da Elen, mas escorregou e caíram! Nunca vi nada igual numa apresentação! Não sei se é ruim ou não, pois o público está gostando! O Eduardo ia intervir, mas parou quando viu que o as duas agora não estão mais rolando com raiva no chão, estão envolvidas num abraço, sim, mas um afago carinhoso, fraternal, meigo, gostoso...

- Garotas, o negócio está bom, mas vamos parar com isso para podermos prosseguir com o Campeonato! Elen, queira por favor declamar logo seu conto no centro do ringue.

- A Elen está meio despenteada, mas parece que nada abala seu charme. Agora sim ela vai poder reproduzir em boa e gostosa voz uma das melhores estréias anais já relatadas na Casa.

- Fechem os olhos. Imaginem um cenário envolvente, que exala sexo, que lambe sob o fogo quente do desejo... “Cláudio fez que não ouviu. Voltou a atacar com a sua língua. Pouco depois ele veio novamente com o dedo. Só que agora eram dois. Ele começou a fazer uma leve massagem com eles na portinha do meu cu e, bem devagarzinho, foi enfiando eles dentro da minha bundinha. Soltei um urro de prazer. " - Que tesão, Cláudio, que coisa boa meu bem... acho que eu nunca gozei tanto. Quando é que você vai me enrabar de verdade, amor?" " - Você quer que eu faça isso?" ele perguntou. " - Claro! eu estou doidinha de vontade de sentir esse seu pauzão entrando no meu rabo" " - Então," disse ele, " - Você vai ter que aprender a implorar por isso. Quando você estiver querendo dar o cu, você é que tem que pedir para o seu parceiro, sabia? cu oferecido é muito mais gostoso." " - Então eu peço: Cláudio, põe no meu cuzinho, amor. Me enraba. Me fode a bunda. Você não vê que eu to doidinha de vontade de dar o meu cuzinho pra você?" Foi aí que ele me surpreendeu: " - Você não quer esperar o Rodrigo? você não quer reservar o cabacinho deste cuzinho lindo e gostoso para o seu maridinho?" " - Nããoo!", gemi eu, " - Eu quero dar o meu cu agora e quero dar pra você. O Rodrigo já descabaçou a minha boceta. Foi você quem me fez ficar com tesão no cu. Então, merece comer ele primeiro que qualquer outro. Vaaii loogo amor... não sacaneia este cuzinho que você deixou todo babadinho de tesão. Come ele logo, por favor" Então, Cláudio se resolveu. Ele se ajoelhou por trás de mim e pediu para eu arrebitar minha bundinha bem pro alto. Depois, pegou as minhas duas mãos e, colocando-as em minhas nádegas, pediu para que eu mesma abrisse a minha bunda para ele poder me enrabar com gosto. Enquanto assim eu fazia, ele comentou que a visão das minhas mãos com as minhas duas alianças, uma de brilhantes e a tradicional de ouro, na mão esquerda, abrindo a bunda em oferenda, davam a ele o maior tesão do mundo. Aí, ele foi aproximando, com a mão direita, a cabeça do seu pau, posicionando-a bem no meu cuzinho. Ele me orientou para ficar bem calma e relaxada. Depois ele foi pressionando bem devagar até sentir que as preguinhas do meu cuzinho cedessem e dessem passagem para a cabeça do seu pênis avantajado. Senti um dorzinha muito ligeira que logo se dissipou em tesão”. Valeu!

- Nossa!!! Que loucura! A galera em êxtase aplaude do jeito que dá, porque já tem gente que só está com uma das mãos livres.

- É isso mesmo, Príapo, loucura total! Essa é a nossa majestosa Elen Regina.

- Êpa, que movimentação é aquela ali atrás da pilastra, Zé Roberto?

- Ora se não é o casalvontade se comendo loucamente! Parece que eles não resistiram e partiram logo para o confronto corpo-a-corpo.

- O público viu e agora aplaude efusivamente!

- Olhem lá, o Alê voltou para o ringue e pegou o microfone da Branca. Quer anunciar alguma coisa!

- O Alê é um ótimo articulista e suas reflexões são sempre pertinentes. Vamos ouvi-lo!

- Galera! O I Campeonato de Arte Erótico-Marciais da Casa dos Contos está um sucesso, sem a menor dúvida. Mas, refletindo aqui após ter vencido meu primeiro combate, pensei no seguinte: por que não transformarmos esse campeonato de ‘sucesso’ para ‘su-sexo’? Afinal, todos estamos aqui para interagir, conhecermos um ao outro melhor. E a melhor forma de entrarmos em sintonia é através daquilo que mais contamos no site! Vamos adotar a idéia do

casalvontade ali no canto e da Sensual d+ e o rotweiller Pétrus, do Topa Tudo, ali do outro lado, que também já estão num outro estágio.

- Cara, as colocações do Alê me arrepiaram! Ele está certíssimo!

- É verdade, Elen Regina. E o público delira e aplaude efusivamente o discurso!

- Olhem ao redor, todos estão tirando suas roupas! Silvia Helena, por favor mande a mensagem pelo alto-falante para que as crianças sejam retiradas do recinto. A coisa agora vai esquentar e pedofilia não combina com nosso estilo, não é?

- Claro, Mandarim! O molequinho representante dos contos escatológicos El Lobo e sua gang mirim, o guri jocosi, o menininho mondrongo e seu amiguinho [email protected]@azuis já estão saindo, escoltados pelo comissário de menor, para fora do ginásio.

- É, parece que um gigante conto erótico está começando a ser escrito dentro, pessoal! O Edu e Milene foram pro ringue e estão chamando mais adeptos para um swing que vai rolar entre as cordas. Formidável essa energia e essa atmosfera sexual que está se alastrando!

- Sem dúvida, Zé. O Eros, que estava se aquecendo pra enfrentar o Mayon agora está mostrando pra Ana Danadinha, a presidenta do seu fã clube, como foi que escreveu “Prazeres da carne”. Já o Mayon quer reescrever “A índia” com a ‘tesudinha’ Skimózinha. Já a Sil está convocando a Noiva safadinha para juntas despertarem o tesão no cunhadinho da Nanda.

- Galera, não sei quanto a vocês, mas eu vou levar a Delícia para “O condomínio do prazer” e quero ver como é que ela era “ANTES DA FAMA”! Príapo, Zé Roberto, Elen Regina e amigos do Casa dos Contos, vamos encerrando por aqui essa transmissão deixando aqui um abraço a todos do Mandarim, ‘aquele que a massa já consagrou’!!

________________________________________

Esse conto é para congraçar com essa galera boa que freqüenta este excitante site, mostrando que podemos, sim, fazer a diferença e sermos um grupo de bons contadores de contos eróticos, interessantes comentaristas, sensatos votantes e, mais que isso, colegas virtuais unidos pelo Casa dos Contos. Um abraço do Mandarim.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
SU
29/09/2008 17:54:58
Amei a minha parte! aliás, amei todinho o conto!
12/05/2008 21:00:43
mas com certeza vc teria uma torcida grande peristilo ! :)
10/05/2008 12:59:43
Poxa! Esse Mandarim deve ser um talento mesmo. Fiquei impressionado, cheio de inveja e despeito. Vou ler tudo dele e ver quantos zeros consigo dar. Ainda bem que ele já se mandou daqui, pois com um oponente desses eu não teria a menor chance! Fascinante, Mandarim!
26/04/2007 12:49:53
Pois é, "inté" agora eu tô boba com essa história, e ainda chamavam os outros de farsantes e etc... Imagine. Quem sabe agora que eles sairam nós podemos comentar sossegados, isso se eles não resolverem entrar com outros nomes. e Já que eles são tão fodões vamos esperar que pelo menos nos passem o nº do protocolo da denúncia que eles dizem que vão fazer.
25/04/2007 16:14:57
Bem... Agora sabemos que Sílvia Helena, Elen Regina, Loira Natural e Zé Roberto eram a mesma pessoa, a turma antipedofilia, anti-estupro e que queria moralizar o end. eletrônico era quase toda formada de uma só pessoa, eram 60, 70% do estrato linchador. E como a/o comentarista usava de todos ardis possíveis e imagináveis, acho possível que os textos enfatizados pela Silvia Helena tenham sido implantados pela nossa personagem paranóica!
06/04/2007 20:30:45
VEJAM ISSO:Prezados colegas de site e amigos, solicito ajuda para moralizarmos esta bosta de SITE. Acabei de postar a seguinte denúncia e vou levar este caso até às últimas consequências: Prezado paspalho DONO DO SITE, este é um conto que envolve pedofilia e a responsabilidade criminal por mantê-lo no ar é toda sua. Seu prazo para tirar todos os relatos denunciados do SITE termina na próxima terça-feira. Estou em viagem. Chegando na minha cidade irei procurar as autoridades para denunciar seu site. PAGUE PRA VER ! http://zdorovsreda.ru/texto.pl?texto=A BOCA, 20 PICAS E UMA GARRAFA DE CERVEJA
04/04/2007 11:50:15
Mandarim, muito boa sua idéia. Agradeço as referências elogiosas e engraçadíssimas. Aceite os parabéns pela iniciativa, capaz de catalizar e unir o pessoal do site, além de despertar o interesse por autores que não conhecíamos. Abraços.
04/04/2007 10:34:50
Porra! só fiquei uma semana fora e quando volto vejo esta baderna no meu site. Que pouca vergonha é esta? Estão conseguindo macular esta obra prima do Mandarim. Sugiro que vocês abram um conto com o título de LAVANDO ROUPAS SUJAS e deixem o conto do Mandarim para quem gosta de uma boa leitura. Terrível.
04/04/2007 10:32:20
Sei lá... Não me senti demolido não, talvez eu não tenha conseguido me fazer entender, mas... Eu sou só eu, não administro esse end. eletrônico, só o frequento há muito tempo e me satisfaço em mandar meus “textículos”, minhas compilações de vez em quando... Não gosto de autoritarismos e não gosto dessa briga de egos... E desentendo (de verdade, não “desentendidamente”) porque tá sobrando porrada também pro Mandarim... Isso aqui é uma bela democracia, não é um clubinho fechado e as pessoas podem discordar uma das outras...
03/04/2007 20:12:12
SU, pelamordedeus, para com isso... longe de mim estar me referindo a você... eu entendo - COMO VOCÊ - que este asunto aqui está mesmo encerrado. Entendo, também, que a Loira Natural poderia mesmo estar nos brindando com um relato ao invés de ficar demolindo o Príapo como ela está fazendo e ele se fazendo de desentendido. Só para refrescar sua memória, releia as coisas que ela falou para o Príapo. Na "maciota" ela desmoronou o cara. E, desmoronado ele vai ficar porque é ele mesmo quem está cavando a própria sepultura. Ela, salvo engano, com sua análise dos textos chegou a declarar que um monte de gente aí pode ser a mesma figura, você notou? Me perdoe se eu a fiz entender que você ... etc... nada disso, querida, sou sua admiradora de carteirinha. Beijos
02/04/2007 11:08:40
Apenas para comentar que esse tipo de diálogo é que faz a nossa Casa dos Contos ficar gostosa. Pena que estamos vendo diminuir o número de pessoas com capacitação cultural para sustentar esse tipo de discurso. Loira, acho que tem uma porção de gente entendendo seus chistes. O chiste é breve, e é nele que reside, por assim dizer, a graça. E pode ajudar a descarregar uma agressividade que tem de ser reprimida.(Está na NET)
01/04/2007 18:08:54
E eu sou tão foda assim??? O Alê também foi-se embora por culpa desse compilador complicador??? Caraio... Eu tô podendo, sou um matador... E nem sabia! Loirona... Valeu pela sua idealização de mim, tomo um susto, mas aceito tudo de bom grado e antes que eu comece discurso de vítima chorona, aviso... Não saio nem fodendo!
01/04/2007 17:25:50
Caraio... Vamos falar do que eu entendi... Quando eu falava da Escola de Base quis falar dos linchamentos sumários, julgamentos rasteiros que é o que o Zero tava tentando fazer. A "disciplina" dele eu não quero pra mim não e eu não tô aqui pra dar jeito em porra nenhuma! E... Quem eu protejo mesmo? Sradão??? Não conheço! Não é do meu estrato (HAHAHAHAHAHA!!! Você encasquetou com a palavra!!! E cada vez que você a cita mais engraçada fica!), Maldoso?? Bem... Desse eu não gostei da desonestidade do plágio... E, fazendo o joguinho maniqueísta do Zero... Tá bom! Você está certa! Eu sou o demônio, a própria encarnação do mal... Mas não saio do site nem fodendo!!!! E muito menos sob chiliques...
01/04/2007 14:41:58
Essa foi a colaboração da Loira Natural para comemorar a Páscoa Cristã do ano de 2007. Que a paz do senhor esteaja convosco. E o meu desejo sincero que o estrato, sob administração exclusiva de Caífás e sua turma possa melhorar. Aleluia!
01/04/2007 14:38:14
maus escribas do templo... e aí, partiram pra cima dele pessoas Maldosas, Terriveis, com seus príapos fumengantes e com a conivência dos Mandarins... FODERAM O TAL DE INRI. PUTZ!
01/04/2007 14:37:24
Apenas mais uma dica:http://zdorovsreda.ru/texto.pl?texto=Veja o seu protegido saradão, colaborando apara o engrandecimento do nosso site. Mostre que o Sr. tem a mesma competência do Zé Roberto, Vai lá e daá um jeito nessa zona. Outros aí que falaram da Sílvia Helena e da Helen, vocês acham que tá certo isso? Olha, detesto polícia, regras, horários etc... mas acho que temos que agradecer a Nosso Senhor Jesus Cristo que existam pessoas disciplinadoras. Aliás, ele mesmo, o Jesus, acabou se fodendo porque tava querendo por ordem no templo administrado pelo Príapo e, aqui quero deixar bem claro, estou falando do Príapo verdadeiro - O CARALHO - na mais verdadeira acepção da palavra. O templo tava uma zona. Caifás que também tinha o próprio príapo e mais um monte de mandarins pra ajudar, não estava conseguindo manter a ordem ana suruba. Jesus achou que aquilo era um absurdo. Pegou um chicote e expulsou os maus escribas do templo... e aí, partiram pra cima dele pessoas Maldosas, Terriveis, com
01/04/2007 14:18:50
Uma outra coisa que não entendi muito bem foi o negócio da Escola de Base. Achei um texto muito pesado e de difícil deglutição para meus neurônios. O que tem a ver a escola de base que foi envolvida num escândalo (que se descomprovou) (essa palavra existe?) com o caso do Zé que chamou um saradão aí de "sem compromisso com o site" e o fato está pelanamente comprovado na folha corrida do saradão. Eu acho que o senhor, seu príapo, está misturando as coisas. Parece que o Sr. já conseguiu "calar para sempre" duas vozes interessantes aui do SITE. O seo Alê Chapéu e o Zé Roberto. Outro dia eu fiz uma sugestão sobre o seu codinome sugerindo mudar de compilador pra complicador... acho que o senhor devia mudar de novo. Que tal: Príapo, El Matador !
01/04/2007 14:08:52
Seu Príapo, eu quando trabalhava no Banco do Brasil, fiz diversos cursos na área de grafoscopia e documentoscopia. Naquele tempo, o BB tinha uma equipe especializada em desmascarar fraudes tão avançada que a Rainha da Inglaterra mandava até o pessoal da Yard virem aqui saber se existia alguma novidade. Porque me ufano deste Brasil. Então, seu Príapo, eu sei que tudo deve ser mera coincidência amas eu acho que o seu estilo de escrever, quando o sr fala de estratos, linha que separa, etc... seu estilo fica muito parecido com o do Maldoso (quando está sóbrio) do Mandarim e o seu próprio. Agara eu nâo me lembro bem se isso se chama simbiose ou se é dicotomia... a Branca já me mandou um texto me ensinado a tomar no Tobby. Eu e minha colega vamos tentar experimentar isso depois da semana santa até por um sinal de respeito aos ditames da Santa Madre Igreja. Acho que não fica bem a gente tá de cachorrada em plena semana santa.
01/04/2007 07:19:34
Loirona... Cada postagem tua é um outro conto e sempre bem amarrado em ironias e gracinhas... Você é ótima e torço pra que o Zero recoloque o texto animal dele (Eu não li, não gosto de contos de zoofilia!). É pena que, infantilmente, o Zero retirou seus textos daqui também. Era fácil perceber que o cara tava atravessando a linha do bom senso, tava passando a linha que separa os que querem justiça dos linchadores e quando se retirou da forma que se retirou mostrou o quão afetado é, aliás, sintomaticamente, não saiu sem antes dar um Zero a um conto meu... E a história está aí pra nos ensinar a não nos repetirmos como farsa, o episódio Escola de Base deveria sempre ser relembrado...
31/03/2007 18:43:04
É por causa disso, seu príapo, o senhor também me desculpe a franqueza, eu acho que sem termos gente séria como o Zé aqui no SITE, ele vai perder a respeitabilidade que todo SITE DE PUTARIA tem que ter (eu acho) e o seu estrato vai ficar uma bosta. Desculpem qualquer coisa! Branca, pelamordedeus, só tá faltando eu receber o seu manual pra darmos inícios aos folquedos cachorrais. Quer vir conhecer Araçatuba-SP? A gente te apresenta o Brutus!




Online porn video at mobile phone


conto gay virei namorado do tio viuvovidio porno crente curioza pra parA pega pica eacaba sendo estrupada ela cota tudomarido embebeda a esposaporno hem coxadas de. saiaenteada dorme de conchinha com padrasto e e penetrada.porno incesto com muita seducaocontos eroticos dei o cu pro negaoContos de papai e mamae sempre examina minha xotaContos eroticos o comedor da madrugada do soniferoo preço de um jato de gozo no meus peitos estão de sacanagem comigoincesto tia e sobrinho ela tenta resisti mad acaba sedendo a buxetinha porno videosconto erótico minha sogra me deu na quarentenacomtos.eroticos minha mulher na.praiaxvidiosexopornomolhadinha de calcinha beidido toda abertaporno menina se prostituiu com pau imenco que alargouamigos do meu noivo me arombaram na sua despedida de solteiro contos eroticosMeninos batendo bogueti sempre gostei de arretar os homens desde novinha contossexoirmá vai dormir con seu irmaoMamae me pegou comendo minha irmã caçula contosmulhe lavado abuçetaContos eroticos incestos a forca netinhassGTA Dona sinhazinha trabalhandovideo porno de picudo gozando na buceta de obeza e deixando a porra escoreranythingvidi o porno hone trezeno com eguhacosquinha nos pelos pulvianos xvideosprono doido morena predendo a gividade escadaloConto erotico comi a dentista no consultoriocontos eróticos os melhores eu e minha esposa recebemos uma visita de um casal de idadegay cunete otima visao pornobucetas gordas a deramarem espermasconto erotico corno na lua de melverbater punhetas e esporrar mais que uma vez seguidasporno menino eseminando a menina dormindoporno mulher sendo bolinada com furadeira pornoconto erotico gay currado numa cilada contos eroticos menino esfolo minha esposanegao.chama.loirinha.e.finca.a.mao.na.buceta.dela.que.grita.muito.novinha do priquito ruivo contosde chortinho pensando no namorado pornmulheres relatando como e ser dominatrixbucetao preto babando muito líquidocontoseroticos/nicoleavelin/autorabotei gozei tirei gozei soquei gozeixxxpastorashomens pauzudo que gosam ligero se meter com forsa no cuvideo mulher enocente perdendo p csbaso com 25anoscunhadinha novinha pega cunhado pelado no quarto e fica louca querendo f****empregadas dona de casa de calcinha cuidando de tudo mas provocando o patrao com o seu rabu gigante xnxvidiowww.contos eróticos.com.br. anal.cornocontos eroticos a cunhada quietinha e.religiosacontos porno com padre gayminha vida de chifradeiraver buceta de egua enfiando estojo de gozarContos eroticos com o dono da verdureiroXVídeo mucama transando com feitorEu tava em casa com meu amigo no sofá ai minha esposa saiu do quarto peladinha ai ela deu a buceta a nois dois casa dos contosbuceta lagar pelo jeguefilmes porno de diarista espiando patrao batendo punheta brasileira maior de idadefu lanbida pelo cachorro contos eroticos Contos padrasto fode filha novinha enchenteeu conto sou casada brincando com meu cunhado e ele me passou a varapiriquita britadeira evangelicaMinha esposa centou no colo de outro cera que eu sou corno manssofotos bucetad testa de tourocontos eroticos tia bucetuda no onibus e menino casetudoMinha esposa estava completamente dominada por aquela pica preta,contos eroticos gay x negao 40cmContos eróticos Trasei com amigas da minha namoradairman liquida divida do irmao pro amigo com bucetaa pele eu queria que ela ficasse no sofá da casa dela nua com a perna toda aberta a mostrando a b*****sexopornodoido negao pica enorme grossa coroa sesual carenteamigas chantageadas depois de furta pornocomendo o cu da enteada ela nao cobtnegao gozo dentro dsbuceta davizinhacontos eroticos sou viciado num cuzinho de machoContoseroticoscornolandiatransasurpresa.comcontosporn nao consegui ela com outrocontoerotico eu,namorada, minha mae e tio jorgehttp://zdorovsreda.ru/texto/201103701novinhas pelada da lingua da buceta vantajosa de pernas abertagordinha griluda seno curiada pelo cuiadoviuvinha ñ resistiu de tesao e deu a buceta pro amigocontos erótico assembleia dConto dei carona e o rabo para o meu genrover somete vidio alugaro uma mulher pra fude na chacar mais ela nao que da o cu comedoo cara e pauzudoeu lembia tua chota ate fazer tu gozar xxxcom esse tamanhinho ja fodecomendi a byceta de labios grandes xvidiisroberta.vadia.do.parana.fudeno.de.bruco.Vamp19-O Doce Das Suas Veias-24 . CASA DOS CONTOSeu quero ver a coxadinha acaba com a pica para fazer encostando nas mulher de calça compridanivinha com o pacote em chadinhoconto eróticopai colocar velho pra chupá buceta da filhaFotos de piruzoes aleijados de machoswww.pornoDoidomamae dormindo com buceta a perta e filho que comelablogs velho seboso pauzudo