Desejos de uma adolescente


Click to Download this video!
Um conto erótico de Pâmela
Categoria: Heterossexual
Data: 16/10/2006 09:55:04
Nota 9.00
Assuntos: Heterossexual

Meu nome é Pâmela, tenho 35 anos, sou casada e muito feliz com meu marido, Pedro, um gatíssimo de 55 anos.

O que vou narrar á vocês, é de que forma me tornei uma mulher, vencendo de vez a repressão dos adultos, que tentam ensinar a como devemos ser felizes, mas por sermos dona de nosso corpo e pensamentos, podemos e devemos explorar ao máximo nossas fantasias e chegarmos ao clímax do prazer.

Na época, com 12 anos, percebi que algo estava mudando em meu corpo, chegara minha menstruação e meu organismo começara a dar seu "ar" feminino e começar a modelar de forma escultural meus seios, que de jabuticabinhas, passaram a ser pêras, minha bundinha de criança estava aumentando de volume e arrebitando-se, na minha xaninha lizinha de criança começou a crescer aquela penujinha.

Aprendi a explorar meu corpo, reconhecendo suas áreas exógenas e comecei a me masturbar, devaneios e sonhos de uma garotinha estavam se tornando realidade de uma adolescente fogoza de desejos ardentes.

Os anos se passaram, agora com 15 anos, quando meus pais saiam e ficava a sós em casa, invadia seu quarto e assistia a fitas eróticas que guardavam ali, aqueles cacetes enormes invadindo aquela bucetinha, gritos e gemidos daquelas mulheres recebendo gigantescos pênis em seu pequenino orificio anal, as fortes ejaculações que recebiam em seus rostos e boca e em alguns casos até engolindo aquele leite branquinho e gosmento.

Aquilo tudo atiçava minha curiosidade, queria saber como era e em minhas masturbações enfiava um dedo na xaninha e o dedo mais fininho no cúzinho, na esperança de sentir o que aquelas mulheres revelavam naquelas cenas eróticas.

Gozava gostoso com meus dedos, mas não era a mesma coisa, queria sentir um cacete grosso e longo pulsar em meu interior e matar meus desejos.

Namorei alguns garotos de minha idade e tentei entregar-me, mas eles, por sua inexperiência eram muito afoitos e apressados, o que queria era algo carinhoso, alguém mais velho, que tivesse habilidade em fazer uma mulher chorar de prazer.Meus sonhos começaram a tornar reais, estava na piscina do edificio onde moro, quando reparei como era bonito o zelador do condominio, um rapaz dos seus 35 anos, alto, braços fortes, atraente, um jeito rústico de macho, justamente o que queria.

E numa manhã em que estava deserto a área das piscinas, criei coragem e puxei papo com ele, ele além de lindo e charmoso, era muito educado e descontraido, enquanto limpava a piscina, conversavamos animadamente, ele disse-me que era divorciado, tinha 2 filhos que havia ficado com a mãe no Nordeste.

Percebi que ele sentiu-se atraido por mim, ficava a reparar minhas coxas e a testinha de minha bucetinha protegida pelo meu minúsculo biquini.

Ele morava num quartinho pequeno que ficava ao lado da área das saunas e em seu dia de folga e que ele não estava por perto, fui até seu quartinho, estava curiosa para saber como era.

Tinha uma pequena cama de solteiro, fotos de mulheres na parede, um rádio de pilhas, uma pequena geladeira e uma televisão. Quando ia saindo, dei de cara com ele, perguntou o que fazia ali, meu coração disparou, e antes que me desculpa-se, ele agarrou-me e beijou minha boca, tentei escapar, mas era exatamente o que queria, passou a mão em minhas costas e desceu até minha bunda, beijou meu pescoço e ai me entreguei, ele tirou minha camiseta, deixando-me com meus pequenos seios para fora e com os biquinhos tesos, beijou e mamou cada um deles, deitou-me na cama, tirou minha bermuda deixando-me completamente nua em pelos, mordiscou minha barriguinha e desceu até minha raxinha, abriu minhas pernas e começou a chupar minha virilha, estava enxarcada, minha respiração ficou mais forte, queria ele logo a chupar minha bucetinha, e fui recompensada, passou a lingua em meu clítoris, desceu por meus pequenos e grandes lábios vaginais, encostou a lingua em meu hímem e terminou lambendo e beijando meu cúzinho virgem, subiu novamente e agora sim começou a chupar alucinadamente,enfiou a pontinha de seu dedo em meu ânus, ficou 2 minutos ali, não aguentando mais e gemendo alto, despejei meu liquido do amor em sua boca, ele foi subindo,mordendo-me e lambeu meu umbiguinho, sabendo que a chama que estava acesa em meu inteiro não havia se apagado, beijou minha boca apaixonadamente,

e desceu até meus seios, começou a mama-los, abriu minhas pernas novamente e com sua mão começou a esfregar minha bucetinha, era a primeira vez que um homem me masturbava, seu grosso, duro e áspero dedo massageava meu cítoris e quando senti um pedaço de seu dedo invadir minha xaninha, fiquei ofegante, estava pegando fogo e gozei em seu dedo, ele levantou-se dali, desceu sua calça, meus olhos brilharam, não poderia ser melhor, seu pau era descomunal e grosso, uma delicia, sem cerimônia implorei-lhe que me penetrasse, queria senti-lo dentro de mim, ele disse que era perigoso, alguém poderia chegar e que talvez outro dia, abocanhei aquele mastro enorme e mamei gostoso e em pouco ele puxou minha cabeça retirando ele de minha boca, punhetou um pouco com e pude ver sairem jatos de esperma quente da ponta de seu pau lavando meus peitinho escorrendo por minha barriga.

Limpei-me, vesti-me e sai, todos os dias a noite sonhava com aquele macho gostoso me penetrando fundo, e numa sexta feira, a noite estava nublada e chuvosa, todos estavam em seus APs., disse a meus pais que iria até o apartamento de uma coleguinha ali no prédio, desci e fui até seu quartinho, ele estava deitado em sua cama de cuecas e assistia televisão, deitei-me com ele beijando-o e logo estavamos nús roçando nossos corpos, ele explorou cada cm. de meu corpo com sua lingua quente e úmida, fizemos um 69 e logo em seguida ele percebendo minha excitação, colocou uma camisinha em seu pau enorme e duro, abriu minhas pernas, encostou seu cacetão em minha bucetinha, deitou seu corpo sobre o meu e beijou-me, comecei a riscar com minhas unhas suas costas.

Muito carinhosamente ele foi soltando seu corpo sobre o meu e comecei a sentir aos poucos pedaço por pedaço aquela carne enorme invadir minha xaninha e quando sua cabeca entrou arrebentando meu himem, senti uma dorzinha incômoda, mas com seus carinhos logo passou, sussurrei em seu ouvido que queria ele todo em mim e aos poucos senti-o invadir alargando as paredes de minha raxinha e chegando ao fundo, começou um entra e sai frenético, comecei a rebolar em seu pau, estava sentindo-me completa com aquele tesão, seus movimentos aceleraram e gozei em seu pau e senti seu corpo estremecer e gozou enchendo seu preservativo.

Relaxamos e em pouco estavamos nos beijando, nos chupando e disse-lhe que queria me entregar por completa para ele, virei minha bundinha para ele e deixei claro minhas intenções de dar-lhe meu cúzinho.

Ele lambeu minha fendinha anal, deixando-me louca de tesão, passou um creme em meu cúzinho enfiando seu dedo inteiro, colocou outra camisinha, pincelou meu cúzinho e aos poucos foi dilatando meu buraquinho, invadia-me aos poucos, massageava minhas costas e minha bunda, arreganhando-as, penetrou a cabeça e arrebentou minhas preguinhas invadindo meu cúzinho, meu esfíncter dilatou-se e engoliu aquele pau que deslizou gostoso e inteiro dentro de mim, começou a entrar e sair de meu orificio, estiquei minha mão e comecei a masturbar minha bucetinha, agora ele socava seu pau alucinadamente em mim e rapidamente, com um dedo enfiado em minha bucetinha, senti meu cúzinho ferver, com seu pau raspando nas paredes internas esfolando-me, senti arrepios em meus órgãos genitais e gozei pelos 2 buraquinhos, algo enlouquecedor, implorei-lhe para não gozar, queria seu leitinho, sentindo que iria gozar, tirou seu pau rapidamente de meu cúzinho, arranquei a camisinha e abocanhei forte aquela carne dura, pulsante e comprida, senti um primeiro jato que espocou em minha garganta e logo em seguida mais 3 despejadas de leite quente e grosso em minha boca, abri minha garganta e deixei escorrer, o gosto não era muito bom, ácido e azedo, pois não estava acostumada e beber leite de touro reprodutor, meu touro reprodutor.

Apaixonei-me por aquele homem e depois de muitas brigas com meus pais, consegui convencê-los de que queria aquele homem para mim como marido, começamos a namorar e adivinhem com quem sou casada, meu gatissimo de 55 anos, meu reprodutor.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
21/08/2017 16:46:48
Show
21/08/2017 16:45:15
Show
18/04/2017 21:41:33
Show
07/07/2014 14:44:54
Acredito na sua dilatação anal, pois já tive uma amante jovem onde isso aconteceu.
08/02/2011 01:15:00
Excelente, muito bom, conte outras aventuras com ele...
07/04/2007 03:25:23
parabens adorei seu conto,so quero saber uma coisa,vc ja traiu o seu marido???
18/10/2006 20:36:52
a puta q pariu vcs dois a pica é dela e o conto tmb portando ele descre da forma q achar melhor. e o conto ta muito bom alias ótimo.
18/10/2006 09:04:56
Foi bom ... tá bem escrito... tirando fora os exageros tipo "mastro enorme" "carne dura,pulsante e comprida" ... valeu !
16/10/2006 14:13:15
Se o velho cuzinho virgem que entra na rola descomunal não tivesse aparecido na história, o seu conto teria ficado mais interessante e real.




Online porn video at mobile phone


femera gorda. sexo traficantecontos eroticos sem pudor com coroascontos eroticos de sogras 2017xxvideos.com anal bastianamae nao aguentou dormi com o pau grande e grisso do intiado sexopai picudo comendo filha em BelémDorinha morena branquinha e a ruiva loira morena branquinha e a ruivapornoalesbicawww.sexo.conto.erotico.meu.padrasto.e.bigdotado.viado tocando punheta para o homem fazendo fio terra e gozando tudo na mãoporno zoo mulher presa no canino fodida toda noite xvideoscontos eroticos gay-tal genro,tal sogromulher furando o grelhilho da bucetaconto erotico macho dominador convida amigos pra foder viadinho submissocontos+corno mulherzinhacontos meu tio pauzaoContos eroticos irmã gêmeacontos eroticos eu minha mulher vimos minha sogra dando o cucontos adoro cheirar as calsimhas uzadas e melecadas da minha sograeu era bem gordinha muito novinha meu padrasto acha minha xoxotinha linda contosconto eróticos voyeur vizinha dos fundosconto erotico gay vovo deu leite pro netinhoa gordinha do c**** grande de camisola de Calcinha Preta mostrando os peitos multiplique tudobunduda agachando para pegar objetos do chãocunhas de mini saia safadasxxxxxxxxxx peitinho da enteadacontos eroticoscuzinho sem pregasXxvido forçanda camioneiro fodendo a esposa do colega no caminhaopadrasto enteada falei de sexo brasileirocopilado dormindo de conchinha com a mae pornodoidoMulher enfregrando a rola do jumento na bucetacontos eroticos aventuras no baile funktrai com meu genrorelatos de casadas que treparam e engravidaram dos seus amantescontos eroticos tenho um amigo roludo tento fazer dp eu ele espoda ta com medovir minha sogra toda sex e acabei pequerando e fiz sexo com sograconto erotico pomba gira na esposaContos erotico gozando dentro tendo aidspornogratisxvideos comendo afminado loirinhaauto escola conto eroticovideo porno mae ve filho pelado e toma susto com tamanho do paudei minha bubuta contosisabelle galeginha xxx dano u cumamae gostosa preparando aumoso pramin comer ela no xvideosMeninas espacate frontal xvideosFilha safata pai thomar palho pra fudeXVI de os foi estuprar a coroa mas ela gostou e gososou gostosoconto de mulher casada batendo ciririca com pepinogay fazeno sexo com cachorro e fica engatadoEspirrando porra nas entradinhas das bucetas fada do sexoquero conto erotico de irma e irmao que transa e a ima caga na boca do irmao ele come a medacontos eroticos os gang bang entre irmaspau pequeno contosnao aguentei dei pro meu sobrinho na cama dele contosComtos namoradas fodidas por velhostirei+nota+baixa+no+colegio+e+me+padrasto+me+comeu+conto+eroticoquero ver mulher só de calcinha fio-dental Zinha deitada de papai com as perna aberta de frentecontos eros chule do pintorcontos eróticos vi escondido minha mulher me traindo com dotadosxvideos encacho a rola sei coloca maomtk contos eroticos coisas do destino capitulo 1xxxxxxxvideos com professoras de educacao fisicabucetas de gravidas bem inxadas escorrendo gozoxxx acordou com o irmao botando o pau na sua bucetaporno abordado da égua rapazcontos eroricos mendingo gay e garigostosa se vestindo de causa arojada o bumbuzaoGt25 fode menina nuasxxxxmenina mostra sua boceta pelo shortinhoconto erotico entiada se pasando por dificil mas pegando fogonegao.fincou.muito.rapido.o.pau.no.cu.da.morena.que.gritou.muito.sogro dotado fragou nora com outro troxe ela pra casa e fudeu elasogra fagar gero de pau duroporno com históriassao paulochupar e engolir esperma comentarioscontos eróticos de mulheres que foram f***** por bem dotados na grossura de caramba sua b***** arrombadaistorias eroticas de insesto filias mas novinas y pai en la rosasexo conhadas cozinha nua pau bizarro tesaocasa do conto meu irmao me encoxouconto porno felipe e guilherme amor em londresminha tia safada dando em cimademim pornoXVídeo mucama transando com feitorcontos eroticostranzei com uma de 17 aninhosmulheres de corno manso sem o biquininhodei minha buceta no reformatório xvideos.com titiapedindo para eu fuder o cu delaencoxando na piratafilmes pornô lambuzada pelo pazes as panterasxvideos o chifre mais bem tomadoenfioo seu pirocao no cu do viado no chuveiromorena cavala irresistivel não bater punhetaWww,sexo,conto,erotico,meu,avo,e,bigdotado,com,brvideos porno boquete em purando a cabeça xvideos.comdavs contos eróticosO vizinho safado do 205garotinho loirinho de treze anos se descobrindo que e gay e tranza com seu irmãozinhomullle endurecendo unha pica para tranzacache:Vk2StliVkE8J:gtavicity.ru/texto/20040419