Casa dos Contos Eróticos


CUNHADA VIRGEM

Um conto erótico de PAULO
Categoria: Heterossexual
Data: 22/08/2003 13:16:35
Nota 4.75

O meu nome é Paulo e venho passar para vc esta minha experiência com a minha cunhadinha.

Minha cunhada tinha na altura dos acontecimentos 18anos, acabados de fazer, morena, 1.70 de altura, cabelos negros e compridos, uns seios avultados com uns mamilos grandes e sempre tesos e um rabo bem torneado e empinado.

Todas estas características, aliadas ao seu sorriso lindíssimo, e aos seus lábios carnudos, deixam-me completamente de rastos. Perante estes argumentos, tenho vindo a demostra-lhe um certo interesse por ela, tendo ela se apercebendo ou não, a verdade é que um belo dia ela me diz que está com uma dor nas costas, ao que me prontifiquei de imediato a fazer uma massagem com todo o gosto, ela estava de calções de licra com parte das nádegas de fora e com uma camisola também de licra bem justinhas, onde se poderia ver todo o seu poderio mamário. Não havia ninguém em casa, fomos até ao quarto, deitei-a na cama, tirei lhe a camisola, desapertei-lhe o sutiã, de cor preta, e lá estava eu sentado em cima das nádegas da minha cunhada e com a minha pissa a latejar por todo o lado, já todo maluco lá comecei eu a minha massagem, passado alguns minutos decidi arriscar mais um pouco, com movimentos circulares comecei por lhe tocar na parte lateral das suas mamas, passado mais uns minutos perguntei-lhe se poderia retirar seus calções para facilitar a massagem na zona da anca, para meu espanto a resposta foi um sim, mas um sim bem arfante, enquanto ela permanecia imóvel eu retirava os seus calções deparando-me com um cenário lindíssimo, a minha cunhada estava com uma tanguinha bem metida no seu Cu, eu estava petrificado e já sentia escorrer na minha pissa gotas de esperma, mesmo assim continuei com a minha massagem mas centralizando-a mais sobre as partes das coxas e do rabo passando levemente a minha mão sobre a sua cona, a qual me parecia que já estaria bem húmida, pedi-lhe então que se vira-se de frente, foi ai que tive a plena certeza que a massagem, já tinha á muito passado á história, vi como ela mordia o seu lábio, seus mamilos estavam espetados e a tanga esta manchada, sem mais perguntas e sem permissões retirei a tanga e mergulhei de cara naquela cona ainda por explorar, que tinha um sabor magnifico! Minha cunhada gemia e contorcia-se de prazer, enquanto mamava naquela cona apertava-lhe aqueles mamas que não cabiam na minha mão e manipulava os mamilos em todos os sentidos. Levantei-me e tirei os meus calções ficando a minha pissa ao merecer dela, vi pela cara dela que ficou muito surpreendida e não saberia o que fazer com o meu cacete. Perguntei-lhe então qual o seu espanto (não foce ela disser que tinha comido melhor), ao que respondeu exactamente o contrario que era virgem e que já tinha visto alguns filmes e que nunca pensou que as pissas focem assim tão grandes, ai fiquei com o meu égo mais elevado não sabendo se haveria de a perfurar ou ir mais devagar, optei por a pôr a mamar, ela já sabia pois notava-se pela forma gostosa que ela punha os lábios, a forma que chupava o meu cacete mesmo até lhe tocar nas goelas, o massajar os meus colhões e a forma de me punhetar, eu estava todo fora, já com uma pequena aguadilha a sair pelo cacete que ela lambia vorazmente. Deitei-me e pedi-lhe que se senta-se em cima do meu cacete, afim de ser ela a controlar a penetração, para não lhe doer tanto, minha cunhada flectindo ligeiramente as pernas e de frente para mim deu a sua primeira estucada somente com a cabeça da minha pissa ao que retirou de imediato, com é obvio, fez por mais algumas vezes, eu já estava a ficar muito ansioso, até que numa das estucadas que a minha cunhada estava a dar puxei-lhe ambas as pernas caindo desamparada em cima do meu cacete introduzindo por completo o meu cacete na sua cona, minha cunhada lagrimava e contorcia-se de dores pedindo-me para sair, eu agarrava-a pela cinta e sentia o meu cacete a desflorar e a rasgar as entranhas da sua cona, pelo meu cacete já corria um misto de sangue com fluidos, após alguns segundos de espera minha cunhada já com as pernas bambas começa de novo a dar sinal de vida movimentando-se em vários sentidos e dando estucadas cada vez mais profundas e vigorosas e gemendo cada vez mais de prazer, até que solta um gemido enorme, ela tinha tido um orgasmo, os arrepios tomava conta do seu corpo. Eu estava quase a vir-me mas não antes de comer aquilo que mais me fascinava o seu cu, pedi-lhe para se por de quatro, pus em seu cu bazelina e de uma só estucada penetrei por completo os gemidos ainda foram maiores do que da altura em que a desflorei mas desta vez não parei, cavalguei em cima daquele cu até não aguentar mais, quando me estava a vir tirei o meu cacete vim-me com enormes jactos de esporra para aqueles enormes mamas, metendo de seguida na sua boca, onde gozei o resto .

Esta foi uma historia real e com todos os ingredientes.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
31/05/2010 20:13:05
Tirar uma virgindade dessa forma, só se ela fosse sado masoquista dês do nascimento, da proxima vez medite antes de escrever.
01/08/2009 00:25:01
poxa.. pessoal eu gostei, claro que pód melhorar, mais valeu
28/05/2009 14:29:34
MENTIROSO, ISSO VC REALISOU NO BANHEIRO E A VACILINA ERA O SABONETE!
Hugo
25/08/2003 16:45:44
Cralitos, meu chapa!! há, há, há
carlito
25/08/2003 05:27:38
vai aprender a escrever sem erros, ignorante! Tambem nao admira! So pode ser Portugues mesmo!!!
PUTZ
23/08/2003 13:16:35
Impossível dar uma nota a algo tão ruim. Deixo apenas minha expressão de desagrado: BLURP!!
Hugo
23/08/2003 02:32:56
Pissa, cona, foce com "c" foi demais!!! Vocês sabem quem é esse autor?? Isso mesmo é oprópio, não pode existir dois ingorantes iguais




Online porn video at mobile phone


coroa peituda de buceta peluda fidendo depois da festacontos eroticos escrava plug bomba de clitoriscontos eróticos eu e papai pelados em casaxvideos comeu a mae de calcinha no jantarsobrinha Zinha bem novinha mostrando os pentelho para o tio e foi f***** XVídeoscontos eróticos gay brincar xvideo caiu na net, na maradinhosela conseguiu agasalhar uma rola de 30 cm e grossa na xanamaior busetao gosado t.v porra gg pistolaonovinha de chinelo havaianas contosmulheres que nao aguentaram dar o rabo pra bem dotadosas mais gostosa do faice fodendo con cu buceta carnuda tambemxvideo emprevistosVamp19-Contos O Doce Nas Suas Veias Capitulo 10menina criano cabelo nabusetxisvedeo mae bebaAmém tempinho comendo veado vídeo pornô vídeoputinho brasilero geme muinto dando cuzinho pro amiguinhogozou na bunda da irma lavano loucacasadindo novo dando o cu e esposa vendo xvideochorando na anaconda do negão(Contos eróticos)porno a moleirona menina ponha na bucetinha dedinho cheio de pregashttp://conto erotico um desconhecido ele abriu minha pernaisso papai soca fundoamiguinhos gay loirinhos fazendo troca trConto erotico mulher recatada liberndo a puta reprimidacarol novinha e so quer usar chortinho socadowww.encanador negao mundobicha.comcontos eróticos de esposa fodendo com outrorelatoeroticomorenax video mernozinha e negaoperdi minha vingindade com meu cunhado ele mim fe gozar de tanto tesao desabadawww casa do contos filha e netinha comcontos eeroticos transando com a esposa e cunhada no interior do paranaContos eróticos procurando aventura no clube de campohomem escroto excitado gozando gemendo no grelo pra caralhoo pai passa a mao na bucetinha da filha e fode com geitinhocasa dos contos trans e lesbicasou casado mas sempre tive vontade de dar a bundacontos de sexo depilando a sogracontos eroticos de esconde escondegaroto batendo punheta e bolas balancando pornodoidoler contos eroticos menagepornodoido chupando.teta da netinhaContos eroticos incesto com titias e crentesXvideobibachupando no mangezal xvideosp://www.xvideos.com/videlemarc as menina que tava chupando a rolaler contos eróticos primo com prima gordinha gostosa d********* para o primo bem dotado história realcontos arregacei o cu da coroa verdureiraporno filha tarada69contos gay luiz virando mulherzinha na cadeiaxvideos.com mae brincando com filho com malicia e acaba mobileamigo superdorado enraba esposa gravida contogarotinha novinha virgem desmaia ao deixar um pênis muito grosso entrar naxaninhacontos heroticos comendo a irmacontos eiroticos leilapornmulher magra casada de baby doll em casa querendo dar para outra pessoa XVídeobovinha levou varada forçamulheres gostosa com binco no peito contos eroticos gay piscina eu e meu amigobranquela teve a bunda arronbada pelo negao a porra coreu ate o chaoele pediu que eu rebolace no colo dele yahooperdeno as prega saino bosta caseirowww.mulher do grelo grande tocando puetinha ate gozar.compitbull enfuandi forte na buceta da vadia"safadeza entre irmãos"setonas-com-belas-xoxotacompanhante trasando com intiado no hotelcoroa traindo o marido dando o cu e o narido ligadoestupro esposa contos eroticoscontos eróticos menina de 25 anos transando com cachorro com calcinha preta com lacinhos vermelhoscifra o marido no banheiro com amigo dele levantou a saia e o amigo do marido meteu no cu dela vídeo pornô doidoxvıdeos porno magrınhas gostozaConto erótico menina e deixa pelada na escola e humilhdahistorias eroticas heretossexuaiswww.sex.porno.pauzudopadre.escute duas coroas short bem curtinho ao vivo das coroas de Maceiómundobicha ver tres brasileiros novinhos se cumendo em casaraoportugues xvideos tira ta minha boceta e poda no meu cuContos um caderante estrupou minha bucetaxvideos de vigem chora descabasandoPorno contos incesto mamaes com tesao iniciam suas meninas ensinando siririca..masturbaçao..chupar e punhetar papaiswww.xvideo vanda virtusaquele vidio acadelinha falano da sograxxxvideos novinha culpado ate goza na bocasobrinha contocontos me comeu a força e eu gosteiPadrinho picudo botando só a cabeça na afilhada virgem O maior pau que JÁ ezistiu rasgando a bucetaporno mirou na buceta e acentou o cuwwwxxvideo filhinha desesperadaPorno gratis xvideos real sograo espumando rconto erotico embebedei minha esposa aproveitei comi seu cu virgemporno doido mesturbano ate gosa jato lesbicaContos eroticos minha mulher me algemou